20 setembro 2016

Resenha - Tentador



"Tentador: adj. O que experimenta, provoca, desperta desejo."
Prestes a completar 40 anos, Adriana decide correr atrás dos sonhos que nunca teve oportunidade e nem coragem de realizar na juventude. Seguindo o conselho do terapeuta, cria uma lista com metas, dentre elas, inscrever-se nas aulas de Jiu-Jitsu. No entanto, o que ela menos esperava era se sentir atraída pelo professor e, embora tente impedir, o desejo entre os dois é inevitável. O grande problema, porém, é o fato de Bernardo ter idade para ser seu filho, além do segredo guardado por ela, capaz de abalar essa relação.

Livro: Tentador
220 páginas || Skoob || Cortesia: Autora Parceira / Independente || Onde comprar








" Mudança de hábito, Adriana, é disso que você precisa.  Afundo-me no sofá e puxo a almofada contra o peito em busca de algum conforto, eu sabia que ele falaria isso. Mordo o canto do lábio inferior, ponderando qual a melhor resposta para fugir desta situação..." 

O livro conta a história de Adriana, uma mulher madura que viveu boa parte de sua vida presa em situações nem sempre agradáveis. Ela é casada, trabalha na rede de restaurantes do marido e faz terapia. Inclusive é no consultório do terapeuta que a história tem início, quando Adriana está em processo de análise de sua vida. A partir de uma sugestão de seu terapeuta, ela elabora uma lista com várias metas que ela pretende alcançar até o seu aniversário de 40 anos.

"É engraçado o quanto coisas pequenas podem se tornar imensas quando existe um significado por trás delas."

Como sua vida se resume basicamente em trabalhar e ficar em casa, ela leva uma vida confortável e acomodada. Até resolver que não quer passar o restante de sua vida sem aproveitá-la e se empenha para concretizar a lista o quanto antes. Uma de suas metas inclui fazer aulas de defesa pessoal, e ela acaba se matriculando na academia e fazendo aulas de Jiu-Jitsu com o instrutor Bernardo.

"Nunca me senti tão linda, tão verdadeira em minha essência, como se eu tivesse perdido uma parte de mim durante tantos anos e finalmente me reencontrado."

Bernardo surge na história como o instrutor que se intriga com Adriana, e começa a fazer parte de sua vida sem perceber que está se envolvendo. Com ele, a protagonista se sente estimulada a viver experiências que até então ela desconhecia.

"(...) não vou deixá-la escapar pelos meus dedos. Se ela apareceu na minha vida e me deixou obcecado, agora vou mostrar não ser um homem que desiste fácil das coisas."



[- Minhas Impressões -] 


O livro se trata de um romance ambientado no Rio de Janeiro, com narrativa em dois pontos de vista: Bernardo e Adriana. Com direito a referências que vão desde 50 Tons de Cinza até Titanic, o livro te embala em um clima gostoso de paquera e interesse correspondido. Não pense que será um relacionamento daqueles em que os personagens mal se conhecem e já se envolvem. Muito pelo contrário, existe a construção do envolvimento, que começa com a simples relação professor-aluna.

A afinidade entre os protagonistas vai aumentando no decorrer da trama, e, mesmo que a capa do livro seja sugestiva para o lado erótico do mesmo, ele não se trata apenas disso. Ele possui, sim, cenas hot, mas elas vêm acompanhadas de muito sentimento. Tentador é muito mais que isso, as autoras conseguiram, sem pressa, criar um clima de antecipação bem intenso e envolvente.

Com linguagem simples e característica aos cariocas, a leitura flui bem. O ponto de vista de Bernardo se destaca, visto que, ao ler o livro tive a impressão de estar ouvindo um de meus amigos conversando ao meu lado, tamanha era a perfeição do linguajar e trejeitos característicos do mundo masculino. Como as autoras são mulheres, merecem ser elogiadas por terem conseguido alcançar essa proeza.

Quanto à Adriana, apesar de ser mais velha e, teoricamente, mais madura que Bernardo, ela é a personagem que se encontra em transição e adaptação. Sua lista de metas é bem simples, mas não menos importante. Admito que algumas delas eu mesma gostaria de fazer, penso até em seguir o conselho de seu terapeuta e fazer uma lista também. Afinal, nunca é tarde para aproveitar a vida, não é mesmo?

Outros personagens também aparecem no decorrer da história, como por exemplo: os pais e os amigos do Bernardo; o marido, o casal de amigos do marido a nova amiga de Adriana. Entre esses personagens secundários, os amigos de Bernardo são os que mais enriquecem a trama. As cenas em que eles aparecem são sempre divertidas e irreverentes.

Se você gosta do estilo new adult, Tentador vale a pena ser lido. Ele me fez conhecer o Rio de Janeiro sem nunca ter pisado lá. Eu assisti o nascer do sol após uma madrugada na praia, observei o Pão de açúcar enquanto corria pela manhã e fui ao topo do mirante da Vista Chinesa para admirar uma linda paisagem dos principais pontos turísticos da cidade. Romântico, não? Além disso, o final da história foi surpreendente.

Por enquanto, o livro está disponível apenas em e-book. Lola Salgado e Ruby Lace são pseudônimos e, apesar de ser a primeira obra publicada pela dupla, ambas já possuem livros publicados de forma independente. Encontrei poucos erros ortográficos e, sendo e-book, não tenho como opinar sobre diagramação.

23 comentários:

  1. Olá Heloísa
    Eu gosto de ler New Adult sim e é claro que fiquei curiosa sobre suas impressões e a premissa. Eu fiquei bem interessada, especialmente porque não conhecia o título ainda. Muito curiosa sobre os personagens e suas descrições.
    Beijos, Fer
    www.segredosemlivros.com

    ResponderExcluir
  2. Oi!

    Leio New Adults sem problemas, gosto até, mas não consigo me interessar por temáticas com traição. Não sei se entendi bem, mas deu a impressão de que isso acontece nessa história. No entanto, a ideia de uma mulher mais velha se interessar por um homem mais novo é bem bacana, visto que muitas mulheres não se sentem socialmente aceitas por namoraram homens mais novos. A capa não me agradou muito, mas é aquela coisa... se eu tiver a oportunidade eu lerei sim. =)

    bjs

    ResponderExcluir
  3. Olá
    Eu não conhecia a obra, pois não dlsou muito ligados à esse tipo de romance, sou mais Y.A. apesar desse motivo,eu achei a história bem bacana, pois achei o fato da protagonista fazer suas metas da juventude agora, muito interessante. Espero poder ler a obra. Quanto a capa não tenho muito o que dizer, segue o padrão de várias do gênero. Até mais vê
    Bjs

    ResponderExcluir
  4. Oi!
    Eu não conhecia o livro, mas pela sinopse e sua resenha, não faz muito meu estilo.
    Acho que nunca li nada New Adult - gosto mais de YA.
    Começando pela capa... Não curto muito e mesmo sempre tentando não julgar um livro pela capa, essa deve ser a primeira a chamar a nossa atenção. E isso não acontece nesse.
    Passo a dica, mas que bom que curtiu a leitura.
    Bjss

    http://umolhardeestrangeiro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Olá Heloísa!
    Eu amo livros New Adult e Tentador me chamou muita atenção. Ver uma mulher que já está mais madura aproveitando a vida e no meio dessa euforia conhecer um amor é tudo de bom. Amei todo o cenário, pois eu moro no Rio e amo a minha cidade.
    Adorei a sua resenha e com certeza vou ler o livro.
    Beijinhos!

    ResponderExcluir
  6. Não gosto de capas assim, acho apelativas, mas o fato de se passar no Rio de Janeiro e que o casal não se apaixona e se envolve de cara, já me deixou mais interessada. Quero muito ler e espero poder fazer isso em breve!!!
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Olá Heloísa,
    Pela capa não faria a leitura do livro, mas a sua resenha foi me ganhando. A principal coisa que me fez ficar tentada a ler foi saber que as cenas hots são regadas a muito sentimento. Também gostei de saber que a linguagem é simples e achei inovador o livro se passar no Rio de Janeiro. Não me lembro de ter lido nenhum que se passa por lá.
    Vou deixar a dica anotada em stand by por enquanto rs.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  8. Heey, tudo bem? Nossa, você conseguiu me deixar super empolgada com essa leitura! É a primeira resenha que leio sobre Tentador e já quero muuuito conferir essa história. Gostei do fato de o romance se desenvolver aos poucos e as autoras abordarem a diferença de idade entre os personagens. Acho que irei gostar bastante da leitura também.
    Beijos!!
    http://umaleitoravoraz.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. O cenário do Rio de Janeiro por si já seria tentador. Legal as autoras terem conseguido retratar os personagens masculinos sem parecerem falsos, Fernanda Torres fez o mesmo no livro FIM (que adoro). O livro parece ter uma leitura gostosa, embora o tipo de enredo não me interesse tanto.

    *☆* Atraentemente *☆*

    ResponderExcluir
  10. Oie!
    EU gosto quando o livro tem os dois pontos de vista, pois assim eu conheço mais do sentimento de cada um do casal. Eu ainda não conhecia o livro, e é um romance, já estou anotando a dica para poder conferir. Será uma das minhas próximas leituras, devido a minha curiosidade.

    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  11. Gostei da premissa do romance. Acho que esse clima de paquera é gosto de acompanhar como leitores. Para quem gosta de amores correspondidos, tenho certeza de que acompanhar o progresso desse casal é agradável. <3 Ah, também gostei do seu comentário sobre a lista da personagem... Acho que é bacana quando uma ideia parece fazer bem ao protagonista e a nós também, quanto leitores. :)

    Beijos!
    www.myqueenside.com.br

    ResponderExcluir
  12. Olá Heloísa, tudo bem?
    Adorei sua resenha e os elogios à obra =D Ainda assim, confesso que não é algo que eu leria. NA com certeza não faz parte do meu gênero favorito, as cenas hots que geralmente aparecem, me irritam bastante :(
    Mas fico feliz em saber que a obra te agradou tanto. E deve ser legal escrever em dupla né? Mas eu não sei se conseguiria :P
    E essa coisa de listas é bem legal. Essa coisa toda de mulher mais velha fazendo terapia me lembrou bastante Divã e isso é um elogio, pois amo aquele livro hahahah
    Beijoooos
    http://profissao-escritor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Oi, Helô

    Eu gosto muito do gênero, mas infelizmente não curti muito a proposta desse livro em questão.
    Achei interessante o fato da personagem querer dar uma guinada em sua vida, mas parece que vai rolar traição, não? Não sei como era a relação dela com o marido, mas se a relação era boa, nada justifica a traição. Pelo menos é o que eu penso, mas aí teria que saber em que pé estava o relacionamento dela.

    Beijos

    ResponderExcluir
  14. Oi Helô
    Olha até curto New Adults, mas confesso que a premissa de tentador, não me tentou, kkk
    E vê que a obra tem referência de 50 tons de cinza me desanima mais ainda em relação a ela, pois mesmo gostando de livros hot, 50 tons faz parte da turma dos que não me cativaram durante a leitura. POr isso dessa vez, deixo a dica passar.
    Beijos
    Conversas de Alcova ♥

    ResponderExcluir
  15. Eu sou aquela leitora me preconceituosa com alguns gêneros literários. Esse livro, só pela capa, já me faz correr pra bem longe, tipo pras colinas (rs). Jamais iria pegá-lo pra ler. E o plot é tão, mas tão clichê, que me desanimou bastante. Aí quando você diz que tem referências de 50 tons... aff... foi pá cabá... Infelizmente não é o meu tipo de leitura. Fico extremamente feliz de que pra você e pra outras pessoas tenha funcionado, mas eu nem vou me arriscar.

    ;D
    Nelmaliana Oliveira

    ResponderExcluir
  16. Oiee ^^
    Essa coisa de a personagem ter uma lista e o cara a ajudar a completá-la me lembrou de um filme que eu vi uma vez *-* Não gosto do gênero NA, e menos ainda de eróticos, então a premissa não me chamou a atenção. Fico feliz em saber que o final do livro é surpreendente :)
    MilkMilks ♥
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  17. Olá Heloísa,
    Eu gosto muito do gênero, mas esse livro não me chamou tanta atenção, mas ainda assim, o fato das autoras terem descrito o comportamento masculino com tanta fidelidade, me faz ficar curiosa para saber como isso se desenvolve. Enfim, bem dividida referenda obra. Por enquanto, esperarei um pouco mais.
    Bjim!
    Tammy

    ResponderExcluir
  18. Olá, Heloísa! Não conheço muitas obras do gênero New Adult e a sinopse desta passaria como outras já passaram. Mas sua resenha trouxe tantos pontos interessantes que fquei bem atenta à leitura: ambientação, a construção do envolvimento entre os personagens, a linguagem das autoras... Fico feliz por termos uma obra de NA bem desenvolvida assim. Desejo sucesso ás autoras e parabéns pela resenha! ;)

    Bjs,
    Yohana Sanfer
    http://www.papelpalavracoracao.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Molier, que poste bom. Completo. Gostei muito. Não leio romances Hot sempre e esse não me chiou atenção, mas, sua resenha e suas impressões estão de parabéns. Bjs.

    ResponderExcluir
  20. Olá, helô. ^^
    Bem, eu não curto o gênero hot e new adult, e por saber que ha referência a 50 tons já fiquei mais desestimulada...
    Mas confesso que achei interessante o fato das autoras terem ambientado tão bem a narrativa a ponto de fazer vc se imaginar vivendo/acompanhando as cenas... por ser em ebook contribui muito para que eu não leia, minha vista dói lendo livros digitais... prefiro os físicos... mas de qualquer forma, o gênero não é minha vibe, mas que bom que vc curtiu a leitura... 😃
    Bjs...

    ResponderExcluir
  21. Oi Helô, tudo bem?

    Apesar da historia parecer ser muito bacana, eu não curto de forma alguma livros N.A.

    Tenho um certo "pré-conceito" formado já pela capa de todos do gênero e não consigo nem ter vontade de conhecer.

    Mas vale muito sua opinião como leitora desta obra! Que bom que gostou. Gostei muito da sua resenha e pelos detalhes que você relata. Parabéns! (:

    ResponderExcluir
  22. Oi Heloisa, tudo bem?
    Eu não conhecia o livro ainda e adorei conhecê-lo, eu sou super suspeita bom adoro um bom romance intenso e esse parece trazer exatamente isso, fico feliz em ver que você gostou do livro, e melhor ainda por se tratar de uma obra nacional. Espero ler ele em breve, quero ver o que irei achar no final, mas já quero conhecer o casal!

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir
  23. Realmente nunca é tarde para começar a viver, e que bom que nossa protagonista viu isso. Melhor ainda é saber que as autoras mesmo sendo mulheres passaram tão bem e de forma bem verídica a linguagem masculina, pois sem dúvida não é tão fácil isso, assim como não é fácil para um autor fazer o contrário.
    Gostei muito da dica é já está anotado.
    Bjs.

    ResponderExcluir