30 julho 2015

Resenha - O que eu quero pra mim




Alice é independente, bem-sucedida profissionalmente e muito ambiciosa. Além do sucesso no trabalho, tem um namorado que é o sonho de qualquer mulher: lindo, apaixonado, louco para se casar e ter filhos. Mas ela não é qualquer mulher, e acha que a carreira vem antes de tudo. Então, quando Casseano a coloca contra a parede e exige mais espaço em sua vida, os dois entram em um impasse e acabam se separando. Em poucos dias, Alice sente que o fim do relacionamento está sendo mais duro do que esperava. Para piorar, o trabalho entra em crise e sua sócia, preocupada com a saúde da amiga, a obriga a se afastar por um tempo. As férias a ajudarão a arejar a cabeça e voltar mais produtiva. Com tudo dando errado ao mesmo tempo, Alice aceita a sugestão e compra uma passagem para Londres. Chegando lá, mergulha numa profunda jornada de autodescobrimento e percebe o que realmente importa para ela.O que eu quero pra mim é um romance inspirador, que fala sobre a importância de conhecer a si mesmo e descobrir as próprias necessidades antes de trilhar de forma plena o caminho do amor.

Livro:
 O que eu quero pra mim
208 páginas || Skoob || Editora: Arqueiro || OndeComprar ||











Alice é uma mulher atraente, inteligente e principalmente independente.Trabalha com leilões de imóveis junto com Camilla, sua sócia. Mora sozinha e tem um namorado chamado Casseano, um homem que a ama muito e é capaz de fazer qualquer coisa por ela, até mesmo compreende-la quando é impossível de se fazer.
E após ele lhe dizer que gostaria de morar junto, Alice fica em choque, pois não era o que ela realmente queria nesse momento. Em seus planos atuais não existia a ideia de morar com alguém e muito menos se casar. Ela apenas queria focar em seu trabalho e manter o relacionamento como estava.

‘’Ainda não estou falando em casamento, mas em morarmos juntos, pelo menos no começo. Pensei que essa sua insegurança inicial em relação a nós dois passaria com a convivência, que você mudaria de ideia... Poxa, Alice, eu te amo, e sei que você me ama. A gente se dá tão bem...’’
‘’Por isso mesmo. Nos damos bem porque cada um tem a sua vida. Se juntarmos tudo, isso vai desmoronar’’

Mas tudo isso se deve ao choque emocional que Alice teve em seu passado, pois perdeu sua mãe para um câncer e ainda aguentou o abandono de seu pai quando mais precisou. E por isso, ela não queria de forma alguma ter uma vida parecida. Ela tinha medo e queria evitar que tudo se repetisse em sua vida.

Então após a discussão, Casseano resolve ir embora e completamente arrasado com sua resposta e então acaba rompendo o relacionamento com Alice, pois precisava pensar consigo mesmo e para isso precisava ficar sozinho por um tempo.
"Nunca imaginou que sentiria tamanho vazio quando os dois se afastassem de forma definitiva. Ela e Casseano nunca haviam se separado por tanto tempo. Tinham ficado no máximo duas semanas sem se ver, quando Alice fora organizar um leilão em São Paulo. Aliás, aqueles quinze dias haviam sido extremamente benéficos para a relação, tamanha a saudade que sentiram um do outro.''

Após esse problema com Casseano, as coisas para Alice não melhoram de forma alguma, pois ela fica bastante estressada em seu trabalho e alguns problemas bastante desagradáveis acabam acontecendo. Sua amiga Camilla percebe que Alice não se encontra bem emocionalmente e pede então para que ela tire uns dias de férias para poder relaxar e cuidar um pouco do seu bem estar, recolocando-se um pouco no mundo novamente. Só assim colocaria seus sentimentos e sua cabeça no lugar.

‘’Talvez a solidão que eu carrego no peito neste momento de dissipe com a distância ou, pelo contrário, sirva apenas para me mostrar que não foi dos outros que me separei durante os últimos anos... e sim de mim mesma.’’

Então assim que chega em casa, resolve enviar uma mensagem para sua amiga Luana que mora em Londres perguntando se poderia passar algumas semanas em sua casa, pois já fazia muito tempo que não se viam e seria uma ótima oportunidade para colocar o papo em dia.
Luana bastante feliz com a ideia de sua amiga ir visita-la, percebe que ela não poderia ter escolhido um momento melhor para se reencontrarem, pois assim que Alice chega ao seu apartamento, elas conversam e percebem que estão sofrendo por problemas completamente diferentes. De um lado, Luana tenta levar sua vida da maneira mais normal possível, saindo com qualquer homem aproveitando a vida e passando o tempo. Já Alice, continua sentindo falta de Casseano e pensando se realmente fez a coisa certa negando sua proposta.

As duas então terão que aprender a lidar com algumas das situações de suas vidas e também tentar entender o que se passa em seus corações, independentes das dificuldades que estão passando.

“A Verdade é que se relacionar dá trabalho, mas vale a pena. A grande maioria das pessoas não nasceu para viver sozinha, só que algumas demoram um pouco para descobrir isso.”

Uma viagem que irá mudar a vida de Alice e Luana, mostrando que é sempre bom ajudar as pessoas próximas e aprender com seus erros para então entender o quanto é preciosa uma amizade. Durante a leitura vocês encontrarão muitas reviravoltas e também como a vida de todos os outros personagens também será afetada. Um livro simplesmente tocante e emocionante que vai te deixar envolvido até o fim!



[- Minhas Impressões -]

Ainda não tinha lido nenhum dos trabalhos da Lycia Barros e confesso que acabei me surpreendendo com esse livro, pois eu comecei cautelosa, não indo com muita expectativa para não me decepcionar. Não sabia do que se tratava o livro e preferi não ler nenhuma resenha para não ser influenciada e mesmo assim acabei gostando bastante da proposta do livro, pois a história me agradou muito. A escrita da autora é muito bem fluida. Os capítulos são curtos, o que já foi um ponto mais do que positivo e em nenhum momento a história se tornou cansativa.

Além disso, tenho que confessar que no inicio não me simpatizei muito pela personagem Alice, pois eu a achei um pouco sem noção e rude no inicio, mas após sua viagem para Londres e após retornar de lá tudo muda, ainda assim não vi nenhuma razão para uma mudança tão grande. Pelo menos no meu ponto de vista, pois essa mudança realmente não me convenceu.

Ela teve que viajar, conhecer outras pessoas para ver a burrada que cometeu com o Casseano? Como pode isso?

Eu fiquei praticamente inconformada quando ela dispensou o homem.
Como pode uma mulher não dar valor a um homem tão perfeito como aquele? (Ai que ódio!)
Mas apesar disso, gostei da maneira como a autora desenvolveu a história e como ela foi encaixando os outros personagens secundários, pois todos foram muito bem trabalhados e foram de extrema importância em vários momentos não só para Alice, mas para Luana também. Até porque acabou sendo um grande aprendizado para ambas poderem se encontrar e valorizar o que tinham bem na frente do nariz delas.

O livro tem vários acontecimentos que envolvem o leitor de todas as formas. Confesso que adorei o desfecho que autora deu no livro, mas eu achei que tudo foi muito apressado após a volta de Alice, pois eu queria que tivesse sido mais aprofundamento sabe? Trabalhado o seu retorno e colocando em prática tudo o que aprendeu ficando afastada.

Apesar de tudo, eu adorei todos os personagens, achei que tudo no geral foi muito satisfatório, pois durante a leitura aprendi que nunca é tarde para recomeçar as nossas vidas, independente do problema que estamos passando. Livrar-nos principalmente das coisas que nos prejudicam para que possamos então começar a dar valor nas pessoas que realmente nos acrescentam algo bom em nossas vidas e então encontrar enfim a nossa verdadeira felicidade.

Quanto a sua diagramação, tenho que confessar que a Editora Arqueiro está de parabéns, não só pela arte do livro, pois a capa tem tudo haver com a história, mas também pela fonte que é de um tamanho muito bom. Contém páginas amareladas e com uma revisão impecável.

Recomendo esse livro para aqueles que procuram uma leitura tranquila e sem compromisso, principalmente após uma ressaca literária.

37 comentários:

  1. Ah amo os livros da Lycia, estou lendo um dela quando o fim pode ser o começo, mtttt bm e engraçado, espero ler e gostar desse tb :D

    www.byanak.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ana fico feliz de saber que gosta da escrita da Lycia Barros
      Espero que tenha lido minhas impressões sobre o livro, porque
      eu gostei sim da escrita dela, mas teve algumas coisas que me incomodaram, mas enfim. Espero ainda conhecer seus outros trabalhos

      Excluir
  2. Oi, sil
    Também li esse livro.
    Em primeiro lugar concordo com você em relação a Alice e tenho que incluir Luana. Em vários momentos fiquei querendo bater nas duas, como eram tão burras. E no caso da Luana também precisou da presença da alice para que ela percebesse as coisas.
    Achei tanto casseano quanto Eamon perfeitos, fiquei querendo eles para mim.
    E concordo com seu ponto de que o desfecho foi muito rápido, e acho que a mudança poderia ter começado mais cedo, porque o livro começou a andar mais ou menos no capítulo quinze, o que me deixou bem impaciente.
    Boa opinião.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha eu sinceramente tenho que confessar que gostei da história, mas ao mesmo tempo achei que os acontecimentos foram muito rápidos. Eu gostei também dos dois personagens Casseano e Eamon. Uns amores. Agora fala sério em? Aguentar duas mulheres daquelas hahahahahaha

      Mas enfim...O livro como um todo é bom, mas eu gostaria de ter me envolvido mais. Gostaria que a autora tivesse colocado mais coisas na volta de Alice, mas enfim...

      Excluir
  3. Oi Sil, tenho muita vontade de ler esse livro, parece ter um romance bem tranquilo mesmo, bem o tipo que eu gosto. Estou precisando de uma leitura leve e sem compromisso, com certeza já está anotada a sua dica :D

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amiga realmente é um romance bem gostoso.
      Mas não espera muito do livro não, porque não é aquele tipo que você fica UAU !!
      Sabe? Mas vale a pena estar conferindo, porque ele vale a pena !

      Excluir
  4. Oi gostei muito da sua resenha. Não conhecia a autora mais tenho de admitir que o livro não despertou minha curiosidade . pretendo conhecer outras obras dela quem sabe não me animo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha Aline esse foi o meu primeiro contato com a escrita da autora
      e sinceramente tenho que confessar que eu gostei bastante. Mas eu esperava um pouco mais da história sabe? Mas leia quando tiver oportunidade, porque você vai gostar.

      Excluir
  5. Oii amiga! Tudo bom?
    Eu recebi o livro da editora, e também nunca li nada da autora, mas estou curiosa para conhecer a escrita dela! Adorei sua resenha, me deixou curiosa para saber se acharei as mesmas coisas. rs
    beijos, se cuida
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amiga o livro é muito bom.
      Mas eu sinceramente esperava que fosse melhor desenvolvida toda a história, até porque eu fiquei meia em dúvida até que nota iria dar, mas dei 4, porque eu gostei da diagramação e da maneira como a leitura fluiu, porque se não, eu acho que teria dado menos, mas ele é gostoso sim. Vale a pena e espero que goste

      Excluir
  6. Oi SIlvana!
    Estou precisando de um livro assim, para ver se me tira dessa ressaca que estou rs
    Bjks!
    http://www.historias-semfim.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que tenha lido a resenha mesmo
      Para fazer um comentário desse tamanho.
      Espero que tenha a oportunidade de fazer a leitura =]

      Excluir
  7. Nunca li nada da autora mas tenho muita vontade de ler um dia, e também gostaria de começar por esse e sua resenha só reforçou minha vontade. Adorei a sua resenha mostrando os pontos que gostou e que te incomodaram. bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dani fico feliz que tenha gostado da minha resenha e que tenha te chamado atenção meus pontos positivos e negativos, porque eu busco sempre ser sincera sabe? Mas tipo, o livro vale a pena? SIM, vale muito, porque ele é gostoso. E acho que você vai ter uma leitura muito proveitosa. Mas não espere muito do livro, porque não é nada assim que vai te acrescentar alguma coisa.

      Excluir
  8. Olá, Sil. Quando eu estiver com uma ressaca pode deixar que irei pegar esse livro para ler. Assim como você falou, a história parece ser bem leve. Nunca li nada da Lycia, mas esse livro pode ser um bom começo, rs.
    Beijo,
    http://www.pactoliterario.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha Ana eu espero que você leia o livro sim, porque ele é gostosinho.
      Acho que vale a pena ler meio que sem compromisso mesmo, porque
      ele você vai devorar rapidamente rs

      Excluir
  9. Olá; eu ainda não li nenhum livro da autora. Mas quero muito ler. Talvez comece por esse; desde que o vi no lançamento, fiquei bem curiosa para conhecer a história e os personagens, parece o tipo de livro que eu ia gostar de ler.

    ResponderExcluir
  10. Olá, Silvana!

    Não conheço a autora, mas adorei a resenha! Vou procurar livros dela para conhecê-la!

    Beijos

    P.S Adorei seu blog! Já estou seguindo!

    @rhadijapraia
    http://amoremprosaecia.blogspot.com.br/
    https://www.facebook.com/amoremprosaecia

    ResponderExcluir
  11. Oi, Silvana!

    Não conhecia a autora, mas me parece interessante!

    Beijos

    P.S. Parabéns pelo Blog! Já estou seguindo!

    @rhadijapraia
    http://amoremprosaecia.blogspot.com.br/
    https://www.facebook.com/amoremprosaecia

    ResponderExcluir
  12. Acho muito estes livros sobre auto-descoberta. Onde o personagem tem que fazer uma viagem para poder entender o que quer.
    E adorei a escolha do local: Londres é a minha cidade favorita!
    Bjs

    ResponderExcluir
  13. Oii Sil!! Sua resenha ficou muito boa, como sempre né?! hehehe. Adorei saber mais sobre o livro, pois não o conhecia. Não sei se leria no momento, mas anotei a dica aqui pois adoro livros com mensagens sobre recomeço.
    Beijos!!

    ResponderExcluir
  14. Olá Sil, tudo bom? Eu nunca li nenhum livro da Lycia Barros mas venho dando uma olhada em suas obras e pretendo comprar alguma para enfim ler algo dela, apesar de não gostar muito do gênero de seus livros. Eu adorei a sua resenha, a capa parece condizer bem com a obra.

    Beijos,
    http://marcasliterarias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Oiee Silvana ^^
    Ainda não li nenhum livro da Lycia, e mesmo tendo curiosidade de conhecer a escrita dela, confesso que tenho um pé atrás por saber que há bastante religião envolvida (parece que "O que eu quero pra mim" não segue muito essa regra, então estou animada para ler.). Não sei se o faria agora, mas um dia, quem sabe...
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  16. Oi Sil, tudo bem??
    Ah como assim ela largou aquela perfeição de homem, mas sinceramente pensei muito no que ela quis... as vezes sabemos quem está do nosso lado é perfeito e tudo mais... mas acontece que por dentro não estamos na mesma vibe e ela achou melhor terminar com ele do que fazer algo que ela pudesse se arrepender ou fazê-lo sofrer mais... não sei se foi isso... tirei como base o que li de sua resenha e a sinopse... parece que temos aqui um romance gostoso de ler e com algumas reflexões a serem feitas... adorei sua resenha amiga... ficou show.. Xero!

    ResponderExcluir
  17. Oi Sil! Nunca li nada da autora, mas é sempre muito elogiada, e imagino que por ser da Arqueiro já é qualidade na certa, gostei da lição que tirou, nunca é tarde mesmo, gostei do enredo, parece envolvente, fico feliz que gostou do desfecho e também da parte física! Ótima resenha! Beijos
    Paulinha
    http://overdoselite.blogspot.com.br/2015/08/resenha-dez-coisas-que-aprendi-sobre-o.html

    ResponderExcluir
  18. Eu não conhecia a autora ainda acredita? Mas gostei bastante da sua resenha, espero um dia ter a oportunidade lê-lo.

    ResponderExcluir
  19. Aiiii eu amo a Lycia, bem os livros dela pelo menos, tenho todos, menos esse dai, mas ainda faltam alguns para ler. Os que li sou apaixonada por todos, acho ela impressionante em cada livro acho que ela muda sua escrita e sempre é perfeita.
    Confesso que esse livro é o único que ainda estou receosa para ler. Não sei porque, mas algo na sinopse dele me recorda Comer Rezar e Amar, e menina como eu odiei aquele livro. Então estou com muito receio. Ler sua resenha tirou um pouco disso, espero poder lê-lo em breve. Mas de qlq forma não vou adquiri-lo por hora, preciso urgente ler primeiro o que está parado na minha estante primeiro.

    Beijosss
    Fer
    http://www.matoporlivros.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Oi Silvana, tudo bem? A Editora Arqueiro como sempre surpreende com seus títulos. Se tem algo que gosto nos livros são páginas amarelas, a sensação de folhear é completamente outra. Os livros do Alex Cross são assim e eu gosto muito. Essa capa com a cidade de Londres ao fundo é mais que perfeita, fiquei encantada com ela. Gostei muito da sua resenha, já tomei nota e com certeza vou ler. Beijos e ótima semana! Érika

    >> www.queroseralice.com.br <<

    ResponderExcluir
  21. Oi Silvana, tudo bem? A Editora Arqueiro como sempre surpreende com seus títulos. Se tem algo que gosto nos livros são páginas amarelas, a sensação de folhear é completamente outra. Os livros do Alex Cross são assim e eu gosto muito. Essa capa com a cidade de Londres ao fundo é mais que perfeita, fiquei encantada com ela. Gostei muito da sua resenha, já tomei nota e com certeza vou ler. Beijos e ótima semana! Érika

    >> www.queroseralice.com.br <<

    ResponderExcluir
  22. Ola Sil, confesso que esperava bem mais desse livro, a premissa nos convida a leitura, mas lendo as resenhas tenho certeza que a protagonista vai me irritar, não que a vida seja perfeita, mas acredito que ela criou problemas demais onde não existia. Uma pena pois eu queria ler esse livro . beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  23. Olá, boa noite!

    A premissa parece bem bacana, esse lance que envolve a amizade e as descobertas sobre si mesma, parece algo muito bacana! Quanto ao cara perfeito, algumas pessoas precisam perder para aprender a dar valor, meio que fiquei com raiva da personagem aqui, rs
    Não é um livro que eu leria no momento, mas futuramente... quem sabe. XD

    Beijo!
    Ana.

    ResponderExcluir
  24. Oi, Silvana. Tudo bom?

    Olha, eu fiquei com vontade de ler esse livro pela capa. Falo mesmo. Me lembrou "Charlotte Street" e imediatamente bateu aquela curiosidade. Mas... Autores nacionais ainda me deixam com um pouco de receio na hora de iniciar a leitura. Não sei, acho que muitos são jovens demais e não procuram mergulhar na hora de tecer a teia complexa que é a personalidade dos protagonistas.

    Como você mesma disse: ela muda, mas não existe nenhuma motivação para essa mudança. Não desmerecendo o trabalho de ninguém, o livro recebeu uma nota muito boa, então pretendo sim conhecer o trabalho da autora.

    Fernanda Oliveira | Meraki

    ResponderExcluir
  25. Esse livro é lindo, já ouvi falar dele.
    Ainda não li, mas como você se surpreendeu com a historia não devo deixar essa dica passar pois amo livros com historias que nos surpreendam. ;)
    Abraço!

    ResponderExcluir
  26. Oii!

    Não conhecia o livro, mas achei muito linda a capa e a história parece ser muito boa! Não conheço a autora, mas falam muito bem dele :) Com certeza vou colocar na listinha ^^

    Beijos, Amanda
    www.vicio-de-leitura.com

    ResponderExcluir
  27. Oieee, tudo bem? Já li um livro desta autora e ela me surpreendeu demais, adorei a escrita dela do começo ao fim. Antes de ler sua resenha não estava interessado neste livro, a capa é normal, mas só de ler a sinopse fiquei curioso, amo livros deste tipo e acho que vou amar acompanhar a viagem da Alice, vou anotar o livro na minha lista, muito obrigado pela dica, Abraços.

    ResponderExcluir
  28. Olá!
    eu amo os livros da Lycia. Estou muito ansiosa para ler ele.
    Os livros dela passam mensagens lindas de amor e crescimento.
    Sua resenha está maravilhosa.
    Beijinhos!
    http://eraumavezolivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  29. Oi, tudo bem?
    Nunca li nada da autora e estou bem curiosa para ler esse livro. A premissa é bem interessante e gosto quando o livro retrata descobertas sobre nós mesmo.

    Beijos, Gabi
    Reino da Loucura

    ResponderExcluir