24 agosto 2018

Resenha - A Garota do Lago

Livro: A Garota do lago
Autor: Charlie Donlea
Cortesia: Editora Faro Editorial
Páginas: 296
Skoob
Onde Comprar: Amazon / Saraiva

ALGUNS LUGARES PARECEM BELOS DEMAIS PARA SEREM TOCADOS PELO HORROR...
Summit Lake, uma pequena cidade entre montanhas, é esse tipo de lugar, bucólico e com encantadoras casas dispostas à beira de um longo trecho de água intocada.
Duas semanas atrás, a estudante de direito Becca Eckersley foi brutalmente assassinada em uma dessas casas. Filha de um poderoso advogado, Becca estava no auge de sua vida. Atraída instintivamente pela notícia, a repórter Kelsey Castle vai até a cidade para investigar o caso.
E LOGO SE ESTABELECE UMA CONEXÃO ÍNTIMA QUANDO UM VIVO CAMINHA NAS MESMAS PEGADAS DOS MORTOS...
E enquanto descobre sobre as amizades de Becca, sua vida amorosa e os segredos que ela guardava, a repórter fica cada vez mais convencida de que a verdade sobre o que aconteceu com Becca pode ser a chave para superar as marcas sombrias de seu próprio passado...




Kelsey Castle é uma jornalista de renome com uma excelente carreira profissional, sua mente aguçada e rápida a transformou em uma especialista em achar histórias e principalmente a verdade por trás delas e não seria diferente com Becca Eckersley. Recém saída de um trauma, a repórter tem um novo caso a ser investigado, uma estudante de direito é assassinada de forma brutal na casa de férias da família, porém imediatamente todo seu caso é dado como secreto a ponto da própria policia estadual assumir a investigação.


Determinada a descobrir todo o mistério envolvendo a jovem, Kelsey parte para Summit Lake, uma pequena cidade entre as montanhas, onde o crime ocorreu, mas para escrever sua matéria a repórter terá de passar pela barreira que oculta todas as informações referentes ao caso de Becca, o que a leva a pensar no que a policia, ou mais impontante, a família da jovem estaria tentando esconder para manter toda a história em sigilo.

Indo mais fundo na sua pesquisa, a jornalista conta com ajuda dos habitantes da cidade que se encontram inconformados e querem respostas. Assim, reunindo relados e novas informações, Kelsey se vê cada vez mais conectada a Becca, uma pessoa que tinha muitos segredos, segredos que talvez a tivessem levado aquele fim. Uma coisa Kelsey tem certeza quanto mais perto da verdade ela se aproxima, mas perigosa essa trama fica. Uma história entre duas mulheres cercadas pelos próprios pesadelos, será que a verdade será capaz de trazer justiça?


Amigos, amores e família podem ser laços bem mais fortes que se pode imaginar, até onde alguém pode ir para conseguir o que quer?


Essa foi a minha segunda experiência com Charlie Donlea não poderia ser melhor, com uma mente sagaz e totalmente fascinante, o autor consegue nos envolver em um mistério como ninguém, então caro leitor se você não o conhece e nem seu outro livro já indico ler minha resenha de "Deixada para trás".

Então, em "A Garota do Lago", Charlie novamente me prende com sua característica de intercalar passado e presente em suas tramas, utilizando a visão do investigador e a visão da vitima pouco antes de seu assassinato, revelando minimas pistas ao longo dessa troca até que finamente chegamos ao clímax descobrindo o culpado junto dos personagens. Quer recompensa melhor que essa em um Thriller?

Sempre me orgulhei da minha capacidade de entrar em modo Sherlock Holmes em livros de mistérios, porém esse autor realmente me deixa confusa e com uma pulga atrás da orelha, e por mais estranho que pareça isso me deixa bem animada. A história inteira é bem elaborada, desde os personagens aos diálogos, sua escrita é rápida e de fácil entendimento, os capítulos também tornam a leitura bem mais fluida e dinâmica, porque são curtos e intercalados, então ao mesmo tempo que você está caçando informações você tem a história da vitima se desenrolando a sua frente.


Falando em personagens, se você gosta de protagonistas fortes, determinadas e que querem expor a verdade mais que tudo, já é mais um ponto a favor do autor. Kelsey é esperta e sabe como conseguir informações, e levando em consideração como todo caso foi vedado é uma baita conquista. Já em relação a vitima, confesso que ainda nas 100 primeiras páginas não sabia direito o que pensar, ela era mesmo uma boa garota? Essa é sua real personalidade? Depois é claro que as dúvidas foram resolvidas, mas com certeza essa garota fez com que eu desconfiasse de toda sua lista de amigos.

No geral, se você está procurando um mistério envolvente com uma ótima narrativa em conjunto de personagens, "A garota do lago" é uma excelente escolha, já deixando registrado que caso você se vicie e queira ler todos os livros de Donlea eu sou inteiramente culpada e aprovo sua decisão!


Inscrições Abertas - Participe !



10 comentários:

  1. Adorei a resenha, já está anotado.
    Eu gostei de tudo que você falou, sobre os capítulos curtos que deixam a leitura dinâmica, os diálogos rápidos ,e essa sacada de misturar a visão da vítima antes da morte e da investigadora. Isso realmente traz uma ação para o livro, e faz o leitor querer saber mais, sem parar. Eu já estou viciada nesse gênero de livros...adoro.
    A garota do lago parece ser mais um dos mais emocionantes desse ano. Fora que a capa também já dá vontade de ler. Vou ler logo.

    ResponderExcluir
  2. Oi, Camila,

    Esse é um livro que tem me chamado atenção e tem estado, desde então, na minha wishlist.

    O enredo por si só, é promissor e fabuloso. Passa a impressão de que as pontas foram bem amarradas - apmexendo assim com o imaginário do leitor, em busca de respostas.

    Tenho certeza de que esse será mais um livro que vai me ganhar em um estalar de dedos!

    ResponderExcluir
  3. Também só tenho contato com o trabalho do autor por Deixada Para Trás!!! Que aliás, que livro maravilhoso!rs
    Por isso, quando terminei a leitura, fui correndo caçar mais livros do autor e A Garoto do Lago está na lista de desejados faz um bom tempo.
    E pelo que li acima, o autor mais uma vez, conseguiu construir um enredo fabuloso e personagens muito bem fundamentados, sem deixar o mistério e as reviravoltas de lado.
    Espero sinceramente poder conferir e o mais breve possível.
    Beijo

    ResponderExcluir
  4. Oi Camila.
    Ainda não li nada do autor, mas sempre vejo resenhas positivas sobre essa série.
    Depois de ler a sua resenha é lógico que fiquei super curiosa para saber mais sobre a jornalista Kelsey e seu talento para desvendar mistérios.
    Espero ler esse livro logo.
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Os livros do autor me chamam muita atenção, apesar de eu ainda não ter tido contato com nenhum deles. Gosto muito do gênero e acho que a capacidade do autor de confundir o leitor, bem com o fato de intercalar entre as visões da repórter e da vítima, torna a trama mais complexa e difícil de largar antes de chegar ao final. Ainda pretendo muito ler os livros, ainda mais depois dos comentários positivos que tenho encontrado sobre eles.

    ResponderExcluir
  6. Camila!
    Adoro thrillers policiais no gênero desse, onde a protagonista não parece quem realmente é, onde há mistério para ser revelado e descoberto pela morte dela, e a tensão entre os que querem descobrir a verdadeira história.
    Já anotei como desejado.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  7. Eu adoro thrillers! Um dos meus gêneros literários favoritos, só esse mês li quatro! Já tinha ouvido falar desse livro, a capa sempre me chamou atenção a pesar de não saber muito. Não conheço a escrita do autor mas já estou super curiosa e morrendo de vontade de ler.

    ResponderExcluir
  8. Oi, Camila!
    Um livro que intercala passado e presente, utilizando a visão do investigador e da vítima pouco antes do seu assassinato? O autor sabe como conseguir prender um leitor de thriller como ninguém, hein?!
    Confesso que não me interessei pela trama de A Garota no Lago, mas seus comentários me deixaram curiosa; acredito que vou gostar da Kelsey, personagens fortes e determinados são o meu tipo preferido... Então, valeu pela dica! Abraços.

    ResponderExcluir
  9. Olá! Ainda não tive a oportunidade de ler as histórias do autor, mas só por falta de tempo mesmo, pois os livros já estão na minha listinha (não tão inha assim) há algum tempo. Curto muito esse tipo de leitura que aguça nosso lado detetive (mesmo quase sempre errando), é muito bacana se colocar dentro da história e tentar desvendar os mistérios. Adorei saber que a Kelsey é uma Girl Power, sem dúvida já ganhou minha torcida.

    ResponderExcluir
  10. Olá Camila!
    Sempre li resenhas positivas sobre esse livro, não vejo a hora de conseguir ler.
    Adoro personagens com personalidades fortes, acho que a leitura dica melhor ainda....
    Já está na listinha.
    Bjs!

    ResponderExcluir