15 abril 2016

Resenha - Minha Vida Fora de Série 1ª Temp.





Mudar de cidade sempre é difícil, mas fazer isso na adolescência é algo que deveria ser proibido. Como começar de novo em um lugar onde todos já se conhecem, onde os grupos já estão formados, onde ninguém sabe quem você é? A princípio, Priscila não gosta da ideia, mas aos poucos percebe que pode usar isso a seu favor, tendo a chance de ser alguém diferente. Mas será que o papel escolhido é aquele que ela realmente quer representar? Aos poucos, Priscila percebe que o que importa não é o lugar, e sim as pessoas que vivem nele. E que, além da nova cidade, há algo mais importante para se conhecer: ela mesma.
Quem gosta da série Fazendo meu filme não pode perder o livro de estreia desta nova série de Paula Pimenta. Situado no mesmo universo ficcional, temos a oportunidade de acompanhar alguns dos nossos já adorados personagens, três anos antes de a história de Fazendo meu filme começar.

Livro: Minha Vida Fora de Série - 1ª Temporada
408 páginas || Skoob || Editora: Gutemberg || Onde Comprar








Priscila é uma adolescente que sente que está vivendo o pior momento da sua vida pois seus pais acabam de se separar e ela terá que se mudar não só de cidade, mas como de estado indo de São Paulo para Belo Horizonte. Ela terá que abandonar as amigas queridas e sua escola do coração para ter que começar do zero. Madura pra sua idade ela entende que por mais que as coisas estejam ruins, pior está pra sua mãe, e por isso, acaba que engolindo seus sentimentos e a apoia como ela merece.

Mergulhada em tristeza, Pri ganha de presente de aniversário um box da série Gilmore Girls sendo essa a percursora de seu vício em séries. Sem conhecer ninguém na cidade além de sua prima Marina elas começam a frequentar o club onde todo o pessoal vai. Numa dessas visitas ela conhece o sedutor e muito mais velho Marcelo chamando atenção de todas as meninas do club. Apesar dos seus 13 anos Priscila investe pesado em conquistar o rapaz, o problema é que quando ela começa a perceber que de príncipe ele não tem nada, pois está mais para sapo do que qualquer outra coisa.

Desiludida com sua paixonite frustrada ela começa a frequentar a nova escola e logo no seu primeiro dia de aula ela conhece Rodrigo que chama sua atenção por se parecer muito fisicamente com o Marcelo. Priscila deixa de lado sua curiosidade e começa a conhecer o garoto sensível que toca bateria e escreve poesias descobrindo que o amor é possível aos 13 anos.


[ - Minhas Impressões - ]

Paula Pimenta é uma das minhas autoras favoritas e também responsável por quebrar de vez meu preconceito com literatura nacional. Antes de ler seus livros tinha para mim que todo livro brasileiro era sem graça e chato mas uma amiga me indicou seus livros e mesmo torcendo o nariz resolvi ler, hoje indico suas estórias para todos que conheço.


Minha Vida Fora de Série é um spin-off de Fazendo Meu Filme onde a maior parte dos personagens do livro se encontram aqui dando aquela nostalgia gostosa de rever aqueles que aprendemos a amar. O livro é narrado em primeira pessoa pela Priscila que tanto ajudou Fani nos momentos mais decisivos só que agora podemos conhecer sua estória desde o comecinho quando ela tinha apenas 13 anos e estava triste por mudar de cidade.

No começo achei que iria estranhar essa mudança de personagens principais e ainda mais pela Pri ter 13 anos, achei bem novinha pra começar um namoro e em algumas atitudes fiquei com vontade de dar um chacoalhada para ela acordar, mas ai lembrava que ela era uma adolescente e como tal fazia besteira. Priscila tem um senhor temperamento acompanhado de uma senhora impulsividade em tudo que faz, se ela acerta é com muito louvor mas também se erra é pra morrer de desgosto e mesmo ela sendo toda doidinha é uma menina doce que ama os animais e apaixonada por toda série que começa assistir, acho que nunca torci tanto para as coisas darem certo para uma personagem como torci por ela.


Em contrapartida o Rodrigo é totalmente diferente, enquanto ela é toda dada ele é calmo e sossegado, as vezes até mesmo passando despercebido pelas pessoas, mas guarda dentro de si uma alma tão doce e romântica que ficava suspirando enquanto lia e partia meu coração a intensidade com que ele sentia as coisas ruins que aconteciam. Adorei poder conhecer o melhor amigo do Leo que tantos conselhos bons deu e agora vemos o contrário.

O romance é fofo e em algumas cenas bem bobinhas digna de filmes água com açúcar, mas essa é a magia que a Paula Pimenta tem sobre seus livros, ela consegue tornar algo clichê em grandioso e maravilhoso de ser lido e mesmo eu com os meus 23 anos suspirei de amores por um romance juvenil de um casal de 13 anos, já dá pra imaginar como ela é incrível no que faz não é mesmo?



Para mim que sou mega fã de FMF fiquei extasiada com cada menção dos personagens e ver a fase teen deles. Podemos ver o momento em que a Fani surge na vida do Leo. Um dos maiores pontos positivo da estória é sua narrativa fluída e mesmo sendo previsível ficamos de boca aberta quando acontecem os fatos sentindo tudo o que os personagens sentem e até mesmo tendo a vontade de consola-los. Sou toda elogios como vocês podem perceber e mesmo receosa foi um grande presente da autora essa série, ainda não estava preparada para me despedir dos personagens e revê-los nessa obra só provou isso.


A diagramação do livro está impecável com letras em tamanho ideal para uma boa leitura, já em todo começo de capítulo é trazido uma citação de alguma série que a Pri assistia. A arte da capa também está espetacular sendo que gosto bem mais das capas dessa série do que da primeira, minha única reclamação é quanto ao uso de folhas brancas e meio transparentes, mas não chegou a prejudicar a minha leitura, mas com toda certeza seria bem v

Recomendo recomendo o livro sem pensar duas vezes, porque ficou claro pelas minhas impressões né? Amo as estórias que a Paula desenvolve, onde o bem sempre vence e o mal, mesmo quando as coisas estão realmente ruins, tudo pode acontecer e mudar nossas vidas, elas me dão esperanças e me fazem sonhar. Tenho muito orgulho de termos uma autora nacional tão talentosa no nosso pais e merece todo crédito e respeito por seu trabalho.

17 comentários:

  1. Oi Stefani, tudo bem?
    Eu já li todos os livros de Fazendo meu filme e adorei, mas infelizmente ainda não tive a oportunidade de conferir os títulos de Minha vida fora de série. Estou ainda mais empolgada porque já conheço a protagonista, o que motiva ainda mais a querer conhecer suas experiências. E não tem coisa melhor do que rever nossos personagens em um spin-off. Suas impressões ficaram bem claras sim, sobre o quanto você recomenda o livro, e é claro que tenho muitas expectativas sobre essa leitura. Espero mesmo ler em breve, porque assim como você, eu também sou muito fã da Paula. Vou confessar que está na minha lista de aniversário (hahaha, faço agora em maio por isso já estou avisando a família né)
    Beijos, Fer ♥

    ResponderExcluir
  2. Oi Stefani, nunca li nada da Paula Pimenta e acho que vou começar a conhecer a autor através desta serie aqui, não da outra mais famosinha. É bem bacana quando a autora revisita determinados personagens, em outros livros. Fiquei imaginando a sua reação ao reconhecer os personagens do FMF, neste enredo aqui.
    Dica anotada e espero ler em breve!!!
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Oi Stefani!
    Sou suspeita para falar, já que amo os livros da Paula Pimenta, mas gostei muito da sua resenha! Faz um tempo que li Minha vida fora de série, quando já gostava muito de Fazendo meu filme, e me surpreendi mais uma vez com a habilidade da autora de criar romances para fazer qualquer um suspirar. Eu também achava a Priscila muito nova para namorar, mas o desenvolvimento da história é tão bom que não tem como não torcer pelo casal. Isso sem contar que o Rodrigo é mesmo um fofo!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Oi Tudo bem,

    Achei a sua resenha bem interessante, enumerou legal os pontos que você mais curtiu na leitura, mas infelizmente essa série não é pra mim, não consigo me animar a fazer esse tipo de leitura, não me animo mais com romances adolescentes, assim super doces e etc. Isso pra mim é algo tão fora da realidade que simplesmente não me permite criar expectativas em torno da leitura.
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Oii,

    Nossa, a Paula arrasa! sou muito fã dos livros dela, sempre atraindo o público adolescentes, e adultos, com um toque de leveza e amor! Sou doida pra ler a série! Já li fazendo meu filme e é maravilhoso. Não vejo a hora de ler, e a sua resenha só deixou eu mais empolgada, rsrs

    beijos
    http://apaixonadaporleiturass.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Olá Stéfani,
    Também sou toda elogios para esse livro. Quando li tinha 23 anos, assim como você, e suspirei demais. Ainda não li FMF, mas tenho muita curiosidade.
    Acho que a Pri foi uma personagem bem construída apesar de, no começo, ter me irritado com ela. Estou lendo a segunda temporada e adorando, pois é de uma fase da minha vida que gostei demais. O Rodrigo é um lindo e eu queria MUITO tê-lo como namorado rs.
    Parabéns pela resenha incrível <3
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  7. Faz tempo que quero ler qualquer um dos livros da Paula Pimenta e quando vi a sua resenha, fiquei toda contente. Por incrível que pareça eu ainda não havia lido nenhuma, só sabia das histórias de ouvir falar. Adorei as suas impressões e gostei bastante do enredo, às vezes faz um bem tremendo ler algo assim mais leve e divertido.

    ResponderExcluir
  8. Oi, Stefani
    Eu também adoro histórias assim, um pouco água com açucar, então iria gostar dos livros da Paula. Amei sua resenha, bem completa e gostei de saber que o livro vale tanto a pena. Quero ler outros livros da Paula, mas nao tenho certeza se começaria a ler por essa série. Adorei a resenha.

    ResponderExcluir
  9. Oiee Stefani ^^
    Estou com esse livro aqui para leitura, mas não estou com saco para aguentar personagem adolescente no momento...hehe' Gosto bastante da escrita da Paula, mas histórias com personagens de 13 anos de idade, então acho que não vou lê-lo agora. E também porque eu estou querendo histórias com mais drama no momento, sabe? Mas um dia eu vou ler essa série ♥
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. OI!!!

    Mesmo sabendo que a Paula te encantou, que você a recomenda e que todo esse clichê pré-adolescente lhe cativou, não consigo me ver lendo esse livro. Rs.. Talvez seja um preconceito literário pelos protagonistas terem apenas 13 anos e mesmo sabendo que amar é possível nessa idade acho muito imaturo e precoce. Enfim, quem sabe eu coloco na minha lista e dou uma chance.... Beijos

    ResponderExcluir
  11. Oi Tehhh

    Sabe que de tanto você indicar os livros da autora quero muito ler. Acho que me identificaria muito com a Priscila até porque também sou impulsivo e sinto as coisas com bastante intensidade. Mesmo sendo um juvenil tenho certeza que amaria ler e ficar assim como você suspirando pela rodrigo. Quando eu ler vou te falar pra conversarmos.

    Bjos
    http://rillismo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Paula Pimenta é, sem dúvida, uma das autoras nacionais mais queridinhas.
    Só ouço elogios das suas obras e morro de vontade de ler algo dela, mas ainda não tive a oportunidade e nem a coragem de embarcar em uma série de livros.
    Mas sem dúvida é uma série que eu daria de presente pra uma filham caso venha a ter uma.
    Não sei se conseguiria ler um livro pelo ponto de vista de uma menina de 13 anos estando tão acostumada a ler livros mais densos.

    ResponderExcluir
  13. Oie!
    Eu ali alguns livros da autora, os que foram publicados pela Galera, onde conheci a narrativa da autora e gostei bastante. Eu ainda não li essa série, mas pretendo comprar ainda esse mês. Penso em comprar todo os volumes, assim leio em sequencia rs. Gostei do que indicou sobre a história, e agora preciso ler.
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  14. Olá!! :)

    Nunca li nenhum livro da autora, nem sequer a conhecia! :)

    Ainda bem que gostas tanto dos seus trabalhsos e que ela te tirou o "preconceito" com os nacionais...! :)

    Bem, realmente a capa é linda!! :) É verdade, por vezes, notamos que as personagens deixaram algo em nós, que nos custa a "Largar"... :) :(

    Boas leituras!! ;)
    no-conforto-dos-livros.webnode.com

    ResponderExcluir
  15. Oi, tudo bem?
    Eu confesso que tinha muita curiosidade com a autora e li um livro dela, mas acabei não sendo conquistada porque achei muito clichê e muuuuuuito adolescente meloso kkkkk Mas lendo sua resenha sobre esse fiquei animada até, a Priscila parece ser uma boa personagem e às vezes romances fofos e com cenas bobinhas é bom, né?

    Beijos :*

    ResponderExcluir
  16. Como você eu nunca fui de ler livros nacionais, eu parei com isso quando me apaixonei pelo livro perdida da carina, porém esse eu ainda não li mais vejo muitas pessoas comentando sobre ele.

    ResponderExcluir
  17. Oi Stefani, fico super feliz em ver que você gostou tanto do livro, eu nunca li esse, da autora eu li apenas Princesa Adormecida e me encantei com a escrita da Paula, é uma escrita leve e contagiante, capaz de nos levar à outro mundo, né? e ver o quanto tu gostou e recomenda essa série, me anima mais ainda para ir atrás o quanto antes!

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir