06 outubro 2015

Resenha - O grande Gatsby







Obra-prima de F. Scott Fitzgerald, este clássico do século XX retrata a alta sociedade de Nova York na década de 1920, com sua riqueza sem precedentes, festas nababescas e o encanto das melindrosas ao som do jazz. O sol em ascensão desse universo cintilante e musical é o enigmático milionário Jay Gatsby, ao redor do qual orbitam três casais glamorosos e desencontrados, numa trama densa, repleta de intrigas, paixões e conflitos que precipitam o trágico eclipse. Recriação soberba de um dos períodos mais prósperos da história dos Estados Unidos, O grande Gatsby é uma crítica mordaz à insensibilidade e imoralidade revestidas de ouro da chamada Era do Jazz, e um dos melhores romances — talvez o melhor — já escritos nesse país.





Livro: O Grande Gatsby
204 páginas || Skoob || Cortesia: Geração Editorial || OndeComprar









Nova York durante os “loucos anos 20”: investimentos na bolsa de valores, novos milionários e festas intermináveis embaladas pelo ritmo do jazz. Esse é o cenário da obra-prima de Scott Fitzgerald, um dos mais conhecidos escritores dos Estados Unidos.

"Antes de criticar alguém - ele me disse -, lembre-se de que nem todos tiveram as oportunidades que você teve."

O enredo narra a história de amor entre Jay Gatsby e Daisy, que se apaixonaram, mas se viram separados pela Primeira Guerra Mundial. Quando o jovem retorna à América, ela se casa com Tom Buchanan, um homem rico e insensível. A partir daí, Jay tem como único objetivo se tornar milionário e reconquistar Daisy. Para isso compra uma mansão em frente à dela e dá grandiosas festas, com a única esperança de que um dia ela apareça.

Quem me conhece sabe minha fascinação por história e a década de 1920 é um dos períodos que mais chama minha atenção por seus exageros, especialmente nos EUA. O Grande Gatsby mostra claramente como era a vida da alta sociedade da época e o melhor é imaginar que o próprio autor convivia com essa realidade. Saber disso deixa a história ainda mais convincente, não tem como não se envolver nas loucuras dos personagens.

A narração da trama é feita de uma maneira um tanto incomum, já que é em primeira pessoa, mas o narrador não é um dos protagonistas. Nick Carraway é vizinho de Gatsby e um parente distante de Daisy. A forma como ele está sempre por perto, mas não sabe tudo o que está acontecendo deixou a história com um ar misterioso, principalmente porque Nick não julga os personagens, então nunca sabemos o que esperar de cada um.


Outra característica que chamou minha atenção durante a leitura foi a forma como foram feitas as descrições, cada personagem tem uma característica marcante: Daisy com sua voz sussurrante, sua sensualidade e a personalidade rasa, ou Gatsby com o sorriso irresistível e muito carisma.

"Tinha o tipo de voz que o ouvido acompanha minuciosamente, como se cada palavra fosse um arranjo de notas que jamais seria repetido."

Essa foi uma leitura bem diferente do meu usual, o romance é o ponto de partida da história, mas não foi só ele que se destacou. O Grande Gatsby foi ótimo para mergulhar em uma sociedade fútil, onde esbanjar era palavra de ordem e as festas nunca deveriam ter fim. Temas como traição foram tratados com tanta naturalidade que me revoltei algumas vezes com a forma como todos fingiam não ver o que estava acontecendo.

A leitura não é uma das mais fáceis que já fiz, mas também não é impossível, e a trama é tão envolvente que as páginas passavam rapidamente. Os capítulos são longos e só não ficaram cansativos por conta da narrativa bem direta, Nick não perde tempo com devaneios. O final me surpreendeu, esperava algo bem diferente quando comecei a ler.


Só tenho elogios sobre o trabalho da Geração Editorial, o livro é lindo! A capa dura dá um toque especial e ainda há com uma introdução ótima, escrita por Ruy Castro, além de fotos do escritor e das adaptações que já foram feitas da obra. As páginas amareladas são de um papel um pouco mais “encorpado” que o comum. Não encontrei erros de revisão.

"Ele se lançara ao sonho com paixão criativa, acrescentando detalhes todo o tempo, enfeitando-o com cada pluma brilhante que passava em seu caminho. Nenhuma quantidade de fogo ou de frescor pode competir com aquilo que um homem pode armazenar na fantasmagoria de seu coração."

Esse livro deveria ser lido por todos que gostam dos clássicos mundiais e também por aqueles que querem saber um pouco mais sobre a era do jazz, com todas suas peculiaridades. Para quem não se animou o suficiente com minha resenha, indico que assistam ao filme Meia-noite em Paris, que se passa em parte nessa época. Foi esse filme que me deixou curiosa sobre O Grande Gatsby...

Recomendo a leitura!


34 comentários:

  1. Aii que amorzinho esse teu blog!! Tão fofo, rosinha minha cor favorita hahaha adorei a resenha, sempre fico me puxando para ler esse livro, por mais que ainda não o comprei, quero promoção dele logo!! Agora minha vontade aumentou bem mais!
    Beijoos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      O blog não é meu, mas agradeço pela Silvana hehe
      Esse livro é muito bom mesmo, espero que você goste quando ler!
      Beijos

      Excluir
  2. Eu adoro romances da década de 1920! Época de futilidades e esbórnia!
    Tenho muita vontade de ler esse livro... E sua resenha me deixou ainda mais animada para ler!
    Adorei!

    Beijos!
    Fabi Carvalhais
    http://pausaparapitacos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      Essa época é mesmo incrível, eu ainda li poucos romances como esse, mas com certeza vou querer conhecer outros... Vou torcer para você gostar muito quando ler!
      Beijos

      Excluir
  3. Olá!
    Ótima resenha!
    Eu também gosto de histórias da época de 20.
    Esse livro parece ser muito bom mesmo, vai pra minha meta de leituras!
    Ah, e que edição linda!!
    =D

    http://osdragoesdefogo.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      Obrigada :)
      O livro é ótimo, agora quero conferir o filme haha
      Espero que você goste quando ler!
      Beijos

      Excluir
  4. Olá Eve, tenho muita vontade de ler esse livro porque só leio elogios sobre ele.Já tentei comprá-lo ano passado mas acabei desistindo, mas depois da sua resenha com certeza o colocarei na listinha de Natal, de livros para comprar.

    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      Vou ficar na torcida para você conseguir comprar e ler ele! O livro é muito bom e essa edição é linda!
      Beijos

      Excluir
  5. Oiii! Assisti ao filme, e tenho curiosidade sobre o livro. Adorei sua resenha, só me deixou com mais vontade de ler. E essa edição está maravilhooooooosa.
    beijos

    eu-ludmilla.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      Eu ainda não assisti ao filme, mas quero fazer isso o quanto antes... Fico feliz que tenha gostado da resenha :)
      Beijos

      Excluir
  6. Oi, Eve!
    Sempre quis ler essa obra, principalmente depois de assistir ao filme – a nova adaptação, com a participação do Leo DiCaprio. Adorei demais a performance do ator e toda a fotografia belíssima do filme. Por fim, encontrei esse livro nessa mesma edição e me apaixonei. Não o comprei, mas "prometi voltar", haha. Adorei ler sua resenha e ver que a trama é envolvente, que o trabalho gráfico da editora compensa o investimento e que, embora não tenha sido uma leitura fácil, acabou te surpreendendo. Com certeza, lerei.

    Beijos!
    http://www.myqueenside.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      Eu ainda não assisti nenhuma das adaptações, mas estou bem curiosa sobre essa mais recente, a fotografia parece ser muito linda mesmo! Volte para ele mesmo, você não vai se arrepender hahaha
      Vou ficar na torcida para você gostar bastante da história :)
      Beijos

      Excluir
  7. Olá!
    Que edição linda essa!
    Ainda não li o livro e nem assisti o filme, mas a história parece ótima e super me interesso.
    Espero ler em breve e gostar tanto quanto você!
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      Essa edição é maravilhosa! Espero que você goste bastante quando ler :)
      Beijos

      Excluir
  8. Tbm acho a década de 20 atraente hehe
    Eu assisti o filme, mas com certeza o livro deve ter mais detalhes. Fiquei curiosa... achei a capa linda demais. Muito legal a resenha, bjo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      Tenho muita curiosidade sobre essa época, devia ser uma loucura hahaha
      Eu ainda não assisti ao filme, então não posso comparar...
      Beijos

      Excluir
  9. Ola Evelise já fiquei encantada com essas fotos do livro, pelo visto a Editora caprichou na Edição pois está maravilhosa, adoro temas dessa época, e bateu uma curiosidade sobre toda a trama e as festas regadas a Jazz. Ainda não li nada que remete a essa época acho que vou começar por esse livro. beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      Essa edição está incrível, a capa, a revisão, as fotos, tudo é impecável! Vou ficar na torcida para você gostar bastante do livro :)
      Beijos

      Excluir
  10. Tenho vontade de ler Gatsby, mas falta tempo, como vc disse que não uma fas mais faceis leituras e sei que facil não é mesmo, então espero ter um tempo com calma para assim ler. Não conhecia esse edição e esta realmente linda.
    http://odiariodoleitor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      A leitura não é tão fácil, mas a história compensa! É melhor mesmo ler com mais calma, assim dá para ir se acostumando aos poucos com a escrita do autor...
      Beijos

      Excluir
  11. Olá, já li esse livro, só que em outra edição essa que vc tem é linda. Também gostei da história e fui surpreendida no final. Acho que o autor soube retratar bem a sociedade rica e futil dos USA nos inicio do século passado. Adorei a resenha e o blog, bjus!!!
    http://www.lendoaestante.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      Essa edição é incrível, é um dos poucos livros na minha estante que tem capa dura... Também me surpreendi com o final :)
      Fico feliz que tenha gostado!
      Beijos

      Excluir
  12. Oi Eve, sua linda, tudo bem
    É muita coincidência, outro dia estava escutando a música tema da adaptação desse livro com Leonardo Di Caprio, foi aí que eu descobri o filme. Mas ainda não tive oportunidade de ver. Eu nunca li nenhum livro dessa época, fiquei interessada. Embora a sociedade seja fútil, não podemos negar que ele fez tudo por amor a ela, não gostei dela, ela se casou com outro, mas não conheço o contexto, então, vamos ver, risos... beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      Que coincidência mesmo! Eu também ainda não assiti ao filme, mas estou bem curiosa sobre ele, parece ser lindo :)
      Beijos

      Excluir
  13. Acho que nunca li nada que tivesse tanto de música, e principalmente dos anos 20 e fiquei bem curiosa com essa leitura, já que a edição é linda com essas fotos e ilustrações

    www.gordinhaassumida.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      Não tem tanta coisa assim de música, mas é uma época que não tem como não relacionar com o jazz...Essa edição é linda mesmo!
      Beijos

      Excluir
  14. Quero muito ler esse clássico, sempre ouvi falar da obra, mas nunca tive vontade de ler até saber realmente do que se tratava. Adorei a trama,e essa edição está um luxo. <3
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      Eu fiquei um bom tempo com vontade de ler esse também e o melhor é que não me arrependi! Essa edição é linda demais :)
      Beijos

      Excluir
  15. Resenha interessante deve ser muito mais nunca ouvi falar nessa obra mais confesso que fiquei curiosa na leitura!
    bjos
    http://www.brunasmiderlemantovani.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      Não é um livro tão conhecido no Brasil, mas é muito bom :)
      Beijos

      Excluir
  16. Olá

    Eu não conhecia o livro,até sabe sobre o filme,tenho vontade de ler o livro pra poder ver o filme depois,mas como você citou é uma leitura difícil e ainda não tiver coragem de encarar e realmente o trabalho de diagramação do livro está lindíssimo.

    Bjss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      Eu também ainda não assisti o filme, mas acho que logo mudo isso... A narrativa não é tão fácil, mas é só ler com um pouco mais de calma :)
      Beijos

      Excluir
  17. Olaaa
    Ainda quero muito ler esse livro mas não por agora. Adorei a dica e a resenha, bela edição haha

    Beijos
    Reality of Books

    ResponderExcluir
  18. Olá!

    Essa edição da Geração está incrível, eu já li The Great Gatsby em inglês, porém a edição era paperback, gostei bastante da sua resenha.

    Abraços,
    Heitor Botti
    shakedepalavras.blogspot.com

    ResponderExcluir