30 maio 2017

Resenha - Cidade das Cinzas - Os Instrumentos Mortais #2


Título: Cidade das Cinzas (Os Instrumentos Mortais #2)
Autor: Cassandra Clare
Editora: Grupo Editorial Record
Skoob / Goodreads
Páginas: 406
Onde comprar: Saraiva / Amazon

No mundo dos Caçadores de Sombras, ninguém está seguro. E agora que Clary descobriu fazer parte parte do perigoso Submundo, sua vida nunca mais será a mesma. Jace, seu recém-descoberto irmão, está cada vez mais impossível, e não parece medir esforços para enfurecer a todos. Sua atitude de bad boy não ajuda em nada quando, após o roubo do segundo dos Instrumentos Mortais, a Inquisidora aparece no Instituto para interrogá-lo... Agora Jace é suspeito de ajudar o pai, o perverso Valentim, num plano que vai colocar em risco não só Idris ou o Submundo, mas toda a cidade de Nova York. E Clary não pode deixar de se perguntar: será que as ironias de jace são só uma forma de chamar atenção, ou também pode haver uma traição por trás de tanto mistério?






LUZ, CÂMERA E AÇÃO [33]


Título: O Som do Coração
Data de Lançamento: 06 de Outubro (Mundial)
Direção: Kirsten Sheridan
Elenco: Jonathan Rhys Meyers, Freddie Highmore, Keri Russell, Robin Williams
Gênero: Drama/Romance
Duração: 1h 54m
Música composta por: Mark Mancina
Roteiro: Nick Castle, James V. Hart
Autores: Nick Castle, Paul Castro                      

Evan Taylor (Freddie Highmore) é resultado do encontro casual entre um músico e uma violoncelista. Criado em um orfanato e dotado de um dom musical impressionante, ele se apresenta nas ruas de Nova York ao lado do divertido Wizard (Robin Williams). Contando apenas com o seu talento musical Evan decide usá-lo para encontrar seus pais.


Lyla Novacek (Keri Russell) e Louis Connelly (Jonathan Rhys Meyers) tem algo em comum - a música, e esse é o ponto de partida para uma aproximação instantânea que resulta em algo a mais depois de um breve encontro. Ela, uma violoncelista talentosíssima, boa filha, que faz sempre o que todos esperam dela, inclusive o pai.

Lyla ama o que faz, mas ao mesmo tempo se sente soterrada pelas cobranças feitas por seu pai exigindo que ela se dedique cada vez mais à profissão e seja a filha perfeita.

Louis Connelly é um jovem músico e vocalista de uma banda que tem como guitarrista seu irmão mais velho, Marshall. Juntos com a banda os irmãos tocam pelos bares de Nova York. Então, em uma noite, após a apresentação de Lyla  em um concerto e de Louis e sua banda em uma casa noturna, os dois se conhecem e se encantam um pelo outro.



Resenha - Coroa da Meia-Noite


Título: Coroa da Meia-Noite (Trono de Vidro #2)
Autora: Sarah J. Maas
Editora: Galera Record
Skoob / Goodreads
Páginas: 406
Onde comprar: Saraiva / Amazon

Celaena Sardothien, a melhor assassina de Adarlan, tornou-se a assassina real depois de vencer a competição do rei e se livrar da escravidão das Minas de Sal de Endovier. Mas sua lealdade nunca esteve com a coroa. Tudo o que deseja é ser livre — e fazer justiça. Nos arredores do castelo, surgem rumores a respeito de uma conspiração contra misteriosos planos do rei, mas antes de cuidar dos traidores, Celaena quer descobrir exatamente que planos são esses. O que ela não imaginava é que acabaria em meio a uma perigosa trama de segredos e traições tecida ao redor da coroa. Enquanto a amizade entre ela e o capitão Westfall cresce cada vez mais, o príncipe Dorian se afasta, imerso em seus próprios dilemas e descobertas. A princesa Nehemia acaba se tornando uma conselheira e confidente, mas sua atenção está mais voltada para outros assuntos. Em Adarlan, um segredo parece se esconder por trás de cada porta trancada, e Celaena está determinada a desvendar todos eles para proteger aqueles que aprendeu a amar. Mas o tempo é curto, e as ameaças ao redor castelo de vidro estão cada vez mais próximas. Quando menos se espera, uma trágica noite mudará a vida de todos no reino, e mais do que nunca Celaena quer descobrir a verdade para fazer justiça.