27 fevereiro 2016

Resenha - Virando Amor




Mudar bruscamente de cidade e passar a frequentar um novo colégio é complicado quando se é adolescente. Ainda mais quando é preciso alimentar um namoro a distância, algo muito desgastante. Priscila tem apenas 16 anos e tem de aprender a lidar com esses sentimentos, e começa a perceber que somente amar alguém não é suficiente para manter um relacionamento.
No entanto, no momento em que se vê perdida e sem ação, ela se dá conta de que a vida em uma cidade grande não é tão ruim e que um novo amor pode surgir diante de tantas descobertas.

Livro: Virando Amor
200 páginas || Skoob || Cortesia: Editora Novo Século
|| OndeComprar ||




‘’Virando Amor’’ nos trás a estória de Priscila, uma adolescente de 16 anos que morou praticamente a vida toda em Curitiba e que agora está prestes a se mudar para São Paulo devido a uma promoção de trabalho de seu pai. O que mais a preocupa não é a mudança, mas sim deixar toda sua vida e suas conquistas para trás. Dentre elas estão a importante amizade de Júlia e Flávia e claro o amor de sua vida até então, Gabriel.

‘’São Paulo ficava a quatro horas de Curitiba, e eu só poderia ver meus amigos e o Gabriel nos fins de semana, e mesmo assim não seria sempre que daria para voltar para cá. Só pensava em como dar a noticia para o Gabriel, a Julia, a Flavia e o resto do pessoal’’

Em São Paulo, Priscila passa o que qualquer adolescente passa em seu primeiro dia em uma cidade que não conhece. Fica completamente perdida e triste, mas tenta de alguma forma compreender tudo que está acontecendo na sua vida, pois teria que tentar se adaptar com essa nova vida, sua nova escola e principalmente fazer um esforço para tentar conhecer outras pessoas, que, aliás, não demorou muito.

Ela logo se distrai com o novo ambiente e os receptivos Eduardo, Carol, Alice Elisa e Phelipe que a deixam bem a vontade.

“Se o destino te tirar algo, é porque certamente tem alguma coisa melhor para você”

Com as amizades não seria difícil, o que Priscila não contava era que a distância de Gabriel traria tristeza ao seu coração. Apenas ironias do destino e peças que só a vida consegue lhe pregar a mostrariam que essa tristeza estaria para acabar. A diferença entre achar que ama e encontrar o amor de verdade estava para ser mostrada a Priscila, e de uma forma bem convincente.


Em primeiro lugar preciso dizer que até agora esse foi um dos melhores livros que li esse ano, pois além de ter entrado para minha maravilhosa lista de preferidos, conta com uma linda estória que me deixou simplesmente encantada para não dizer apaixonada. Acabei me surpreendendo positivamente com todas as reviravoltas que surgiram durante as páginas, principalmente por conta das dificuldades que a nossa protagonista passa. 

É muito bem descrita a dificuldade que Priscila passa após a mudança e isso nos mostra que devemos buscar forças para se adaptar a essas mudanças nas pessoas próximas.

Senti-me triste junto da personagem quando ela começou a falar sobre largar o namorado e os amigos, pois me identifiquei um pouco com isso sabe? Eu já me senti dessa maneira um tempo atrás na minha vida porque morria de medo de mudar de cidade e perder o amor que sentia por uma pessoa que foi muito especial em minha vida, mas só que às vezes as mudanças acabam que por algum motivo nos trazendo algo de bom, porque convenhamos que namoro a distância muitas vezes acaba sendo bastante complicado, porque sempre tem algo para atrapalhar, mas mesmo assim achei que a autora colocou muito realismo por conta de diversas situações que ocorreram com a personagem. E quanto aos personagens secundários, confesso que não sei dizer qual eu gostei mais ou gostei menos, só posso dizer que fiquei encantada com Gabriel logo no inicio e logo depois por Phelipe que na verdade foi um amor. Além de ser fofo é o tipo de homem que toda mulher gostaria de ter ao lado. Só que infelizmente como todo bom romance, o homem perfeito das estórias apenas existe nos livros e não na nossa realidade né? (risos)

A autora, Isadora Ferreira, desenvolveu uma trama leve que prende a nossa atenção e nos faz nos apaixonar durante todos os acontecimentos que vão surgindo na vida de Priscila. O problema é que ao chegar próximo do desfecho, eu senti aquele desejo de que algo a mais acontecesse, eu não queria que o livro terminasse. E se você já leu os livros ‘’O Outro lado da Memória’’ da autora Beatriz Cortez e também ‘’Um Novo Amanhecer’’ da autora Cinthia Freire, não pode deixar de ler e ter ‘’Virando Amor’’ em sua estante, pois o livro é simplesmente PERFEITO em muitos aspectos. Quero mais !! Só isso que posso dizer...

Quanto à diagramação do livro, apesar de ser simples, eu achei que tem tudo haver com a estória, pois a capa nos mostra a sombra de uma menina sentada de costas no alto de algum lugar observando casas e prédios que no caso seria Curitiba ou São Paulo onde a estória se passa, sem contar que com o pôr do sol acabou ficando ainda mais atraente, ainda mais o livro tendo o fundo preto e o título em vermelho que acabou fazendo toda a diferença graficamente.

Apesar de não ser muito chegada a escutar Playlist, o livro contém em cada inicio de página a citação de algumas músicas que foram relacionados de acordo com cada capitulo. Algumas eu conhecia e outras não, mas isso fez uma grande diferença para tornar o livro ainda mais especial. As páginas são amareladas e o tamanho da fonte é muito bom, facilitando bastante a leitura. Não encontrei erro algum de revisão e tenho que dar os parabéns não só para autora pela MARAVILHOSA estória, mas também a Editora Novo Século por todo capricho dedicado a essa obra Nacional.

Para quem gosta de livros que abordam assuntos de Mudanças, Relacionamentos a distância, Encontros e Desencontros e o valor do verdadeiro amor, com certeza vai se apaixonar por essa obra. Por isso mais do que recomendo sem pensar duas vezes !! LEIAM !!!

21 comentários:

  1. Oi oi Silvana,

    que bacana que o livro te agradou, mas sei lá, ele não chamou muito a mina atenção... Mas achei bacana que cada capítulo traga um trecho de música, amo obras que tem sua playlist própria! rs

    Beijos!
    Visite o Mademoiselle Loves Books
    http://www.mademoisellelovesbooks.com/

    ResponderExcluir
  2. Oiii
    que bom que gostou do livro, mas ele não chamou minha atenção. Não gosto muito de histórias que se passam na adolescência, já li muitas, mas faz tempo que não as leio. Acho que me abusei.
    E eu sou meio desapegada das coisas, já perdi parentes próximos, então entendo que a vida é feita de coisas que vêm e vão.
    Legal o lance dos trechos de músicas. Já vi outros livros que estão fazendo a mesma coisa, daqui a pouco vão mandar cds juntos com eles kkk
    Gostei da resenha, foi bem estruturada.
    BEijinhoos!

    ResponderExcluir
  3. Oie...
    Gostei bastante da resenha e o livro parece ser ótimo. Acho que me identifico com a Priscila na parte do namoro a distância, e lamento por não ter dado certo, mas que bom que ela encontra um novo amor.
    Esse livro parece trazer bastante a parte da amizade, tanto com o pessoal de curitiba quanto com os que ela conhece em são paulo, adoro isso em livros.
    A sua descrição da capa ficou ótima, Sil, já fiquei imaginando todo o desenho. Quero muito saber quais músicas foram mencionadas no livro, eu sempre paro para ouvir eheh.
    Adorei esse quot: “Se o destino te tirar algo, é porque certamente tem alguma coisa melhor para você”

    ResponderExcluir
  4. Oi...

    Sempre que vejo livros com essa temática: mudanças, uma adolescente que vai para outra cidade, eu sempre penso que será a mesma coisa dos outros livros que já li. Mas lendo o que você escreveu, me pareceu ser um pouco diferente, ter um conteúdo diferente do que eu imaginei ao ler a sinopse. Quando vi que os capítulos começavam com uma Playlist, gostei desse detalhe também... Vou procurar ler esse livro e espero gostar tanto quanto você.

    ResponderExcluir
  5. Oie. Tudo bem?
    Eu achei o livro clichê, e esperava mais dele. Talvez eu até leria por conta de até gostar de clichês. Fiquei feliz de ser uma das suas melhores leituras do ano, eu não achei a premissa tãoooo boa assim, mas enfim kkkk tenho que ler para tirar minhas conclusões.
    Mas eu entendi amiga, quando um livro retrata algo que já passamos ou temos medo de passar tudo se intensifica mesmo.
    Adorei saber da playlist... eu amo hehehehe
    Amei sua resenha viu.

    http://colecoes-literarias.blogspot.com/2016/02/resenha-cartas-para-voce.html

    ResponderExcluir
  6. Oi Silvana, não conhecia o livro e nem a autora e me encantei com as suas considerações sobre a obra. Geralmente eu adoro livros com playlist, até porque dá para perceber que a quem escreveu o livro quer colocar o leitor bem no sentimento da história e isso agrega muito ao livro. Adorei a dica e já anotei para ler em breve.
    Meu Amor Pelos Livros
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Oi Sil,
    Que resenha apaixonada e apaixonante.
    Não conhecia o livro, com certeza vou querer conhecer,não tenho vergonha de admitir que amo esses livros cheios de dramas adolescentes. Já quero embarcar nessa aventura cheia de descobertas e novos amores. Espero ter a oportunidade de lê-lo em breve.

    Abçs
    Sou bibliófila

    ResponderExcluir
  8. Oie!
    Confesso que desconhecia esse livro, mas para ter entrado em uma das histórias favoritas, provavelmente eu vou gostar também. Eu nunca escuto as playlist indicadas no livro, em alguns casos eu até conheço a música e sei quando a letra tem a ver com o momento, mas nunca paro para ouvir. Vou anotar essa dica, pois fiquei envolvida em sua resenha e agora quero ler.
    Bjks!

    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  9. Não conhecia o livro ainda e embora eu não goste muito do Gênero, o que foi abordado durante ele me chamou uma certa atenção que pode valer meu repensamento para lê-lo.

    Gabriel Lucas | Frases, Trechos e Pensamentos

    ResponderExcluir
  10. Olá Silvana,
    O tema do livro chamou muito atenção. Adoro quando um autor aborda as mudanças, encontros e desencontros. Também gostaria muito de ler um livro sobre relacionamento à distância, e acho que vou encontrar isso no livro.
    A história me parece ser singela e envolvente. Gostei muito da premissa e da resenha, espero ler logo!
    Beijos
    http://mileumdiasparaler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Olha, nem eu que sou adapta a romances fiquei swm vontade de ler após a sua resenha, muito pelo contrário me deu vontade de já estar com os livros em mãos. Me pareceu tão leve e gostoso. E apesar de falar de uma trama adolescente o tema "adaptar-se a mudanças" está presente na nossa vida sempre. Sempre nós e tudo ao redor está de mudança...
    Adorei sua resenha.
    Bj
    Camila Bernardini Coelho

    ResponderExcluir
  12. Oi Sil, tudo bem?

    Quando você falou da sinopse não me senti muito animada a ler, pois é um enredo bem comum e não me anima muito, mas já que você disse que foi um dos melhores livros que leu esse ano, eu fiquei curiosa. Parece ser uma história bem realista, com dificuldades que muitos de nós podemos nos identificar. Quem nunca sentiu isso ao se mudar de algum lugar? Ter que deixar os amigos e amores para trás? Mas mudanças podem sim trazer algo de bom e parece que foi o que aconteceu.

    Gostei de saber que os personagens são bem construídos e adoro personagens secundários. E nossa, a sua resenha é a primeira que eu leio que não está reclamando dos erros de revisão da editora. Gosto muito desse selo de nacionais, mas sempre fico frustada com os erros que acabo encontrando. Bom saber que não foi o caso nesse!!

    Beijinhos,

    Rafaella Lima || Vamos Falar de Livros?

    ResponderExcluir
  13. Oi Sil!! Tudo bem?
    Que bom que o livro te agradou tanto e de tantas formas diferentes! É sempre bom quando nos agradamos tanto de uma narrativa, não é? Fiquei encantada com esse enredo e confesso que fiquei com vontade de ler! Espero ter a oportunidade em breve. Gostei muito da resenha :)
    Essa capa é muito bonita e o título em vermelho deu um charme a mais :D
    Beijos!
    Gaby

    ResponderExcluir
  14. Achei muito interessante a temática e o fato da autora não resolver tudo com um estalo de dedos, pelo contrário, aprofundar na dificuldade que foi para personagem adaptar-se à mudança fez com que o livro ganhasse ainda mais pontos.
    Gostei da comparação de estilo que você fez com outros livro. Ainda não li a maioria deles, mas "Um novo amanhecer", da Cinthia é maravilhoso. Se é comparável a ele, é ótimo com certeza.
    (Mari Ramos)

    ResponderExcluir
  15. Olá, tudo bom?

    Ainda não conhecia essa escritora, muito menos esse livro. Porém, já amei só pela sua resenha, que me envolveu na história (parecia que eu já estava lendo o livro, na verdade). Acho livros que possuem mudanças tão bons! Você percebe o amadurecimento dos personagens, sabe? Eles possuem aquele comodismo, vemos todo o seu crescimento e podemos acabar tirando várias lições de vidas daí.

    Obrigada, mesmo, pela dica. Se você amou o livro, deve realmente valer a pena.

    Beijos.

    http://instantesmemoraveis.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Silvana, que resenha maravilhosa! eu não conhecia o livro e pelas tuas palavras eu já estava interessada nele, mas quando você falou sobre o UNA da Cintia Freire eu fiquei ainda mais interessada nele. Acho que são poucos livros que conseguem mexer com a gente dessa maneira e pela forma com que você falou do livro eu só podia ficar interessada nele.

    ResponderExcluir
  17. Oi Sil, eu não conhecia esse livro ainda e confesso que sua resenha me cativou muito a ir atrás dele o quanto antes. Eu gosto muito de obras que falam sobre encontros e desencontros, com mudanças e relacionamentos envolvidos, achei a trama muito bacana por envolver tudo isso, com toda certeza irei ler logo que tiver um tempinho sobrando!

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir
  18. Ei Silvana
    O livro parece ser lega, mas um pouco lento, não? Fiquei achando a história um pouco monótona, embora haja uma mudança de cidade logo no começo, ainda para SP, uma cidade tão agitada. Realmente ter um namoro a distância não é algo facil, ficou imaginando o que a Priscila passou. Tenho certeza que essa sensação passa... pelo menos comigo passou e eu consegui me manter estável por seis meses de namoro à distância; mas é um caso diferente pq ela não tinha esse determinado...
    Confesso que não senti uma atração imediata com o livro, mas vou buscar sobre a autora!
    bjs

    ResponderExcluir
  19. Oie! Não conhecia o livro, mas parece ser uma história bem bacana. Achei legal a proposta da autora de mostrar a diferença entre o amor verdadeiro e aquela paixão momentânea. Com certeza é uma experiência maravilhosa realizar a leitura e, pelo jeito, o enredo tem muitos pontos positivos que fazem por merecer estar na sua lista de favoritos. A única coisa que me deixa com o pé atrás é esse negócio de "o homem que todas gostariam de ter", sempre achei esse comentário desnecessário... mas isso é uma opinião minha, claro. Sua resenha ficou ótima e me deixou feliz por saber que o livro não tem nenhum erro de revisão, pois todos os livros da Novo Século que já li falharam nessa parte. Indicação anotada :3

    Beijos,
    Fernanda F. Goulart,
    Império Imaginário.

    ResponderExcluir
  20. A premissa do livro não me salta aos olhos, mas saber que ela é bem real nos seus objetivos, seja o que passa com alguém numa cidade nova ou a saudade de outros alguéns, me deixou bem curiosa em ler a obra, pois é necessário ler obras que você sinta que aquilo possa realmente ter acontecido com alguém.

    http://deiumjeito.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  21. Oi!
    Acho muito legal livros que contam a estória de personagens mudando de cidade, gosto de conhecer essa experiência por olhos e perspectivas diferentes e imagino o quão complicado essa situação deva ser, então a premissa dessa obra me interessou. Acho bacana livros com playlist pois tenho a impressão de conseguir captar melhor as emoções que o autor quis transmitir naquela determinada passagem do livro.

    Abraços,
    Andy - StarBooks

    ResponderExcluir