11 março 2016

Resenha - Um novo amanhã




A tradicional pousada da cidade de Boonsboro já viveu tempos de guerra e paz, teve diversos donos e até sofreu com rumores de assombrações. Agora ela está sendo totalmente reformada, sob direção dos Montgomerys, que correm para realizar a grande reinauguração dentro do prazo.
Beckett, o arquiteto da família, é um charmoso conquistador que passa a maior parte do tempo falando sobre obras, comendo pizza e bebendo cerveja com seus irmãos Ryder e Owen. Atarefado com a pousada, ultimamente nem tem desfrutado de uma vida social decente, mas pretende mudar logo isso para atrair a mulher por quem é apaixonado desde a adolescência.
Depois de perder o marido na guerra e retornar para Boonsboro, Clare Brewster leva uma vida tranquila cuidando de sua livraria e dos três filhos. Velha amiga de Beckett, ela volta a se reaproximar dele ao ajudar nos preparativos da pousada.
Em meio a essa apaixonante reconstrução, rodeados de amigos, Beckett e Clare passam a se conhecer melhor e começam a vislumbrar um futuro novo e promissor juntos.
Neste primeiro livro da trilogia A Pousada, Nora Roberts apresenta o romântico Beckett Montgomery, que, ao buscar realizar o sonho de sua família, acaba deparando com um amor que pensava estar esquecido.

Livro: Um novo amanhã -  (Trilogia A Pousada Vl.1 )
320 páginas || Skoob || Editora: Arqueiro || OndeComprar 








"A estrada de terra foi asfaltada. Cavalos e charretes deram lugar a carros. Os estilos mudaram num piscar de olhos. Porém ela permaneceu lá, num canto da praça, como um marco duradouro em meio ao ciclo das mudanças.
Envolveu-se com a guerra, ouviu o eco da artilharia, os gritos dos feridos, as preces dos temerosos. Conheceu sangue e lágrimas, júbilo e fúria, nascimento e morte.
Floresceu nos bons tempos e resistiu aos períodos difíceis. Mudou de mãos e de propósito, mas as paredes de pedra permaneceram de pé."

Na pequena cidade de Boonsboro há uma pousada muito sólida que sempre possuiu rumores de que era assombrada por fantasmas. Ela já serviu como hospedaria na época em que viajantes passavam por aquelas estradas esburacadas com suas charretes,  sobreviveu ao tempo e está sendo reformada pela família Montgomery, formada por três irmãos, Becket, Owen e Ryder, e a mãe, Justine. Todos são muito apaixonados pelo lugar e trabalham dia e noite para que tudo fique perfeito e cheio de personalidade, enquanto todos da cidade vão sendo atraídos para aquele lugar mágico a fim de presenciar as mudanças mais de perto e de ajudar.

Enquanto comandam a reforma, os irmãos não tem tempo para pensar em mulheres. Mas as coisas mudam quando Becket, o arquiteto da família pede ajuda para uma velha conhecida na criação dos panfletos de divulgação do lugar. Enquanto o contato entre os dois aumenta, ele acaba recordando toda a paixão que sentia por ela desde os dezesseis anos de idade e a partir disso passa a se dedicar a tentar conquistar a independente Clare Brewster.

"Clare tinha filhos, mas eram três meninos. Talvez nem fosse trabalhar naquele dia ou só chegasse mais tarde. De qualquer forma, Beckett fora até ali para tomar café, não para ver Clare Murphy. Clare Brewster, lembrou-se. Já deveria ter se acostumado com o sobrenome, que ela carregava havia dez anos.
Clare Murphy Brewster, sussurrou, mãe de três crianças, dona da livraria. Uma antiga amiga de colégio que voltara para a terra natal depois que um atirador iraquiano destroçara sua vida, deixando-a viúva."

Clare é uma mulher com uma longa estória de vida. Casou-se muito nova com o seu namorado do colégio e teve três filhos. O marido era um militar que morreu em combate, e a perda levou Clare de volta para os braços da família em sua cidade tão amada. Cuidando de sua livraria e das três crianças, ela não tem tempo para pensar em namoros ou flertes, mas quando Becket Montgomery lhe mostra que o amor em sua vida ainda é possível, Clare se joga de cabeça nesse relacionamento, e em meio a problemas e discordâncias o casal procura ajustar suas vidas, para que possam desfrutar do amor descoberto.

""Ele deu um leve aperto nas mãos dela antes de soltá-las.- Pode ser que você fique chateada comigo por um tempo. Ainda estou um pouco com você. Mas nós vamos superar isso."

Em uma narrativa romântica com toques sobrenaturais, Nora Roberts apresenta mais uma trilogia que chegou para encantar os leitores e ficar no coração. Um livro cheio de valores familiares que demonstra o amor de uma maneira sincera e única.

"Algumas coisas foram feitas para durar. Elas precisam de cuidados, compreensão, respeito e muito, muito trabalho. Quaisquer que sejam as alterações, o coração resiste."


[ - Minhas Impressões - ]

Eu gosto muito da autora Nora Roberts, mas como sou uma leitora crítica, observo que a maioria dos livros dela possuem a mesma fórmula: família, cidade pequena, muitos amigos e uma luta para encontrar o amor. E nesse livro não foi diferente, mas mesmo assim foi impossível não ficar ansiosa pelo lançamento, ainda mais quando descobri que este seria feito pela editora Arqueiro, que admiro pela rapidez em lançar um livro. Foi impossível não ser conquistada por ele. Esse é o livro que inicia uma trilogia que promete ser maravilhosa e cativante, com personagens que chegam marcando, cada estória falará sobre um irmão, e a primeira trata sobre Becket.

Esse livro possui alguns diferenciais que me encantaram. Em primeiro lugar temos um foco muito grande no ambiente da pousada, como descrições de como será a decoração do lugar, a disposição dos cômodos, as cores e etc.  Mas ao contrário de tudo isso se tornar entediante, deu um charme a mais para o livro e faz com que consigamos imaginar perfeitamente cada parte desse ambiente maravilhoso e nos deixa querendo estar lá dentro. Outro ponto é que os rumores de que havia fantasmas naquele lugar sempre circularam, e em vários momentos isso de certa maneira se concretiza para os personagens, mas de uma forma muito tranquila, com um toque leve do sobrenatural e confesso que algumas cenas relacionadas a isso me causaram arrepios de empolgação.

Além disso, outro ambiente que apareceu muito na trama e sobre o qual fiquei fascinada em saber mais é a livraria de Clare, ela é aconchegante e perfeita para qualquer leitor se imaginar passando um dia sentado no local, acompanhado de um chocolate quente.

Os personagens são em sua maioria cativantes e calorosos. Becket não se tornou o meu mocinho preferido, apesar de ser romântico e muito determinado, mas acredito que Ryder será aquele que me conquistará, mas para ter certeza só quando chegar o livro sobre ele. Já Clare é uma mulher que eu adorei, ela tem filhos muito fofos e seu trabalho na livraria é admirável. Outra personagem que merece destaque é Justine, a mãe de Becket que é uma mulher muito determinada e disposta, cheia de ideias novas e pronta para acolher a qualquer momento. Também temos a presença das melhores amigas de Clare, Avery e Hope, que acredito que terão um grande papel nos próximos livros e aparentemente são mulheres leais e cheias de personalidade.

Este livro é dividido em vinte capítulos, todos narrados em terceira pessoa e a revisão do ebook foi muito bem feita. A única coisa da qual senti falta foi um epílogo para alimentar minha imaginação.
Recomendo a obra para todos que gostam de um bom romance, e tenho certeza que todos os fãs de Nora Roberts irão se deliciar e aguardar ansiosos o próximo lançamento. Confesso que no fim do livro que trás o primeiro capítulo do próximo livro, que deverá se chamar O eterno namorado, já me deixou cativada e querendo muito que ele chegue.

22 comentários:

  1. Olá Tamara, a editora Arqueiro sempre lançando histórias incríveis, e pelo que pude perceber, essa não seria diferente. Também gosto bastante da Nora Roberts, mas ainda não tive a oportunidade de ler essa obra em especial. Seus elementos de narrativa são sempre muito parecidos mesmo, e é justamente o que a diferencia tanto de outros autores. Que pena não ter epílogo, eu também sinto falta quando não tem. Obrigada pela dica. Beijos, Fê

    ResponderExcluir
  2. Oi Tamara,

    Apesar de eu nunca ter lido um livro sequer da Nora, eu sinto a mesma coisa que você: ela tem a mesma formula e isso me irrita um pouco. Não que eu não goste, mas acho que no caso dela, quando eu ler, será aquele unico livro e pronto. A premissa desse é até interessante, mas não sei, algo não me cativou. Mas sabendo que tem um ambiente, como uma livraria, acho que seria gostoso saber mais das coisas que se passam por lá.

    Beijo!

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Só li um livro da Nora, Álbum de Casamento, e de fato segue essa fórmula. kk Os livros se tornam bons, mas não incríveis - pelo menos pra mim. Mas você me despertou curiosidade por esse livro, adorei o fato da Nora focar na pousada, mas não ser algo chato ou maçante, e sim instigante. O toque de sobrenatural foi bem sutil, né? Curti isso também. haha
    Fiquei bem curiosa pra conhecer os personagens, a Pousada e a Livraria (esse muito mais, admito rs). Assim que tiver oportunidade (entende-se verba) irei ler esse livro.
    Beijos
    www.lendoeapreciando.com

    ResponderExcluir
  4. Oiii, tudo bem?
    Preciso fazer uma confissão, eu nunca li nenhuma obra dessa autora, da Nora, e sempre vejo diversos comentários positivos a respeito dela. E, agora lendo sua resenha, primeira da Nora, posso entender realmente porque as pessoas gostam tanto. Eu me identifiquei muito com a forma que ela escreve e adoro sempre inovar, lendo romances. Ótima resenha, soube me conquistar!!
    Beijão

    ResponderExcluir
  5. Oi Tamara,tudo bem?
    Sua resenha me fez perceber que nuca li nada da Nora Roberts e isso é difícil de acreditar até mesmo para mim.O por quê sinceramente não sei,mas sei que graças à você irei correndo saber mais sobre os livros dela haha.
    Obrigada pela ajuda involuntária haha.
    Beijos!

    http://porlivrosincriveis.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oie,
    Eu não sou fã de romances de época, na verdade, acho que só li um livro desse gênero. Maaas,essa sinopse e sua resenha me deixaram muito instigada, romance com toque sobrenatural me chamam muita atenção. No momento estou querendo ler livros únicos, então irei adicionar na lista para poder ler mais pra frente.
    Amei sua resenha!
    Beijos
    Bru, Cantinho da Bruna

    ResponderExcluir
  7. Oi, tudo bem?
    Não me canso de falar nas resenhas dos livros da Nora Roberts, o quanto quero ler algo dessa autora, tenho bastante curiosidade, mesmo ela sendo um Nicholas Sparks no sentido do uso de uma única forma em seus livros, mas sempre com um diferencial que da um toque a mais na obra. Personagens cativantes, uma descrição precisa do cenário me cativam durante a leitura, e parece que esse livro tem isso.

    Gostei bastante da suar resenha, beijos!
    http://marcasliterarias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oi, Tamara! Poxa... eu amo romances, mas nunca li nada da Nora Roberts. Preciso mudar isso logo! Sua resenha me conquistou e fiquei morrendo de vontade de ler o livro. Parece ser uma delícia e ter personagens cativantes. Bacana as descrições que a autora faz dos ambientes e que isso é um ponto positivo da obra. Acho que o leitor deve se sentir dentro do local. Já quero visitar a livraria, me perder entre as estantes e me acomodar em uma poltrona pra ler alguma coisa! =) hahaha Deve ser uma obra encantadora. Beijos!

    ResponderExcluir
  9. Tamara, sua linda!!! estou louca para ler esse livro e ele deve estar chegando aqui em casa nos próximos dias. Amei a tua resenha e fiquei ainda mais curiosa pela história. Acredito que também ficarei fascinada pela livraria (quem nunca? rsrsrs) e em ver os detalhes da pousada, o livro parece ser um amorzinho. Eu li a série Quarteto de Noivas e me apaixonei pela escrita da autora. Acho que essas amigas que vocÊ falou terão sim importantes papéis, devem ser as que vão formar par com os outros irmãos, não sei, estou só especulando aqui kkk preciso ler o meu logo!

    ResponderExcluir
  10. Oi Tamara!
    Eu estou com esse livro aqui na fila para começar a leitura, e estou bem curiosa com a leitura. Espero gostar muito dessa nova série. Eu já leio Nora ha algum tempo, e posso dizer que alguns dos romances deles não me conquistam totalmente. Mas são histórias ótimas, bem escritas. Vamos ver se vou gostar dessa trama, estou com os dedos cruzados para gostar \o/
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  11. Olá, Tamara!

    Este livro já está na minha lista de desejados, desde o dia em que via a divulgação de lançamento dele na Arqueiro. Sua resenha só me deixou ainda mais encantada e muito mais ansiosa para conferir a trama. Tenho certeza de que vou adorar a leitura.


    Beijos,
    Dai | Cheiro de Livro Nacional

    ResponderExcluir
  12. Oiee tudo bom?
    Nossa, eu não sei nem como eu fico com esses livros dessa autora sabe? São tantos. Nesse estilo acho que posso tentar me aventurar, fica ai uma boa adição a minha tbr

    Beijos

    http://shadabooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Oi *--*

    Nunca li nada da autora mas vontade não falta. Adorei a resenha, são sempre tão objetivas falando do necessario sem da spoiler, é puro amor. Acho que também não me apaixonaria por Becket, minha lista de mocinhos está longa hahhahah Adoro quando os livros tem personagens cativantes então creio irei adorar a leitura.

    Bjos
    rillismo.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  14. Realmente os livros da Nora é mais voltado para família e cidade pequena, mais não tem como não se apaixonar a cada livro dela, realmente a editora esta parabéns há alguns dias atrás eu pude conferir os lançamentos e em menos de uma semana já encontro resenha do livro, a estória em si é cativante, gostei do toque sobrenatural, mesmo que pouco já da um diferencial e tanto.

    ResponderExcluir
  15. Sempre tive vontade de ler algo da autora, mas confesso que nunca segui adiante e até agora não li nada dela. Ouço muitas pessoas falando bem dos livros e apesar de ficar dividida, sempre tem algo que impede que eu leia, por vezes é a preguiça rsrsrsrs Vou tentar daqui pra frente ler algum livro dela. Parabéns pela resenha.

    ResponderExcluir
  16. Gosto muito quando uma autora consegue se sair tão bem na parte de descrições, é bem legal a gente conseguir visualizar tudo sem se entediar com descrições em excesso. Mas amo a escrita da Nora, então ela ter conseguido isso não me surpreende. Sim, normalmente tem essa fórmula nas histórias dela, mas incrivelmente a gente nunca se cansa de ler, né? Adoro trilogias em que cada livro fala sobre um irmão, e espero que nos outros volumes os personagens que conhecemos melhor nesse continuem ganhando algum espaço.

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  17. Eu gosto muito de romance, e tenho vergonha de falar que nunca li nada da Nora, quero ler algum livro para ver se gosto. Eu tenho reparado que grandes romancistas geralmente tem esse defeito, usar uma formula pronta para o sucesso. Pela sua resenha, já gostei muito do livro, mas deixarei a leitura pelo futuro por se tratar de uma trilogia! Beijos!!

    ResponderExcluir
  18. Oie Tamara!!
    Menina estou morrendo de vontade de ler esse livro, adoro essas séries contemporâneas da Nora - aliás adoro tudo dessa mulher - e desde que terminei o Quarteto das Noivas estou me sentindo meio órfã dela. Tenho certeza de que vou amar a história, já começa pelo fato do progonista e eu termos a mesma profissão kkk, adoro quando me identifico dessa forma com algum personagem =D
    Amei a resenha, muito bem escrita e pontuada, parabéns!
    bjs

    ResponderExcluir
  19. Oi, flor!
    Ainda não li nada da autora, mas confesso que já esperava haver uma fórmula em seus livros. Autores com grande quantidade de publicações geralmente têm um mesmo padrão, infelizmente. Mesmo assim, gostei de ver que ela manteve a qualidade de um enredo que tem tudo para me encantar! Eu gostei da proposta do livro e desse toque suave do gênero sobrenatural na narrativa. Fiquei à espera de mais acontecimentos, mas entendi que o livro tem uma história um tanto suave, não? Anotei a dica.

    Beijos!
    http://www.myqueenside.blogspot.com

    ResponderExcluir
  20. Aah, tenho uma relação de amor e ódio seríssima com a Norah Jones. Ao mesmo tempo em que a admiro por nos transportar a cenários bucólicos, e por apresentar personagens femininos cheios de força, não consigo deixar de lado a impressão de que ela se apegou muito à uma mesma fórmula, e sempre fico sentindo falta de algo mais. Faz sentido?

    Enfim, a sua resenha tá muito bem escrita e cuidadosa, e acho que se tivesse que escolher, este livro penderia para o lado do "amor" na balança que dediquei à autora. <3

    Beijinhos

    http://www.conversasdealcova.com

    ResponderExcluir
  21. Oi Tamara, sabe que eu nunca li nada da Nora, mas eu sempre tive muita vontade de conhecer suas obras. Não tenho um livro em específico que eu queira mais, por isso depois dessa sua resenha linda ele já entrou para a minha lista, e por isso com certeza vou tentar lê-lo esse ano ainda.

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir
  22. Oiiie

    Sou mega apaixonada pela Nora, tive a minha experiência com a escrita dela em Quarteto de Noivas e simplesmente amei. Eu gosto dos livros justamente por focar em famílias, em valores, isso me deixa com mais vontade de ler. Bom saber tb que tem um toque sobrenatural. Espero ler essa trilogia logo, a Arqueiro arrasa com essas edições.

    Bjs

    ResponderExcluir