23 maio 2017

Resenha - Desejo à Meia-Noite - Os Hathaways #1



Título: Desejo à Meia-Noite
Autora: Lisa Kleypas
Editora: Arqueiro
Páginas: 272
Skoob
Onde comprar: Amazon / Livraria Cultura

Após sofrer uma desilusão amorosa, Amelia Hathaway perdeu as esperanças de se casar. Desde a morte dos pais, ela se dedica exclusivamente a cuidar dos quatro irmãos uma tarefa nada fácil, sobretudo porque Leo, o mais velho, anda desperdiçando dinheiro com mulheres, jogos e bebida. Certa noite, quando sai em busca de Leo pelos redutos boêmios de Londres, Amelia conhece Cam Rohan. Meio cigano, meio irlandês, Rohan é um homem difícil de se definir e, embora tenha ficado muito rico, nunca se acostumou com a vida na sociedade londrina. Apesar de não conseguirem esconder a imediata atração que sentem, Rohan e Amelia ficam aliviados com a perspectiva de nunca mais se encontrarem. Mas parece que o destino já traçou outros planos.
Quando se muda com a família para a propriedade recém-herdada em Hampshire, Amelia acredita que esse pode ser o início de uma vida melhor para os Hathaways. Mas não faz ideia de quantas dificuldades estão a sua espera. E a maior delas é o reencontro com o sedutor Rohan, que parece determinado a ajudá-la a resolver seus problemas. Agora a independente Amelia se verá dividida entre o orgulho e seus sentimentos.
Será que Rohan, um cigano que presa sua liberdade acima de tudo, estará disposto a abrir mão de suas raízes e se curvar à maior instituição de todos os tempos: o casamento?







Amelia como a sinopse já diz, é uma mulher forte e que possui um temperamento que faz jus a sua condição de irmã mais velha dentre outras três irmãs que contam somente com um único irmão que vem a ser o mais velho de todos e o mais desajuizado também. Por causa da conduta do irmão que nem sempre foi assim, diga-se de passagem, ela se vê obrigada a assumir as rédeas da família, já que Leo não tem a menor condição para isso.

Depois de sumir várias vezes sem dar satisfação a ninguém da família, Amelia decide ir atrás do irmão em Londres na companhia do fiel amigo, o cigano Merripen, que chegando lá já se deparam com Rohan que dirige um bar onde talvez eles possam encontrar Leo.

A partir desse momento surge uma atração forte e pungente entre Amelia e Rohan, mas ela não vai de jeito algum dar asas a imaginação e fazer o que tem vontade, uma vez que em um passado não muito distante ela sofrera uma desilusão amorosa que a fez se fechar para o amor, mas o que ela não sabe é que Rohan é muito determinado também e não vai desistir tão facilmente de mudar sua convicção de não querer mais nenhum homem em sua vida.

Rohan é meio cigano e meio irlandês, sendo que sua metade cigana fala mais forte em tudo que ele faz e acredita, tanto é assim que há algum tempo ele anda insatisfeito com a vida que leva. Vivendo como um gadjo, mas sem realmente se sentir como um, ele se sente amaldiçoado pois mesmo sem querer cada vez mais ele adquire riquezas e bens, sem no entanto dar nenhum valor para isso. Ele acredita que o que realmente interessa é a liberdade, a terra e a família e decide que não quer mais viver como um homem rico e sem propósito na vida.

Só que ele não contava que Amelia fosse surgir em sua vida e fazê-lo repensar ideias que antes ele nunca havia cogitado, como o casamento por exemplo. Mas para isso, ele terá que primeiro convencer a nada frágil senhorita Amelia Hathaway que o casamento pode ser uma instituição com muitos ganhos para ambos, principalmente no que diz respeito aos deveres conjugais, uma vez que tanto Rohan quanto Amelia mesmo sem concordarem em muita coisa, nesse quesito em particular eles se entendem ás mil maravilhas.

— Droga, por quê você é tão teimosa?— Não estou sendo teimosa. Só não quero nada de você. E você merece encontrar a liberdade da qual foi privado há tanto tempo.


Caso Rohan consiga fazer com que Amelia mude de ideia quanto ao casamento, ele sabe que junto com ela vêm os irmãos, cada um com seus problemas e necessidades, mas que com certeza valerá muito a pena ter para sempre o coração da sua bela "Monisha''.

— Case-se comigo, Amelia. Você é o que desejo. Você é o meu destino. — Ele deslizou a mão pela sua nuca, segurando as tranças e as fitas para manter sua boca erguida. — Diga que sim.


[ - Minhas Impressões -]
                                                 
Ai gente, que livro lindo!!! Desde a capa que eu achei um espetáculo tendo a modelo vestida com este maravilhoso traje em um tom de azul deslumbrante! A Editora Arqueiro está de parabéns! Ela arrasa como sempre.

Tenho que confessar que eu simplesmente amei essa história!!! Amelia e Rohan fazem um casal super lindo. Ele todo moreno, másculo e destemido. Ela toda séria, mandona e bela. Vocês já podem imaginar que daí muitas faíscas surgiram e que a combustão instantânea é um fato concreto.

Adorei ver a relação deles se desenvolvendo página por página, mas devo dizer que a Amelia me surpreendeu em alguns momentos, digo isso por ela ser um personagem tão forte e não ter tido muita força de vontade para não ceder tão rápido às investidas de Rohan. Por outro lado, ele já sabia que a queria e foi com tudo, mas ela, que não queria envolvimento de nenhum tipo com homem nenhum cedeu muito rápido, porém acho que a compreendo, pois com um homem daqueles seria meio difícil não cair em tentação.

Rohan é muito carinhoso com ela e a chama de "Monisha" várias vezes. (meu coração parecia que iria derreter nessas horas) e ela por sua vez só pensava "naquilo". Safadinha!!! (risos)

Me encantei por suas irmãs, Win, Poppy e Beatrix! Elas são maravilhosas, cada uma à sua maneira. E fiquei muito feliz em saber que terão mais livros de cada um dos Hathaways para eu degustar.
Só não gostei muito do Leo, ele é muito inconsequente. Mas devo dar um desconto a ele, já que está sofrendo por uma grande perda. Mas isso vocês só saberão ao ler o livro.

Toda a história é narrada em terceira pessoa e o mais legal é que não fica presa somente à Amelia e sua família, dá para conferir a transformação que ocorre em Rohan desde o seu primeiro encontro com ela. A gente pode participar dos dilemas de ambos e isso na minha opinião torna a trama muito mais atraente e empolgante.

Gostei do Merripen mesmo ele sendo bem bruto às vezes, ainda mais que ele esconde um segredo dos Hathaways. Nada de criminoso, só de cunho sentimental.

O livro contém  272 páginas de muito romance, descobertas e libertação para um personagem específico, mas eu não direi mais nada sobre isso para não soltar nenhum tipo de spoilers.

Não vejo a hora de acompanhar mais dessa bela família que conquistou meu coração, pois a autora Lisa Kleypas mandou muito bem!!!



Participe! - Já está valendo!



24 comentários:

  1. Ola Kaline
    Lisa Kleypas está na minha lista de autoras favoritas quando o assunto é romance de época. Também já fiz essa leitura e gostei bastante, por isso adorei poder conferir suas impressões e fico feliz que tenha curtido a leitura. È ótimo poder acompanhar essa relação se desenvolvendo né? Particularmente é um dos pontos que eu mais amo.
    Beijos, F

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, F,
      Você disse bem ao colocar seu ponto de vista. Realmente é ótimo acompanhar a relação deles se desenvolvendo.

      Beijos

      Excluir
  2. Hey,
    nunca li nada da Lisa, mas tenho os dois primeiros livros dessa série a uns bons anos. Sou apaixonada por livro de época e como ultimamente a uma vasta linha de publicação desse gênero no mercado acabo me enrolando com os livros que quero ler, vou comprando e acumulando sem dar conta de ler tudo que quero, na época que comprei esse confesso que priorizei a série os Bridertons que também estavam sendo publicado (e que eu amo), com o passar do tempo novos lançamentos foram chegando e me envolvendo e esse ficando esquecido na estante, tanto que nem completei essa série ainda, mas como minha promessa desse ano é dar atenção a esses livros de séries que já tenho na estante, vou tentar me organizar agora que sai do emprego e quem sabe dar uma chance a eles no segundo semestre, quem sabe.

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      Espero sinceramente que você dê uma chance a esses livros. Você não vai se arrepender.

      Beijos

      Excluir
  3. Sempre que leio uma resenha referente a esse livro, fico ainda mais cativa a leitura, porque e possível notar que a trama e bem construída, com um ótimo desenvolvimento, que nos prende a leitura, e os personagens são cativantes, com um romance de época no qual acompanhamos todo o aproximar do casal. Esse está com certeza na lista de desejados.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Lana,
      É isso aí, desse jeitinho mesmo que você explicou. Os livros são uma delícia de ler.

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
  4. Oi
    Td bem
    Bom, vou ser repetitiva ao dizer que nunca li um romance histórico, mas morro de vontade. Adorei sua resenha e gostei de conhecer um pouco mais sobre o livro. Adoro essas séries em que cada livro conta a história de um membro da família como a Marian Keyes fez com a família Walsh.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Tudo bem.
      Ah, então dê uma chance à esse livro em especial. Acho que você iria gostar.

      Obrigada por gostar da resenha.

      Excluir
  5. Oiee Kaline ^^
    Eu adoro esse livro! Confesso que não amo os Hathaways o tanto quanto amo os Bridgertons, mas eles chegam bem perto...haha' lembro de quando comecei a ler "Desejo à meia-noite", que saudades :/ Uma das coisas que eu mais gostei na série, foi que a autora adicionou a cultura cigana, e felizmente o Cam não é o único cigano da história...hehe' pessoinhas safadas ♥
    MilkMilks ♥

    ResponderExcluir
  6. Oi, Kaline!
    Cam! <3 Lindo! Ele é meu personagem de época favorito. Não fica de olho nele não! :P O Leo é realmente um porre, mas você vai acabar gostando dele no decorrer da série. ;)
    A Lisa conquista mesmo com seus livros e leia mais livros dela. ;) Você não vai se arrepender.
    Beijão!
    http://www.lagarota.com.br/
    http://www.asmeninasqueleemlivros.com/

    ResponderExcluir
  7. Oie! Tudo bem?

    Infelizmente ainda nenhum livro dessa autora despertou meu interesse para realizar a leitura! E de tantas resenhas que já dessa coleção ja sei as histórias de cor! Por isso continuo passando a dica! Mas fico feliz que tenha gostado da leitura!

    Bjss

    ResponderExcluir
  8. Olá! Eu não gosto de romance e infelizmente não tenho muito interesse no livro, mas gostei da sua resenha. A capa realmente é linda.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  9. Oie!
    Eu amei esse livro! inclusive, eu amei a série inteira rsrs
    Foi o primeiro livro que li da autora, e fiquei apaixonada por essa trama, impossível não amar cada um dos personagens e ficar ansiando pelos próximos livros.
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  10. Olá,
    eu ainda não formei uma opinião sobre Romances de Época, nunca li, mas não sei se gosto. De qualquer forma, é muito bom quando o livro nos encanta e nos faz querer continuar a série. Fico feliz que tenha gostado e fiquei curiosa sobre este personagem.

    Meus livros a Venda

    ResponderExcluir
  11. Kaline!
    Todos os livros da autora que li até agora são fenomenais.
    Espero poder ler essa série, porque além de amar romances de época, sei que a escrita da autora é envolvente, seus peersonagens são bem elaborados e adoro porque sempre a família está envolvida, família é tudo na vida, né?
    Bom final de semana!
    “A solidão é a mãe da sabedoria.” (Laurence Sterne)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE MAIO 3 livros, 3 ganhadores, participem.

    ResponderExcluir
  12. Olá!

    Adoro a Lisa Kleypas! eu tenho uma dúvida sobre essa série , podemos ler de forma aleatória sem pegar spoiler dos demais ou não?

    Amo romance de época, nunca li nenhum em que o protagonista é meio cigano, na maioria das vezes são bem clichês , o famoso libertino londrino! kkkk Fiquei bem curiosa para conhecer esse!

    A capa tá linda mesmo! A Arqueiro arrasa! Adorei a resenha!

    Beijs
    Jess
    Pintando as Letras

    ResponderExcluir
  13. Quero muito ler esse livro por dois motivos. Primeiro, é um RE, meu gênero preferido no momento. Segundo, tem um cigano, e eu tenho fetiche por cigano! Hahahahha
    Acho que eu vou adorar a Amelia e de sua personalidade, sempre sinto empatia pelas protagonistas fortes. Espero poder ler em breve!

    ResponderExcluir
  14. Oi Kaline, como está?
    Acho as capas dessa série muito lindas e com certeza dá vontade de ter os livros só para enfeitar a estante, kkkkkkkkkkkkkkkkkkk. No meu caso nem dá porque não tenho. #soupobre
    Sobre o livro em si mesmo, acho a premissa dele bem interessante e a série inteira por si mesma tem uns plots bem bons. Para mim que não lê tanto romance de época assim, gostaria mesmo de fazer mais isso e acho que essa série é indicada para essa prática ser melhor desenvolvida, rs.
    Abraços e beijos da Lady Trotsky...
    http://rillismo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  15. Oi!
    Desde que eu li a série das estações da autora estou morrendo de vontade de ler essa também, porque além de aparecer alguns personagens dela nesta, eu amo o jeito mais leve que ela conduz seus romances de época, sem nunca deixar a sensualidade de lado.
    Pelo jeito essa história é apaixonante também, aguardando a resenha dos próximos volumes da série por aqui ;)

    ResponderExcluir
  16. Olá!
    As vezes me sinto sendo de outro planeta por não ter lido nenhum livro dessa série ainda.
    Já li tantas resenhas desse livro, e em todas falam super bem.
    O que mais me chama a atenção nesse livro são os personagens: Amelia como sendo uma personagem forte e Rohan que me fez imaginar ele como um homem muito lindo.
    E os dois como casal me pareceu ter bastante química, o que também me atraiu para fazer a leitura deste livro.
    Espero poder ler a resenha dos outros aqui também. E irei com toda certeza anotar a dica para leituras futuras.

    ResponderExcluir
  17. Olá, tudo bem?
    Apesar da capa realmente linda dada a esse livro pela editora, a história não conseguiu prender minha atenção. Fujo desses clichês de mocinho másculo e mocinha mandona, já vi e li tantos livros com este caminho que busco não ler mais. Achei legal o casal ter uma boa sintonia ao longo do enredo, isso torna até a leitura mais agradável, mas dessa ve irei pular a dica.

    ResponderExcluir
  18. Oi! Nunca tinha ouvido falar nessa história, mas a editora arqueiro sempre arrasa. Eu sinto que nunca li um livro ruim publicado por eles. A capa é linda mesmo! Quanto à história, esse Rohan me interessou pra caramba. Já imaginei um homem reservado com aquele sotaquezinho típico, haha.

    ResponderExcluir
  19. Olá,
    Já faz um bom tempo que estou de olho nos livros dessa série, mas ainda não consegui comprar e muito menos fazer a leitura. A premissa é bem legal e amo livros do gênero.
    Amélia e Rohan ao meu ver fazem parte daquele típico casal em que seus componentes são opostos, porém se complementam e tudo fica mil maravilhas.
    Essa capa é de cair o queixo. Sou apaixonada por azul e essa modelo ficou perfeita!

    LEITURA DESCONTROLADA

    ResponderExcluir