16 maio 2016

Resenha - Maria e a magia das rosas







Uma história sentimental, onde um pai se vê sozinho com os seus três filhos menores, após a sua esposa ter falecido, vivendo uma situação económica muito dramática.
Maria, uma menina que acredita muito nas histórias de magia que a mãe lhe contava antes de falecer, resolve com os seus sonhos e coragem ajudar a sua família. Por ser uma criança tão humilde e de coração puro, é a escolhida por uma velhinha, de seu nome Esperança, para dar continuidade aos sonhos da humanidade. Para isso, terá que a ajudar nas terras encantadas e, sem ninguém esperar por tal, terá de enfrentar o terrível feiticeiro Pesadelo que vive nas terras cinzentas e que ambiciona acabar com todos os sonhos.
Maria sabe que todas as noites, quando todos estiverem a dormir, tem uma missão para cumprir…
Esta história tem como objetivo incentivar todas as pessoas para que nunca percam a esperança que vive em cada um de nós. Hoje, podemos estar a viver um grande pesadelo, mas amanhã podemos quebrá-lo com um sonho tornado realidade.


Livro: Maria e a magia das rosas
83 páginas || Cortesia: Chiado Editora || OndeComprar








Depois da morte da mãe, um pai se vê perdido em meio à tristeza e os cuidados da casa e dos dois irmãos menores que acaba ficando por conta da irmã mais velha e que também não passa muito de uma criança. A família se vê em uma situação ainda mais complicada quando o estoque de mantimentos começa a acabar e o pai não plantou nada. Maria, a menina mais nova, mesmo com as dificuldades não deixou de acreditar na magia dos contos que sua mãe costumava contar...

Em um dia que parecia comum, Maria está indo para a escola, sozinha, já que o irmão a deixou para trás, quando algo estranho acontece: ela vê uma pequena criatura que poderia ser um duende. A garota, sem medo, o segue e acaba descobrindo que o universo mágico realmente existe e que ela poderia melhorar a situação de sua família ajudando aqueles seres. É assim que começa a aventura de Maria por um mundo maravilhoso, mas que também é cheio de perigos.


"Outrora, os campos à volta da casa eram verdes, os celeiros estavam sempre cheios, agora, pairava o vazio, mais a tristeza escrita na face daquelas crianças."
Uma estória infantil cheia de magia, mas que traz lições sobre a importância da união da família e sobre acreditar em seus sonhos. “Maria e a magia das rosas” foi uma leitura leve que me recordou dos clássicos contos de fadas.

Tudo começa com Maria e família, eles estão passando por dificuldades financeiras desde a morte da mãe e o desânimo do pai fica bastante evidente. A única que continua acreditando que algo bom pode acontecer é a pequena Maria e por isso não pensa duas vezes antes de aceitar ajudar os duendes, ainda mais sabendo que toda sua família poderia ser recompensada pela boa ação. Para isso, sua primeira tarefa seria vender algumas rosas mágicas, em um lugar onde a maioria das pessoas já deixou de acreditar que a magia existe.

A protagonista realiza uma série de tarefas e aos poucos vai se acostumando com a dinâmica desse novo mundo que descobriu e com as diferentes criaturas que fazem parte dele. O problema é que o lugar está ameaçado por um feiticeiro que não quer deixar que os duendes façam seu trabalho. Assim, Maria tem que se preocupar com sua família e com os novos amigos.

"Tomás, sabes o que eu penso? Temos de acreditar sempre que tudo é possível! Todas as pessoas têm sonhos e eles podem tornar-se realidade, basta acreditarem!"

Essa foi uma leitura extremamente rápida, mas nem por isso menos encantadora. Eu sempre gostei de enredos como esse, com certa nostalgia das estórias de criança. Maria é uma personagem muito fofa e a forma como ela não desistiu de acreditar na magia e como esperava que tudo desse certo mesmo diante de situações difíceis me fizeram gostar dela, ainda mais por ter apenas oito anos.

A narrativa é em terceira pessoa, acompanhando principalmente a protagonista e com um narrador como na grande maioria dos contos de fadas. A estória foi bem desenvolvida em sua maior parte, sendo que o final ficou um pouco corrido e deixou algumas pontas soltas, o que poderia indicar uma continuação, mas não encontrei nada sobre isso.


A diagramação da Editora Chiado está uma graça: a capa tem tudo a ver com a estória e o interior do livro ainda tem algumas ilustrações muito bem feitas. As páginas são amareladas e a fonte é um pouco maior que o comum. Um detalhe é que o livro é escrito no português de Portugal, que tem algumas expressões diferentes das que usamos aqui, mas nada difícil de entender.

28 comentários:

  1. Oi Evelise, infelizmente esse livro não chamou a minha atenção, nem pela capa, pela sinopse ou por sua resenha. Não é uma história que, no meu ponto de vista, seja muito envolvente. O que mais me intrigou mesmo foi o fato de ter essa sensação de tramas infantis, pois gosto desse estilo.
    Beijos, Fer

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      Para quem gosta desse estilo de trama mais infantil é uma boa indicação. É uma pena que o livro não tenha chamado sua atenção...
      Beijos!

      Excluir
  2. Oi Eve, tudo bem?
    Esse livro parece ser uma fofura!
    Adoro leituras que nos remetem aos contos de fadas, pois sempre me deixam super saudosa da minha infância.
    Achei a premissa da história bem fofinha e a diagramação parece realmente estar linda.
    Acredito que seja uma ótima leitura para quem está procurando uma história leve e encantadora.


    Beijos :*
    http://www.livrosesonhos.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      É uma graça de livro mesmo, as ilustrações são muito bonitas!
      Beijos!

      Excluir
  3. Olá, mesmo você tendo essa impressão boa do livro ele não conseguiu me despertar interesse. Não gostei muito da capa e a história não me atraiu, mas acho que a diagramação deva estar bem bonitinha mesmo, pela foto que você postou e pelo que você falou, eu acredito que sim.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      Que pena que o livro não despertou seu interesse, mas entendo que não seja um estilo de livro que agrade a todos :)
      Beijos!

      Excluir
  4. Oi Eve, só de ler a sua resenha fiquei encantada com a Maria e com a facilidade que ela teve em acreditar na magia. Também aprecio enredos infantis para poder indicar para minhas sobrinhas e meu filho.
    Gostei bastante!!!
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      Ultimamente eu tenho lido vários livros infantis para o meu irmão, é ótimo achar novas indicações :)
      Beijos!

      Excluir
  5. Oie Eve, que livro mais lindo, fiquei encantada com sua resenha e as fotos que tirou do livro. Nossa quero um exemplar desse imediatamente. Vou poder sentar com meu filho e ler para eles. Tenho certeza que vão se encantar tanto quanto eu! Eu adoro livros infantis justamente porque com eles posso ter esses momentos em família...
    Outra coisa que achei linda foi a capa e a achei bem condizente com a história pelo que nos contou da sua resenha.
    Adorei.
    Bj

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      Eu também gosto de ler para criança, no caso meu irmão, mas ele ainda é meio pequeno para esse livro... A capa é lindinha e tem mesmo a ver com a história.
      Beijos!

      Excluir
  6. Oie!
    Que diagramação linda! Com certeza, deve ter uma história linda e emocionante, e ainda evidenciando a importância da família. Fiquei encantada com essa trama, e estou curiosa para conferir.
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      A diagramação é mesmo linda :)
      Que bom que você ficou curiosa, espero que consiga ler logo.
      Beijos!

      Excluir
  7. Oi Eve,
    nunca li nada nem de longe parecido com a história dessa garotinha e apesar de não ser adepta da leitura infantil, acredito que daria uma chance a essa história, nunca li nada dessa editora, mas os frequentes elogios que ando lendo a respeito de suas obras me faz querer mudar isso em breve, pelo que pude perceber eles trabalharam com maestria na diagramação desse livro, sendo esse mais um ponto que me atrai para essa leitura.

    Abçs
    Nosso Mundo Literário

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      O enredo é bem diferente mesmo, lembra contos de fada, mas tem uma história única :)
      A editora é muito boa, nunca tive problemas com seus livros, sem contar que alguns deles tem diagramações muito lindas.
      Beijos!

      Excluir
  8. Achei bem fofo a premissa!
    Não sou de ler livros assim, mas gostei da diagramação e parece ser uma leitura bem fluída e boa de ler!
    Pelo que você disse, a capa super combinou com a trama, e eu achei linda!
    Assim que tiver a oportunidade, lerei!

    Virando Amor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      É uma leitura bem fluida mesmo, espero que você consiga ler logo!
      Beijos!

      Excluir
  9. Oi Eve
    Adorei a capa e o título logo de cara. Ao ler a sinopse fiquei ainda mais interessada.
    Que livro lindo e emocionante. Você conseguiu passar muita coisa em sua resenha e estou muito curiosa para conhecer esse livro de perto. Dá para perceber o quanto ele se tornou especial e o cuidado que o envolve. Nem preciso dizer está um amor.
    Adorei a resenha <3
    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      A capa foi a primeira coisa que chamou minha atenção também :)
      Fico feliz por ter conseguido passar o que senti com a leitura.
      Beijos!

      Excluir
  10. OiiI!

    Eu não conhecia esse livro e gostei bastante dessa capa <3 Muito linda!! Ainda não li nada em português de portugal e tenho um exemplar aqui e bastante curiosidade. A leveza da obra é extremamente importante!
    A obra é curiosa e eu gosti bastante!

    Vou tentar ler em breve!

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  11. Olá!!

    A Chiado tem livros lindos né?! Esse eu nunca tinha visto!
    Estou apaixonada pela ilustração!! Tem várias?
    Amei a história, claro, algo para ler para as crianças (não é o gênero que gosto de ler durante o dia rs), vou anotar o nome para guardar na bibliotequinha do meu filho, que ainda não lê!
    Gostei da resenha, explorou bem todo o conteúdo!

    Bjus
    Blog Fundo Falso

    ResponderExcluir
  12. Oi!
    Não sabia que a Chiado tinha livros um pouco mais infantis, e principalmente de releituras de contos de fadas.
    Pelo jeito a protagonista é bem fofa, e deve ser um encanto acompanhar a história pelos olhos dela.
    Adorei as mensagenns que o livro trás e principalmente as ilustrações lindas

    ResponderExcluir
  13. Oi, Eve! Eu ainda não conhecia esse livro, mas achei sua resenha encantadora e fiquei com bastante vontade de ler. Também gosto muito dessas histórias estilo conto de fadas e no começo eu pensei que fosse recontar a história de "João e Maria", então me surpreendi ao ver que toma seus próprios rumos. Parece que a autora construiu um enredo bem interessante. Depois de ver a linda ilustração então, fiquei ainda com mais vontade de conferir! Obrigada pela dica. Beijos!!

    ResponderExcluir
  14. O plot me lembou muito o das fábulas infantis, me corrija se estiver errada, chegou a me lembrar muito João e Maria. Amei a parte interna do livro, gostaria de ver mais algumas imagens. O bom é que é um livro curtinho, dá pra ler numa sentada. Olha, fiquei bem curiosa pra conhecer essa história também.

    ;D
    Nelmaliana Oliveira

    ResponderExcluir
  15. Oooi
    Não conhecia o livro, embora seja uma história aparentemente bem leve e encantadora, não me atraiu muito. Nem sei o porque! Acho que não chamou anto minha atenção.
    Mas por ter poucas páginas e ser bem desenvolvido daria uma chance, quem sabe gostaria.

    Beijoos!
    http://estantemineira.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Oi, tudo bem?
    Eu adoro historias infantis e mais ainda essas com um ar de contos de fadas, mas eu não conhecia esse titulo ainda e justamente por isso fiquei bem animada com seu post. Imagino que deve ser bem bacana acompanhar a protagonista, ela parece ser uma fofa e toda essa esperança dela deve ser inspirador. Enfim, gostei muito da dica, espero um dia ler o/

    Beijos :*

    ResponderExcluir
  17. Oi Eve, eu não conhecia esse livro ainda e confesso que sua resenha me deixou bem curiosa. Apesar de eu não gostar muito de ler os livros escrito no português de Portugal, devo confessar que esse em especial chamou minha atenção pela trama. Espero ler ele um dia desses.

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir
  18. Oi Eve.

    Adoro esses livros com pegada infantil e caramba que diagramação lindaaaaaa. A estória em si me deixou curiosa pois amo esse genero e saber que é bem encantadora me deixou ainda com mais vontade. Só essa capa que não curti muito mas com toda certeza leria.

    Bjos
    http://rillismo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Oieeee
    Tudo bom? Eu achei a trama super fofa, já que adoro fantasia, fico aqui imaginando que Maria mesmo sendo pequena é bem madura e sabe que sua ajuda é fundamental tanto para sua família, quanto para aqueles seres mágicos. Fiquei fascinada.
    Beijos

    ResponderExcluir