03 novembro 2016

Resenha - Encontrada


Sofia está de volta ao século dezenove e mais que animada para começar a viver o seu final feliz ao lado de Ian Clarke. No entanto, em meio à loucura dos preparativos para o casamento, ela percebe que se tornar a sra. Clarke não vai ser tão simples quanto imaginava. As confusões encontram a garota antes mesmo de ela chegar ao altar e uma tia intrometida que quer atrapalhar o relacionamento é apenas uma delas. Além disso, coisas estranhas estão acontecendo na vila. Ian parece estar enfrentando alguns problemas que prefere não dividir com a noiva. Decidida, Sofia fará o que estiver ao seu alcance para ajudar o homem que ama. Ela não está disposta a permitir que nada nem ninguém atrapalhe seu futuro. Porém suas ações podem pôr tudo a perder, e Sofia descobre que a única pessoa capaz de destruir seu felizes para sempre é ela própria.



Título: Encontrada
476 páginas || Skoob || Editora: Grupo Editorial Record || Onde comprar









Por ser o segundo livro de uma série, essa resenha pode conter spoilers do livro Perdida. 
Se você ainda não leu o primeiro e pretende fazê-lo, siga direto para minhas impressões.
A resenha do primeiro volume você encontra aqui.


"Escolher Ian foi simples, natural como respirar. Não dava para viver com o coração batendo fora do peito e morando em outro século. Não havia ninguém que me conhecesse tão bem quanto ele. Nem mesmo Nina, minha melhor amiga, que tive de deixar para trás."

Estamos de volta ao século XIX, exatamente onde terminou o primeiro livro. Sofia está super ansiosa com a chegada do seu casamento e, tal como grande maioria das garotas do século XXI, não se sente muito à vontade em aceitar os mimos do seu futuro marido. Como os leitores de Perdida sabem, a personagem escolheu voltar no tempo e viver seu grande amor. Mas escolher o amor não significa que seja simples e lindo. Enquanto o primeiro livro trata-se de um conto de fadas, o segundo nos apresenta o que acontece após o felizes para sempre.

"Não que eu estivesse me queixando de nada, nem daqueles olhares especuladores, mas às vezes... tudo bem, quase sempre... eu me sentia meio mal por ser alvo de tanto interesse. Tipo uma atração de circo. Ian sempre ria quando eu lhe dizia isso, e então me beijava de um jeito provavelmente inadequado para o século dezenove. Aí eu perdia a linha de raciocínio e esquecia tudo o que me atormentava. O que, pensando bem, deveria se a intenção dele."

Como o casal tem certeza de seu sentimento, marcam o casamento o mais rápido possível. Para que a festa e a celebração ocorram com perfeição, os personagens se mobilizam em função do evento, e cada um faz algo para ajudar. Em dado momento, Sofia nota certa diferença no comportamento de Ian, e fica ainda mais encabulada quando tenta conversar com ele sobre o assunto, já que percebe que ele está omitindo alguma coisa.

"Eu tinha dado o grande passo, o maior de todos na verdade, ao aceitar abandonar o meu moderno, tecnológico, cheio de facilidades século vinte e um, para viver com ele no arcaico e sem recursos século dezenove."

Não bastasse os problemas de adaptação da garota aos costumes do século e os preparativos com o casamento, a família Clarke ainda precisa lidar com a chegada inesperada e indesejada da uma tia de Ian. Desde o início fica claro que a tia é um senhor problema para o casal. Será que Sofia vai conseguir passar por cima dos novos e inusitados obstáculos? Será o amor forte o suficiente para suportar os problemas advindos do cotidiano familiar?



[ - Minhas Impressões - ]


Eu me diverti muito lendo Perdida e confesso que não abracei a sequência da história logo de cara. Estava com receio, por isso dei um mês de espaço entre a leitura dos dois, pois ficava me questionando se havia necessidade de mais um livro para explorar o romance entre os protagonistas, já que o outro tinha fechado todos os pontos principais. Assim, quando comecei Encontrada, já estava com saudade dos personagens e acredito que isso fez toda diferença.

Eu amei o livro, de verdade! Quem acompanha minhas resenhas percebe que, geralmente, eu dou notas razoáveis, levando em consideração todo o conjunto da obra e não apenas as minhas preferências pessoais enquanto leitora. Outras coisa que quase nunca faço é dizer que amei uma história. Pra chegar a esse nível, o livro precisa, além de ser bem escrito, me envolver de forma que eu não pense em dormir ou comer. Felizmente, esse foi o caso de Encontrada, que, logo no primeiro capítulo, percebi ser tão divertido quanto seu antecessor. Ouso dizer que é ainda melhor, pois, nesse livro, além de rir um bocado, ainda chorei e me senti extremamente angustiada.

Em Perdida, Sofia fez uma escolha em voltar para o século em que vive Ian, e Encontrada ilustra as dificuldades da personagem em se adaptar à realidade daquele momento histórico. Nem tudo são rosas na vida de Sofia e Ian, e posso afirmar que derramei generosas lágrimas na segunda metade do livro. Eu não sabia bem o que esperar e achava que não havia muito a ser explorado, entretanto, fiquei surpresa com o desenrolar da trama.

Os personagens continuam bem construídos e desenvolvendo sua personalidade. Durante a leitura, observamos o crescimento de Sofia, visto que precisa lidar com vários problemas de "gente grande", sendo sua maior dificuldade, aceitar o cavalheirismo existente naquela época. Devo lembrar vocês que o livro é de época, e o feminismo ainda não tinha dado as caras, então, às mulheres ainda estão associadas tarefas caseiras (como saber o que servir em determinada situação, ou como receber uma visita). A superação da protagonista é tangível e muito agradável de ser acompanhada.

Os demais personagens são ricos e melhores explorados nesse volume do que no primeiro, talvez isso aconteça porque já os conhecemos e o dia-a-dia da casa ganhou maior destaque no enredo. Ian continua sendo agradável, e também está se adaptando às peripécias de sua noiva. Elisa, cunhada de Sofia, também aparece, e admito que estou ansiosa para ler o seu livro (que será lançado no final de outubro) e conhecer melhor os pensamentos da personagem.

A escrita da autora é leve, fluida, divertida e irreverente. A diagramação é simples, sem muitos detalhes e caprichos, mas o conteúdo da história faz com que o leitor nem preste atenção a esses detalhes. Carina Rissi conseguiu me envolver do início ao fim, e, diferente da ressaca que senti quando acabei a leitura do primeiro livro, o segundo me deixou com um gostinho de quero mais. Já estou de olho no terceiro e louca para ler o quarto! Recomendo para todos que gostam de um romance divertido.


25 comentários:

  1. Olá, Heloísa.
    Conheci Perdida pouco antes de ser lançado o segundo volume da série e até hoje não li o livro por ter uma continuação. Eu me encantei pela sinopse do primeiro livro e o desejei instantaneamente, mas depois de ser lançado mais um volume que eu considero desnecessário e apenas por puro capitalismo desanimei um pouco.
    É bom saber que o segundo livro é tão bom ou ainda melhor que o primeiro. Pretendo ler a série ainda, mas não tenho mais tanta pressa.

    Uma Mãe Leitora

    ResponderExcluir
  2. Li somente os outros livros da autora, como No mundo da Luna, por ter um certo receio com histórias que voltam ao passado, mas tenho visto resenhas tão positivas sobre essa série que to quase mudando de ideia já! Adoro a Carina Rissi e a forma que ela vem crescendo e levando com ela a literatura nacional

    ResponderExcluir
  3. Olá Heloisa
    Sou bem suspeita para falar sobre esse livro, pois sou apaixonada pela escrita da autora, especialmente por conta dos elementos retratados, do gênro em questão e da forma como os atores foram caracterizados. Também me diverti muito com esse livro, e amei, por mais que estivesse cheia de expectativas.
    Beijos, Fer
    www.segredosemlivros.com

    ResponderExcluir
  4. Oii Heloisa,
    Por ser o segundo livro eu achei melhor ler só a sua opinião porque eu quero muito ler os livros da Carina ainda. Os livros dela não são o meu gênero favorito e que eu leio com mais frequência, mas eles sempre me despertam uma vontade enorme de poder ler e conhecer a escrita dela.

    Abraços!
    http://lendocomobiel.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi Heloisa, eu adoro a Carina Rissi, mas acredita que nunca li nenhum livro da serie Perdida? Todo mundo elogia, indica e eu ainda não li. Adorei as suas considerações, acho que não peguei nenhum spoiler aqui, mas confesso, que já conheço toda a trama, de tanto que comentam pela blogosfera.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Sempre digo que preciso ler os livros da Carina e sua resenha só me mostrou isso mais ainda, já que apesar de você não ter visto necessidade pra continuação, adorou assim mesmo.
    Não é novidade que a leitura seja fluída, porque é o que sempre leio sobre a escrita da Carina e o que me faz ficar mais curiosa ainda pra ler algum livro dela!

    Virando Amor

    ResponderExcluir
  7. Olá, tenho me sentindo um et porque ta todo mundo lendo Carina Rissi e eu nadaaa ainda, mas só tenho visto comentários positivos, uma coisa que me chamou atenção foi o fato de ser um livro de época escrito agora, o que me anima bastante pra ler, confesso que detesto livros antigos pela escrita ser extremamente cansativa com palavras difíceis, e pegar um livro que se passa antigamente com uma escrita atual parece muito animador.

    leiturasdebrain.wordpress.com

    ResponderExcluir
  8. Oi Helô, até o momento eu não li nada da autora e por incrível que pareça não é algo que eu tenha muita vontade de fazer pois o enredo dessa série não me atrai muito.
    Vou deixar a dica passar.
    Bjs

    ResponderExcluir
  9. Oi. Eu tentei ler o livro Perdida e definitivamente, não sou o público alvo, tentei conhecer para ver se era possível usar em sala de aula, mas descartei a hipótese, como educadora social e professora, não é um livro que esteja dentro do perfil do que trabalho. Como não me interessei pelo primeiro, então, não nutri interesse pelo segundo, mas que bom que foi uma leitura agradável para você.

    ResponderExcluir
  10. Olá!! :)

    Eu não conhecia este livro mas já ouvi falar de Perdida, ainda que não me pareça ser muito o meu género! :)

    Ainda bem que que gostaste e que achaste a escrita fluida e irreverente, assim como as personagens bem exploradas neste volume! :)

    Boas leituras!! ;)
    no-conforto-dos-livros.webnode.com

    ResponderExcluir
  11. Olá Helô!
    Estou com sesse livro em casa para ler, mas estou dando um tempo do primeiro livro também. Adorei a leitura do primeiro e acho que esse segundo volume é maravilhoso! Imagino como a personagem deve se adaptar, pois o primeiro volume deixou bem claro que ela sempre foi muito apegada as coisas que tinha no Século XXI. Quero saber o que essa tia do Ian vai fazer.
    Vou tentar ler esse mês.
    Beijos

    ResponderExcluir
  12. Eu acho demais essa trama de viajar no tempo, romance história e tudo mais. Quero muito ler a série, estou ansiosa para comprar o primeiro, mas falta $$! :( rsrs
    Que bom saber desse segundo volume, parece ser uma leitura tão boa quanto o anterior.
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  13. Olá.
    Eu li perdida há alguns meses e eu gostei bastante da leitura, apesar de ele não ter me deixado de ressaca ou me impressionado tanto quanto todos dizem. Eu estou querendo muito ler o segundo pois, como vc, eu também não vi a necessidade de um segundo livro, pois o primeiro livro terminou muito bem.
    Eu adorei a sua resenha e também comecei a sentir um pouco de saudade dos personagens, eu já estou de olho nos outros livros da serie e espero poder comprar eles logo e ler.
    Bjssssss

    ResponderExcluir
  14. Olá!
    Estou morrendo de vontade de ler perdida e li meio por cima para não pegar spoilers, mas achei muito interessante que nós podemos ver o crescimento da Sofia nesse livro, sem falar que é ótimo a continuação ser tão boa que nem o primeiro livro, já que isso é bem difícil de acontecer. Quero ler o mais rápido possível!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  15. Não li ainda Perdida e assim como você não estava vendo com bons olhos a sequência desta história. Apesar de não ter lido ainda, acredito que vou gostar e queimar a língua como você.
    Bja

    ResponderExcluir
  16. Oi Heloisa.
    Sou completamente apaixonada pela Carina Rissi e por essa série em especial. Esse livro é incrível, ri demais e chorei também. A sua resenha está muito bem escrita e tenho que confessar para você que eu preferi o primeiro livro ao segundo, não que eu não o tenha gostado, não sei explicar o motivo, mas o primeiro é melhor da série para mim.

    beijos
    Mayara
    Livros & Tal

    ResponderExcluir
  17. Oi, Helo

    Eu amei Perdida do fundo do meu coração e juro que gostaria de ter amado Encontrada tanto quanto você, mas não foi o que aconteceu.
    Tivemos impressões muito diferentes pelo que pude perceber.
    Eu gostei do livro, mas achei que teve muita coisa que SÓ estava ali para encher linguiça. Foram páginas e mais páginas de um grande nada e outra coisa que me tira do sério são personagens que não perguntam antes de tirar certas conclusões precipitadas...Sofia faz muito isso.
    Mas mesmo com muitas ressalvas eu me diverti e a série tem um lugar no meu coração.

    Beijo

    ResponderExcluir
  18. Olá, Heloisa.
    Ainda que você tenha achado que o primeiro livro não precisava de insinuação, que bom que você gostou do segundo. Acredito que seria bem decepcionante se não tivesse gostado.
    O tipo da escrita da autora é muito boa para o leitor de envolver ainda mais com a história.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  19. Oi, tudo bem?
    Eu já li muitos comentários positivos sobre esse livro e o anterior, tanto que tenho muita curiosidade em conhecer a história, mas ainda não tive oportunidade. Lendo sua resenha agora fiquei ainda mais animada, pois deu para perceber que você foi muito conquistada pela obra mesmo e eu adoro histórias divertidas.Além disso,é bom saber que os personagens são bem desenvolvidos e que acompanhar o crescimento deles também.

    Beijos :*

    ResponderExcluir
  20. oie!
    O romance da Carina é só amor né?
    Desde que li o primeiro livro dela, fiquei super envolvida na narrativa e todos os livros que ela publica, eu compro.
    Cada história é linda, divertida e emocionante, tudo dosados na medida certa.
    Bjks
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  21. Olá!!!
    Simplesmente AMO a serie e os livros da Carina Rissi,e com esse livro não poderia ser diferente né,dei altas risadas desde a primeira página ate a última e sempre estou relendo,ainda não li Prometida ( o que ocorrerá em breve) mas dos três que eu li Encontrada é meu preferido..só tenho uma coisa a dizer perfeição de livro!!!

    http://livroaoavesso.blogspot.com.br/2016/11/titulo-quando-o-amor-bater-sua-porta.html#comment-form

    ResponderExcluir
  22. Olá!
    Já ouvi falar muito da Carine Rissi e a maioria das resenhas dessa série são positivas, mas ainda não consegui me interessar pela série.
    Já adicionei ela no skoob para quem sabe um dia ler, mas esse momento ainda não chegou.
    Que bom que você gostou da sequência, entendo seu receio inicial, pois quando gostamos muito do primeiro livro de uma série ficamos com medo da sequência não ser tão boa e tirar o brilho da primeira.
    Abs e parabéns pela resenha ^^

    ResponderExcluir
  23. oh, eu amei perdida, foi uma surpresa tão boa porque eu não dava nada pelo livro e ele entrou para a minha lista de favoritos e ja tem um ano que eu o li e ainda não li a continuação, sua resenha me deixou mais ansiosa do que eu ja estava para esse livro, irei até reler perdida para ter o gostinho de novo

    ResponderExcluir
  24. Olá,
    Olha, eu não sou como você e assim que inicio a leitura de uma série preciso devorar todos os livros de uma vez. Tenho certeza de que não conseguiria dar espaço de um mês entre as leituras como você. Mas fico feliz que isso tenha sido crucial para leitura e fez toda a diferença.
    Ainda não tive contato com a escrita da Carina, mas estou bem curiosa para conferir todos os livros da série, afinal sempre vejo vários elogios e acho a premissa bem inusitada. Quero muito conferir como foi esse processo de adaptação que o personagem passou nesse segundo volume e como tudo se deu.

    http://leitoradescontrolada.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  25. Oi Helô!

    Ainda estou louca para ler alguma obra da Carina Rissi (sim, você leu certo! Sou fã daquela mulher sem ao menos ter lido ainda uma obra dela - risos - )

    Adorei suas ressalvas sobre a escrita e diagramação. Você conseguiu aumentar ainda mais minha admiração pela autora e sua obra (:

    ResponderExcluir