21 julho 2017

Luz, câmera e ação [36]


Título: Power Rangers - O Filme
Data de lançamento: 24 de março 2017
Direção: Dean Israelite
Distribuição: Paris Filmes
Duração: 2h04
Gênero: Ação, aventura e ficção cientifica

A jornada de cinco adolescentes que devem buscar algo extraordinário quando eles tomam consciência que a sua pequena cidade Angel Grove - e o mundo - estão à beira de sofrer um ataque alienígena. Escolhidos pelo destino, eles irão descobrir que são os únicos que poderão salvar o planeta. Mas para isso, eles devem superar seus problemas pessoais e juntarem sua forças como os Power Rangers, antes que seja tarde demais.



Jason, Kimberly, Zack , Trini e Billy são cinco jovens que não possuem nada em comum. Jason era a aposta da cidade como melhor jogador de futebol americano, até que numa noite, ele e mais alguns amigos resolvem pregar uma peça que acabou como ele posto em prisão domiciliar e com uma lesão destruindo sua futura carreira. Kimberly passou de garota  mais popular da escola para renegada apôs ferir uma pessoa. Billy é autista, e como tal, precisa de pessoas ao seu redor que o entendam, coisa que no ensino médio é dificil de se obter. Trini muda constantemente com a família e nunca pode criar raizes e amizades de verdade, e por fim, Jason precisa cuidar de sua mãe que está muito doente.

"A gente não se conhecia... Mas por algum motivo...
a gente tava no mesmo lugar e na mesma hora quando Billy achou as moedas."






Jason e Billy se conhecem na detenção da escola, e apôs algumas trocas de palavras Billy convida Jason para ir á "um lugar", Jason pensa em recusar, mas Billy o convence dizendo que consegue tirar a tornozeleira da policia de sua canela. Juntos, os dois vão para a pedreira da cidade e lá encontram com Kimberly, Trini e Zack, e apôs Billy explodir uma bomba, as pedras caem revelando cinco moedas coloridas. Antes mesmo de poderem ver do que se trata, os cinco são obrigados a fugirem pois a policia aparece no local. Durante uma perseguição de carro onde os jovens tentam passar na frente de um trem em movimento, uma catástrofe acontece. O trem bate neles deixando somente metal retorcido.

"A resposta para o que está acontecendo com vocês está aqui... Vocês cinco são os Power Rangers."

O improvável acontece e aos jovens acordam em suas casas sem um arranhão, e também, sem nenhum lembrança de como saíram de lá. Logo percebem que suas vidas estão prestes a mudar quando adquirem força sobre-humana, saltos de distancias absurdas, e resistência á varias coisas. Os cinco jovens desconhecidos voltam para a pedreira, descobrem um mundo oculto e que precisam deles para salvar a terra.

"- A onde foi ontem a noite?
- E e quatro adolescentes achamos uma espaçonave escondida de baixo da terra.. Acho que eu sou uma super heroína.
-Faz xixi nesse copo"

Jason, Kimberly, Zack , Trini e Billy precisam se autoconhecerem, confiarem uns nos outros, enfrentar seus maiores medos, e aprenderem tudo o que precisam para derrotar a maior vilã que a terra virá, juntos eles são os Power Rangers.


A primeira coisa que preciso dizer sobre esse filme é: GO GO POWER RANGERS ♫ ♪

Acho que nunca me senti tão nostálgica assistindo um filme. Fazem 24 anos que o primeiro episodio de Power Rangers passou e me lembro que todos os dias acordava cedo, ligava na globo e assistia com gosto os episódios. Não vou mentir, estava morrendo de medo do filme ser um fracasso e estragarem tudo aquilo que sempre amei na série. Mas deu certo, na verdade deu muito certo. A essência permaneceu a mesma, e até me arrisco em dizer que foi muito mais aprofundada do que antes.

O enredo conta a estória dos jovens desajustados e sem proposito que juntos trabalham em algo maior. A grande aposta, e até mesmo o diferencial é que eles realmente precisam crescer pessoalmente durante a trama para se tornarem os Power Rangers. Não foi simplesmente acharem os "morfadores" e pronto, se tornaram Rangers, muito pelo contrário, cada um teve que se autoconhecer, conhecer uns aos outros, se tornarem uma verdadeira equipe, são leias e dignos uns dos outros. É uma trajetória de honra e só por isso os personagens são obrigados a crescerem e terem uma substância em sua construção.

Foi um tiro certeiro e bem dado que agradou muito. Por conta disso temos dois aspectos no enredo, um positivo e um levemente negativo. Positivo pois são abordado muitos assuntos impostantes num filme adolescente que se espera algo raso. Vemos através da vivência deles assuntos como bullying, interação familiar, uma doença terminal, e até mesmo as expectativas que os pais colocam em seus filhos que na maioria das vezes não são alcançadas.

Todos esses assuntos foram muito bem trabalhados e desenvolvidos, e ai chegamos no ponto "levemente" negativo. A trama gira em torno da vida dos cinco, na superação de suas problemáticas para se tornarem Rangers, e com isso, sobra pouquíssimas cenas de ação que estamos acostumados em ver na série. Mas digo sem sombras de dúvidas que as poucas que tiveram são SENSACIONAIS. Foram muito bem coreografadas, ensaiadas e sincronizadas dando até mesmo uma sensação gratificante pois foi tudo conquistado com a determinação e vontade deles. Não me incomodou em momento algum pois a estória não se torna monótona ou perde o ritmo.

O que ajuda também é a excelente atuação dos atores escolhidos. Jason é o Ranger vermelho. Ele é um líder nato e consegue manter a equipe junto inspirando confiança e determinação. Kimberly é uma jovem problemática pois nem ela sabia o que precisava mudar em si, o que só por isso, a torna alguém fácil de se gostar. Já Trini e Jack foram pouco explorados, e nenhum dos dois possuem um destaque grande, claro, mostra o crescimento dos dois mas não é tão interessante quanto dos outros. Mas o grande acerto e destaque do filme foi sem dúvidas Billy. O cara que consegue trazer um um alívio cômico, inocência e representatividade na mesma proporção. Impossível não se apegar a ele, e também rir juntamente com ele, e não dele.


Algo que me agradou foram as referências inseridas. Logo na primeira cena do filme temos a confirmação daquilo que todos os fãs já desconfiavam. Rita era uma Ranger que se corrompeu no passado. Zordon e Alpha receberam uma roupagem mais moderna, imponente e duros com os jovens. Eles sabem o que estão em jogo e precisam que os garotos se esforcem. Essa foi outra coisa que me agradou bastante, eles também não conheciam os cinco, então não tem aquela coisa de fé instantânea sobre eles acreditando que são capazes de tudo, essa fé e confiança foi construída ao longo da trama.

A fotografia do filme está impecável com tonalidades claras e bem definidas onde se sobressalta as cores dos uniformes de cada um deles. Os efeitos especiais foram muito bem empregados e desenvolvidos. Sabemos que tem um fundo verde por trás das cenas, porém foi feito com tanta maestria que acaba por ficar natural para o mundo em questão. Destaque para a cena dos Megazords que fazem uma referência clara aos filmes "Transformers" sem perder a originalidade. Um trabalho gráfico maravilhoso.

O único ponto que me desagradou foi a vilã Rita Repulsa. Ela não bota medo da forma como se é pintado na história, mas isso se deve ao fato da referência a série original com atitudes de vilã novelesca que se gaba, conta o plano e se expressa teatralmente. O problema mesmo foi que tudo recebeu um reboot na trama, menos ela o que acabou por deixá-la destoada e fora de sincronia com o próprio filme. Acredito que tentaram homenagear a franquia original e esqueceram que para isso tudo deveria caminhar para o mesmo lugar.

"Os Power Rangers eram uma legião de guerreiros, vocês devem se tornar esses guerreiros... Vocês nasceram para isso... Esse é o seu destino... Está é sua hora."

Enfim... Power Rangers é um filme que conseguiu seu espaço na terra dos heróis atuais. Ele serve como um filme de origem mas vai muito, mas muito além mesmo daquilo que os fãs esperavam. O final fica aberto dando a entender que teremos uma continuação mais pra frente, o que é claro, depende única e exclusivamente da aceitação do público e bilheteria vendida. Eu desejo de verdade que essa continuação venha e que mais uma vez eu possa cantar: GO GO POWER RANGERS ♫ ♪




PARTICIPE !! SE INSCREVA !!!



13 comentários:

  1. Oi Stefani, tudo bem?
    Eu fiquei com bastante medo de o filme ser bestinha e enfantil, porque convenhamos, os Power Rangers antigos eram bem paias, apesar de eu assistir todos os dias huehuehuehue
    Ainda não assisti o filme, maaas é muito maravilhoso saber que ele ficou bom sim. Graças a Deus que os personagens são maduros e não tem aquele negócio de te vi hoje e já confio em você.
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Olá !!
    Também lembro na época em que eu acordava cedo para assistir Power Rangers na TV Globinho ! Hahaha bons tempos !
    Ainda não assiti esse filme mas meus amigos foram e disseram que o filme ficou " surreal e incrível " . Eles me falaram da vilã que não era tão má!
    Quero muito assitir esse filme e ter minha própria opinião sobre ele!!
    Bjo

    ResponderExcluir
  3. Uma grande nostalgia! Também tinha medo de que tivessem "estragado" os Power Rangers com o filme! Tanto que nem vi ainda!
    Fico muito contente em saber que foi retratado de forma satisfatória.
    Uma boa atuação aliada ao crescimento dos jovens desajustados combinaram para formar um filme mais que bom. Bom saber que as (poucas) cenas de ação são boas e que existem até referências.
    Fiquei até com a musiquinha na cabeça: Go Go Power Rangers!!

    ResponderExcluir
  4. Eu via muito desse negócio quando era criança. Não tem como não se sentir nostálgico né? Adorava brincar com os amigos fingindo que era como eles xD
    Achei legal o jeito do filme, de mostrar esses jovens desajustados e a trama de cada um, pegando uns temas atuais e se aprofundando mais nas personalidades deles. Que não sobre muito tempo pra ação é que pode ter ficado um pouco chatinho, mas sei lá, gostei da ideia. E elas parecem bem feitas, então não deve ter ficado ruim a falta de mais cenas assim.
    Confesso que o que mais me deu vontade de ver foi a atriz que escolheram pra fazer a Rita. Olha, foi o que mais me chamou atenção quando vi anunciando esse filme. Gosto dela. Espero que não ache bobo o jeito que ela ficou na história. Parece que não agrada totalmente, mas quem sabe né... Só vendo pra entender.
    No fim das contas parece ter ficado um filme legal.

    ResponderExcluir
  5. Assisti muito Power Rangers quando era mais novinha. Não perdia um episódio rs
    Estou bem curiosa e animada pra assistir ao filme agora.
    A produção parece ter caprichado e as atuações dos autores parecem não ter deixado a desejar também.
    Espero conferir em breve e fico na torcida para um segundo filme :)
    Go, go Power Rangeeeeers ♪
    Beijos
    Caroline Garcia

    ResponderExcluir
  6. Stefani!
    Também sempre fui fã do Pawer Rangers e fiquei bem feliz em ver que resguardaram a essência dos filmes originais e atualizaram, tanto em termos de tecnologia, quanto aos assuntos que rodam aos adolescentes, necessário se faz mesmo essa atualização, porque pode tornar a película ainda mais atrativa para o público alvo.
    Quanto ao fato de ter menos cenas de ação e abordar mais o lado da busca pessoal de cada Ranger, não vejo como negativo, mas uma pretensa incinuação de que poderá haver continuidade, já que conhecemos as personagens e no próximo, poderemos viver suas aventuras ainda mais intensamente.
    Bom final de semana!
    “Educar é semear com sabedoria e colher com paciência.” (Augusto Cury)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE JULHO 3 livros, 3 ganhadores, participem.

    ResponderExcluir
  7. Olá!
    Na época que começou a surgir na tv, eu era fã e adorava acompanhar a série. Com o tempo perdi o interesse. Mas gostaria de assistir o filme, depois que sair do cinema, pois deve ser divertido relembrar e também ver a atuação desses novos atores e os efeitos especiais. Deve ter ficado legal!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  8. Olá!
    Amava assistir Power Rangers quando era mais nova. Eu gostava principalmente do Power Rangers Força Animal <3
    Gostei muito de saber que iriam lançar um filme, mas ainda não assisti hahaha
    Gostei muito dos seus comentários e agora quero assistir o filme logo <3
    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Olá!
    Quando assistir esse filme, foi como volta a minha infância de quando assistia em desenho, era nostálgico para mim. O filme é magnífico, eu amei como fizeram essa adaptação, o robô ficou bastante real e também fiquei super feliz em ver a cantora que gosto bastante atua, foi maravilhoso, vale a pena assistir esse filme.

    ResponderExcluir
  10. Oi, ainda não assisti, realmente há receio quando você já gosta. E eu que amava e até sei cantar as músicas :'), é uma pena ter pouca ação.
    Amo quando tem referências ♡

    ResponderExcluir
  11. Esse filme é pura nostalgia Stefani *-*
    Também sou da época em que acordava toda animada para assistir os episódios dos Power Rangers, era uma das “séries” mais empolgantes da infância, cheia de ação e vilões para combater kkk.
    Apesar de não te ido no cinema conferir esse filme, estou bem animada para assistir quando tiver a oportunidade. Essa é a primeira critica que leio do filme, e confesso que não estava apostando muito no filme não kkk Fico feliz em saber que o filme não é um fracasso, que foi certeiro na medida certa.
    Beijos

    ResponderExcluir
  12. Oi Stefani ;)
    Quando era criança adorava assistir Power Rangers na tv com meu primo, e sou desse tempo que já acordava e corria pra tv pra não perder nenhum minuto kkkk
    Ainda não tive a oportunidade de ver o filme, mas que bom saber que ele não decepciona, e pelo contrário, é uma ótima adaptação... você me deixou mais animada ainda pra ver!
    Adorei essa versão moderna dos personagens, e que legal que o final do filme fica aberto para a possibilidade de outros filmes. Já sei que tenho que correr pra ver o mais rápido possível!
    Bjos

    ResponderExcluir
  13. Sempre assistir power Rangers quando passava na globo, e gostava muito desta estória, por isto quando soube desta adaptação para o filme fiquei super feliz, mas infelizmente não tive oportunidade de ir aos cinemas assistir, porém agora lendo sua resenha percebi o que estou perdendo, já que me pareceu que o desenvolvimento desta trama ficou incrível, com uma adaptação que lhe agradou de forma geral, e agora estou bem mais entusiasmada.

    ResponderExcluir