03 julho 2015

Resenha - Laços de Sangue




Sydney estava encrencada. Em sua última missão, ela tinha ajudado a dampira Rose Hathaway a escapar da prisão, e essa aliança foi considerada uma traição grave, já que vampiros e dampiros são criaturas terríveis e antinaturais, ameaças àqueles que os alquimistas devem proteger - os humanos. Com sua lealdade colocada em questão, Sydney se sente obrigada a voluntariar-se para uma tarefa nada agradável - ajudar a esconder Jill Dragomir, uma princesa vampira que está sendo perseguida por rebeldes que querem o poder. Caso ela seja capturada e assassinada, a rainha Lissa ficará sem nenhum parente vivo e, como manda a lei, terá de abdicar do trono - o que culminará numa guerra civil tão sangrenta no mundo dos vampiros que certamente afetará a humanidade.Assim, pelo bem dos humanos, Sydney aceita se disfarçar de estudante e passa a conviver diariamente com Jill e seu guardião Eddie, quando os três são matriculados como irmãos no último lugar em que qualquer um procuraria a realeza dos vampiros - a Escola Preparatória Amberwood, em Palm Springs, na Califórnia. Mas entre uma pizza e outra, entre um jogo de minigolfe e uma conversa sobre garotos, ela começa a ter a sensação de que talvez esses seres estranhos não sejam tão maus assim, principalmente Adrian, um vampiro muito próximo de Jill que desperta os sentimentos mais contraditórios - e proibidos - em Sydney... O problema é que além de refletir sobre suas convicções e se preocupar com o seu coração, que anda acelerando mais do que deveria, a garota terá de encarar outros inconvenientes um pouco mais graves, como as tatuagens que viraram febre entre os alunos da escola e que parecem conferir poderes sobrenaturais a quem as usa. De que ingredientes elas eram feitas? Quem estaria por trás disso? Será que havia algum alquimista traidor entre eles? Caberá a Sidney resolver todos esses mistérios e garantir a paz entre os humanos antes que seja tarde demais.

   

Livro: Laços de Sangue
430 páginas || Skoob || Editora: Companhia das Letras || OndeComprar ||


                                                                             
- Bom - a sra. Terwilliger continuou. - A história é importante porque nos ensina a respeito do passado. E, ao aprender sobre o passado, nós entendemos o presente, para podermos tomar decisões embasadas a respeito do futuro.








Sydney está com problemas, e mesmo sabendo que deve se sentir culpada ela não se sente, ela fez o que achava certo é uma parte profunda e obscura dela não se sentir enojada por ter ajudado os vampiros e Rose, mas quando seu pai propõe que Zoe, sua irmã caçula, assuma seu lugar na Ordem dos Alquimistas ela se revolta. Ela não deixará que ele condene sua irmã a uma vida como aquela, ela fará o que for preciso para evitar isso.

E é por esse motivo que ela se encontra indo para Palm Springs fingir que é a irmã mais velha de Jill Dragomir, a única vampira que impede Lissa de ser retirada do trono. Mas a viagem está sendo bem menos prazeroso do que ela espera, afinal trabalhar com Keith não está na sua lista de dez coisas a serem feitas antes de morrer.

Porém é extremamente prazeroso ver como ele se encolhe na presença dos vampiros e dampiros, mas ela não devia se sentir assim também? Ela não deveria sentir repulsa e medo e hesitar tocar em suas mãos? Porém não é como se ela os visse como amigos, ela só sabe que Jill e Eddie não a machucariam, que eles só fazem o que é necessário para sobreviver e pronto... Mas o que dizer de Adrian? Certamente ela não deveria estar pensando que ele era provavelmente o cara mais lindo que ela já virá e como ela já esteve na presença de Dimitri isso era muita coisa, ele a faz repensar sua decisão de aceitar aquela tarefa.

Muitas coisas a fazem repensar, mas só o fato de sair de casa, estar longe de seu pai, proteger sua irmã e poder frequentar uma escola de verdade pela primeira vez fazem com que ela esqueça todas as coisas que não estão tão bem assim, ou quase todas... Há algo errado com aquela cidade e seus moradores e ela não pode ignorar isso por muito mais tempo, nem ignorar seus sentimentos...



Narrado em primeira pessoa pela Sydney a narrativa é extremamente rápida e empolgante, nos apresentando a um outro lado do mundo criado por Richelke Mead em Academia de Vampiros, pela primeira vez veremos as coisas do ponto de vista de um alquimista, de um humano que está inserido nesse meio cheio de vampiros, tramas, realeza e laços de sangue.

Eu já amava a Sydney, mesmo, ela se mostrou uma personagem intrigante e digna de atenção em Academia de Vampiros, mas agora que pude vislumbrar sua vida e mente só a amo mais ainda; foi hilário vê-la tentando conviver numa boa com os moroi Jill e Adrian e o dampiro Eddie enquanto tentava conter e alegria de ter a oportunidade de estudar numa escola normal - mesmo já tendo se formado.

- Que coisa estranha - balbuciei. - Ele tem mal gosto para filmes.
Olhei para o lado e fiquei surpresa de ver Julia com a cabeça abaixada sobre a mesa, tremendo de tanto rir sem fazer barulho.
- O que foi?
- Aquilo - ela respondei, sem fôlego. - Foi hilário.
- O quê? - perguntei de novo. - Por quê?
- Sydney, ele estava convidando você para sair!


Gostei de como ela vai quebrando tabus e preconceitos a respeito de muitas coisas e de como ela é ingênua perante pequenas banalidades do dia-a-dia apesar de já ter visto e enfrentado a morte cara a cara mais de uma vez. Ela e todos os outros personagens - pois aqui até os secundários tem um papel extremamente importante, não há personagens vazios com a Richelle Mead escrevendo -, estão imersos e evoluindo continuamente ao longo dos acontecimentos que não param de surgir, porque uma coisa eu digo, se alguém pensou que o ritmo alucinante de Academia de Vampiros estaria perdido pois a Rose não narra está muito enganado.


E curti mais ainda como há segredos e mistérios sendo descobertos e resolvidos o tempo todo, sempre com Adrian sendo...bem o Adrian - e com isso quero dizer, lindo, inconsequente, rico, irônico e divo - e quebrando um pouco a tensão que se instala no ambiente que ainda trás os problemas que fecham O Último Sacrifício.

- Ele é mesmo seu irmão? - ele quis saber.
- É, sim. - eu disse, com esperança de parecer convincente.
- Quando você disse que ele estava procurando emprego, imaginei uma versão masculina de você. Achei que ele iria querer organizar as xícaras por cores ou algo assim.

Então quem gosta de romance e vampiros, juntos, aqui tem uma ótima indicação, Richelle Mead escreve super bem e cria romances arrebatadores e verídicos, bem como vampiros sexy e que não são exatamente bons nem maus, ou seja, é uma intrigante combinação.


Já para os leitores de Academia de Vampiros essa nova saga será muito bem vinda, veremos personagens antigos em situações novas e todas muito bem vindas - pelo menos para mim que ao final de O Último sacrifício quis matar a Richelle -, é maravilhoso, instigante e mata a saudade que sentimos deles ao perceber que O Último Sacrifio era o final de uma longa trajetória - ou nem tanto assim, já que eles estão de volta!!!

Para aqueles que nunca leram, eu recomendo que leiam antes a outra saga, pois acreditem quando eu digo que há muitas coisas que só são inicialmente entendidas porque fomos introduzidos no universo e mente dos personagens anteriormente, fica a dica, e para aqueles que possam me perguntar "Mas Agatha são seis livros da série Academia de Vampiros, não é cansativo?!", eu direi que depende exclusivamente de você saber se a série é ou não do seu agrado, são seis livros? Sim, são muitas páginas com certeza, mas ao meu ver eu não tiraria nem colocaria mais nada, Richelle escreve muito bem e torna tudo bem dinâmico, eu pelo menos nunca vi ninguém empacar na leitura dela e nem reclamar...bom os que reclamaram é porque não gostam do gênero e mesmo assim embarcaram na leitura. Espero que gostem!

36 comentários:

  1. Oi Agatha..
    Eu não tenho vontade de ler essa série infelizmente ou felizmente não sei..rs Porque ainda mais depois de você citar que é recomendável ler Academia de vampiros primeiro hhaha
    Mas é uma ótima para quem gosta! Muitas pessoas amam essa série.
    Ótima resenha.

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Leticia.
      Te entendo menina, e não sei se é feliz ou infelizmente kkkk, mas espero que para você seja felizmente e obrigada, fico feliz em saber que a resenha está boa.
      Bjokas

      Excluir
  2. Oi, Agatha
    O livro me pareceu bastante interessante e acho que o leria, se aquela onda de livros sobre vampiros não tivesse acontecido e me deixado enjoada de tantos até hoje haha
    Beijos.

    http://diariodeumablogeira.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Kah.
      Então, é que eu não leio muitos livros com vampiros e aqueles que eu leio eu misturo bem com outros leituras de outros gêneros intercalando para não parecer tudo igual e eu ficar enjoada sabe? Mas cá entre nós, Richelle criou vampiros bem diferentes, alguns os amam outros os odeiam, acho que é provar uns dois capítulos para saber ;)
      Bjinhos

      Excluir
  3. Não faz muito meu estilo , mas pela sua resenha me pareceu bem interessante, confesso que até deu uma curiosidade pra ler ele
    http://eesmaltecia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie.
      Nossa fico contente em saber disso, e fica a dica para um dia então!
      Bjs

      Excluir
  4. Olá!

    Sou louca para ler essa série! Eu amei Academia de vampiros e ainda mais o Adrian! Achei super injusto o que a Rose fez com ele e seria legal ver o personagem encontrar outro alguém! Ótima resenha, adorei as fotos!

    Beijos!
    http://www.mademoisellelovesbooks.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Ana.
      Também amo essa série, e olha Bloodlines é tão bom quanto Academia e posso ser sincera? Por mais que eu ame o Adrian eu sabia que ia acontecer o que aconteceu, estava na caraaaaa, e convenhamos que o Dimitri está onde deve estar.
      E isso só confirma uma coisa, você tem que aproveitar as promoções e ler logo, você vai amaaaar ainda mais o Adrian aqui, sério, ele está perfeito.
      Bjokas e boa leitura futura!

      Excluir
  5. Nunca li nada sobre vampiros sinceramente não sei o porque. Nem Crepúsculo eu vi muito menos li. Mas bateu aquela curiosidade, gostei da capa
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A capa é linda e se você nunca leu nada do gênero aqui está uma boa recomendação para adentrar, bem melhor do que começar com Crepúsculo kkk, e olha que eu gosto da série da Stephenie Meyer.
      Bjs

      Excluir
  6. Oiiiii
    Eu já conhecia o livro pela capa, mas não sabia do que se tratava, o que é meio irônico né, já que existe a palavra sangue no titulo kkkkkkk
    Eu li poucos livros de vampiros, mas gosto muito do genero e amei sua resenha. Vou adicionar o livro na minha lista.
    Ameiiiiiii
    Beijos

    http://colecoes-literarias.blogspot.com.br/2015/07/sorteio-marcador-de-pagina-loja-mimos.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Taty.
      Que bom menina, fico feliz em mais pessoas conhecendo essa escritora incrível e seus personagens encantadores e olha, só pela capa não se sabe muito do que trata não viu?
      Bjokas e espero que adore.

      Excluir
  7. Oi Agatha!
    Eu adorei Academia de Vampiros e a Sydney foi uma personagem que me deixou intrigada, eu já tenho os dois primeiros livros da série e estou bem ansiosa pela leitura! E claro, quero rever o pessoal de VA #saudades rs. Espero gostar do novo enredo *-*
    Beijinhos,
    Andy - StarBooks

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hey Andy.
      Menina você vai amar, sério. Só tenho isso a dizer. <3
      Bjokaaas

      Excluir
  8. Olá, tudo bem?

    Eu conheço a capa, mas não sabia que tinha a ver com Academia de Vampiros. Adorei. O bom que irei começar Academia este mês, se eu gostar da série. com certeza lerei esta também.

    beijos

    http://www.livrosfilmeseencantos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tudo sim e com você?
      Nossa que legal, depois me conta o que achou da série sim? Espero que adore e se veja bem envolvida!
      Bjs e boa leitura.

      Excluir
  9. Gostei bastante da sua resenha, mas infelizmente o livro nao faz meu estilo literário, então pouco provável que eu um dia leia ele.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Aline.
      Obrigada e fica a dica, quem sabe um dia não?
      Bjs

      Excluir
  10. Eu li Academia dos Vampiros e tenho muita vontade de ler essa série que é focada na Sydney. Gosto muito dela e o que falar do nosso galã Adrian? hahaha Espero poder ler em breve! Bjos

    Tici | www.bibliophiliarium.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Tici;
      Olha tenho muitas coisas a falar do Adrian viu menina kkkk, mas deixa isso para uma outra hora.
      Espero que possa ler logo.
      Bjokas

      Excluir
  11. Oi Agatha, eu sou louca para ler essa série, já li a série inteira de Academia de Vampiros e sou apaixonada por ela, estou morrendo de saudade dos personagens! Adorei sua resenha, e com certeza irei atrás dessa série para ler e acompanhar, sempre ouvi falar muito bem dela!

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Kétrin.
      Nossa menina não sabia que você gostava dessa série, aí que amorzinho. Ela é maravilhosa, pode ir sem medo que você vai amar tanto quanto Academia e ainda mais por rever boa parte dos personagens.
      Bjokas.

      Excluir
  12. O livro não faz bem o meu estilo literário preferido mas pelo que li na sua resenha é um livro que quebra tabus e apenas por esse fato já faz com que eu me interesse pela leitura.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lucas.
      Fico contente em saber que você tenha se interessado, as vezes é bom ler algo que não faz muito nosso gênero. Se vier a ler espero que goste e depois me conte o que achou da leitura.
      Bjs

      Excluir
  13. Olá!!

    Morro de vontade de ler essa série, mas queria ler primeiro Academia de Vampiros. Por isso estou enrolando para comprá-la e começá-la. Adorei a sua resenha! Fiquei com mais vontade de lê-lo ainda.

    Beijos, Rob
    www.estantedarob.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Roberta.
      Espero que possa ler logo, te desejando uma mega leitura, porque são muitos livros kkkk. E obrigada, faço com carinho.
      Bjs

      Excluir
  14. Oi oiii!
    Nunca li Academia de Vampiros mas tenho muita vontade. No último mês tive a oportunidade de ler um livro que trata de vampiros e fiquei bem curiosa pra conhecer mais.
    Legal que saber que tem esse outro livro de outro ponto de vista, e que é tão bom quanto os outros. Gostei também de saber sobre toda essa quebra de tabus e tudo mais.
    Espero poder ler Academia de Vampiros e Laços de Sangue em breve, acho que vou gostar....
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hey Gab.
      Nossa, fico contente com isso, mesmo. Te desejo uma boa leitura.
      Bjs

      Excluir
  15. Oi, Agatha!

    Olha, morro de vontade de ler essa série, mas ainda não terminei Academia de Vampiros. Btw, é uma série muito subestimada e tenho vontade de falar para todos os meus amiguinhos lerem. Sei que essa também deve ser incrível porque a Richelle é incrível, duh.

    Meraki

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Fernanda.
      Menina eu também acho ela subestimada, muitas pessoas a quem eu indico torcem o nariz, aí quando lê, vem correndo pedindo o próximo... Eu fico "Te falei que era bom!". E concordo a Richelle é ótima, pretendo ler os outros livros dela além de Academia e Bloodlines, mas vou esperar acabar primeiro kk.
      Bjs

      Excluir
  16. Já li bastante coisa boa sobre as obras da autora e, apesar de não ser fã de vampiros (especialmente os modernos) tudo me leva a crer que o talento é inegável. Fico feliz que tenha gostado da leitura Agatha!

    Saudações,
    Ace Barros
    Capitão do drakkar Interlúdio, navegando pelo Multiverso X
    multiversox.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Ace.
      Então, a Richelle é fantástica escrevendo, isso eu não nego, mas há pessoas que eu conheço que dizem que os vampiros dela são meio assim, eu discordo, para mim vampiros meio assim são os de Crepúsculo - que como vampiros deixam a desejar-, coisa bem diferente dos dela, que tem todo um contexto e são sim remodelados, mas ainda sim fiéis o bastante para mim não reclamar.
      Espero que tenha a oportunidade de conhecer o trabalho dela um dia. E claro que gostei, fui eu que escolhi! E a maioria dos livros que eu escolho, eu gosto.
      Bjs

      Excluir
  17. Nunca mais li um livro que tivesse vampiros, acho que porquê me arrependi por ler diários do vampiro. Com certeza estou interessada nessa estória tão diferente de outras estórias de vampiro, e outra que a seguinte sempre publica livros que eu amo, nunca li um deles que me decepcionasse. Amei os quotes e tudo mais, essa série de livros está bem famosa.
    Beijos, Carol.
    http://anamatosferreira.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai Carol que morte horrível... Diários de um vampiro só se for a série menina, não sei o que a autora faz mas ela consegue bagunçar toda a obra dela, parece que ela tece um estória boa, joga no liquidificador e mistura tudo para depois mandar para a gráfica kkkkk.
      Não se deixe morrer para esse gênero por causa dela, há livro ótimos de vampiros por aí, esse resenhado é só um deles.
      Bjokas e espero que se dê uma segunda chance.

      Excluir
  18. Só li o primeiro livro de Academia dos vampiros, achei que não iria gostar mas até que foi boa a leitura, mas até hoje não prosegui com a série. Quem sabe um dia eu volte a ler. Bjs

    ResponderExcluir
  19. Olá. Confesso que nunca pesquisei muito sobre esta série mesmo achando as capas incríveis. No momento eu não leria por ter outras séries e trilogias que estou ansiosa para ler, mas a premissa desse é bem interessante e quem sabe futuramente eu dou uma chance.
    Beijos e sucesso.

    ResponderExcluir