10 outubro 2015

Resenha - Goosebumps - O Espatalho anda à Meia-Noite






Eles estão vivos! Jodie adora visitar os avós na fazenda. Tudo bem, não é o lugar mais animado do mundo, mas as histórias assustadoras que o avô dela conta são ótimas e as panquecas com gotas de chocolate da avó são fantásticas. Mas, neste verão, a fazenda está muito diferente. O milharal não está muito bonito e os avós de Jodie parecem bem cansados. Além disso, o espantalho que eles tinham foi trocado por outros doze com uma cara estranha... Certa noite, Jodie vê algo esquisito. Parece que os espantalhos estão se mexendo e se contorcendo nas estacas! Será que estão criando vida...?



Livro:
 Goosebumps - O Espatalho anda à Meia-Noite
88 páginas || Cortesia: Editora Fundamento || OndeComprar
       
                                                              









Jodie e Mark adoram passar as férias na fazenda de seus avós, eles fazem isso há anos e nunca se cansaram. A fazenda os lembra histórias de terror contadas pelo seu avô, panquecas com gotas de chocolate da avó e milhos fresquinhos e doces, ou seja, tudo de bom.

E esse ano a viagem se fez mais necessária ainda, pois Mark está cada dia mais vidrado em jogos de vídeo game, programas de TV e músicas, o típico menino de cidade que vive enfurnado em casa e seus pais não gostam muito dessa atitude, vir para a fazenda vai fazê-lo entrar em contato com a natureza e talvez o anime em fazer outras coisas, que não seja procrastinar.

Porém eles mal põem os pés na fazenda e sentem que algo está diferente, Stanley está sombrio, dizendo algo sobre os milhos terem ouvido, sobre um livro ter razão e sobre como as coisas estão diferentes por ali, e no início os meninos acreditam que seja só o supersticioso Stanley de sempre, mas ao entrarem e darem de cara com seus avós algumas coisas começam a serem questionadas na cabeça de Jodie.


Por que seus avós parecem tão cansados? Por que todos estão evitando determinados temas? Por que seu avô não conta mais histórias de terror? Por que sua avó não faz mais panquecas de chocolate? E o que diabos é esse exército de espantalhos macabros? Porém o pior de tudo é os sons que reverbam pelo milharal e uma frase não sai da cabeça dela: "O espantalho anda a meia-noite."

O livro é fininho e pode ser lido em um par de horas, sim, estou falando sério. Ele tem uma pegada bem infanto-juvenil mas dado o fato de que o livro foi produzido para esse público eu não posso ver isso como uma coisa ruim, apenas fiquem espertos, pois se você não curte uma leitura mais infantilizada é bem provável que não curta o livro e o julgue erroneamente.

Não sou de ler estórias de terror, tenho medinho e não ligo de assumir, mas falei "Vamos lá Agatha, é um livro para crianças...", okay, o livro é mesmo para crianças, porém isso não mudou o fato de que teve horas que eu fiquei tensa pelos protagonistas, odeio espantalhos e um livro onde eles são os "vilões", bem, me deixa meio ressabiada.

Mas, voltando a trama, não tenho muito o que falar sem soltar spoilers, mas eu vi consistência ao ler e pensei "Cara isso aqui ta parecendo um roteiro de uma série televisiva ao estilo Supernatural para adolescentes!", ou seja, eu indico o livro, mas cuidado com a escrita, pois ela pode ser mal interpretada, aqui não temos grandes divagações ou então um enredo rico, são fatos resumidos e reunidos para o entendimento de um público mais jovem, o que não tira o brilho da obra.





BOOKTRAILER



16 comentários:

  1. Já ouvi falar desse livro e quase cheguei a comprar num evento literário que fui mês passado. Se arrependimento matasse...
    É um dos meus gênero favoritos, e pela sua resenha teria gostado.
    Só tenho que arrumar coragem (e dinheiro) pra comprar essa série enorme!

    Visite meu blog
    virandoamor.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Oi, Agatha
    ahhaah também tenho medo de espantalhos, e quando era pequena minha vó tinha um na horta aqui em casa. Pensa: medo! Mas acho que ia na onda assim como você, por ser um livro infantil. Mas pelo que disse mesmo assim dá um medinho. A primeira vista não sei se leria o livro, mas lendo sua resenha até pensaria em ler. Sem contar que o livro é fininho, acho que valeria a pena.

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Adoooro histórias de terror e saber que esse livro segue o gênero, mesmo que voltado para crianças, me deu muita vontade de ler. Gostei bastante da resenha, bem objetiva. Me deixou super ansiosa com a leitura :D
    Beijos, Agatha!
    Gaby

    ResponderExcluir
  4. Olá
    Não conhecia o livro, mas achei a premissa bem interessante, já que gosto de terror e por ser infanto juvenil acho que não deve ser tão carregado.
    Fiquei curiosa.
    Amei a resenha.
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Olá! Quando eu vi falando de espantalho, lembrei de um episódio de Supernatural rs . também tenho medo de livros/filmes de terror. Apesar de você ter dito que é uma leitura infanto juvenil, eu leria. Porque aparenta ser uma história agradável e relaxante! Beijos!

    http://www.livrosepergaminhos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Olá

    O meu problema com livros de terror ou que tenha essa pegada é que tenho medo também,apesar de gosta de sobrenatural, gostei da premissa, acho que o fato da leitura ser de certa forma infantilizada, facilita pra pessoas como eu, que teem medo de ler terror, lerem, por isso eu anotei a dica, aproveitar que a gente tá no mês do horror e tem várias maratonas por aí.

    Bjss

    ResponderExcluir
  7. Oi Agatha!

    Provavelmente somos exatamente iguais quando se trata de livros de terror: passamos longe. Mas sim, eu também teria essa mesma reação, "é um livro para crianças, não deve dar tanto medo". Aposto também que você se divertiu bastante, tenho a impressão que livros infanto-juvenis têm essa pegada mais divertida.

    Beijo!
    http://www.roendolivros.com

    ResponderExcluir
  8. Oi flor, morro de medo desse tipo de livro, sou medrosa, mas esse por ser direcionado para o público infanto-juvenil,acredito que esteja mais brando nas forças sombrias,hahaha. Adoro livros assim, infanto -juvenis pra passar o tempo e descansar a mente, curti o enredo e o leria sim.

    bjs

    ResponderExcluir
  9. Oii,
    Nunca li nenhum livro da série mas quando menor sempre via meus amigos lendo kk
    Vitória Zavattieri
    Corujas de Biblioteca

    ResponderExcluir
  10. Oi!
    Estou vendo bastante divulgação dessa série, e a cada livro acho mais incrível!
    Esse do espantalho mesmo sendo para um público mais jovem deve dar medo mesmo hahahaha. Eu também detesto espantalhos, eles sempre parecem assustadores u.u

    www.gordinhaassumida.com.br

    ResponderExcluir
  11. Oi, tudo bem?
    Eu não conhecia a série até pouco tempo, eu vi que vai ser lançado uma adaptação do primeiro livro, estou super ansiosa para poder conferir. E eu gostei muito da premissa desse, e espero ter a oportunidade de o ler em breve.


    www.fonte-da-leitura.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  12. Oii tudo bem?
    Pela resenha o livro parece ser realmente legal, mas infelizmente ele não faz o meu tipo, mesmo sendo um terror mais infanto-juvenil, eu corro porque eu sou muito medrosa

    beijos
    Mayara
    Livros & Tal

    ResponderExcluir
  13. Olá. Gostei bastante da sua resenha. Não sabia desse livro e parece ter livros demais pra mim kkkk. Mas enfim, também não gostei da premissa. A história também não cativou até porque não gosto de terror e todo esse suspense e tensão mesmo sendo juvenil.
    Beijos e sucesso.

    ResponderExcluir
  14. Olá!
    Não sabia que Goosebumps também era livro, sabia só do filme que vai sair esse mês, mas lendo a premissa do livro acho que vi um desenho com esse enredo quando era pequena, será que era baseado? Porque eu adorei haha.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  15. Oie!
    Já vi algumas resenhas desse livro por ai e quanto mais eu leio sobre ele, mais eu sei que não gostaria. Adorei sua resenha bem detalhadinha, fala bem do livro e graças a isso, consegui ver que esse livro não é mesmo pra mim =x
    Beijos

    Paraíso das Ideia

    ResponderExcluir
  16. Já vi algumas resenhas, eu amo infanto juvenil, mas nunca li nada de terror, então eu ainda não sei se gosto! Mas gostei da sinopse desse, acho que não é tão assustador asssim! Parabéns pela resenha!!!

    ResponderExcluir