12 abril 2018

Resenha - O Casamento



Livro: O Casamento
Autor: Victor Bonini
Cortesia: Faro Editorial
Páginas: 368
Onde comprar: Submarino / Amazon

Para os noivos é o dia mais importante de suas vidas. Meses atrás, os amigos diriam que o namoro de Plínio e Diana tinha prazo de validade. Eles se conheceram de um jeito bizarro, pensam completamente diferente e nenhuma das famílias aprova o relacionamento. Mas eles resistiram a tudo. E agora vão se casar. Para o detetive é a melhor chance de pegar um criminoso. O mais íntegro dos convidados esconde um segredo devastador. Mas alguém sabe e está disposto a espremê-lo com chantagens. É então que o detetive Conrado Bardelli se hospeda no hotel-fazenda onde ocorrerá o casamento. Ele precisa descobrir o lobo entre as ovelhas. E rápido. Pois, a cada nova ameaça, o chantagista eleva o tom e falta pouco para a bomba explodir. O casal está pronto para o sim. A noiva se prepara para caminhar pelo tapete vermelho. Até que alguém diz: não saia do carro! Enquanto a plateia espera ansiosa em frente ao altar, algo brutal acontece na antessala. Só quando veem as paredes lavadas com sangue é que os convidados se rendem ao desespero. Começa uma confusão para interromper a marcha nupcial e chamar a polícia. Ninguém sabe o que fazer. E Bardelli, que lidava com um caso de extorsão, descobre que se meteu em algo muito pior. Agora, ele é o único capaz de encontrar respostas. O problema é que as mortes não param de acontecer...



Em ``O Casamento``, o autor nos traz a incrível historia de Diana e Plínio que por acaso se conhecem em uma festa onde, a principio, vemos que Diana está sozinha devido o bolo que levou de uma pessoa que estava esperando. Já Plínio percebe Diana sozinha e resolve se aproximar já se utilizando de seu poder conquistador,  porém Diana não demonstra interesse algum e por várias vezes o manda embora, porém o seu pedido de nada adianta.

Enfim, Diana resolve ir embora, porém começa a passar mal e Plínio vê nisso uma oportunidade. Ele tenta ajuda-la, mas ela novamente não mostra interesse e desta vez iniciam uma discussão sem fim. Após um longo debate, as coisas vão se acalmando e eles começam a conversar e enfim a se entender.

A partir desse dia, Diana e Plínio iniciam um relacionamento, mas o sentimento de ambos ainda é bastante incerto, mas mesmo assim depois de certo tempo juntos eles resolvem se casar. Após meses planejando o dia PERFEITO, todos os convidados são escolhidos e dentre eles está Ricardo Gurgel, um homem que vem sendo alvo de ameaças. Dentre os convidados pode estar essa pessoa que o ameaça e daí parte a iniciativa de ter na festa, Conrado Bardelli. Conrado é o responsável por investigar QUEM entre todos os convidados é o chantagista que vem atormentando e extorquindo dinheiro de seu cliente.


Finalmente o grande dia chega no Hotel-Fazenda Cardeais e todos estão bastante animados. Então, as coisas acabam saindo um pouco do controle antes mesmo do inicio da celebração, pois um assassinato acaba acontecendo e deixa todos os presentes completamente em choque. Agora, cada uma das pessoas convidadas é suspeita, mesmo porque todos ali têm coisas a esconder de suas vidas pessoais e profissionais.

Não há outras alternativa a não ser suspender a cerimônia, porém o Detetive Conrado Bardelli começa suas investigações, pois ele acha que a pessoa que cometeu o homicídio pode também ter ligação com o caso do seu cliente, mas para descobrir isso, ele terá que ser bastante cauteloso durante os dias que se seguem.


Infelizmente a policia não facilitará as coisas para o Detetive Conrado, mas ele por si só começa a montagem, pouco a pouco de todo o quebra cabeça a fim de chegar ao verdadeiro culpado.  E esse mistério e essa dúvida ficam para nós, leitores, descobrirmos. Quem será o responsável por tal crueldade? Será que a pessoa que cometeu o assassinato é o mesmo que ameaça Ricardo Gurgel? 
Para descobrir vocês terão que ler esta bela obra!


[- Minhas Impressões -]

Assim que finalizei a leitura, confesso que fiquei com uma baita ressaca literária e isso me trouxe dificuldades enormes para desenvolver essa resenha. Mas, O CASAMENTO foi muito bem construído. Em minha opinião, o autor foi BRILHANTE em cada passo das investigações de Conrado Bardelli, principalmente no desenvolvimento dos demais personagens que acabaram não só me conquistando, mas também me deixando muito desconfiada. No decorrer das páginas eu desconfiei de muita gente, pois nesse enredo há diversos tipos de personalidades e isso ajuda muito a esconder o mistério. Quando eu achava que era um, acabava mudando para outro. Passei longe de quem realmente tinha culpa no cartório, por isso fiquei bastante surpresa ao fim da leitura.

A narrativa é muito bem fluida por conta da quantidade de ação, mistério e suspense contidos no livro e por tudo que é desencadeado pelos personagens, até porque cada um deles como eu disse tem vidas um tanto duvidosas e acho que isso foi a grande sacada do livro. Toda essa diversidade serviu não só para me confundir, mas também para me prender aos fatos que são mostrados durante as páginas pelo Detetive Conrado.

O autor soube trabalhar com maestria cada um dos personagens sem deixar qualquer ponta solta, pois ao finalizar minha leitura, vi que tudo foi explicado detalhadamente. Achei realmente incrível e só peguei esse livro por conta dos ótimos comentários de outros leitores, pois acabou despertando a minha curiosidade devido a eu adorar livros do gênero Investigativo.

Não há como se arrepender de iniciar este livro porque desde o inicio eu adorei a forma como o autor foi desenvolvendo a história. Achei muito inteligente a forma como tudo foi elaborado. Apesar de ter mais PRÓS do que CONTRAS no livro, eu sinceramente devo ressaltar algo que me incomodou um pouco. Eu nunca fui muito fã de livros que contém capítulos muito extensos, pois acredito que isso torna a leitura um pouco cansativa, principalmente para leitores que gostam de ler um capitulo completo assim como eu, ainda mais sendo uma história tão complexa que necessita ter bastante atenção.


Quanto à diagramação, achei que a Faro Editorial teve um capricho muito especial, pois o livro tem uma capa linda e chamativa. As páginas são amareladas e a fonte apesar de não ser muito grande, não trouxe dificuldades em minha leitura. O livro é dividido em quatro partes e em cada divisória as folhas são em preto com alguns detalhes que achei incrível.

O adjetivo final para O Casamento é EXCELENTE e todos deveriam dar uma chance para a leitura, porque vale a pena tê-lo na estante. Mas, eu recomendo que mesclem com outro livro mais leve, pois com o passar das páginas, pode ser que fique um pouco cansativo, mas sem dúvida devo lhes dizer que esse livro foi um dos melhores do gênero para mim esse ano.


Se Inscreva e Participe!!!

10 comentários:

  1. Oi, Silvana.

    O que era pra ser um casamento normal, acabou tendo como alvo uma investigação criminal... Uau, é algo bem inimaginável, seguindo essa linha tênue, que embaralha tudo, colocando todos na mira do investigador.

    ResponderExcluir
  2. Bom dia Silvana, eu já tinha visto resenhas desse livro mas não cheguei a ler a sinopse. Mas lendo aqui nesse post, mulher que premissa é essa.😱 Puts. Já quero urgentemente comprar ele para ler, quero saber se o detetive consegue pegar o assassino.

    ResponderExcluir
  3. Acabei de falar sobre este trabalho que a Faro anda tendo com seus lançamentos. Cada livro lançado, vem trazendo este capricho em diagramação, capas. Tudo muito bem feito!
    Tenho acompanhado este livro já tem um bom tempo, e ele está na listinha de desejados. Adoro um bom suspense, ainda mais quando tem isso de tentar(em vão no meu caso) descobrir pistas que levem ao assassino, mas também trazendo uma gama de personagens com história. Eu acho isso super importante!
    Espero poder conferir este livro em breve!E mais um ponto importante: é nacional!
    Beijo

    ResponderExcluir
  4. Olá !
    Eu gostei da capa e da sinopse, um crime num casamento é algo bem diferente, achei até impensável, mas como é uma história de investigação e suspense está de acordo.Adoro quando as coisas vão acontecendo e as reviravoltas surgem mudando o suspeito,é um jogo. Também desgosto de capítulos muito grandes, mas essa divisão em 4 partes acho bem legal. Mais um para colocar na lista!

    ResponderExcluir
  5. Oi Silvana!
    Gosto muito do gênero investigativo/ suspense então já me interessei só pela capa (que por sinal achei muito boa mesmo). Quando li a história já gostei mais ainda e ao ler sua resenha tão positiva coloquei direto na lista dos desejados. Gosto quando o autor consegue criar um mistério e soluciona-lo com grande maestria de forma a não deixar ponto sem nó. Isso parece ser o caso de "O casamento", e deixa a história muito bem construída. Uma pena os capítulos serem extensos, eu também gosto de terminar o capítulo mas o jeito é dividi-lo mesmo. Adorei a indicação!
    Bjs

    ResponderExcluir
  6. Oi Silvana.
    Eu li esse livro esse ano e também achei SENSACIONAL.
    Também não descobri o(a) culpado(a), mas estava sendo criando teorias de quem poderia ser, para depois o autor esfregar na minha cara o quanto estava errada rs Adorei isso! Para mim, quando eu descubro quem é o culpado fico com a sensação de que o autor entregou pistas muito óbvias (zero méritos para a minha capacidade de detetive rs) e aí acabo não gostando tanto da história.
    Adorei como o autor fez um bom desfecho para a trama, sem deixar pontas soltas e com explicações críveis.
    Com certeza irei ler outros títulos do autor.
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Oi Sil.
    Li tantas resenhas desse livro que já estou quase tentando desvendar a história sem ter eles em mãos, rsrs. Não conheço a escrita do autor, mas parece ser bem envolvente, principalmente nesse caso de investigação, acho que é exatamente isso que um livro tem que transmitir para o leitor, os mesmo sentimentos que os personagens estão tendo, que nesse caso é o medo. Lyra é um personagem que quero mto conhecer! Adorei a resenha.
    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Oi, Silvana!
    Eu li duas outras resenhas desse livro, e agora ele foi pro topo da minha lista, diante de tantos elogios! Eu amo demais romances policiais, sempre leio duas vezes pra ver se na segunda consigo absorver detalhes-pistas que me passaram despercebidos. Achei um diferencial muito criativo desenvolver o crime no casamento, que teoricamente é um ambiente direcionado para ser calmo, cheio de amor e promessas. A diversidade dos personagens também é um ponto incrivelmente forte, porque não só mostra que o autor pensou nos mínimos detalhes, como também serve pro leitor criar infinitas teorias com os diferentes suspeitos. Talvez seja por essa complexidade que os capitulos se tornaram mais compridos, na tentativa de conectar os detalhes sem a quebra do raciocínio.
    Enfim, logo mais vou comprar pra ler! Bjoo

    ResponderExcluir
  9. Silvana, eu também não gosto de capítulos muito longos, pois dependendo da fluidez do enredo parece que não saímos do lugar. Nesse caso, parece que o autor soube dar um ritmo bom. Eu também adorei a capa e não conhecia o livro. Quanto ao final vc se surpreender com o assassino e não ter passado perto do culpado é bom desde que o autor não tenha jogado a culpa em alguém sem o mínimo fundamento. Acredito que também não seja o caso, senão vc teria reclamado aqui. Gostei muito da dica.

    ResponderExcluir
  10. A edição está linda mesmo. Sobre a sua ressalva eu preciso dizer: eu também não gosto de capítulos longos. Até porque muitas vezes eu leio rapidinho entre uma tarefa e outra e tenho uma agonia enorme de parar no meio de um capítulo! Prefiro divisões mais ágeis na história. Mas parece que no geral o livro é ótimo e me chamou atenção especialmente por ser nacional!
    Beijos.

    ResponderExcluir