16 agosto 2018

Resenha - Sol em Júpiter


Título:  Sol em Júpiter 
Autora: Lola Salgado 
Editora: Harlequin 
Páginas: 256 
Skoob
Onde comprar: Saraiva / Amazon 

Sol Leão é uma famosa youtuber de Florianópolis. Apaixonada pela sua “juba”, que dá nome ao canal, a jovem mostra ao mundo seu estilo e sua vida perfeita em vídeos divertidos e calorosos. No entanto, a vida real pode ser um pouco diferente disso, e um jovem com o estranho nome de Júpiter aparece para balançar o mundo de Sol e questionar as certezas que ela achava que tinha. 

       



Sol Leão é uma youtuber de sucesso com o seu canal “Delírios de Juba”, com mais de 6 milhões de inscritos. E essa fama toda, deve-se, principalmente, a mensagem que ela passa em seus vídeos sobre autoconfiança e auto aceitação. 

Contudo, o que a maioria não sabe é que esse cantinho nasceu logo após um episódio traumático em sua adolescência e que ainda assombra a jovem. Entretanto, “Juba”, como é conhecida por conta do seu cabelo, não deixa isso transparecer mantendo um Feed no Instagram impecável. Assim, Sol parece ter a vida perfeita como seu Feed mostra. Além disso, ela está noiva de André (também youtuber) e ama seu trabalho.  

Todavia, a vida da garota nem sempre é um mar de rosas. 

Em um dia após acordar atrasada com uma ligação da mãe, Sol percebe que falta poucas horas para um evento importante no shopping. Contudo, precisa gravar alguns vídeos e visitar a mãe do outro lado da cidade. Assim a jovem marca uma corrida contra um tempo. 

Depois da tentativa de gravar os vídeos, sem sucesso, e ir visitar a mãe, a jovem percebe que está muito atrasada e não dará tempo de passar em casa antes do compromisso. Com isso, vai direto para o shopping, mas Sol não esperava errar de banheiro e dar de cara com um rapaz, Júpiter, em um momento um tanto comprometedor. Além disso, ela não poderia imaginar que esse episódio poderia mudar totalmente o rumo da sua vida. 

Depois dessa situação e um bate-papo no elevador quebrado, Sol e Júpiter embarcam em uma amizade encantadora e divertida, cheia de conversas e segredos revelados. Entretanto, essa amizade poderá revelar algo mais e talvez transformar a história desses dois jovens. 

Um romance cativante e fofo, que também debate temas importantes como: o Bullying, a “vida perfeita na internet” e a autoconfiança. 

"Nunca se esqueça de quem você é, porque é certo que o mundo não se esquecerá. Faça disso sua força. Assim, não poderá ser nunca a sua fraqueza. Arme-se com esta lembrança, e ela nunca poderá ser usada para lhe magoar."




[-Minhas Impressões-] 


Este livro encheu meu coração de sentimentos bons e deixou um quentinho encantador nele, quando conclui a leitura. Além do romance e da amizade, temos debates importantes sobre a auto aceitação e sobre o Bullying, mas além disso, temos uma personagem que deu a volta por cima de um trauma do passado e se tornou uma influência para outras jovens. 



Todavia, além desses temas, como o bullying e a autoconfiança temos também uma leve crítica a perfeição da internet, principalmente no Instagram, que na sociedade atual é mais do que bem-vinda. 

Mas o que me fez amar essa história, ainda mais, foi a minha conexão com a Sol, já que sofri bullying a minha vida inteira e também passei por um episódio ruim na minha pré-adolescência por conta dele. Sol é autoconfiante e ama sua "juba" como ninguém. Também temos um personagem masculino tão maravilhoso quanto: Júpiter não é desse planeta! Ele se entrega de corpo e alma, é um amigo para todas as horas e é muito encantador. A amizade dos dois é incrível e cativante. 

Ademais, os outros personagens que compõe a história como os irmãos de Júpiter, Vênus e Saturno, e a amiga de Sol, Clarice, são ótimos também. Sem contar que adoro quando os livros são ambientados no meu estado, Santa Catarina, esse se passa na capital, Florianópolis. 


Sobre a escrita da autora não temos o que reclamar, narrado em primeira pessoa e com capítulos alternados com o ponto de vista dos dois personagens, mas predominantemente da Sol, temos uma leitura bem leve e fluida. No começo, foi um pouco mais lenta, mas depois de alguns capítulos não consegui mais parar até concluir. Já li outros da autora e, sem dúvidas, este é o meu favorito.  

Já a edição do livro feita pela Harlequin está impecável, os detalhes estão lindos. Na contracapa, temos o universo e no começo de cada capítulo há detalhes com estrelas. A diagramação é ótima, apesar da letra ser um pouco pequena, nada que atrapalhe a leitura. O tom de vermelho da capa também é lindo.

Se você está à procura de um romance encantador e cativante, para terminar com um sorriso no rosto, mas, além disso, que fale levemente de temas importantes. Super indico Sol em Júpiter!  

(Ps. Espero que você se apaixone pelo Júpiter também!)

 "Contemple o que está acontecendo ao seu redor, Sol. Uma coisa de cada vez. Ouça os sons, analise a cena como um todo. Saiba reconhecer o ambiente ao redor. Examine seus pensamentos."

Inscrições Abertas - Participe !


10 comentários:

  1. Olá! Mulher como assim você oferece o boy para todo mundo, não espalha que ele é maravilhoso (risos, liga não, é meu lado possessivo falando). Conheci o trabalho da autora por meio de uma plataforma digital e gostei bastante do que acompanhei por lá, esse lançamento foi muito esperado por mim, afinal quero conhecer mais uma história que com toda certeza vai me encantar, e se restava alguma dúvida, essa resenha mostrou que minhas expectativas estão na direção certa. Acredito que todo mundo vai se identificar um pouco com a Sol e pelo que ela enfrentou. E o Júpiter hein, só com esse nome, já deu para perceber que ele realmente é muito especial e já que você quer tanto, espero muito me apaixonar por ele.

    ResponderExcluir
  2. Quando li a resenha deste livro pela primeira vez, torci o nariz. Mas com o decorrer do tempo, fui percebendo a cada nova resenha, que meu preconceito com Youtuber's precisava ser deixado de lado, só aí, eu me abriria ao enredo do livro.
    E foi o que fiz!!! Nenhum pré conceito estabelecido,apenas a vontade de conhecer uma garota que se ama e se respeita, acima e apesar de tudo e de todos e um amor que parece aquele continho de fadas doce e terno.
    Com certeza, espero ler o livro em breve.
    Beijo

    ResponderExcluir
  3. Essa é a segunda resenha que leio desse livro.As duas positivas. Eu acho que o livro aborda temas bem atuais e importantes na vida de todo jovem, bullyng, amizades, relacionamentos, vida corrida, a falta de tempo,a yotuber Sol que transmite uma autoconfiança mas no fundo ainda sofre por um trauma do passado. Júpiter parece o cara certo na hora certa, um amigo sincero e encantador. Acho louvável o livro trazer esse tema da "falsa perfeição " na Internet.Muito bonita essa edição ,acho que perfeita ,combina com o nome e o assunto do livro.

    ResponderExcluir
  4. Oi, Karol,

    É nítido com clareza que a trama foi bem criada, tem um pano de fundo bem construído, por colocar em cheque questões relativas - no qual eu não acredito muito - e diversas evidências.

    Essa imersão é o que tanto chamou minha atenção de forma especial.

    ResponderExcluir
  5. Já tinha ouvido falar e visto opiniões, todas bem positivas,o que já me animou para ler. Nunca li um livro que retrata a nossa realidade atual de vida perfeita que é passado por tantos influenciadores aí fora. De que tudo e lindo e positivo, enquanto realmente não é, porque todos tem seus dias ruins e suas dores, e também adoence aqueles que acham que poderiam alcançar uma suposta perfeição, e nunca conseguem, já que não existe.

    Adoro os nomes dos personagens e essa temática, bullying é outra muito importante que também sofri na escola, inclusive um ano que me encontrei sem nem um amigo.

    O livro parece muito fofo e adoro esses romances que aquecem nossos corações. Quero muito ler e vai para minha lista.

    ResponderExcluir
  6. Oi Karol.
    Esse livro parece bem fofo e divertido, além de trazer a tona temas importantes como bullying, autoconfiança e fazer uma crítica saudável sobre a vida irreal que é mostrado nas redes sociais.
    Adoro narrativas alternadas, pois deixa a leitura bem dinâmica e podemos conhecer um pouquinho melhor os personagens. Já quero saber mais sobre Sol e Júpiter.
    Ainda não li nada da autora, então estou bem animada por começar por esse livro.
    Adorei a capa.
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Oi, Karol!
    Confesso que a sinopse de Sol em Júpiter não me chamou a atenção, mas lendo sua resenha fiquei interessada em ler a história de Sol, principalmente por causa dos assuntos abordados no livro pela autora; também sofri bullying durante um periogo bem longo na escola, é sem dúvida algo que nos marca...
    Pelas suas fotos dá pra ver que a Harlequin arrasou na edição do livro, também achei lindo esse tom de vermelho! Aliás, amei as fotos, parabéns!
    Ah, não vão vejo a hora de finalmente conhecer Júpiter, pelos seus comentários provavelmente acabarei me apaixonando por ele também rsrs.
    Bjos, valeu pela dica!

    ResponderExcluir
  8. Karol!
    Assim, não tenho costume de ler livros de youtuber, porque as experiências que tive, não foram muito boas, entretanto se o relacionamento de Sol e Júpiter é bem desenvolvido e ainda tem um drama no meio do caminho, acredito que dá para ler, ainda mais que tem um romance fofo!
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  9. Olá Karol!
    Estou louca pra ler esse livro e conhecer a escrita da autora, ouvi falar muito bem de ambos, a edição me despertou interesse, espero ler em breve.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  10. Eu adoro os nomes dessas personagens e adoro a jogada do título, acho tão criativo e original que é impossível passar despercebido. Além disso, me identifico muito com a protagonista também, o bullyng foi algo bem presente ao longo da minha adolescência, que com certeza serviu para me tornar quem eu sou hoje, negativa e positivamente. Acho um amor todo o relacionamento do casal protagonista se desenvolver bem na frente do leitor, o que faz com que a gente consiga acompanhar esse amadurecimento dos sentimentos dos dois em tempo real, gradativamente, e torna tudo muito mais verossímil. A diagramação tá linda e super combina com o enredo do livro!

    ResponderExcluir