Especial - Conhecendo os Autores... Fabiana Nascimento

25 novembro 2020


Olá Amigos Leitores, tudo bem com vocês?
Hoje eu, Silvana, vim lhes apresentar uma Autora Nacional que eu sinceramente adorei conhecer e principalmente por conta da amizade que agora temos, além da nossa parceria. Além disso eu tenho certeza que assim como minha colaboradora Larissa AMOU ler o livro BETWEEN, vocês também irão se apaixonar pela escrita da autora, por isso vamos ao que interesa e conhecer um pouco desa pessoinha maravilhosa!


Fabiana Nascimento é uma fã metida à escritora que nasceu no interior de São Paulo, onde desde muito pequena criava mundos e personagens, produzindo seus primeiros livros manualmente. Aos 22 anos formou-se em jornalismo, trabalhando como produtora de televisão, repórter de revista e migrando depois para a assessoria de imprensa. Começou sua carreira literária escrevendo fanfics e publicou a trilogia BETWEEN, originalmente uma fanfiction de Justin Timberlake em uma página do Facebook entre 2017 e 2019. A autora começou a publicar seu trabalho de forma independente em uma plataforma de escrita, após pedidos de leitores, e alcançou mais de 15 mil leituras em menos de um ano. É uma virginiana com alma de leonina, que ama ler, escrever, F.R.I.E.N.D.S e xícaras de café.

--- // ---




B.E.T.W.E.E.N 

Jayden Tigerwood é um superstar. Aos 36 anos ele se sente no auge da vida profissional. Com o seu álbum novo e uma nova turnê, sua querida esposa e seu amável filho de quatro anos, ele acredita não precisar de mais nada para ser feliz. Porém seu casamento se dissipa inesperadamente quando sua esposa, a famosa atriz Jenna Bacchi, confessa estar insatisfeita ao seu lado e decide se afastar. O motivo nem ela sabe ao certo. 


Então Jayden se vê desolado e nada mais parece importar sem o seu grande amor até que uma nova funcionária, simpática e perspicaz, passa a integrar sua equipe e lhe ajuda a enfrentar os problemas dentro e fora dos palcos. 


A personal stylist Hana Khader oferece a Jayden muito mais do que dicas de moda, ela lhe dá apoio e atenção a ponto de salva-lo de uma tentativa de suicídio .Devendo sua vida à nova amiga, Jayden passa a confiar em Hana e ser facilmente manipulado por ela.


Em meio a shows, músicas e um arsenal de figurinos, eles vivem momentos especiais e dividem segredos, um desses é um antigo amor do popstar, a cantora Briana Spencer, da qual ele decide se reaproximar após um conselho de Hana.


Agora, Jayden está confuso. Por trás da fachada de sucesso - a carreira musical, a vasta fortuna, a amada família - ele é um homem atormentado por segredos e por uma conturbada vida amorosa. Ele ama Jenna Bacchi, aprende a amar Hana Khader e percebe que seu amor por Spencer, sua primeira namorada, nunca deixou de existir. Em meio a conflitos pessoais e de personalidade, Jayden precisa lidar com essas três mulheres enlouquecedoras e descobrir qual delas faz seu coração bater mais forte.
Adquira: Compre Aqui


--- // ---




1. Fabiana nos fale um pouco sobre como é ser escritora para você, seus medos, manias para escrever, seus maiores desafios, enfim, tudo o que você achar importante contar para seus leitores.
.
Fabiana: Mesmo sem perceber, eu sempre sonhei em ser escritora. Essa pergunta me faz lembrar uma garotinha de uns 8 anos, magrela e zoiuda, lá do interior, que amava escrever e ilustrar seus próprios livros à mão, sentada no chão geladinho de cimento queimado colorido. E hoje, com muita tendinite, estresse, noites mal dormidas, mas, acima de tudo, com muito orgulho eu posso anunciar o lançamento do meu primeiro livro físico. Escrever é meu fôlego de vida, eu me emociono a cada mensagem que recebo dizendo que o que eu criei afetou a vida de quem está lendo. Eu quero transmitir alívio, amor e respeito através das palavras. Quero fazer pessoas viajarem sem sair do lugar. Espero que possa presentear você, que está lendo isso agora, com essas sensações também. Afinal, você merece.
.
.
2. Em que momento soube que queria se dedicar intensamente a carreira de escritora?
.
Fabiana: Infelizmente a escrita não é minha carreira principal. Eu sou jornalista, mas escrevo há seis anos, desde o momento em que soube que poderia ensinar e emocionar pessoas com o que escrevia. Embora isso ainda seja um hobby, é um hobby feito com muito amor e profissionalismo.
.
.
2. Quando começou a escrever a história de B.E.T.W.E.E.N você já estava com tudo pronto em sua mente, ou conforme foi escrevendo ela foi se desenvolvendo?
.
Fabiana: Eu tenho vários livros e, ironicamente, a série B.E.T.W.E.E.N é o único para o qual eu não escrevi um roteiro, e foi o meu trabalho de maior sucesso. Isso é irônico. A ideia de mostrar o lado humano de um popstar surgiu na minha cabeça e eu simplesmente iniciei a publicação, na época, em uma fanpage dedicada ao meu ídolo no Facebook. Eu percebi que o público amou a premissa da história, eles interagiam como nunca e então eu escrevia novos capítulos conforme as reações deles. Deu mais certo do que eu esperava. Algumas ideias surgiam dos comentários dos leitores, outros enquanto eu estava no trabalho, no ônibus, na rua... ou simplesmente jantando com o meu noivo, namorado na época. Eu postava um capítulo por dia, depois um por semana, e assim foi por três longos anos. Mesmo com o passar do tempo, meus leitores não desistiram de mim nem da história, e eu achava isso incrível. A pedidos deles próprios, meus leitores fiéis, eu publiquei o livro no Wattpad pois vi que era mais apropriado do que publicar no Face e, caraca, B.E.T.W.E.E.N conquistou muito mais leitores do que eu esperava e num período muito curto de tempo. Foi surpreendente.
.
.
3.Sabemos que B.E.T.W.E.E.N surgiu de uma fanfic do Justin Timberlake, mas de onde veio a vontade de adaptá-la para um livro?
.
Fabiana: Essa "vontade" surgiu justamente pelo fato de eu ter publicado no Wattpad. Eu descobri o quanto o enredo era atrativo para outras pessoas, pessoas que não eram fãs de Timberlake. Eu sempre achei que somente os fãs gostariam da história, mas não, pessoas do Brasil todo e, pasmem, de fora do Brasil também começaram a ler sem parar, elogiando e virando madrugadas lendo, me enviando mensagens com elogios e até outros autores começaram a mencionar minha escrita como fonte de inspiração. Eu me senti no céu, muito, muito, grata. Pensei "por que eu não fiz isso antes?" De forma nenhuma esperava toda essa receptividade e, então, o antigo sonho de publicar ressurgiu em meu peito. Na verdade, o intuito era apenas presentar os meus leitores antigos com o livro físico, inclusive o depoimento de alguns está na capa do livro, eu queria homenageá-los. Mas vendo que a obra conquistou novos leitores no Wattpad eu pensei que talvez fosse uma boa ideia publicar comercialmente para apresentar o meu trabalho a outras pessoas. Pelo visto, o pontecial era maior do que eu imaginava.
.
.
4. Qual processo você acha mais difícil na hora de escrever um livro?
.
Fabiana: Literalmente, escrever (risos). As ideias surgem de diversas formas, a todo momento, mas se você não tem o hábito da escrita contínua, escrever um número X de palavras por dia, por exemplo, fica difícil passar a ideia para o papel. E se o escritor começar a adiar, por preguiça ou falta de tempo, fica mais suscetível aos famosos e terríveis bloqueios criativos e aí o projeto desanda.
.
.
5. Sentiu alguma evolução como escritora durante a escrita da fanfic e a adaptação dela para o livro?
.
Fabiana: Sim, claro, mas a evolução mais considerável ocorreu durante os seis anos publicando na internet. Os leitores que me acompanham na fanpage sabem o quanto a minha escrita melhorou e minha criatividade aflorou durante esses anos. O fato de ter cursado jornalismo e trabalhar com comunicação todos os dias também ajudou muito. Para a adaptação do livro, eu contei com dicas valiosas da escritora e influencer Babi Dewet, e a ajuda de alguns amigos comunicólogos e da área de letras. Fiz questão de manter a obra a mais fiel possível ao roteiro inicial, quis manter todas as referências à fanfiction em homenagem aos meus fãs leitores, inclusive, para provar ao novo público que fanfictions são obras de qualidade e têm potencial como qualquer outro livro dos demais gêneros. A obra não deixa de ser original só porque foi inspirada em algo ou alguém já existente. Eu espero quebrar este preconceito de que fanfic é coisa de adolescente, pobre de enredo e mal escrita, que, infelizmente, ainda é muito forte. 
.
.
6. Seu estilo de escrita é bem marcante, como foi para você montar os capítulos sem explicitar quem está narrando, somente usando da personalidade do personagem para reconhecermos quem é?
.
Fabiana: Eu quis manter as narrações intercaladas e não identificadas como uma marca de escrita minha, como meu diferencial de estilo, já que a concorrência é grande dentro do gênero romance dramático. Até hoje, não li nenhum outro livro que tivesse quatro narradores simultâneos e acho que isso permite uma visão muito ampla e interessante da história.Meus leitores costumam gostar bastante. Eu sei que no início pode parecer confuso "não saber" qual personagem está narrando, mas logo no quarto ou quinto capítulo você passa a sentir-se íntimo dos protagonistas por causa das características e das personalidades discrepantes de cada um e, depois disso, você já sabe exatamente quem está falando. Isso prende a atenção do leitor, o deixa curioso e o surpreende no decorrer da leitura. 
.
.
7. Muita coisa mudou da fanfic para o livro?
.
Fabiana: Não, apenas os nomes das celebridades e detalhes muitos pessoais de suas vidas, coisas que realmente não tenho o direito de usar. Além disso, o último livro da série terá um capítulo inédito, que será surpresa até para quem já leu na época da fanfiction. Como dito anteriormente, eu quis ser a mais fiel possível ao enredo original, em respeito aos meus antigos leitores e para testar os novos, saber se irá agradá-los da mesma forma. Se agradar, não vejo nenhum problema pois acredito no potencial do livro, e tenho orgulho de dizer que sou fanfiqueira. 
.
.
8. Por que escolheu representar algumas minorias em seu livro? Como foi a etapa de construção desses personagens (pesquisa etc.)? Porque todos ficaram muito reais e fiéis, sem estereótipos.
.
Fabiana: Porque é necessário e acredito que isto deve ser um papel do escritor no mundo atual: discutir temas importantes e defender as minorias. Autores devem se preguntar sempre: "O que minha obra vai ensinar ao meu público? De que forma irá transforma-los? O que ela tem a oferecer de bom para a sociedade como um todo?" Eu quis discutir a sexualidade trazendo personagens gays, ou como Hana gosta de dizer: sem rótulos. Quis discutir sobre racismo, xenofobia e principalmente sobre o Transtorno de Bipolaridade que é uma doença muito grave e até hoje é tratada de forma banal e jocosa pela maioria das pessoas. Isso precisa ser mudado. Comecei a escrever a Série em 2016 e hoje acredito ainda mais na literatura como agente de discussão e transformação social, por isso B.E.T.W.E.E.N é uma história de amor e, acima de tudo, uma história de amor ao próximo, em todos os sentidos.
.
.
9. Qual personagem foi o mais difícil e deu mais trabalho para escrever?
.
Fabiana: Acho que Jenna, pois tive que estudar muito bem a doença, literalmente fazer laboratório com quem sofre do transtorno, ouvir seus relatos, para não falar nenhuma bobagem sobre a doença e muito menos ofender alguém. 
.
.
10. Quanto tempo você levou para construir essa história? 
.
Fabiana: Aproximadamente três anos. Foi uma linda jornada publicando capítulo por capítulo enquanto ouvia e interagia com meu público. Sofremos muito quando a história terminou pois B.E.T.W.E.E.N fez parte de nossas rotinas. Na época era um livro só, com mais de 1000 páginas e 95 capítulos. Na versão física tornou-se uma trilogia.
.
.
11. Qual a mensagem que você quis passar com esse seu livro?
.
Fabiana: São duas mensagens, na verdade. A principal delas é sobre a fama: celebridades são feitas de carne e osso, têm sangue correndo nas veias e um coração batendo debaixo de seus figurinos. A segunda mensagem é sobre a sociedade no geral: julgue menos, estude mais, e acima de tudo, respeite o diferente.
.
.
12. Em termos gerais para não darmos spoilers para os leitores, qual foi a parte do livro ''B.E.T.W.E.E.N '' que você mais gostou de escrever, e qual a pior?
.
Fabiana: (rindo maleficamente) A parte que mais gostei de escrever é o início do Livro II, B.E.T.W.E.E.N: prazeres e transgressões. Ele será lançado provavelmente no primeiro semestre de 2021. Amo escrever cenas "hot" e deixar meus leitores subindo pelas paredes. A pior parte foi descrever a morte de um dos personagens (não disse qual). Foi torturante, mas necessário. 
.
.
12. Que conselho daria aos aspirantes à escritores?
.
Fabiana: Escreva, simplesmente. A prática te faz cada vez melhor, mais confiante. Se você ainda não sente-se à vontade para publicar, para ser lido, escreva até sentir que está pronto. As críticas e a falta de reconhecimento estarão lá, te esperando, mas você precisa ser forte. Tem que acreditar no seu trabalho. Lutar por ele. Saiba que todos nós erramos e acertamos. Se escrever é seu sonho, não desista dele. Até coloque uma vírgula na sua história se precisar, mas nunca um ponto final. Por último: sonhe alto. Justin Timberlake me ensinou que não há nada de errado em mirar nas estrelas. 
.
.
13. Para finalizar, a Equipe do I LOVE MY BOOKS agradece pelo carinho e pela confiança em nosso trabalho e também te desejamos muito sucesso nessa sua carreira de escritora, até porque modéstia parte você tem muito potencial para ir muito longe. Agora se quiser, pode deixar uma mensagem para todos os leitores que nos acompanham. E mais uma vez muito OBRIGADA!
.
Fabiana: Obrigada a todos por me receberem de braços abertos, por simplesmente ouvirem o que tenho a dizer. Eu sei que o seu tempo é precioso e, mesmo assim, você tirou alguns minutinhos para ler esta entrevista. Sou eternamente grata por isso, de verdade, e ficaria muito feliz se você desse uma chance ao meu trabalho. Se quiser falar comigo, sou toda ouvidos lá no meu Instagram. Continuem seguindo o blog, ele faz um trabalho incrível de divulgação de autores nacionais ajudando, assim, os leitores a conhecê-los e valoriza-los. Isso é admirável e importantíssimo.
.
.

--- // ---


Se você quiser continuar os próximos trabalho da Autora, acesse suas redes sociais para poder ficar por dentro de todas as novidades de seus próximos Romances.



Postar um comentário

Instagram

I Love My Books - Blog Literário . Berenica Designs.