24 fevereiro 2016

Resenha - Escola de Vilões




Será que um vilão pode se recuperar? Gilly não se considera exatamente uma garota má... Porém, quando se tem cinco irmãos e irmãs mais novos, é preciso ser criativo para ajudar nas despesas. Ela é uma ladra muito boa, e disso tem certeza e pode se gabar. Até ser pega. Depois de roubar uma presilha, é sentenciada a passar três meses no Reformatório de Contos de Fadas – no qual os professores são aqueles antigos vilões que já conhecemos, como o grande Lobo Mau e a malvada Madrasta da Cinderela. Quando, porém, ela faz amizade com alguns estudantes, como Jax e Kayla, aprende que esse reformatório vai muito além de sua missão heroica. Há uma batalha ganhando forma e Gilly precisa descobrir: os vilões podem realmente mudar? Descubra o Lado B dos contos de fadas.




Livro: Escola de Vilões
192 páginas || Skoob || Editora: Única || OndeComprar









‘’Escola de Vilões’’ vai nos mostrar a estória de Gilly, uma jovem bastante esperta que vive em uma parte pobre de Encantadópolis junto a seus pais e irmãos que por conta das dificuldades que passam por ter uma renda não muito favorável, ela comete furtos, os quais faz com maestria, para poder manter o sustento de todos. 

"Eu só pego de gente que pode perder coisas. Os nobres decididamente podem perder algumas bugigangas. Os nobres são parte do motivo para que a gente viva nesse casebre lotado, então, não me sinto mal em tirar deles."

Só que nem tudo sai como o esperado e um dia ela acaba indo parar em um Reformatório, um pouco diferente, de Contos de Fadas, mas ainda assim um reformatório. Um lugar no qual ela detesta logo que entra. Lá ela fica sabendo que a diretora do lugar é a madrasta da Cinderela e os ex-vilões são professores da escola. Mas será que eles estão realmente recuperados e são dignos de confiança? Gilly não sabia, mas não tinha muita escolha a não ser mudar seu comportamento, do contrario passaria muito mais tempo do que queria nesse lugar. Sua família estava lá fora, a aguardando, pois com seu recolhimento, a ajuda que era tão essencial se mostrava necessária agora. O fato de vários garotos estarem lá há muito tempo também não a agradava.

"Graças aos nossos ensinamentos, o crime chegou aos índices mais baixos de todos os tempos”, diz Flora, orgulhosa. Desde sua inauguração, o RCF já acolheu em seus dormitórios mais de cem gnomos, trolls, duendes, elfos e outros alunos de contos de fadas, desde a sexta série até o último ano do Ensino Médio, em seu campus na periferia de Encantadópolis, perto da Floresta Profunda."

Com o passar dos dias, Gilly acaba seguindo o conselho de sua nova colega de quarto, Kayla, para que não faça nada de imprudente, pois sua situação só iria acabar piorando, e por causa disso, tenta conviver com outros seres encantados que estão ali. Assim ela decide se abrir mais e conquistar a amizade do máximo de pessoas possíveis do reformatório e as que consegue são de Jax, Ollie e Maxine. 

Tudo ia até muito bem, até que Gilly começa a desconfiar de algumas coisas estranhas e muito curiosa começa a investigar junto de seu amigo Jax o que realmente pode estar havendo. Eles sabem que algo está para acontecer no Reformatório e que os Nobres correm perigo em uma festa que está sendo planejada. Não lhe resta outra escolha a não ser se aventurar em lugares que ainda não havia visitado a fim de descobrir o que de tão mal pode ocorrer nesta festa.

Mas será que eles irão conseguir? Será que Gilly voltará a ver sua família novamente? E os vilões? Será que estão completamente recuperados? Se você está curioso para saber, precisa ler esse livro o mais rápido possível!¬



[ - Minhas Impressões -]


Achei que fosse me surpreender com uma estória um pouco diferente do casual que costumo ler e não estava errada. Essa trama me fez pensar em tudo e em todos vilões do Reformatório como responsáveis pelas tramas da festa. Porque pensei assim, vilões sempre vilões né? Mas sempre me enganava, o que me deixou bastante feliz, pois é sinal que a autora, Jen Calonita soube mesmo esconder seu enredo, ela soube envolver bem o mistério com a fantasia dos vilões das estórias infantis, foi bem legal.
Já a ideia do Reformatório, eu achei que foi muito bem desenvolvida, apesar de que gostaria que as partes das aulas pudessem ter sido mais exploradas, ainda mais tendo como professores os vilões que estão ali para ensinar os alunos e tentar tirar o melhor deles para que eles saibam respeitar as pessoas de fora. Achei que poderia ser um pouco mais desenvolvidas as salas do reformatório e o local em geral, por dentro, sabem? Achei que poderia descrever mais a vida de quem já estava lá também.


O livro é narrado em primeira pessoa, no ponto de vista de Gilly, que se mostrou bastante esperta, inteligente e principalmente corajosa nos momentos de grande risco. E o mais legal de tudo é que apesar de ter sido enviada ao reformatório, ela não se mostrou malvada como muitos pensavam. O que fazia era tentar de alguma maneira ajudar a sua família a não passar dificuldades, mas infelizmente de um jeito errado, no qual ela tinha total consciência.  E então, durante minha leitura acabei notando que Gilly foi mudando bastante sua maneira de pensar e conseguimos entender um pouco mais sobre como são as coisas na escola, pois apesar de estar inquieta para descobrir o que acontece por trás das armações dos ex-vilões, ela acaba se envolvendo em várias confusões junto com seus novos amigos, o que a faz dar mais valor nas amizades.

A autora conseguiu mostrar até então uma personagem bastante realista em questão de sua personalidade, mostrando também seus erros e com o tempo ela vai aprendendo muitas lições de vida e principalmente acaba ganhando o respeito e a admiração de sua família por melhorar sua maneira de pensar e agir. 

Já os personagens secundários, achei que no geral todos foram muito bem descritos e cada um teve o momento certo de entrar em cena, apesar de que poderiam ter sido mais bem aproveitados em relação algumas partes da estória, digo no sentido de participarem mais da trama, mas mesmo assim o livro se tornou uma leitura bastante proveitosa e rápida.

Porém, embora a estória tenha sido toda esclarecida sem deixar nenhum mistério sem respostas, a autora conseguiu encaminhar tudo para um desfecho bastante satisfatório e deixando uma abertura para um próximo volume. Mesmo que a maioria das coisas já tenha sido esclarecidas nesse primeiro livro, dá para perceber que haverá muito mais pela frente com ''Charmed'', próximo livro que ainda não foi traduzido aqui no Brasil e sinceramente estou bastante ansiosa para saber ainda mais, Recomendo e muito.

Para quem me conhece algum tempo sabe que sou extremamente apaixonada por todos os clássicos DISNEY e então minha leitura acabou sendo bastante agradável em todos os sentidos. Também não posso deixar de comentar que o livro me trouxe um pouco a ideia daquele filme DESCENDENTES da Disney. Quem já viu o filme provavelmente vai gostar desse livro e vai notar algumas poucas semelhanças invertidas dizemos assim (risos) – Onde o bonzinho que está no Reformatório e os Vilões é que vão ajudar e não como no filme que são os filhos dos vilões no qual tem que mudar.

Resumindo...RECOMENDO A LEITURA para todos aqueles que gostam de um bom Contos de Fadas e que gostam de mistérios e reviravoltas.

18 comentários:

  1. Oi Sillllll
    Adoro recontagem de contos de fadas. Por mais que esse não seja bem um conto de fadas, sempre tive muita vontade de ler Escola de Vilões, até cheguei a ler Descendentes e curti bastante, como sitou o filme como sendo um parâmetro já quero ler srrsrsr.
    Adoro essa capa *---* esses elementos chaves dos contos de fadas foi uma ótima sacada.

    Bjos Lindona

    ResponderExcluir
  2. Olá,
    Eu pouco sabia sobre esse livro e já me interessava nele, agora eu fiquei ainda mais interessada. Gostei muito de saber que a autora encaminhou o livro para um desfecho bom e ainda deixou a curiosidade para o próximo volume, que aliás, a capa é tão linda quando o primeiro. Eu já vi esse filme Descendentes e gostei bastante dele, engraçado que eu ia justamente falar que o livro estava me lembrando esse filme, agora mesmo que eu quero ler essa história

    ResponderExcluir
  3. OI !Ainda não conhecia esse livro! Adoro historias retratadas em algum ambiente escolar. Vou colocar na minha lista de leitura, com certeza. umparadoxoliterario.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Olá
    Own achei uma coisa tão fofa kkk não sei pq.
    Tô imaginando os vilões sendo responsáveis kkkkk eles passando por um tipo de terapia do tipo "vilões anônimos"
    A história parece ser bem interessante. Adorei o reformatório kkk. Verei se encontro a versão online. Não gostei muito por ter continuação... Não gosto de ficar muito presa a uma história
    Não conheço o filme descendentes, vou procurar saber mais sobre ele também :D
    Foi bom conhecer essa obra
    Beijinhos!

    ResponderExcluir
  5. Oi, flor!
    Eu gostei do enredo, realmente! Mas confesso que fico com o pé atrás simplesmente por ser uma obra infantojuvenil. Sei que a autora foi talentosa para encobrir os mistérios e manter o leitor atento, com constantes surpresas, mas fico me perguntando se a narrativa acabaria por me desagradar devido à faixa etária dos personagens. Estou um pouco farta de enredos infantilizados. Quero coisas mais complexas no momento (rs). O que mais gostei em sua resenha foi a menção ao modo como a autora trouxe o lado "vilão" à tona, convidando o leitor a ter sempre seu ponto de vista renovado no decorrer da leitura.

    Beijos!
    http://www.myqueenside.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Menina, essa capa é muito bonita e fiquei apaixonada por ela. Não curto contos de fãs e o universo disney não me empolga tanto coo faz com você, mas achei muito original essa premissa e acho que iria curtir muito essa leitura. Anotei a dica e espero poder conferir em breve.
    Meu Amor Pelos Livros
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Olá Silvana,
    Já tinha visto esse livro na internet, mas ainda não sabia sobre o que tratava. Sua resenha é a primeira que leio e ela me convenceu a ler imediatamente.
    Gostei muito de conhecer um pouco mais da história e acho que vou amar, pois sou muito fã de um bom conto de fadas ♥
    Beijos,
    http://mileumdiasparaler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oie!
    Eu gostei dessa história, e quando li, fiquei empolgada com a trama que achei bem diferente. Confesso que não imaginava que a história teria tanta reviravolta, e me surpreendi com tudo o que encontrei no livro. A leitura para mim, foi uma agradável surpresa.
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  9. Achei o enredo genial, alguma autores realmente conseguem me surpreender. O mundo literário já está tão cheio de ideias, todo mundo já escreveu sobre todo tipo de assunto às vezes acho que não existe como alguém escrever algo diferente ai surge esse tipo de enredo para me mostrar que não é bem assim.
    Enfim, se eu fosse parar em um reformatório onde os professores e diretora são vilões, ou melhor, ex-vilões eu também ficaria desconfiada e com muito medo, pois todos esses vilões juntos... Algo de bom não sairia, no mínimo pensaria que eles estariam tentando montar um exercito com os alunos auhsuahsuah
    O livro parece ser muito bom e lá vou eu colocar mais um na minha lista.

    Blog
    Blog Miih e o Mundo Literário

    ResponderExcluir
  10. Oiee Sil ^^
    Já tinha lido algumas resenhas desse livro antes, mas por mais que eu tenha curiosidade de lê-lo, não é bem prioridade, sabe? Gosto de contos de fadas, e esse parece ser bastante diferente de todos os que eu já li, e saber que a personagem principal foi muito bem desenvolvida (e pareceu realista) me deixou um pouco mais animada. Mas, ainda assim, não sei se o leria tão cedo *-* Não é bem o tipo de leitura que eu estou querendo no momento.
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Olá,
    Eu não conhecia o livro, mas fiquei encantada da forma que você mostrou em sua resenha. Amoooo contos de fadas e quando a autora se preocupa em escrever um bom livro, deixando a personagem principal bem realista.
    Fiquei curiosa o que acontece nesse reformatório e entender um pouco.
    A capa é linda!!!
    beijos e parabéns pela resenha
    Conchego das Letras

    ResponderExcluir
  12. Oi Silvana,
    Desde que vi o lançamento desse livro, fiquei interessada. Eu acho a premissa bem bacana e gosto de saber que foi explorado a história dos vilões. Que foi tudo bem naquele jeitão gosto de acompanhar uma história. Fiquei mais feliz em saber que o final foi satisfatório, porque ando de saco cheio de ler finais meia boca. Escola de vilões tá na minha lista e eu espero ler em breve. E tomara que eu goste tanto quanto você. :)

    ResponderExcluir
  13. Adoro livros desse estilo, quando os autores fazem essa releitura dos contos de fadas. Assim como o Raphael Draccon fez e eu amei. Esse livro já me deixou interessadíssima.
    Gosto quando a obra acompanha a evolução de um personagem, é gostoso quando paramos de ler e pensando "nossa como esse personagem cresceu, como está maduro".
    Vou aguardar o lançamento até o final da estória para ler.rs

    parado-na-estante.blogspot.com.br
    facebook.com/paradonaestante

    ResponderExcluir
  14. Não conhecia o livro, mas fiquei encantada pela premissa. Gosto muito de livros que dialogam com os contos de fadas. Ao ler a sua resenha, fiquei com a impressão de que os personagens forma muito bem construídos nesse livro, e isso também me agrada. Adorei a dica, já está na minha lista de futuras leituras.

    Tatiana

    ResponderExcluir
  15. Oi Sil,
    Eu tenho curiosidade de fazer essa leitura desde que o livro foi lançado.
    Não sou assim tão fã da disney, mas mesmo sem ter assistido o filme quando vi o lançamento acabei fazendo uma ponte entre ele e esse filme, achei até naquela época que seria uma adaptação. Eu gosto dessa nova estética de buscar o belo no feio que as artes tem criado, tentando nos fazer criar empatia com os vilões e mostrando que não existe essa divisão tão marcada do que é bom e o que é mal. Beijos

    ResponderExcluir
  16. Oi!
    Quero muito ler esse livro, também amo o universo dos contos de fadas e esse enredo chamou minha atenção, sem contar que a capa é muito lindinha! Também lembrei um pouco de Descendentes quando li a sinopse haha
    É uma pena que a autora não tenha explorado tanto assim as aulas e cenas no reformatório, acho que isso deixaria o livro ainda melhor...
    Beijos!

    ResponderExcluir
  17. Olá!

    Eu já ouvi falar desse livro inúmeras vezes, mas nunca parei para ler algo sobre o livro. Mas, como sempre tenho predileção por vilões, esse livro será perfeito para mim. Tenho quase certeza que a autora irá explorar essa coisa da maldade nas pessoas.
    Sua opinião sobre o livro me deixou ainda mais curiosa, acho a premissa super bacana, e mesmo você tendo abordado alguns pontos que lhe incomodou, isso só me deu ainda mais vontade de ler e conhecer a obra.

    Beijos,
    entreoculoselivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Oiie Siil,

    Ainda não conhecia essa obra, e sabe devo confessar que não sou bem chegada em recontagem de contos de fadas, eu sempre fico comparando com o original e acabo não gostando tanto quanto eu gostaria. Mas esse acredito que seja diferente, pois adorei o enrendo dele, e fiquei louca para saber se os vilões continuam vilões ou não. Espero poder ler em breve.

    Bjs

    ♡ Amantes da Leitura

    ResponderExcluir