09 janeiro 2017

Resenha - Uma noite e nada mais







Andrew Hamilton é um advogado extraordinário que só se envolve com mulheres que conhece pela internet. Sua astúcia e beleza, porém, preservam um segredo do passado aquilo que fez dele o homem que hoje é. Seu lema com as mulheres é simples e direto: Uma noite e nada mais. Até o dia em que uma mulher especial entra em sua vida, fazendo-o rever suas convicções sobre relacionamentos e virando seu mundo de pernas para o ar...

Livro: Uma noite e nada mais #1
128 páginas || Skoob || Cortesia: Universo dos Livros || Onde Comprar











No primeiro livro da trilogia Reasonable Doubt, vamos conhecer o advogado (muito bem sucedido) Andrew Hamilton. Andrew encontra suas parceiras de uma noite pela internet e deixa sempre bem claro aquilo que procura. Ele odeia mentiras e, por isso, evita qualquer tipo de amizade ou relacionamento. Entretanto, existe uma exceção: Alyssa. Ele a conheceu em uma rede social exclusiva para advogados e desde então sempre a ajuda com os casos por mensagens de texto, e-mail e ligações, mas nunca se encontraram pessoalmente porque Alyssa sempre negou o encontro.

O motivo dela sempre ter negado é que, na verdade, a Alyssa se chama Aubrey, tem 22 anos e não é advogada ainda, mas uma estudante de Direito que entrou no site com o código da mãe para tirar dúvidas sobre os exercícios da faculdade. Apesar de estudar Direito, Aubrey gosta mesmo é de dançar balé e é muito boa nisto, mas seus pais só veem a dança como um hobbie.

Tudo muda quando a Aubrey vai participar de uma entrevista de estágio no escritório de Hamilton com outros dois sócios, e uma das perguntas sobre um caso fictício é justamente a pergunta que Andrew deu a resposta à “Alyssa” anteriormente. Mesmo descobrindo a verdade e odiando mentiras, Andrew não consegue deixar de sentir atração por Aubrey e nem ela por ele, sem saber que ele já sabe a verdade.



[ - Minhas Impressões - ]

Uma noite e nada mais é um livro bem curto, o que tem seu lado positivo e negativo. O bom é que a leitura é super fluida e o torna uma ótima opção para ler quando você não tem muito tempo ou só quer uma leitura rápida para passar o tempo. O lado negativo é que ele é muito curto para dar a chance da autora se aprofundar na história e a gente se apegar aos personagens.

É comum de livros do gênero não dar tanta atenção para o desenvolvimento da história em si, mas neste caso, fiquei bem chateada pelo enredo não ser mais bem trabalhado porque a autora criou uma história tão legal e original (misturando elementos como o Direito, o balett e os sites de relacionamento) que eu gostaria muito que as coisas tivessem o seu devido tempo para acontecer e, principalmente, ter mais para ler.

Mas ainda há esperança, já que este é somente o primeiro livro de três. Além das respostas sobre o passado do Andrew, gostaria muito de ver mais da relação da Aubrey com os pais explorada, além da vida dela em si, não pode faltar o balé, é claro.


Sobre a edição da Universo dos Livros, só tenho elogios. A diagramação está bem espaçada, fontes diferentes diferem os textos de e-mail e conversas no chat. Tirei foto para vocês verem, o mais legal é que cada início de capítulo tem um termo jurídico e sua definição como um dicionário, e o termo sempre tem alguma relação com o que vai acontecer no capítulo.

Em geral, Uma Noite e Nada Mais é um bom livro. Ele entrega praticamente tudo aquilo que oferece e te deixa com essa sede de querer saber mais sobre os personagens. A linguagem vulgar do Andrew pode incomodar um pouco quem não está acostumado a ler este tipo de livro, mas não é nenhum fim do mundo. O final traz uma descoberta chocante que não tem como não querer conferir a continuação.


28 comentários:

  1. Olá
    Essa é a primeira vez que leio algo a respeito desse livro e adorei poder conferir suas impressões a respeito. Por ser curto, parece ser uma história ágil e realmente fluída, como você comentou. Pelo que pude perceber, poderia ser mais explorado, mas quem sabe isso aconteça nos próximos livros né?!
    Beijos, Fer
    www.segredosemlivros.com

    ResponderExcluir
  2. Olá Luana,

    Eu até gosto de livros com essa pegada mais erótica, mas desta vez não consegui me interessar por esse enredo. Essa história de procurar pelas mulheres na internet, a entrevista para conhecer a Audrey, tudo isso me lembra um pouco Cinquenta Tons de Cinza e fiquei meio saturada dessa história, já que a Anastácia me irritava um bocado. Ainda assim fico feliz que você tenha gostado e esteja ansiosa pela continuação.

    Abraços,
    Cá Entre Nós

    ResponderExcluir
  3. Oie! Tudo bem? Estou dando um tempo em livros desse gênero se leio é porque fazem parte da minha lista de leituras senão não vou atrás, e que pena que a autora não conseguiu desenvolver o livro tão bem para que os leitores se apegassem aos personagens, mas talvez ela desenvolva esse lado da história melhor nas sequencias, isso acontece na maioria das vezes!
    Bjss http://resenhasteen.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Olá, Luana! Bom, se eu visse esse livro numa livraria certamente a capa não me chamaria atenção, já que não faz o estilo dos livros que eu busco ler. Porém, lendo sua resenha é praticamente impossível não se interessar por essa leitura! Eu adoro livros que trazem grandes conflitos na vida dos personagens, por exemplo, mudança de formas de pensar. Confesso que livros muito curtos geralmente me deixam com o pé atrás, sempre fico com medo da autora/autor não conseguir desenvolver bem a história. Porém, como você disse, é só o primeiro livro da série, então vale a pena sim apostar todas as fichas nos próximos livros. Enfim, adorei ler as suas impressões sobre o livro.

    Beijos,
    Blog Anne & Cia.

    ResponderExcluir
  5. Olá
    Eu fiquei bem surpreso em ver o tamanho que é os dois primeiros livros dessa série, vi no vídeo do Fundo Falso. E realmente livro curtos tem sempre esses dois lados, e concordo com ti. Livros curtos sempre tem leituras fluidas e rápidas. Ainda não li, mas espero ler em breve, ou pelo menos começar a série. Adoro as capas dos três livros. Até mais ver
    Bjks

    ResponderExcluir
  6. Acho tão chato que esse tipo de livro tem tudo pra dar certo e acaba pecando no desenvolvimento. Eu como escritora, tenho vontade de escrever erótico e focar mais na história só pra dar uma diferenciada. De qualquer maneira, achei legal essa coisa de encontros pela internet, advogados e tudo mais.

    Um abraço!
    Parágrafos & Travessões

    ResponderExcluir
  7. Oi Luana, ainda não conhecia o livro e confesso que não é bem meu estilo de leitura, ainda mais que você ressaltou que a história não se desenvolve muito. Achei os temas originais também, esse mix de direito e ballet me pareceu interessante, mas não esperaria muito dele.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Olá!

    Já não curto romances hot, e saber que o personagens tem uma linguagem vulgar me faz desistir da leitura rapidamente. Odeio personagens assim. A universo dos livros parece só ter o catálogo dela de hot. rs
    Abraços

    ResponderExcluir
  9. Oie...
    Livros mal desenvolvidos costumam ser um filme de terror rsrs... Achei a história até interessante, mas, fiquei com um pé atrás nessa ressalva, portanto prefiro não ler :)
    beijos

    ResponderExcluir
  10. Oi, já pude ler essa trilogia e confesso que não ficou entre as minhas preferidas, apesar de ter gostado dos temas abordados, não me empolguei tanto quanto esperava RS Acho que acabei deixando as expectativas levaremos melhor, eles estão na minha estante, que sabe uma releitura não me deixe mais animada. Bjs

    ResponderExcluir
  11. Confesso que não fiquei muito curiosa pra ler pois a trama não me chamou atenção, ainda mais sabendo que por ser curto não dá pra se apegar aos personagens.
    Mas adorei saber que a escrita é fluída, isso é sempre bom, né? Hahah.
    Obrigada pela dica!

    Virando Amor

    ResponderExcluir
  12. Olá, num primeiro momento eu fiquei um pouco desanimada de ler esse livro pelo comportamento do protagonista, essa coisa de encontros de uma noite só, mas conforme fui lendo sua resenha e vendo que, ao que parece, a relação dele com a protagonista vai ser bem diferente disso, fiquei com mais vontade de ler. Achei interessante essa abrangência de temas, como direito, dança e sites de relacionamento. Uma pena que não tenha sido tão aprofundada a história.

    ResponderExcluir
  13. Oi, tudo bem?

    Adoro os livros que a Universo dos Livros publica, estou com alguns no aplicativo do Kindle para ler. Tinha visto esse livro quando estava baixando alguns na Amazon. Me interessei por ele, vou procurar de novo para poder comprar.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  14. Olá!
    Que bacana que a leitura te agradou no geral. Ainda não conhecia esse livro e fiquei muito contente por saber que o livro tem esses termos jurídicos. Achei isso bem legal.
    Vou anotar a dica apesar de dizer que é uma leitura que eu não faria de imediato.
    Beijos

    ResponderExcluir
  15. Oi Luana,
    adorei a resenha. Não conhecia o livro e fiquei imensamente alegre ao ver que faz parte do meu gênero favorito. Você acabou de me convencer a ler esse livro!
    Já havia visto algumas fotos do livro, mas sempre protelei a leitura. Adorei a resenha, e pude ver que gostou bastante da escrita, enredo e do cenário criado pela autora.

    Beijoss, Enjoy Books

    ResponderExcluir
  16. Não conhecia a autora nem a obra, mas o título já não me atrai muito.

    Nem a sinopse. Não gosto de livros de onde o cara é machão phodônico e muda porque uma mulher entrou em sua vida. Nem do contrário.
    E, pelo que você disse, a função do livro é só sexo, uma vez que nem dá tempo pra autora se aprofundar nos personagens... Acho que algo melhor pode ser feito!

    Esse livro não entra para meus desejados...

    Abraços!
    www.asmeninasqueleemlivros.com

    ResponderExcluir
  17. Olá! Uau, foi uma bela falhada de Aubrey dar a a mesma resposta que o dono da resposta disse anteriormente. Mas fico meio em aberto... ela sabe que foi que o Andrew que ela conversa é o mesmo que ela está fazendo a entrevista? Nisso você me deixou curiosa. Haha' Que não que a leitura é flui bem. Porém não dar tempo de se apegar aos personagem realmente é uma coisa negativa. Que chato que a autora tinha originalidade para criar uma grande história mais não deu tanto desenvolvimento. Tomara que os outros dois livros você seja surpreendida positivamente. Que bom que a editora arrasou na edição! Beijos'

    ResponderExcluir
  18. Eu já tinha ouvido falar desse livro e ele foi muito elogiado, na verdade, ninguém até agora tinha falado do fato de ser um livro que não foi bem explorado. Gostei que você abordou isso, mas discordo quando você fala que isso é comum no gênero. Não penso muito assim. Beijos

    ResponderExcluir
  19. Olá!!
    Não conhecia esse livro e apesar de já estar saturada desse tipo de estória até que fiquei bem curiosa com esse livro e ainda mais por ter "balé" na jogada mesmo que nessa parte não seja aprofundado.E bom saber que é uma leitura rápida e fluída :)


    http://livroaoavesso.blogspot.com.br/2017/01/beco-club-novo-parceiro-do-blog.html#comment-form

    ResponderExcluir
  20. Oi Luana...

    Eu tenho uma certa curiosidade para ler esse livro, assim como eu tenho um certo problema com a questão da duvida sobre se tratar apenas de sexo.
    A falta de aprofundamento é algo um pouco complicado pra mim, mas ainda assim, a sua resenha me deixou curiosa e eu acredito que daria uma chance ao livro sim.

    beijos
    Livros & Tal

    ResponderExcluir
  21. Olá!
    Eu não conhecia esse livro e de início eu não estava muito interessada, mas depois eu fiquei até que bem curiosa para saber o que vai dar com esse relacionamento profissional (vamos dizer assim hahaha) pela internet, acho que essa mentira pode dar uma boa história. Vou anotar a dica.
    Beijos,
    Nay
    Traveling Between Pages

    ResponderExcluir
  22. Olá, gostei muito do enredo, mas não gostei de o livro ser muito curto, isso realmente deixa a autora com pouco espaço para dar um devido desenvolvimento a história e para um enredo gostoso desse, o bom seria mais páginas para que tudo se desenvolvesse por completo.

    ResponderExcluir
  23. Então, quase comprei essa trilogia um zilhão de vezes e sempre dou pra trás. Não me pergunte por que. Já tinha lido a sinopse e achado interessante, mas saber sua opinião foi bem importante porque, por exemplo, livros assim curtos, as vezes me deixa bem frustrada. Quando o enredo é bom e tem tudo para ser bem explorado, e o autor(a) corre com o livro, eu fico muuuuito P da vida.. rs
    Adorei a resenha!!

    Ana
    https://literakaos.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  24. Oie, tudo bom? INFELIZMENTE eu não consigo me identificar com o gênero embora já tenha feito várias leituras do tipo. Aquele clichezão do cara que pegava geral até comnhecer a mulher da sua vida, geralmente são ricos e sexys ou astros do rock hahahaha nunca consigo me envolver com a trama e acabo odiando sempre um dos personagens principais, ou seja, repasso a dica. Mesmo assim te desejo mais sorte nos próximos livros, bjossss

    http://porredelivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  25. Oie
    Tudo bom?
    Achei bem interessante essa mistura de temas no livro, mas é uma pena quando o autor não se aprofunda na história, assim como você gosto de me sentir ligada aos personagens.
    Adorei sua resenha.
    Beijos

    ResponderExcluir
  26. Oie!!!
    Apesar de acreditar que a proposta seja de uma leitura rapida e dinâmica sobre o assunto da sinopse eu te entendo e me solidarizo completamente com o seu pedido por mais trama!
    Amei suas fotos e saber que antes de cada episódio tem um "teaser" do que acontecerá! A nossa imaginação deve voar em poucos segundos...na verdade a minha já voou longe!
    Gostei da dica de leitura e quando tiver a oportunidade de ler já vou sem muitas expectativas quanto ao desenvolvimento do enredo.
    Mil Bjinhos ;)
    Elaine M. Escovedo
    Caminhando Entre Livros
    Http://www.caminhandoentrelivros.com.br

    ResponderExcluir
  27. oie, parece um livro bem bacana, e eu sempre tenho esse receio quando o livro é muito curto, de que não dê para se aprofundar muito na história, e posso ver que isso aconteceu aqui. Também achei bem original isso do direito e ballet misturados, e tomara que as próximas obras sejam ainda melhores.

    ResponderExcluir
  28. Oi, tudo bem?
    Gostei da sua resenha, e o livro ser curto me fez querer lê-lo mais ainda.
    Acredito que se eu lesse não gostaria muito do Advogado, mas Aubrey já me conquistou, haha.

    ResponderExcluir