20 abril 2018

Casais & Músicas: I knew you were trouble

Bom dia, boa tarde, boa noite amados, como estão? Eu estou ótima, e bem, nesses últimos tive uma ideia meio "maluca" por assim dizer, e porque não arriscar e desenvolver essa ideia neh? Mas Bya, que ideia é essa?

Estava aqui lendo um livro e ouvindo uma música, que devo dizer, caiu como uma luva para o casal, e porque não tentar enquadrar outros casais nessa música? É para ser algo diferente e que sinceramente, espero que gostem.



Como esse será somente um "post teste", decidi escolher uma música que amo muito, meio antiguinha e de uma cantora que desde que me entendo por gente, sou fã... Estou falando de Taylor Swift e sua música I Knew You Were Trouble, uma das minhas músicas favoritas dela. Então vamos lá, ver alguns casais "problemas" e que mesmo assim acabamos torcendo por eles? Lembrando que os trechos da música não estão em ordem, peguei as partes que se enquadram com o casal.

"Once upon time, a few mistakes ago" 

--->> Reed Royal e Ella Harper são duas pessoas terrivelmente quebradas por obra do destino e da vida, mas ambos decidiram encarar suas perdas de maneiras diferentes. Ele, sempre envolvido em brigas, sempre teve a garota que quis, desconhece o significado da palavra limites; ela, uma jovem que desde de jovem sabe o que significa a frase: "lutar para sobreviver, não confiar em ninguém". Tem sua vida mudada completamente quando é obrigada a morar com a problemática e quebrada família Royal, mas uma das maiores mudanças é acabar se sentindo atraída por Reed Royal, ele parece ter um ímã que sempre a leva até ele, o que ela não esperava, era o ódio que ele sentia por ela. O porque? Nem ela mesmo sabe. Ela devia se afastar, sentir medo, pois ela sabia desde a primeira vez que seu olhar cruzou com o dele, que ele era um erro, um problema, mas a vida sempre nos dá aquela rasteira e ...

"And when I fell hard, you took a step back And he's long gone, when he's next to me" 




E Ella se vê perdidamente apaixonada por Reed, mas Deus, ele a repudia, a humilha, não importa de
mostrar para ela o quanto a odeia, o quão indesejada ela é. Mas bem, o que ele não consegue ver é que ele é o reflexo distorcido dela, talvez tão quebrado quanto ela, que seja por causa disso que ela luta todos os dias, para se aproximar dele, pois duas pessoas quebradas pelas mesmas circunstâncias as vezes tendem a se completar. Mas mesmo assim, não deixa de ser um relacionamento errôneo, problemático, um amor que surgiu em momento terrivelmente errado e cruel, mas que aos poucos Reed vai cedendo, mudando aos poucos e começa a perceber que talvez Ella sempre tenha sido a garota que ele estva buscando; mas bem, é isso que pensamos, afinal todo conto de fadas, momentos perfeitos tem um prazo de validade, e então....
"Flew me to places I'd never been 'Till you put me down Oh, I knew you were trouble when you walked in" 

Ella tem a maior decepção de sua vida, foi como se tivesse sido arrancada do céu e tivesse caído em um inferno. Um que no fundo ela sabia existir, só não esperava Reed ser o responsável por isso; e fazer ela sentir talvez a pior dor de sua vida. Com isso Ella faz a única coisa que sempre fez bem, fugir, fugir sem olhar para trás, o triste é que ele a avisou, que ele era Reed, O Destruidor; e era somente uma questão de tempo para ela ser arruinada, destruída, devastada.

"So shame on me now Now I'm lying on the cold hard ground" 

Então, esse é um pedacinho conturbado de Reed e Ella em Paper Princess... 

"I knew you were trouble when you walked inSo shame on me"



--->> E aqui temos mais um casal que foi aquele problema a primeira vista ( isso mesmo queridos, problemas, porque o amor demorou (risos), estou dizendo de Katy e Daemon Black, nossos protagonistas intensos e explosivos da Saga Lux (minha saga favorita).


Pensem em um casal que foi ódio em tempo recorde, que não se acertavam por nada, e as vezes, era frustrante você perceber que ambos se amavam, porém outra pessoa ir lá e deixar claro para você, só faltava mesmo soletrar: mas a pessoa ir lá e deixar claro para você , faltar soletrar: VOCÊ É UM PROBLEMA E VAI ARRUINAR MINHA FAMÍLIA. Nunca sofri tanto.

Mas não seria nada fácil um alien manter um relacionamento com um humana certo? Problema aqui é um dos adjetivos mais fracos que escolhi usar.

"And he's long gone when he's next to meAnd I realize the blame is on me"



Katy e Daemon no fundo se amam, mas é como se sempre houvesse um precipício que os distanciam, perto, estão lá, trocando ofensas, farpas; mas longe não conseguem parar de pensar um no outro. Daemon não luta para manter Katy perto, ao contrário, faz de tudo para mantê-la longe inicialmente, mas quando ela está em perigo quem disse que ele consegue ficar sem fazer algo, e no fundo Katy sabe que é um problema para a vida de Daemon e de todos que o cercam, mas quem disse que ela irá se afastar, quem a fará admitir seus sentimentos por ele? ( amores, pode cair uma chuva de canivete, ela nega e passa por cima desse sentimento a qualquer custo).

"And when I fell hard you took a step backWithout me, without me, without me"

Uma coisa é certa e sempre será: Katy e Daemon são como fogo e pólvora, ying-yang; podem até se odiarem, podem viver em pé de guerra, mas até o mais dos insensíveis e durões pode negar viver um amor verdadeiro como Daemon, mas existe uma coisinha chamada tempo e destino, que teimam em brincar com nossa cara e mostrar que mesmo venhamos a lutar contra, se afastando, é impossível ignorar um amor verdadeiro, pois ele acontece somente uma vez, e quando Daemon chega nessa conclusão e percebe que Katy é única que o completa, a única que é uma oponente e mulher a sua altura, ele acabará por querer lutar por ela, e o problema é: será que ela vai querer ele? O sonho dela é ter um relacionamento igual o de seus pais e isso a fará perceber que talvez Daemon seja incapaz de oferecer isso a ela e só restará uma alternativa: seguir em frente e esquecer que seu caminho cruzou com o dele algum dia. E bem, talvez o esforço que Daemon fez para afastá-la tenha sido fácil em comparação com o esforço que ele terá que fazer para reconquistá-la.

E bem não temos somente esses dois casais que foram o foco dessa vez, pois ainda irei encaixo-los em outras músicas que os descrevam melhor, mas aqui fica listado outros problemas:


Jax Stone e Sadie White ( Sem Fôlego);
Anna e Sam ( Trilogia Incarnate);
Luka e Lara ( Escola dos Mortos);
Jesse e Suzannah ( A Mediadora - já quase desisti desses kk);
Sidney e Ridge ( Talvez Um Dia);
William e Raven ( A Transformação de Raven);
Travis e Abby ( Belo Desastre);
Nastya e Josh ( Mar da Tranquilidade).


Enfim, aí está alguns casais que o relacionamento começou como um problema e que se desenvolveu para algo lindo, mas bem, óbvio que sofremos um pouco para que todos tivessem um final feliz.

Se Inscreva e Participe!!!

13 comentários:

  1. Oi, Byanca.

    A ideia do post realmente combina e muito com o Reese e com a Ella, que de início, não têm uma relação nem um pouco amistosa, mas que foram dando cada vez mais espaço para outro tipo de sentimentos entre ambos.

    ResponderExcluir
  2. Casal sem música não é casal hahah <3
    Muito amor em ler um livro com uma boa trilha sonora!!! *__*

    ResponderExcluir
  3. Show de post!!!Mesmo não sendo meu estilo de música preferido, gosto demais do estilo de cantar de Taylor e sem sombra de dúvidas, a música é muito linda e parece que foi feita para os casais.rs
    Aliás, a gente(eu ao menos) sempre me pego imaginando música para os casais que já me identifico de cara!
    Tomara que venham mais posts assim!
    Beijo

    ResponderExcluir
  4. Oi Byanca.
    Adorei a ideia do post.
    Dos livros citados só li Belo Desastre, Mar de tranquilidade, A mediadora, o primeiro da trilogia Incarnate e Talvez um dia.
    Fiquei interessada em ler os outros livros citados, exceto a série Princesa de papel. Já quero saber mais sobre esses casais que começaram com problemas, mas depois terminaram amorzinho.
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Boa tarde Bya!

    Adoreeeei essa tua idéia, olha que sempre leio enquanto escuto música mais nunca tinha parado para tentar encaixar uma música específica para ada casal. Vou testar isso é ver se dar certo hahahahaha. Bjs e uma sexta feira para você e todas as colunista desse blog tão maravilhoso. ♡♡

    ResponderExcluir
  6. Oi Bya,
    Menina, eu sempre combino o casal do livro que estou lendo com minhas músicas favoritas, e melhor, que me fazem lembrar deles quando escuto a letra, rs.
    Conheço a música da Taylor, e é muito boa, pena que ainda não li alguns dos livros, mas se são problemas, sem dúvidas combina com os trechos escolhidos!
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Ooi, Bya! Ficou sensacional o post, e adorei a ideia de relacionar músicas com os personagens! Nunca tinha feito isso porque não consigo me concentrar na leitura com músicas junto, mas agora surgiu muitas ideias pra vários livros hauahua. Pensei em um outro casal que combina com essa da Taylor: Elena e Damon, de the vampire diaries. Tem muita gente que não gosta, mas o romance dos dois segue a mesma linha da música!

    ResponderExcluir
  8. Oi Byanca.

    Adorei essa sua ideia para o post. Foi original e muito legal.
    Não conheço muitos dos casais que você citou, mas Daemon e Katy, esses eu conheço. Hahahahahaha! Pé de guerra que nada. É pé, mão, braço, perna, o corpo inteiro. Hahahahahaha!
    E concordo com a Francine Locks aqui dos comentários: "casal sem música não é casal!" Parabéns!
    Beijos mil! :-)

    Perdida Na Lua Cheia

    ResponderExcluir
  9. Oi!
    Até acredito que as músicas combinem com os casais,apesar de não conhecer todos!
    Mas para mim não funciona , ou livros ou música, sou muito distraída se estou lendo não consigo ouvir música ao mesmo tempo...

    ResponderExcluir
  10. Preciso dizer que não tenho o hábito de escutar música enquanto leio, acho que minha concentração não permite e a ideia sinceramente não me atrai. Porém, quando se trata de ouvir a música no intervalo da leitura ou quando termino o livro acho legal. Por exemplo, o livro O Lado Feio do Amor tem uma música feira exclusivamente para ele chamada Ugly Love do . Ah, eu adorei a música que você escolheu. Também gosto da Taylor e quero um dia ir a algum show dela, mas a linda parece que foge daqui. Já ouvi algumas críticas bem negativas ao enredo e personagens da série Royal, não sei se vou ler porque prefiro livros únicos, mas pelos comentários que você fez eu acho que a música combina mesmo com eles. O casal da Saga Lux parece ser aquele casal complicado, que se amam, mentem falando que se odeiam, odeiam se amar. Não é o tipo de leitura que eu procuro agora e imagino que isso deve se arrastar até eles finalmente ficarem juntos. A Mediadora é uma série que eu li há uns seis ou sete anos e eu simplesmente lembro que amei. Quero reler um dia. Meu Deus, o que falar de Mar da Tranquilidade? Realizei a leitura ano passado e ganhou meu coração. Marquei vários quotes e ontem mesmo estava relendo alguns. Só gostaria de deixar uma sugestão, você poderia colocar a tradução dessas partes da música que você colocar no post.

    ResponderExcluir
  11. Eu não conheço nenhum dos casais, mas a ideia de relacionar a música com eles é maravilhosa e, com certeza, deverá fazer mais vezes, aproveitando a lista do final. É muito bom quando o livro traz sua própria playlist, onde acabamos ouvindo e participando do mesmo clima criado pelo autor. Como nem todos os autores fazem isso, nada melhor do que acompanhar por aqui e, de repente se apaixonar por eles tb. Adorei a ideia do post.

    ResponderExcluir
  12. Oi Byanca! Não conheço nenhum desses casais, então fica difícil visualizá-los com a música, mas acredito em você, rs. Também gosto de imaginar uma "trilha sonora" para as histórias que eu leio, ainda que nem sempre eu consiga, mas tem algumas músicas que realmente caem como uma luva para a situação, casal, o que quer que seja.
    Gostei da ideia do post, gostaria de ver mais das suas ideias!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  13. Oi Bya
    Gostei da ideia de escolher uma música e relacionar aos casais, e apesar de não ter lido os livros citados eu tenho vários que poderia citar como casais problemas ahauhauh
    Princesa de papel já ouvi muito falar do casal problema e agora lendo aqui só tive uma confirmação maior hauahuh
    Bjs

    ResponderExcluir