28 maio 2015

Resenha - Extraordinário





August (Auggie) Pullman nasceu com uma síndrome genética cuja sequela é uma deformidade facial, que lhe impôs diversas cirurgias e complicações médicas. Por isso ele nunca frequentou uma escola de verdade... até agora. Todo mundo sabe que é difícil ser um aluno novo, mais ainda quando se tem um rosto tão diferente. Prestes a começar o quinto ano Aggie tem uma missão nada fácil pela frente: convencer os colegas de que, apesar da aparência incomum, ele é um menino igual a todos os outros.

Livro: Extraordinário
318 páginas || Skoob || Editora: Intrínseca 
Classificação:  || Onde comprar ||




Mamãe e papai também não me acham comum. Eles me acham extraordinário.








August é um garotinho adorável de 10 anos que nasceu com uma síndrome genética, a sequela é uma deformidade facial. Mesmo depois de diversas cirurgias seu rosto ainda está longe de ser "normal". August é super protegido e mimado pelos pais e também pela irmã mais velha (Via), a relação entre os irmãos é bem normal, Via é aquele tipo de irmã bem protetora, que defende o irmão o tempo todo, porque quando eles saem para passear ela repara que sempre tem alguém olhando cochichando e rindo, mas August os ignora, mesmo sabendo que estão falando sobre ele.

Auggie nunca frequentou uma escola, sempre estudou em casa com a mãe, mas eles decidem que chegou a hora e que não podem superproteger o filho a vida inteira e meio relutantes eles matriculam o garotinho em uma escola.

 


Auggie é levado para escola ainda nas férias para conhecer o local e se adaptar aos poucos. O diretor Buzanfa (Não, eu não escrevi errado e você leu certo (risos) chama três alunos (Julian, Charlotte e Jack). para apresentar cada canto da escola para Auggie, mas é claro que esse "passeio" não foi uma maravilha. Julian começou a fazer perguntas maldosas como, se Auggie tinha queimado o rosto em um incêndio e tal. Logo o garotinho percebe que estudar ali vai ser mais complicado do que ele imaginava.

Na escola Auggie começa a ser rejeitado, ninguém senta ao seu lado na mesa do refeitório a não ser Summer, uma menina adorável. Juntos eles fazem uma lista de pessoas legais que poderiam sentar ali com eles na "mesa do verão".

- Ei, nossos nomes meio que combinam.
- Summer significa verão, e August é agosto... Em agosto é verão aqui.

Auggie começa a sofrer bullying, seus "colegas" começam colocar apelidos maldosos nele, começa a correr dele como se sua deformação fosse contagiosa. O que posso dizer é que eu senti a dor de August, e também aprendi que crianças também podem ser perversas quando querem.


Mas o livro não é narrado apenas por August, os capítulos são intercalados em primeira pessoa por Via, Justin (namorado da Via), Summer, Jack, Justin e Miranda (amiga de Via e August). Eu amei essas intercalações, gostei muito de conhecer um pouquinho sobre Via e como ela se sentia em relação ao irmão, ela o ama muito e faria tudo por ele, mas o drama que ela sofre por ter sido deixada de lado, de ver seu irmão recebendo toda a atenção de seus pais não é fácil. As vezes ela se revoltava, falava o que não devia, desabafava, mas eu consegui compreende-la. E ainda tem o ensino médio, sua melhor amiga está diferente, seu primeiro namorado... Enfim Via é uma adolescente descobrindo o mundo, adorei conhecer um pouquinho sobre ela.

Gosto de como palavras incompreensíveis explicam coisas incompreensíveis.

A história foi muito bem construída, porque é incrível como cada personagem tem uma personalidade única fazendo com que o leitor identifique rapidamente cada um, acho que mesmo se ela não identificasse com um nome ou um desenho o capitulo narrado por eles, qualquer um identificaria logo no primeiro paragrafo.

Amei a escrita, esse foi o primeiro livro da autora que li e simplesmente me apaixonei. Gostei da maneira como que Auggie vai mostrando a todos que não devemos julgar uma pessoa pela aparência, aliás, amei esse jogo com as palavras que eles fizeram atras do livro. Essa frase explica tudo.
Amei o livro e cada personagem, sei que algumas pessoas não gostaram da irmã do Auggie, acharam ela egoísta, mas eu realmente me coloquei em seu lugar e consegui compreende-la.
Os pais de Auggie são dois amores, protetores, amáveis, compreensíveis, atenciosos etc.

O que posso dizer da diagramação desse livro? Não consigo pensar em uma capa que se encaixaria melhor do que esta, assim como o titulo. As folhas são amareladas, capítulos curtinhos com títulos que traduzem todo o capitulo, muitos diálogos, coisa que amo. E os quotes são perfeitos, reflexivos e intensos.


Acho que devia haver uma regra que determinasse que todas as pessoas do mundo tinham que ser aplaudida de pé pelo menos uma vez na vida.

Enfim... O livro é perfeito, não tenho nenhum ponto negativo para destacar. Acho que não conseguir imaginar Auggie com o rosto deformado seja um ponto negativo não é? Acho que depois que li extraordinário consegui compreender algo que minha irmã sempre me diz "Fulano não é bonito, mas é tão simpático que você acaba vendo apenas beleza", August é tão amorzinho, tão fofo, simpático que eu só conseguia imaginar o garotinho mais lindo do mundo, mesmo ele descrevendo sua aparência, eu não conseguia imaginar nada além de um garoto lindo. E essa frase não fez efeito algum em mim.


Não importa o que você esteja pensando, porque provavelmente é pior.




Algo que gostei muito é do quanto Auggie é inteligente e como ele compreende tão bem essa sua "diferença" e é claro que ele se revolta as vezes... Ninguém é perfeito e todo mundo merece jogar tudo para o ar e mandar o resto se ferrar não é? Bom! Recomendo esse livro para as pessoas de qualquer faixa etária. Acredite, esse livro vai mudar sua vida... E se você não gostar do livro... Não, não tem como você não gostar.


42 comentários:

  1. Oi, tudo bem?
    Ainda não li esse livro, mas foi mesmo por falta de oportunidade. A história parece ser adorável, tem um exemplar desse livro na biblioteca da faculdade, acho que vou pegá-lo. Adorei sua resenha!
    Um beijo.
    Garota do Livro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi linda.
      Aaaa fico tão feliz em saber que você vai ler essa fofura de livro.
      Depois me conta o que achou heim.
      Beijos

      Excluir
  2. Amiga para falar a verdade eu tenho a primeira edição do livro que estou querendo acho que sortear para comprar esse novo, porque eu achei ele lindo, mas confesso que sempre tive um pouco de receio de ler esse livro, mas depois de ler a sua resenha fiquei bastante interessada, porque de uma certa forma nos passa uma lição de vida né? Eu achei tão linda as fotos que você colocou. Fiquei encantada e espero também amar a história assim como você. Vou dar oportunidade assim que conseguir esse novo exemplar pra mim =D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Amigaa.
      Aaa eu também prefiro essa edição azul kkkk.
      Que bom que gostou das fotos e da resenha :D
      Espero que você leia e goste assim como eu.
      beijos

      Excluir
  3. Olá!
    Eu já li esse livro e foi uma das leituras mais gostosas que já tive. Eu me identifiquei muito com o Auggie, por tudo que ele passou na escola e a dificuldade de fazer amigos. Chorei alguns litros de lágrimas haha adorei sua resenha.

    Beijos
    http://www.breakingfree.blog.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi linda!!!
      Aiii que bom flor que gostou.
      Aaaa os dias desse garotinho na escola não foram fáceis mesmo.
      bjs

      Excluir
  4. Esse é o livro mais maravilhoso que eu já li
    passei dias com ele na cabeça após terminar a leitura
    ele é encantador, todo deveriam ler

    Mil beijocas
    ⋙ ♥ Blog Livros com café

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii.
      A também achei maravilhoso hehehehe
      Que bom que gostou flor.
      beijos

      Excluir
  5. Oi, Taty!
    Esse foi um dos primeiros livros que resenhei no blog e, não me pergunte o porquê, mas o avaliei em 4 estrelas. Hoje, estou indo para quase 100 resenhas publicadas e reconheço que Extraordinário merecia uma avaliação maior. Acho que quando comecei a ler e resenhar no blog, tinha critérios muito altos… O livro é encantador, sua mensagem é maravilhosa, os personagens cativantes. Lembro apenas que algumas cenas me pareceram desnecessárias, talvez pela alternância de personagens. Mas não merecia perder uma estrela por causa disso. Infelizmente, muitos livros lidos e resenhados depois, percebo que a "perfeição" de um livro depende do quanto ele nos toca. :) E isso é lindo.

    Bela resenha, flor.

    Beijos!
    http://www.myqueenside.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A concordo com você.
      Tem muitos livros que hoje eu avaliaria de outro modo.
      Te entendo perfeitamente, mas acho que isso são fases que passamos né? Vamos envelhecendo e olhando para tudo com mais profundidade.
      Beijos

      Excluir
  6. Olá
    simplesmente esse foi um dos primeiros livros da minha vida literaria (sim comecei a ler esta com 1 ano e pouco ) rsrs e ele sem duvida é meu mairo Best Selet amo de mais esse livro ,ams preferia a da capa vermelha, mas foi pela saraiva e só tinha a nova edição :(
    Bjks
    Passa Lá No meu Blog - http://ospapa-livros.blogspot.com.br/
    Passa Lá No meu Blog - http://ospapa-livros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai que legal heim.
      Pois é, tem a edição branca, vermelha e azul. Não sei por que, mas eu amo a azul kkkkkk
      Bjs

      Excluir
    2. Ai que legal heim.
      Pois é, tem a edição branca, vermelha e azul. Não sei por que, mas eu amo a azul kkkkkk
      Bjs

      Excluir
  7. Olá!
    Extraordinário está na minha fila de leitura e não vejo a hora de lê-lo.
    Quero muito conhecer a história de Auggie, tão elogiada por todos.
    Gostei de saber que a narração dos capítulos são intercaladas pelo ponto de vista de outros personagens.
    Ótima resenha!
    Beijos.

    Li
    Literalizando Sonhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E eu espero que você goste muitoooo.
      Obrigada flor.
      Bjs

      Excluir
  8. Oii!
    Esse livro é incrível, não é? Me apaixonei na primeira página. A onda de sick-lits tem seus lados positivos e negativos e Extraordinário se encaixa nos positivos: profundo, inspirador e muito emocionante.
    Parabéns pela sua resenha, viu?

    Beijos!
    www.palavrasradioativas.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É sim kkkk
      Realmente, Extraordinário é um Sick-lit super positivo, todo mundo deveria ler.
      Obrigada.
      beijos

      Excluir
  9. Oi tudo bem?
    Nossa! Eu ja tinha visto esse livro em varios blogs mas nunca parei para saber do que se tratava, simplesmente amei, preciso ler esse livro.
    http://literaturaparaosaber.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que minha resenha fez você parar para ler do que se trata o livro kkkk
      Espero que leia sim e goste muito.
      bjs

      Excluir
  10. Oi, Tati!
    Extraordinário é um livro incrível, né?
    Todos que fazem essa leitura leva alguma lição importante para si. E o Auggie conquista qualquer um mesmo.
    Um livro que faz jus ao seu nome de Extraordinário.
    Adorei sua resenha.
    Beijos

    Construindo Estante || Curta a fan page
    Sorteio de caneca personalizada de A Culpa é das Estrelas. Participe!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiii Eliana.
      Acho que não tem esse que vai ler esse livro sem refletir a vida mesmo kkk;
      Falou tudo flor.
      bjs

      Excluir
  11. Eu sou apaixonada por esse livro, Auggie pra mim é um dos personagens que mais fiquei apaixonada. Eu gostei bastante da obra, porque apesar de ser super simples, ela é encantadora a ponto de lhe fazer enxergar o mundo de outra forma. Quando li o livro, eu ficava com raiva de todos os personagens que atingiu o Auggie de alguma forma, eu queria entrar no livro e gritar com cada um deles. Mas com o decorrer da leitura, você percebe que a forma como são tem uma explicação e passamos a perceber que também somos assim no dia a dia. Eu fiquei bastante triste quando finalmente notei isso, que eu tratava alguém diferente de maneira muito diferente, e o que elas mais querem é ser tratadas igual como todos. Eu me sentia como Auggie, como a Summer, Justin, Jake... como todos eles e sentiam todos os seus medos. É um livro que nunca esquecerei.
    Ah, amei sua resenha <3
    Maratona Literária: goo.gl/SKQ9Jt || Projeto Literário: http://goo.gl/Sj6ufw

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ESTOU IMPRESSIONADA COM SEU COMENTÁRIO.

      Eu penso da mesma forma, e fiquei triste também quando percebi que eu não sou diferente e dos demais personagens de as vezes machucavam o Auggie.
      Mas esse livro mudou minha vida.
      Bjs

      Excluir
  12. Oi Taty!
    Esse com certeza é um dos livros que a gente leva pra vida né? Nos faz pensar e refletir sobre tanta coisa. Sus resenha está incrível! Parabéns!
    Beijos
    Carol
    www.sobrevicioselivros.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada flor.
      Fico feliz que tenha gostado.
      beijos

      Excluir
  13. Tem algo que gostei bastante no livro, o protagonismo. Não é um livro que compraria para mim, mas compraria para uso no trabalho. Acho que muitas crianças, jovens e adultos devam se sentir representados com livros com trabalho tão sensível.
    http://www.poesianaalma.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho o mesmo que você.
      E com certeza esse é um livro que qualquer um adoraria ganhar de presente né?
      beijos

      Excluir
  14. Ainda não li esse livro. Mas há algo nele que me fascina, a história é muito emocionante. E também acho que a capa expressa muito bem o conteúdo do livro. O Auggie é daqueles personagens que a gente quer proteger.
    Esse livro está na minha lista, mas infelizmente fico adiando a leitura.

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente Nilda. Auggie é um personagem que qualquer pessoa que ler vai querer defende-lo de unhas e dentes kkkk.
      Espero que leia, depois me conte o que achou.
      Beijos

      Excluir
  15. Oi taty!
    Já vi várias resenhas desse livro e eu estou doida para lê-lo já ha algum tempo! Adoro livros com crianças e adoro ver como elas lidam com as suas diferenças! Fora que Auggie parece um personagem magnifico, não vejo a hora de ler!
    Beijos

    LuMartinho |Face

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aaaa leia sim flor.
      Tenho certeza que você vai amar
      Beijos

      Excluir
  16. Olá; eu já li Extraordinário e achei o livro realmente extraordinário, inesquecível e lindo! Gostei da resenha.

    petalasdeliberdade.blogspot.com

    ResponderExcluir
  17. Oiee!!
    Eu já li o Extraordinário e amei!! *--*
    É um livro muito lindo e a Summer com certeza é minha personagem preferida.
    Amei a resenha;
    ;**

    www.saladadelivro.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aaaaa a Summer é fofa mas meu personagem preferido é o Auggie kkkkk
      Beijos e Obrigada

      Excluir
  18. Oiii!
    Esse livro está nos desejados faz muito tempo! Preciso criar vergonha na cara e comprar. :/
    Quero muito conhecer essa história que parece tão emocionante. <3 Desde que saiu o livro quero muito mesmo ler!
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu entendo kkkk
      A mais leia sim, acho que você vai amar e se emocionar com essa história linda.
      E ainda vai ter filme em breve hehehehe
      Beijos

      Excluir
  19. Oi Taty, tudo bem?
    Vou ser sincera: só li a resenha a partir da parte onde você iniciou suas impressões, pois não li o livro ainda e ele está parado aqui esperando a vez dele chegar.
    Acho muito linda a mensagem que ele passa.
    Bjs

    A. Libri

    ResponderExcluir
  20. Ai que lindo, me falaram muito bem desse livro estou louca pra ler, pelo jeito você amou e adorei a resenha. http://bibliotecadesajeitada.blogspot.com.br/?m=1

    ResponderExcluir
  21. Oi Taty.
    Eu tenho quase certeza que esse livro vai mexer muito comigo, pois gosto de ler livros que passam uma lição para os leitores. A minha irmã deseja muito esse livro. Quem sabe um dia ela compra e eu, finalmente, leio.

    ResponderExcluir
  22. Já tinha ouvido falar, mas não muito. Sua resenha realmente despertou em mim a vontade de ler! Parabéns!
    Beijos, Valen

    ResponderExcluir
  23. Oie, tudo bom?
    Esse é meu livro preferido da vida. Amo o Auggie e a mensagem de esperança que ele passa para as pessoas. Um livro que ensina muito sobre preconceito e sobre amar o próximo.
    Beijos,
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir