Resenha - Os Irmãos de Gelo #1



Título: Os Irmãos de Gelo
Autor: Leandro V. Silva
Editora: Autografia
Cortesia: Autor Parceiro
N° de páginas: 340
Skoob
Onde comprar: Amazon / Submarino
Em um futuro não muito distante, roger e romeo são irmãos gêmeos que foram separados ao nascer. Já adolescentes, estão novamente juntos, mas o relacionamento deles não é dos melhores e os dois quase não se falam. Até que uma caixa com um objeto, uma foto e um bilhete é deixada na caixa de correio para roger e coisas misteriosas começam a acontecer. Na tentativa de descobrir a origem do objeto e do poder que ele possui, roger e romeo, em meio a diversos acontecimentos, seguem por caminhos diferentes e encontram pessoas que podem revelar o que está acontecendo, mas que também trazem informações que os farão desconfiar de tudo que sabem sobre sua família, de si mesmos e do mundo que conhecem.


‘’Em Os Irmãos do Gelo’’ conheceremos a dupla Roger e Romeo, dois irmãos e nossos protagonistas. É gente, nesta obra teremos dois personagens principais para acompanhar. Além de gêmeos, nossos heróis foram separados após o nascimento e desde então seguem caminhos distintos e com suas respectivas personalidades, que de gêmeos não tem nada. Certo dia, Roger recebe uma mensagem não identificada que dizia para que olhasse a sua caixa de correio.  Então, curioso, correu para ver do que se tratava e levou o embrulho para dentro de casa.

‘’ Um pacote? Quem será que o deixou aqui? – pensei curioso. Não poderia ser o correio, pois não tinha identificação, selo, nada que mostrasse ser uma entrega. Olhei para o alto para ver se via algum drone de entrega, mas não vi nada.’’

Assim que abre o pacote, se depara com uma caixa de madeira junto a um bilhete que lhe informava ser um presente para aqueles que herdaram o poder e também uma foto e um chaveiro que tinha a forma de um cubo de gelo. Na mesma hora, Roger não deu tanta importância, pois não tinha ideia do que se tratava, mas logo em seguida recebeu uma ligação surpreendente do seu avô, Charles, lhe dizendo para visita-lo e levar o objeto, pois lá ele explicaria tudo e sanaria quaisquer que fossem as suas dúvidas.

Mas antes que isso acontecesse, Roger acaba descobrindo que o chaveiro, que parecia apenas um chaveiro comum, pode se tornar uma arma. Arma esta que acaba liberando um vapor gelado pelo quarto e que o deixa bastante inquieto e ao mesmo tempo surpreso.

‘’O pequeno chaveiro se transformou em uma espécie de faca e seu formato de cubo de gelo ficou na ponta do cabo por onde segura. Sua lâmina parecia bem afiada, mas passando meu dedo sobre ela, cada vez com mais força, não me cortava e imaginei que talvez, ela fosse cega. Passei sua lâmina no colchão e ela cortou feito uma faca afiada cortando sushi’’

Imaginando o que tudo aquilo significava, Roger arruma as suas malas e vai à Nova Iorque, onde seu avô reside. Para trás, ele deixa um bilhete para Clara e para seu irmão Romeo, que logo percebe que há algo de muito estranho acontecendo.

‘’Não acreditei no que vi. Meu irmão Roger com uma faca nada normal. Havia ouvido um barulho estranho vindo do quarto do Roger! Quando saí do meu quarto, eu o vi através da porta entreaberta de seu quarto, fazendo uns movimentos estranhos com aquela arma. ’’
‘’Minha vontade era entrar e saber o que estava acontecendo, mas não tive coragem ’’

Assim que Roger sai de casa, Romeo resolve ir atrás para evitar que ele faça alguma bobagem, porém ele é impedido pelo seu vizinho, o Sr Wood, lhe dizendo para que aguarde o retorno de seu irmão, pois ficará tudo bem. Então, Romeo, estranhando bastante a intromissão, acaba não dando muito ouvidos, porém ele volta atrás assim que o Sr Wood faz um comentário sobre sua mãe que o deixa paralisado, pois ele sempre quis saber o que houve em seu passado, já que nem o seu próprio pai foi capaz de comentar o que realmente aconteceu para que ele tivesse sido separado de seu irmão ao nascer.

Então, além de ouvir o vizinho, Romeo também busca investigar os mistérios que envolvem o seu passado e o do seu irmão, pois até então nada foi absolutamente esclarecido. 



Apesar de não se darem muito bem, Roger e Romeo acabam descobrindo que a arma em suas mãos além de ser poderosa, se chama ikihatsunukishi e que ela não é a única existente, pois em outras partes do mundo, ainda há outros descendentes que portam as mesmas armas e que podem ativa-las para se defender de futuras ameaças que querem destruir o seu planeta. 

Assim, com inúmeras surpresas, Roger e Romeo terão que aprender a conviver juntos por um propósito maior, mas também contarão com a ajuda de novos amigos que lhes darão mais detalhes de todos os perigos que os ronda. Treinamentos serão necessários para se defenderem de forças malignas e então terão que aprender a usar os seus poderes. 

Mas fiquem sabendo que a história não para por aí não! Então não deixe de ler essa obra incrível, porque com certeza você irá se envolver do começo até o fim das páginas!




[- Minhas Impressões -]

Para começar, estou gostando de sair um pouco da minha zona de conforto. Isto está me permitindo ter uma visão mais ampla de outros universos literários. Ficção é uma ótima pedida e com essa obra com esse enredo, ajudou e muito. Com pitadas de mistério e ação, e também com um toque de tecnologia, o livro me levou para outro âmbito de leitura onde eu gostei muito. Atraiu-me bastante o estilo inovador do autor.

Com o passar das paginas, eu me peguei imaginando como seria toda essa tecnologia no nosso dia a dia. Tenho certeza que facilitaria muito nossas vidas. Porém, eu acredito que isso de alguma maneira está para mudar futuramente e me parece que em alguns lugares já começaram a ter algumas coisas do tipo, por isso, vou até deixar um vídeo bastante interessante sobre isso logo abaixo para que vocês possam conferir. Vale muito a pena! (Esse vídeo não é da autoria do autor ok? Meu irmão me mostrou e eu peguei no Youtube para compartilhar com vocês.)




A trama toda é muito interessante mesmo, de nos prender a leitura de um modo que não se vê o tempo passar. Adoro quando acontece isso. A narrativa é bastante envolvente e fluida. O autor consegue aguçar nossa curiosidade de uma maneira inesperada. É muita surpresa que não tem como não querer seguir em frente. A todo o momento ficamos nos perguntando o porquê de ambos estarem destinados para algo que até então desconheciam completamente, porque queremos saber o tempo todo que rumo a história vai nos levar.

Quanto aos diversos personagens secundários apresentados, confesso que os adorei, porque cada um complementa a obra com o seu ponto de vista e isso ajuda muito a resolver os enigmas que vão surgindo durante os capítulos. Todos ali têm lá seus segredos e mistérios, mas também tem uma grande importância na vida dos gêmeos e de outros garotos que tem o mesmo poder em relação à arma especial.



Outro ponto que achei muito bacana, foi ver o personagem Romeo ser tão fascinado pela tecnologia e querer aprender e melhorar cada vez mais os seus conhecimentos. Ele é muito inteligente e dedicado. Identifiquei-me muito com ele. Já seu irmão Roger, percebi que ele é mais na dele, gosta de jogar games e se preocupa bastante com o seu relacionamento amoroso até certo ponto, que, aliás, quero avisar que o Romance aqui não é o principal foco. Só que tenho que confessar aqui que esse personagem foi o que menos gostei, porque ele ficou um pouco apagado durante a história e então deixando uma parte do protagonismo para seu irmão Romeo e ao seu novo amigo Mitsuaki que acabam se envolvendo em algumas aventuras juntos e enfrentando alguns perigos desconhecidos.

Agora vamos aguardar os próximos acontecimentos, pois apesar do livro ter um desfecho bem satisfatório e um universo bastante diferente de tudo que já li, ainda quero saber qual será o destino de cada um dos personagens e que outros perigos eles ainda terão que enfrentar.

Com toda certeza é um livro para aqueles leitores que gostam de tudo que envolve tecnologia, mistério e ação! Recomendo a leitura !


Categorias:

Um comentário:

  1. Em primeiro lugar preciso elogiar o jogo de imagens com a resenha! As cores(foco no azul) ficaram lindas demais e combinando certinho com o livro.
    Ainda não tinha lido nada a respeito desta obra e mesmo não sendo tão fã de ficção científica, gosto demais de enredos leves e bem juvenis.
    E poder ver um pouco da vida e dos acontecimentos na vida dos dois irmãos, agradou bastante.
    Fora a parte da aventura e do mistério que ambos encontrarão nesta jornada, acredito que venha também um pouco de descobertas em ambos, o lance família mesmo e isso é outro ponto importante!
    Literatura nacional mostrando seu valor!!!
    Com certeza, o livro vai para a lista de desejados.
    Beijo

    ResponderExcluir