05 abril 2016

Luz, Câmera e Ação [17]



No século 19, Little Jack nasce em um dia tão frio que o seu coração fica congelado. Madeleine, a parteira decide então substituir o coração do garoto por um relógio de cuco para que ele consiga sobreviver. A situação é complicada para Little Jack, pois ele precisa evitar emoções muito fortes para que nada dê errado, principalmente se apaixonar.

Título:
Jack e a Mecânica do Coração
Lançamento: 25 de Junho de 2015 (1h 34min)
Dirigido por: Mathias Malzieu
Com: Mathias Malzieu, Jean Rochefort, Rossy de Palma...
Gênero: Animação, Drama, Aventura
Nota:




Jack nasceu na noite mais fria do ano em Edimburgo, sua mãe estava desamparada e não sabia o que fazer com uma criança. Até que ela é guiada à dona Madeleine, considerada uma feiticeira e que faz os partos das moças desamparadas da cidade. Quando a criança nasce, Madeleine percebe que o coração dele não irá sobreviver ao frio e decide salvá-lo substituindo o coração por um relógio mecânico. A mãe do garoto não suporta a condição dele e não se acha qualificada para cuidá-lo, por isso ela deixa Jack aos cuidados de Madeleine, essa que o aceita de braços abertos e irá cuidá-lo como se fosse um filho, já que a mesma não pôde ter um.






No aniversário de dez anos de Jack, seu maior desejo é sair e conhecer a cidade, já que ele viveu a vida inteira preso dentro de casa e não conhece o mundo a sua volta, devido aos cuidados extremos de Madeleine. Mas Jack consegue convencê-la a leva-lo para um passeio pela cidade, mas Madeleine explica que existem três regras que devem ser seguidas a risco, se não Jack pode morrer: não pode tocar nos ponteiros do relógio, precisa ter a raiva controlada e por último e mais importante, nunca poderá se apaixonar.


Durante o passeio a cidade, Jack conhece uma jovem cantora que desperta sentimentos que ele nunca sentiu antes, ela é Miss Acácia. Depois disso Jack fica desesperado para encontrá-la novamente e decide que vale a pena correr o risco, com isso ele parte para uma aventura em busca do seu grande amor.

Jack e a Mecânica do Coração não é um filme infantil, o conteúdo dele é para todas as idades já que fala muito sobre o amor e suas dificuldades, principalmente o primeiro amor. O filme conta de uma maneira delicada e singela sobre os riscos de se apaixonar, as dificuldades que todos podem passar, inclusive os momentos de pura alegria. Com o exemplo das três regras de Jack, isso está exposto na vida de cada pessoa todos os dias, todos sabemos os riscos de se apaixonar e muitas vezes nos proibimos de sentir o amor com medo de não ter forças suficientes para suportar tamanha carga emocional, com isso vem o medo de um amor não correspondido e a dor que poderá carregar sozinho. Mas é lindo o modo como Jack vai atrás do seu amor, mesmo sabendo dos riscos do seu coração e que ele poderá não sobreviver, pois ele tem apenas uma meta que é encontrar o seu amor, e de um jeito ou de outro ele irá conquistar.

Outro ponto muito positivo no filme é a trilha sonora, os personagens cantam na maior parte do filme deixando aquele ar delicado e apaixonado onde o espectador fica suspirando durante o filme inteiro. O filme é baseado na obra de Mathias Malzieu, com o nome de "A Mecânica do Coração". Eu ainda não tive a oportunidade de ler o livro, mas acredito que seja tão delicado e encantador quanto o filme.


ASSISTA O TRAILER


19 comentários:

  1. Oi Kétrin, tudo bem?
    Eu sou apaixonada por esse filme e já assisti umas duas ou três vezes. A trilha sonora é mesmo maravilhosa, assim como os detalhes ganham um destaque enorme. Só de acompanhar seu post já me deu vontade de assistir novamente.
    Beijos, Fer

    ResponderExcluir
  2. Não conhecia esse filme Kétrin. Gosto de animações e se tratando de uma fora dos padrões Disney e Pixar já fico feliz para conhecer. Uma pena não ganhar destaque como outros filmes.
    Já vou correr para ver.

    bjs,
    Garotas de Papel

    ResponderExcluir
  3. Ketrin, não conhecia este longa e olha que sobre animação, eu achava que manjava tudo porque tenho filho pequeno. Adorei a dica e já vou fuçar pra assistir o mais rápido possível. Valeu demais a dica. (estou exausta de super heróis)
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Oie Kétrin, tudo bem?

    Sabe, quando comecei a ler a resenha fui me interessando pelo filme, por ser de superação, de correr atrás do primeiro amor, isso é lindo, mas quando vi que os personagens cantam no decorrer do filme isso me deixou sem querer, eu não gosto disso mesmo, não consigo me concentrar assim.

    Bjs

    ResponderExcluir
  5. Olá! A história parece ser realmente linda, uma animação nada convencional. Gosto muito do gênero, mas ainda não conhecia esse filme. Achei os traços muito delicados e bonitos. Fiquei curiosa para saber o que acontece no final! Com certeza assistirei. Gostei muito da dica. Beijos!!

    ResponderExcluir
  6. Own gente, que fofura!
    Eu ainda não conhecia esse filme, mas gosto muito de animações, essa parece ser daquelas que nos deixam emocionados no final. Achei um amorzinho que só e parece ser um filme bem bonito. Sobre a cantoria... acho que nesse poderia ser menos, pela história dele, geralmente esses filmes tem muitas canções mesmo, afinal o público alvo não são os adultos e a criançada gosta

    ResponderExcluir
  7. Oi Linda
    Não conhecia essa animação, mas confesso que fiquei encantada.
    Adorei conhecer um personagem tão sensível que saí em busca do amor. Também gostei de saber que há muitas músicas, pois torna o filme mais atrativo para crianças e adultos.
    Com certeza quero assitir. Amei a dica.
    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias

    ResponderExcluir
  8. Oie! Nossa, eu não gosto de filmes mas de verdade esse despertou a minha curiosidade. Um bebê que tem o coração substituído por um relógio mecânico? acho que eu adoraria conhecer isso. E isso de ele não poder se apaixonar e mesmo assim fazê-lo também parece muito bom. Já vou procurar o livro para ler e o filme também. Obrigada pela dica.

    ResponderExcluir
  9. Oi, Kétrin
    Eu adoro uma animação e ao contrário do que possa parecer, esses desenhos não são sempre infantis mesmo. Gostei de saber da mensagem desse filme por trás da animação. Por incrível que parece eu ainda não sabia da existência desse longa, mas já fiquei curiosa para assistir. Adorei a dica.

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Olá Kétrin,
    Nossa que premissa mais interessante.
    Confesso que de ler sua opinião e saber que a Madeline colocou um coração mecânico no rapaz me fez lembrar do livro O Circo Mecânico Tresaulti. Gostei demais de tudo o que você disse.
    Achei legal o filme ter uma mensagem assim, espero assistir em breve.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  11. Olá!

    Nossa! Nunca ouvi falar nesse filme e fiquei encantada com o que você escreveu a respeito. No momento, não há condições de assisti-lo, mas já anotei o nome para assistir assim que der.
    Muitas pessoas não ligam para a trilha sonora, e confesso que até pouco tempo atrás eu também não dava. Mas, agora, sempre que vou assistir um filme/seriado fico atentada a música que está tocando ao fundo. Espero gostar da trilha sonora desse (:

    Beijos,
    entreoculoselivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Oiee Kétrin ^^
    Ainda não conhecia essa animação, mas que personagens mais fofos ♥ me lembraram um pouco outros "desenhos" que eu adoro, então já fiquei curiosa para assistir...hehe' Parece mesmo ser encantador, fiquei curiosa para ler o livro também, espero poder fazer os dois, e espero gostar também ♥
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. oiii

    Sou super bobona em relação a filmes de animação e infatil, já assisti e esse e confesso que é puro amorzinho e encantador. Concordo com você a trilha sonora está incrível mesmo e ajudou em alguns pontos durante a trama.

    Bjos
    http://rillismo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Olá.

    Eu gosto bastante da premissa desse filme, mas não assisti esse. Aliás, nem conhecia o filme, mas gostei bastante da sua dica e espero ver em breve.
    Apesar de ser animação, lendo sua resenha, vejo que o filme tem aspectos para todas as idades mesmo. Achei lindo o trailer ♥
    Beijos!|
    http://www.anebee.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Olá!

    Gostei bastante da indicação, faz tempo que não vejo um filme de animação, este que você apresentou parece ser bem alternativo, o que eu curto muito. Ótimo post.

    Abraços, Heitor Botti
    shakedepalavras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  16. Gente, nunca ouvi falar dessa animação. Teve uma época que eu amava, ia assistir no cinema, hoje em dia raramente vejo. Uma mistura de falta de tempo com tenho um milhão de outros filmes que quero assistir. Vi o trailer e achei interessante, mostrarei pro meu namorado que ainda é um apaixonado pelo gênero.

    ;D
    Profissão: Leitora

    ResponderExcluir
  17. Gente eu sempre paço por esse desenho,mas eu jurava que ele parecia ser idiotinha,mas eu li aqui a resenha sobre e não tem nada idiota,meu deus ele tem um relógio no lugar do coração,realmente e essas fotografias lindas da animação,vou colocar pra carregar aqui,gente me surpreendi agora vlw.

    bjo bjo
    http://rillismo.blogspot.com.br/p/resenhas.html

    ResponderExcluir
  18. Que animação linda! Não sei como não a assisti até hoje. Para ser bem sincera, este filme nunca tinha chamado a minha atenção, mas ao ler o seu post, fiquei super interessada. Já chamei meu sobrinho para dar uma olhada no trailer e já combinamos de assistir no fim de semana, sábado ou domingo à tarde, uma ótima pedida. Infelizmente, não encontramos na Netflix, mas daremos o nosso jeito. Adorei a dica cinematográfica!

    Tatiana

    ResponderExcluir
  19. Conheci essa animação há pouco tempo, acho que vou acabar assistindo hoje mesmo, eu amoooo animações <3
    Não tenho certeza, mas o visual parece ser Steampunk, se for, já tem o meu coração HAHAHAHA
    Ótima indicação!
    Beijos

    ResponderExcluir