15 novembro 2018

Resenha - Sob os olhos de um anjo.


Título: Sob Os Olhos de um Anjo
Autor: Célio Vieira
Páginas: 192
Skoob
Onde comprar: Submarino / Amazon

Clarice e João Pedro são amigos desde a infância. Aos catorze anos, o que era apenas amizade se transforma num sentimento mais intenso e, apaixonados, eles decidem namorar. Tudo segue muito bem. Clarice é a princesa de João, e ele é seu príncipe encantado. Contudo, aos dezenove anos, João Pedro começa a trabalhar na empresa do pai, onde faz novas amizades e se deixa influenciar de tal modo, que passa a sair para curtir com os amigos, deixando Clarice de lado.
Dois meses após o príncipe ter virado um sapo, Clarice descobre que está grávida e, como se já não fosse difícil ter que segurar essa barra sozinha, um exame de rotina detecta que seu bebê nascerá com uma alteração genética. Nesse momento, o medo e a insegurança invadem a mente de Clarice, mas, ao mesmo tempo, a ideia de ser mãe vai enchendo o coração dessa jovem valente de amor, esperança e fé.
Uma história de amor de mãe e filho.
Amizade, solidariedade e aprendizado.
Embarque nessa trama com Clarice e se apaixone por essa linda história de superação.



Clarice e João Pedro são amigos de infância, provenientes de famílias com boas condições financeiras, a amizade deles se iniciou dentro da maternidade, onde nasceram no mesmo dia e foi o suficiente para unir as famílias que esperavam ansiosamente o nascimento deles. Durante o crescimento deles passaram a conviver com mais intensidade, estar juntos tornou-se uma necessidade, tanto para eles quanto para as mães deles que marcavam de se reunir para tomar café diariamente e no mesmo horário, apenas intercalavam as casas.

Certo dia, João Pedro decide marcar um encontro com Clarice para expor os seus sentimentos por ela mesmo carregando o medo de perder a amizade da sua grande amiga, o que o deixou surpreso é que ela também sentia o mesmo por ele, receosos pelo fato dos pais não aceitarem o namoro deles pela idade de ambos, optam por esconder o relacionamento. João Pedro era atencioso, porém, depois de ter começado a trabalhar na empresa de seu pai, Augusto, acaba se influenciando por más amizades e colocando o seu relacionamento em jogo pelas mudanças bruscas de atitudes com Clarice, tratando-a com frieza e agressividade nas palavras.

A amizade de infância que se tornou um amor, se transformou em um casulo de dor e desprezo para Clarice, ela decide seguir em frente e com o coração aos pedaços escolheu procurar Fabi, sua melhor amiga, para poder desabafar sobre o fim de seu relacionamento com João Pedro, Fabi fica pasma ao saber o que houve e desenvolve um sentimento de raiva por ele, ao vê-la chorando compulsivamente.

Enquanto estavam afastados, Clarice recebe a notícia de sua gravidez, depois, após a realização de um exame onde constata que o seu filho era portador de Síndrome de Down, se desespera, não sabia como lidaria com o preconceito e se sentia despreparada para lidar com a nova fase de sua vida. E agora? Será que ela irá contar com a ajuda de João Pedro? Ou vai seguir em frente?

Isso e muito mais vocês terão que ler para saber!

“Vou sentir falta desse olhar inocente, desse sorriso verdadeiro e cheio de amor... Irei sentir saudade desse seu corpinho quente em meus braços. Meu peito chegar a sangrar de tanta dor por ter que deixa-lo. Quero que saiba que eu te amo muito, e que, por você, eu dou a minha vida”.


Sob os olhos de um anjo foi publicado de forma dependente pela Editora Coerência e não traz consigo subtítulo, segundo o autor Célio Vieira, ele foi escrito com o intuito de fazer com o que o leitor reflita sobre o amor, pois este sentimento tem o poder de nos fazer enxergar as coisas como elas realmente são e não da forma que desejamos enxerga-las, o amor transforma.

Os personagens foram bem construídos, de modos que conecta o leitor diretamente ao enredo.  Os personagens mais impactantes são: Gabriel, o menino simples que vendia balas para ajudar sua mãe, Dona Laura, que ficava em casa por causa de problemas de saúde. Diego: o homem que exerceu o papel de pai na vida de Miguel após conhecer Clarice. Augusto, o avô paterno de Miguel, preocupado com aqueles que ama e com um coração imenso para ajudar quem precisa. Priscila, a avô paterna, ambiciosa e impulsiva. Paulo e Isabel, os pais exemplares de Clarice, carregam consigo humildade, simplicidade e empatia.  A escrita é informal, envolvente e de fácil compreensão. A capa foi maravilhosamente elaborada e condiz com o que traz a história, o trabalho gráfico está impecável, a diagramação excelente, o espaçamento e divisão dos capítulos foram bem distribuídos e se deu através de números.

Indicamos este livro para todos os leitores que são apaixonados por romances que trazem emoção, sorrisos, risos e um pouco de raiva, mas, que por fim, te fazem ficar boquiabertos com o desfecho da história. Cheio de lições que apenas o olhar do amor é possível compreender, capaz de tocar o coração desde a primeira até a última página.


Inscrições Abertas - Participe !

11 comentários:

  1. Já tem um tempinho que sou curiosa pra ler esse livro e pela resenha me parece um livro bem rápido e fácil de ler, por ser leve. Acho que vou colocar na minha lista de leituras de 2019.

    ResponderExcluir
  2. E lá vem mais uma resenha de livro nacional, coisa que amo de todo o meu coração.
    Ainda mais quando o livro é sobre amor, simplesmente amor. Não apenas da amizade que já era óbvio que desencadearia outros sentimentos, mas do amor mãe/filho. A expectativa, o medo, o futuro.
    Fiquei muito curiosa para saber do que acontece com Clarice, o filho e claro, João Pedro.
    A capa é belíssima e tem um ar todo nostálgico e feliz, daqueles que dão quentinho no coração.
    Vai com certeza, para a lista de desejados.
    Beijo

    ResponderExcluir
  3. Ao começar a ler a resenha imaginei que seria um desses romances como tantos outros por aí. Contudo o enredo parece ganhar forma e dar uma reviravolta na vida dos personagens, lidando com temas importantes. Fiquei curioso com o desfecho. Parece que o autor criou vários personagens importantes dentro da trama.

    ResponderExcluir
  4. Olá! Como fã mais que assumida de romances, sem dúvida esse livro é para mim. Ainda mais depois de tantas questões sem resposta que me deixaram ainda mais empolgada com essa história que parece ter aquele toque de emoção certeira que vai me fazer recorrer a minha caixa de lencinhos.

    ResponderExcluir
  5. Encantada com essa resenha!!
    O início me deu uma sensação de encantamento, essa amizade de infância/maternidade que vai evoluindo para um amor é de suspirar... mas então, sinto que corações serão partidos.
    Gosto muito de romance, certeza que é um livro indicado para mim.

    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Oi Marcela,
    Quando iniciei a leitura da resenha, já esperava um romance clichê, me surpreendi.
    Primeiro, amo ver os autores nacionais se destacando, porque olha, que enredo lindo, adorei. Segundo, gostei de como a história se desenrolou, que Clarice descobriu um novo amor, e se mostrou uma protagonista muito forte. Ah, e peguei ranço, já adiantado, de João Pedro!!!
    Sem dúvidas é emocionante, me encantei também com a capa, ficou linda.
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Oi, Marcela!
    Confesso que romances cheios de lições não faz muito o meu estilo de leitura, e nem romances entre amigos de infância, - aliás falando nisso, sacanagem o que o João Pedro fez com a Clarice, hein?!... - mas se é livro nacional já fico logo interessada, gosto de dá uma chance aos nossos autores, por isso, se eu tiver a oportunidade de ler Sob os olhos de um anjo vou arriscar a leitura sim, quem sabe eu acabe apreciando a leitura?!... Abraços!

    ResponderExcluir
  8. Ah, acho que essa resenha me conquistou, sou uma romântica incurável e adoro amores de uma vida inteira, primeiros namorados e tudo o mais, tanto que namoro até hoje com meu primeiro namorado. Gostei bastante da resenha, parece ser um livro para derramar algumas lágrimas.

    ResponderExcluir
  9. Olá!
    Uau, fiquei bem apaixonada por esse livro. Tem uma premissa ótima e uma historia incrivelmente emocionante e cheios de lições e com certeza vou querer ler ele. E os personagens me agradaram muito principalmente Clarisse tem uma força incrivel.

    Meu blog:
    Tempos Literários

    ResponderExcluir
  10. Oi Carol.
    Esse livro parece trazer à tona toda aflição que as mães tem ao descobrir que seu filho tem Síndrome de Down. Infelizmente as pessoas julgam demais e tem preconceito.
    João Pedro parece aquele típico garoto que é influenciado pelas más companhias, maltratando pessoas que sempre o amaram, um idiota. Espero que ele consiga se redimir com Clarice e reconheça a sua responsabilidade paterna.
    Achei a capa lindíssima.
    Com certeza vai para a lista de desejados.
    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Eu já tinha lido outra resenha desse livro, gostei muito, desde a capa ,fofa demais, a história de Clarice que apesar da paixão pelo Príncipe se torna uma decepção , justamente na fase mais difícil da sua vida, o nascimento de um bebê, e ainda por cima com problemas de saúde .mesmo que fosse totalmente saudável já seria difícil , eu adoro livros com personagens bem construídos, livro que parece ser edificante e com um final inesperado. .já quero ler.Fico aqui torcendo por Clarice e seu bebê!

    ResponderExcluir