07 abril 2017

Resenha - A Beleza de um Cacto




Título: A Beleza de um Cacto
Autora: Mariana Ramos
Cortesia: Arwen
Skoob | Goodreads
Páginas: 130
Onde comprar: Editora Arwen

A Beleza de um Cacto é uma novela de drama que nos apresenta a história de Amanda, uma jovem que conheceu muito cedo o inferno na terra e, apesar de ser inteligente e ter um temperamento forte, terá que enfrentar traumas do passado e medos do presente na esperança de que, com isso, possa salvar seu futuro. Contará, mesmo que não esperando, com a ajuda de Pedro, um rapaz que aprendeu com a vida que nem tudo é o que parece ser.
Não se trata de mais um romance onde tudo é colorido, tampouco é um livro de autoajuda, embora possa marcar sua vida. Aos que resolverem se aventurar por estas páginas, sejam bem-vindos.










Assim como nos conta na sinopse, A Beleza de um Cacto é um drama. Nos traz a história de Amanda, uma jovem presa em seus medos do passado.

Dentre tantas emoções que senti nesta obra, não consigo contar muito do que senti pois, a descoberta de certos aspectos vem a medida em que vamos avançando na história e ligando pontos e qualquer mínimo detalhe que eu contar, pode gerar spoilers e esta é uma obra de deve ser degustada assim como se degusta um vinho: gradativamente para sentir cada peculiaridade que envolve seu sabor.

Não esperava que este livro fosse marcar tanto a minha vida. Em alguns momentos me senti a própria Amanda (ironia, não hehe). Amanda, mesmo não demonstrando e não acreditando nisto, é uma pessoa forte e enfrenta seus problemas com a cara e com a coragem.

“As coisas ruins às vezes chegam até você independente de suas ações anteriores e te colocam em situações em que todos os caminhos possíveis a tomar levam os temidos fantasmas a virem atrás de você para te ensinar uma lição.”

Ela enfrentou fortes dores em seu passado, "abandonos" de certa forma e tinha muito medo de desabafar. A grande questão aqui é: como alguém supera traumas sem ter coragem de se libertar deles?

Procurando refúgios da sua própria realidade, Amanda conhece Pedro, um rapaz que acredita que nem tudo é o que parece ser, e desta bela amizade nos deparamos com a dura realidade de Amanda e com os desabafos de sua vida. É aqui que entendemos definitivamente a grande sacada da Autora em abordar um tema tão delicado e cruel.

A relação da história de Amanda e a Beleza de um Cacto é muito bonita e emocionante. Nos mostra que, mesmo com a grosseria de espinhos, desabrocha uma delicada flor.


"Por falar em 'desabrochar' e em 'sementinha', já reparou que os cactos também podem florescer? Eu já sabia disso antes de ler o livro e sempre achei as flores dessa espécie de plantas encantadoras. Nunca pensei, porém, que as "flores" que nascem em meio à complexidade das questões humanas pudessem ser tão ou mais belas quanto." - Prefácio; Deborah Valenti

FASCINANTE é a descrição que mais se encaixa à esta obra. Com uma bela lição no enredo, diagramação incrível, sem erros de revisão, capa maravilhosa, páginas amareladas e fonte agradável para leitura, é uma obra Nacional que com toda certeza conquistou o primeiro lugar no meu coração.

Leitura mais do que recomendada para os que se encorajam em ler um drama de verdade. Mas esteja preparado para uma deliciosa ressaca literária.

“— Qualquer um consegue prender uma planta, Amanda. Mas a nós? O que realmente nos prende não são os outros e sim os nossos próprios medos. Quando tomamos coragem de encarar esses medos, nós nos damos a chance de superá-los. Com isso, nós nos libertarmos.”

4 comentários:

  1. O que dizer ao ler uma resenha dessas? Acho que não há dinheiro no mundo que pague saber que sua obra foi tão amada. Obrigada pela linda resenha, por ter se dado a oportunidade de conhecer a minha, a nossa Amanda e por ter dado um pedacinho do seu tempo e coração a ela.

    ResponderExcluir
  2. Amooo essa estória, queria ter capacidade de expressar o quanto essa estória mexeu e ainda mexe comigo, não vejo mais um cacto como antigamente. Dou os parabéns a autora que nos presenteou com essa obra, nos fazendo chorar e rir "de nervoso" com o desenrolar da estoria, venha rever seus conceitos através dá mais bela explicação sobre uma singela planta, que nos deixa ciente do poder dá confiança.

    ResponderExcluir
  3. Parabéns pela resenha! Por certa que vindo de nossa querida e exigente Mariana só podemos esperar um lindo trabalho!

    ResponderExcluir
  4. Esse livro me fez chorar um rio. A autora me convidou para fazer uma frase de orelha para ele e por isso li antes de ser publicado. Cara, recomendo esse livro para todos, inclusive comprei um exemplar extra para enviar para a biblioteca da cidade.

    ResponderExcluir