02 janeiro 2017

Resenha - Harry Potter e a Pedra Filosofal




Harry, filho de Tiago e Lílian Potter, feiticeiros que foram assassinados por um poderosíssimo bruxo, quando ele ainda era um bebê. Com isso, o menino acaba sendo levado para a casa dos tios que nada tinham a ver com o sobrenatural pelo contrário. Até os 10 anos, Harry foi uma espécie de gata borralheira: maltratado pelos tios, herdava roupas velhas do primo gorducho, tinha óculos remendados e era tratado como um estorvo. No dia de seu aniversário de 11 anos, entretanto, ele parece deslizar por um buraco sem fundo, como o de Alice no país das maravilhas, que o conduz a um mundo mágico. Descobre sua verdadeira história e seu destino: ser um aprendiz de feiticeiro até o dia em que terá que enfrentar a pior força do mal, o homem que assassinou seus pais, o terrível Lorde das Trevas.
O menino de olhos verdes, magricela e desengonçado, tão habituado à rejeição, descobre, também, que é um herói no universo dos magos. Potter fica sabendo que é a única pessoa a ter sobrevivido a um ataque do tal bruxo do mal e essa é a causa da marca em forma de raio que ele carrega na testa. Ele não é um garoto qualquer, ele sequer é um feiticeiro qualquer; ele é Harry Potter.

Título: Harry Potter e a Pedra Filosofal
224 páginas || Skoob || Editora: Rocco || Onde Comprar










Oi gente linda! Hoje a minha resenha talvez saia um pouco diferente das habituais, mas vou falar de uma série que me encantou e me transformou há exatamente quinze anos. E de lá para cá eu já li e reli várias vezes. Estava com muita saudade desse universo e resolvi reler pela sexta vez, mas dessa vez com um diferencial: resenhar e contar para vocês um pouco de tudo que me encanta nesse livro.

O primeiro livro é uma introdução de todo o universo criado pela autora. Conhecemos Harry um menino magricela, de óculos e com uma estranha cicatriz na testa. Ele é órfão e mora com seus tios que o tratam de forma desprezível, onde o menino vive praticamente trancado embaixo do armário em baixo das escadas que os tios deram para ele como quarto. Harry não tem amigos, seu primo Duda faz de tudo para a atormentá-lo, não sabe quase nada sobre quem eram seus pais e é proibido de tocar nesse assunto.

Mas no seu aniversário de onze tudo está prestes a mudar e Harry além de descobrir que é um bruxo, por sinal muito famoso por ter derrotado o Lorde das Trevas quando bebê, vai para uma escola de magia em Hogwarts onde aprenderá muitas coisas novas e, o mais importante, vai conhecer uma vida totalmente diferente da que teve com os tios, conquistando amigos e descobrindo um leque de possibilidades e aventuras.

"- Você é um bruxo Harry.- Eu, eu sou o que?- Um bruxo, e vai ser um bruxo de primeira se tiver treinado um pouco.- Não, o senhor se enganou. Sabe, eu não posso ser um, um bruxo. Eu, sou o Harry, só Harry."

Entre tantas pessoas novas que Harry conhece, temos que destacar Rony e Hermione, que se tornam os melhores amigos dele. Acho que a amizade dos três é a mais linda já criada pelo mundo da literatura, e a forma como ela amadurece ao longo dá série só nos mostra o quanto eles são leais um ao outro. E eu acho isso tão lindo.


Ao longo do ano na escola eles descobrem que Dumbledore guarda algo em segredo no castelo de Hogwarts, e que, seja o que for, alguém já tentou roubá-la um vez no Grigotes - banco dos bruxos - e que vai tentar de novo agora no castelo. Harry com seus amigos logo desconfiam que Snape, o professor de poções, é quem vai tentar roubar. Afinal, ele tem várias atitudes suspeitas e demonstra grande antipatia com os alunos da Grifinória. Os três então começam uma investigação para descobrir o que está sendo protegido e como vão impedir o roubo.

Bom, eu não vou falar muito mais da história em si, pois acredito que todo mundo, seja nos livros ou nos filmes, já conheça a história do Harry Potter de cor e salteado. É incrível como a J. K. Rowling nos insere de forma rápida, fluida e mágica em todo o universo.


"Não vale apena mergulhar nos sonhos e esquecer de viver."

Nós vamos vivendo essas experiências junto com Harry... Tal como ele, vamos conhecendo o mundo da magia, suas peculiaridades, formas de fazer, sentir e agir, então vivemos o encantamento de conhecer a Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts, seus salões, lugares mágicos, professores carismáticos, mistérios, entradas, saídas, esportes. E somos arrebatados para um encantamento tão grande que o nosso desejo é também receber uma carta da escola e poder estudar ali. Explorar cada canto do castelo e também nos tornar amigos do Rony, Hermione, do Hagrid, o guarda caças da escola.

Cada personagem que nos é apresentados tem suas características e diferenciais tão marcantes que fica impossível não reconhecê-los mesmo que às vezes sejam mencionados por apenas um detalhe, como a professora Mcgonagall com ar severo mas justíssimo, professor Snape com seus cabelos pretos oleosos e cara sempre carrancuda, Neville sempre atrapalhado e esquecido, Draco arrogante, Fred e Jorge que são engraçados e sempre em busca de confusão. Não vou mencionar um por um aqui pois a fila de personagens seria enorme, mas tenho certeza que todos que amam essa série conseguem fechar os olhos e dizer exatamente a característica de cada um dos personagens do enredo.


J.K. Rowling foi capaz de nos apresentar diversos personagens, o mundo dos bruxos, entre tantas outras coisas de forma clara e o melhor, de forma rápida. Geralmente, livros de fantasias tendem a ser arrastados no primeiro volume quando acontece a inserção de gente no mundo criado pelo autor e muitas vezes um excesso de descrição. Já em Harry Potter isso não acontece, é cada cada detalhe se torna interessante, nos prendendo na leitura do início ao fim. A curiosidade de saber mais e mais desse universo é insaciável e parece nunca ter fim.

Harry Potter e a Pedra Filosofal foi o marco do início de uma saga que conquistou milhares e milhares de leitores pelo mundo. Ouso dizer que repaginou a literatura e que foi o motivo de muita gente começar a ler.

O bom de reler os livros é que percebemos detalhes que nos passam despercebidos da primeira vez, ou porque não conhecemos a história por inteiro ainda. Como por exemplo, a gente achar que o Sirius aparece pela primeira vez somente no terceiro volume, sendo que tem a menção ao seu nome já na Pedra Filosofal.

Quanto à diagramação vou falar da edição que eu tenho, que é aquela onde as lombadas dos livros juntos formam o castelo de Hogwarts. As páginas são claras, não tão brancas mas também não tão amareladas. Algumas pessoas reclamam do tamanho da fonte, mas no meu ponto de vista, o tamanho está confortável para a leitura. Durante a história encontramos alguns errinhos de revisão, mas nada que atrapalhe a leitura em si. E a capa... Ah, eu adoro essa capa com o Harry e Hagrid no Beco Diagonal, que acho tudo a ver com o primeiro livro, por ser o lugar em que Harry vê pela primeira vez um pouco de todo o universo em que está adentrando. E o início de cada capítulo é marcado por uma ilustração.

Eu recomendo esse livro e toda a série para todos, sem exceção de gosto e idade. Impossível não ser enfeitiçado e arrebatado. Impossível mesmo!!!!

26 comentários:

  1. Olá Camila
    Adorei poder conferir suas impressões a respeito desse livro, especialmente porque eu (suspeita para comentar mesmo) amo demais essa série e tudo que a envolve. É impossível não ser enfeitiçado, preciso concordar com você e fico feliz que tenha curtido a releitura! Eu já li tantas vezes, mas sempre tenho essa vontade de reler mais uma vez.. eu não resenhei no blog, mas realmente é uma ideia a se levar em consideração ♥ Também tenho esse box e acho as edições maravilhosas..
    Beijos, Fer
    www.segredosemlivros.com

    ResponderExcluir
  2. Realmente você foi fiel ao fazer a resenha de Harry Potter, livro fantástico,a autora consegue nos remeter sugar para dentro da história. Cada um independente da idade tem sua história em relação a própria história de Harry Potter,eu comprei o primeiro com a intenção de dar a meu filho, li me apaixonei e ganhei os outros.
    Bateu uma saudade lendo sua resenha, agora acho que terei que reler pela terceira vez.
    Parabéns Camila sempre me surpreendo com suas resenhas que estam casa vez melhor.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  3. AI MEU DEUS! PRECISO DESSA EDIÇÃO! DESSE BOX! PERFEITO DEMAIS! Nossa HP é a minha vida, não vejo a hora de comprar os meus livros e reler eles todinhos!!
    Bjss http://resenhasteen.blogspot.com.br/2017/01/um-porto-seguro.html

    ResponderExcluir
  4. Eu sou louca com essa edição! A que eu tenho é econômica, pois foi a única que achei na livraria quando comprei, to pensando seriamente em passar adiante e comprar uma nova. Ler a sua resenha me deu uma nostalgia profunda e uma enorme vontade de reler a série, vou me segurar até comprar os livros novos. Adorei saber a sua opinião.

    Um abraço!
    Parágrafos & Travessões

    ResponderExcluir
  5. Camila, li a Pedra Filosofal em 2010 e deixei pra lá, não me interessei. Aí este ano, por insistência do meu filho, segui com os outros livros e agora estou muito envolvida pela saga. Eu gostei desta trama aqui também, mas me achei um pouco velha para o enredo... rs
    Sua edição está linda!!!
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Olá!! :)

    Eu li esse livro há uns meses... E estou super viciado na serie!! :) ahahah Bem, estou a ler agora HP e o Calice de Fogo e estou a adorar!!

    Ainda bem que estas a reler!! Concordo, ela conseguiu criar um mundo tao maravilhoso e com umas personagens..!! Nossa!! Adoro mesmo!

    Boas leituras!! ;)
    no-conforto-dos-livros.webnode.com

    ResponderExcluir
  7. Olá Camila, tudo bem?

    Eu sou simplesmente apaixonada por Harry Potter e estou doida para adquirir a série toda. Acabei lendo ele através dos meus primos e tenho apenas 3. A primeira edição é a que eu mais queria, mas os livros são tão caros que compensa mais comprar um box novinho, rs.

    Espero que encontre ele em promoção durante a Black Friday.

    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Oie amore,
    Aiii posso ler dez milhões de vezes esse livro ou alguma resenha dele que não me canso... minha coleção dos livros do HP tinha dado de presente pra um menino carente de onde eu moro, quando conversando com ele descobri que ele ama ler, e para minha surpresa ganhei uma coleção nova de meu primo de natal... muito amor né!!!
    Adorei sua resenha... e as fotos, parabéns!!!
    Ai Harry te amo tanto... e J.K.R. te amo ainda mais!!!
    Beijokas!
    www.facesdeumacapa.com.br

    ResponderExcluir
  9. Oie!
    Nossa, essa edição está linda!
    Eu tenho a primeira edição do Hary Potter, e não consegui comprar outras, mas essa está espetacular.
    E até fiquei com saudade de ler a série novamente, muito boa!
    bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  10. Olá Camila,
    Não li esse livro quando era nova, nem cresci lendo, mas li a saga depois de velha rs.
    Gostei de ler suas impressões e fiquei muuito contente e nostálgica com ela. É legal saber que você não se cansa de reler esse livro. Espero ter a oportunidade de reler essa saga em breve.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  11. Olá Camila,

    Estou lendo essa mesma edição, pois estou participando do projeto #10MesesComHarryPotter, como você acho que essa história é sempre uma boa pedida, independe da sua idade ou de quantas você leu este livro, ele sempre tem algo para nos encantar novamente. Só discordo de você, com a questão gráfica do livro. A capa é belíssima sim, achei a ilustração linda. Mas a ausência de orelhas me incomodou muito, embora a diagramação tenha seu charme.

    Abraços,
    Cá Entre Nós

    ResponderExcluir
  12. Oi Camila,

    Eu aproveitei o projeto da Ju do Nuvem literária e reli ano passado. Foi realmente uma experiencia maravilhosa voltar a esse mundo incrível que a J.K criou. Eu realmente espero poder reler mais vezes ainda. Eu também tenho essa edição e gosto dela, mas confesso que preferiria que tivesse orelhas. :d Adorei seu post, muito completo. :)

    bjs!

    ResponderExcluir
  13. Oie
    Ai que eu to louca para reler essa série que eu tanto amo!
    Amei a sua resenha e me bateu uma nostalgia aqui a lendo. Estou louca para comprar essa edição que você tem. Na verdade, se dependesse de mim, eu compraria todas as edições de HP de tão fascinada que eu sou pela série haha

    beijos
    Livros & Tal

    ResponderExcluir
  14. Oieee
    Tudo bom?
    Eu tenho.a edição antiga dá série Harry Potter, mas ainda não tive tempo de ler.
    Dá pra ver pela sua empolgação na resenha como você ama esse bruxinho.
    Quem sabe esse ano consiga finalmente realizar essas leituras.
    Beijos

    ResponderExcluir
  15. Não me batam fãs de Harry Potter, mas eu nunca li os livros da série. 😁 Mesmo assim, eu gosto dos personagens, apesar de apenas ter visto os filmes.
    Adorei sua resenha e empolgação.
    Bjks

    ResponderExcluir
  16. É impossível não ler algo de Harry Potter com.um misto de alegria e saudades. Esse livro também me mudou e me transformou em uma leitora, afinal eu cresci com o Harry. Obrigada por sua resenha linda. Beijos

    ResponderExcluir
  17. Que legal você ler harry potter, é algo que praticamente todo mundo já leu, menos eu kkk,e eu nem tenho vontade, nem de ler , nem de assistir os filmes e as pessoas querem me matar por isso, mas não é o tipo de fantasia que me atrai, entendendo que foi o começo da vida de leitor da maioria

    ResponderExcluir
  18. oie, bacana que você está relendo os livros de harry. particularmente nunca tive vontade de ler, mas acho bem bacana esse fato de a autora apresentar no primeiro volume todo o universo sem deixar arrastado. além disso, gostei de saber que os personagens são todos bem trabalhados, adoro isso nos livros. quem sabe um dia eu crio coragem para ler.

    ResponderExcluir
  19. Sabe que eu não sei que livros li ou não de Harry Potter? Esse é o único que tenho certeza porque comprei na época do lançamento, mas não tive dinheiro pra comprar os outros, peguei emprestados e acho que acabei pulando alguns... Rs... Então esse ano quero muito ler/ reler. Não sei se um dia já cheguei a reler algo pela sexta vez, acho que só A bonequinha preta quando eu era criança, você deve amar muito mesmo esse universo. Os personagens são mesmo muito bem construídos e ainda que sejam muitos a gente não tem nenhuma dificuldade de identificar suas características mais marcantes.

    ResponderExcluir
  20. Nossa, eu como fã de Harry sou suspeito para falar desse livro, que realmente é um marco na saga. Afinal é nele que somos apresentados à um novo mundo, mundo esse que nos acompanha até hoje. Adorei sua resenha, e conferir suas impressões dessa obra magnifica.

    ResponderExcluir
  21. Oi, Camila!
    Eu amo essa série! Foi ela também que me iniciou no mundo da leitura com mais intensidade. Tenho um carinho muito especial por todo esse universo de Harry Potter. Estou louca para comprar esse box lindo e reler todos os livros nessa edição. Um dos meus preferidos é A Pedra Filosofal tanto o livro quanto o filme. Amo demais!

    Beijos,

    Rafa [ blog - Fascinada por Histórias]

    ResponderExcluir
  22. Oi, tudo bem?
    Eu confesso que não sou muito fã de histórias sobre bruxos e por isso não fico muito animada com HP, mesmo sendo uma série super bem comentada e por isso nunca li nenhum livro da série ainda e não sei quando lerei. Mas um dia pretendo conhecer essa história e acho essa edição maravilhosa por causa das lombadas.

    Beijos :*

    ResponderExcluir
  23. Olá =) Você disse que todo mundo, seja nos livros ou nos filmes, já conhece a história do Harry Potter de cor e salteado, sou exceção. Não assistir os filmes de Harry Potter e nem li os livros. Essa série tem um grande número de fãs. Que bom que ela te transformou. Nossa pela sexta vezes? Então você saber falar todos os detalhes da história... É muito legal quando as relações dos personagens vão se amadurecendo ao longo da história. Gostei de conhecer um pouco sobre Harry Potter e sobre seu ponto de vista. Beijos'

    ResponderExcluir
  24. Não tenho dúvidas de que muitas pessoas começaram a ler através de HP. Sabe que até hoje eu não tenho meus exemplares? Eu li todos emprestados, mas eu não gosto de nenhuma edição desses livros da Rocco, por isso estou sempre adiando a compra.
    Eu nunca reli justamente por não ter os exemplares, mas quando os tiver vou reler com certeza, pois sempre que eu leio uma resenha, como agora, bate uma nostalgia! Hahaha


    Beijo

    ResponderExcluir
  25. QUANTA FOFURA ESTA CORUJINHA *-*

    Ainda não li todos os livros de HP mas ja me aventurei em alguns.

    Não sei o motivo, mas nunca achei alguma edição da série que me deixasse apaixonada pela diagramação. Creio que nenhuma chegou aos pés de passar ao leitor a magia e encantamento que a historia está envolta.

    Pretendo terminar a série o quanto antes pois já me aventurei inúmeras vezes com os filmes e felizmente embarcar nesta aventura é um caminho sem volta <3

    Sua resenha esta incrível!

    Abraços (:

    ResponderExcluir
  26. Oi Camila, tudo bem?
    Eu amei a sua resenha, deu pra ter uma noção do que esperar do livro que no filme não mostra. Minha meta para esse ano é ler todos os de Harry Potter.

    ResponderExcluir