29 março 2017

Resenha - Paris para um e outros contos


Título: Paris para um e outros contos
Autora: Jojo Moyes
Editora: Intrínseca
Páginas: 240
Skoob / Goodreads
Onde comprar: Saraiva / Submarino / Amazon

Nessa vibrante coletânea, o leitor poderá conhecer mais um lado da autora. Em histórias curtas e divertidas, Jojo, sem deixar de lado as personagens decididas que conquistaram o público, faz sua conhecida mágica de transformar situações comuns em eventos extraordinários.
No conto que dá título ao livro, a jovem Nell planeja um final de semana romântico em Paris com o namorado e fica sabendo, já na estação, que ele desistiu de acompanhá-la. Sozinha em um país estrangeiro, Nell descobre uma nova versão de si mesma, independente e corajosa.
Outros contos incluem um assalto a uma joalheria com uma reviravolta amorosa, a história de uma mulher que passa um dia inteiro com os sapatos de outra pessoa e um shopping lotado de pessoas fazendo compras de Natal que vai revelar a uma esposa estressada o que de fato importa na vida.
E em “Lua de mel em Paris”, que fecha a coletânea, Jojo Moyes brinda os leitores com um reencontro com as personagens do best-seller A garota que você deixou para trás, Liv e Sophie, que, separadas por algumas décadas, acreditam que o casamento é apenas o início de suas histórias de amor.
Dez pequenas amostras da saborosa escrita de Jojo Moyes, divertidas, autênticas e irresistíveis — você vai ler e se encantar.
                                 










Paris para um e outros contos se trata de uma coletânea de dez histórias escritas pela incrível e talentosa Jojo Moyes, popularmente reconhecida pela obra Como eu era antes de você. São contos que farão o leitor rir, suspirar e refletir sobre o amor, partindo não somente da perspectiva de romance e incluindo também o amor próprio. Cada um deles possui mulheres como protagonistas que acabam vivenciando uma paixão, amores secretos, descobrem coisas e pessoas novas, desejos e receios são despertados. Algo que a maioria dessas mulheres têm em comum é que se sentem apreensivas em tomar alguma decisão e se arriscar, mas um acontecimento sempre faz com que se libertem disso e passam a demonstrar a determinação que sempre possuíram em suas personalidades. Eu adorei cada um dos dez contos, mas irei falar um pouco daqueles que mais se destacaram em minha experiência de leitura que, espero, farão com que vocês deem uma chance a esse livro.

Paris para um é o primeiro conto e o maior de todos eles, tanto que as páginas quase são suficientes para um livro único. Definitivamente, é um dos melhores do livro e é bem difícil não se encantar por ele com toda a leveza transmitida nas páginas. Nell é uma mulher extremamente cuidadosa. Ela não se arrisca e não sai da zona de conforto; tudo para ela tem de ser bem planejado. As pessoas que fazem parte de seu convívio sabem disso e a maioria delas aceita o jeito meticuloso de Nell. A mãe acha ótimo, pois assim a filha se torna uma pessoa muito responsável e as amigas sempre cuidam dela quando vão viajar juntas para Brighton todo ano.

Quando ela ganha um bônus no trabalho, acaba ouvindo as pessoas debocharem de si porque sabem que Nell não irá gastar o dinheiro, afinal, nunca passa pela sua cabeça vivenciar uma aventura. Como ela tem um namorado que é completamente o oposto, que viaja o tempo todo e já passou por muitos riscos, num impulso, acaba comprando duas passagens para os dois passarem um fim de semana em Paris. Ele não pareceu animado com a surpresa, mas concorda com a viagem. Porém, quando Nell está prestes a pegar o avião, o namorado acaba deixando-a na mão e diz para ela ir sozinha e que dará conta de pegar o próximo voo.

Nell não sabe falar francês, está assustada e se sente completamente perdida em Paris, mas está com esperança de que seu namorado chegue logo. Ao se dar conta de que ficará sozinha em um hotel por mais duas noites dividindo o quarto com uma americana grosseira, começa a se culpar por ter gastado o dinheiro à toa e pensa em ir embora no próximo avião. Porém, ao ir em uma exposição de uma artista, acaba conhecendo Fabien, um escritor frustrado que ainda tem dificuldade de superar o último relacionamento e eles passam a ficar cada vez mais próximos. O que deveria ser a pior aventura da vida de Nell acaba se tornando a melhor decisão que ela havia tomado, fazendo-a perceber que vale a pena, sim, se arriscar e que viver o tempo todo agindo de forma responsável não é algo tão bom assim. E o que dizer de Fabien? Ele é incrivelmente encantador, é impossível não se apaixonar. Quando os dois personagens se conhecem, acabam fazendo surgir o que há de melhor um no outro e adorei como tudo começa a dar certo quando estão juntos.

"Fabien percebe que não para de olhar para Nell. Não é pela beleza, pelo menos não o mesmo tipo de beleza de Sandrine. Mas há algo em seu rosto que prende o olhar: o jeito como ela franze o nariz quando ri. A maneira como parece se sentir um pouco culpada quando isso acontece, como se estivesse fazendo algo que não devia. Seu sorriso, largo, com dentes brancos e pequenos de criança."

Um conto que gostei bastante foi Sapatos de couro de crocodilo, que apesar de não ter o romance como foco central, apresenta uma situação bem simples, que pode acontecer com qualquer pessoa em seu cotidiano, mas que transforma completamente o dia da Samantha. Ao frequentar a academia, um engano acaba acontecendo: uma mulher, antes de ir embora, acaba pegando a sua bolsa. Sam se vê forçada a usar sapatos luxuosos que jamais usaria por não fazer parte do seu estilo, já que ela precisa fechar contratos em reuniões imediatamente e, por isso, não há mais tempo de trocá-los. Apesar de ser um simples engano, um par de sapatos acaba transformando o dia de uma mulher de negócios, e por consequência, sua autoestima.

Assalto é um conto que chega a ser absurdo devido às circunstâncias em que os personagens se encontram, mas gostei da ousadia da autora em nos apresentar uma reviravolta completamente inesperada do que deveria ser um assalto comum. Nessa história, temos uma protagonista confiante que demonstra não ter medo de nada. Ela acaba mudando o futuro ao conversar com um dos assaltantes do banco em que trabalha e apesar de ele ameaçar a sua vida, ela é uma mulher tão única que parece ser incapaz de enxergar o pior das pessoas e adorei essa nova abordagem, foi muito divertido acompanhar os diálogos desses dois.

Acredito que meu conto favorito seja Lua de mel em Paris, que faz referência a outra obra publicada pela autora intitulada A garota que você deixou para trás. Temos dois casais passando a lua de mel em Paris em duas épocas diferentes. A história se passa em 2002 e Liv conhece seu marido apenas há seis meses, mas não hesitou em tomar uma decisão impulsiva e se casar com David, mesmo não o conhecendo tão bem. É na lua de mel que ela se dá conta que ele é um homem bastante focado no trabalho, já que a deixou sozinha várias vezes para fechar contrato com bilionários. Ele não deveria dar mais importância a ela, levando em conta que estão em lua de mel e em Paris? Não deveria ser um momento só deles?

Enquanto Liv reflete se tomou a decisão certa em se casar tão rápido, paralelamente a isso, a história volta para 1912 e nos apresenta Sophie, que acaba de se casar com Édouard, um pintor que está com dificuldades financeiras. Ele é um homem que, apesar de não ter dinheiro, é muito generoso e trata suas amizades com muita importância. Ao se encontrar com uma das mulheres que pintou e pedir para que Sophie se torne sua amiga, as coisas acabam tomando um rumo diferente, já que Sophie acaba descobrindo sobre o passado de seu marido. Será que ela tomou a decisão certa em se casar com um homem que dormia com as mulheres que posavam para seus quadros? Será que ele ainda é o mesmo homem?

"Beijei-o e fiz meu beijo lhe contar que eu o adorava com toda a minha força, que minha vida antes dele fora uma coisa cinzenta, sem cor, e como achava que um futuro sem ele era apavorante e sombrio. Disse a ele no beijo que o amava mais do que jamais pensei ser capaz de amar alguém. Meu marido. Meu lindo, complicado e brilhante marido. Eu não podia verbalizar tudo isso. Meus sentimentos eram muito vastos para as palavras."

Esse conto é incrível! Nos mostra duas mulheres refletindo sobre seus amores, suas angústias e seus receios em relação ao futuro. E a ligação que a autora faz com as duas, apesar de pertencerem em épocas bem distantes uma da outra, é maravilhosa. Gostei tanto que pretendo ler o livro em que o conto foi baseado, e acredito que quem já leu, com certeza irá gostar de reencontrar essas personagens.

A diagramação está maravilhosa. A capa é muito fofa, cada início de conto temos uma ilustração que irá dar uma prévia ao leitor do que esperar da história e há poucos erros de revisão, que não chegam a incomodar. A escrita da autora é maravilhosa, divertida e bem fluída, e para quem leu alguma de suas obras e gostou, tenho certeza que não irá se decepcionar com essa coletânea. Mas também se faz uma ótima opção para aqueles que ainda não tiveram contato com a sua escrita, já que há poucas páginas e os contos, com exceção do primeiro, são bem curtinhos. Eu adorei esse livro e recomendo que vocês façam a leitura dele e aproveitem cada página.

19 comentários:

  1. Oi, Amanda. Eu amo a Jojo mas só li um livro dela que foi Um mais Um, mesmo assim fiquei encantada com a história. Tenho outra obra dela mas ainda não comecei por pura preguiça, mesmo assim, essa história já está na lista e mais ainda agora que sei se tratar de 10 contos, então fico muito mais animada.
    Um beijo! Leitora Encantada

    ResponderExcluir
  2. Comprei esse livro recentemente e ainda não tive oportunidade em ler, mas pretendo ler no mês que vem. Não sou muito fã de contos, mas sendo fã da Jojo, não poderia perder essa oportunidade.


    Beijos,
    *Blog PS Amo Leitura*

    ResponderExcluir
  3. Ola
    A autora é maravilhosa, e é claro que esse livro está na minha lista de desejados. Por mais que eu não curta a leitura de contos, só por ser da Jojo, já chama a minha atenção porque sei que ela escreve muito bem. Suas impressões me deixaram ainda mais motivada para querer adquirir essa obra.
    Beijos, F

    ResponderExcluir
  4. Oi, Jojo é Jojo e desde que vi esse título estou, louca para a leitura. Adorei sua resenha e estou mais ansiosa ainda para a leitura desse conto, os outros confesso que nem tanto mas adorei a ideia de ir para Paris sozinha e mesmo assim curtir. Otima dica, bjs.

    ResponderExcluir
  5. OI Amanda, este livro está na minha lista de livros que quero ler este ano e sua resenha só me ajudou a adianta-lo na lista porque não sabia que um dos contos era em função do livro A Garota que Você Deixou pra Traz, que é um dos meus livros favoritas da Jojo.
    Adorei a resneha e quero ler o mais rápido possivel.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Oi Amanda, tudo bem ?
    Eu sendo louca, quando vi este livro a primeira vez, achei que tinha a ver com Como Eu Era Antes de Você rsrsrs. Quando pesquisei e vi que se tratava de contos.
    Sinceramente, mesmo sendo da Jojo e você tendo achado incrível eu pulo, contos não são para mim, não damos certo rsrs.
    Mas fico feliz que tenha sido proveitoso para você.
    Beijos
    Resenha de Peça-Me o Que Quiser

    ResponderExcluir
  7. Olá,

    Eu não tenho muito contato com contos, além disso, nunca li nada da autora. Vejo que ela é muito querida por muitas pessoas, mas até hoje não fiz a leitura de nenhum dos seus livros. Eu gostei muito da proposta criada por ela nessa livro, mas vou deixar a dica passar e ter o primeiro contato com ela por outro livro, acho que minha experiência vai ser melhor! ♥

    → desencaixados.com

    ResponderExcluir
  8. Olá tudo bem?
    Eu amo a Jojo e tenho quase todos os livros dela publicados pela intrínseca (faltam baia de esperança e esse). Confesso que não gosto de livros de contos mas daria uma chance só por causa dela mesmo. Quando ouvi falar desse livro pela primeira vez achei que fosse tipo um spin-off de Como Eu Era Antes de Você, devido ao final do livro e tal.. fui descobrir recentemente que era de contos. Acho que vou dar uma chance também, espero gostar!

    beijinhos!

    ResponderExcluir
  9. Ainda não tive oportunidade de ler este livro da João.tenho um monte de livros dela para ler rsrs e este conto acho q vai ser o primeiro depois q vi a vc gostou tanto .Espero w ela não mate ngm. Nele porw Tô ficando com trauma rsrs

    ResponderExcluir
  10. Oi Amanda,

    Eu não sabia que esse livro era de contos. Eu tive contato apenas uma vez com a autora, justamente com ''como eu era antes de vc'' e não gostei muito. Mas esses contos me chamaram a atenção e me parece serem ótimos para emponderamento. Anotei a dica aqui. :) Parabéns pela resenha.

    bjs

    ResponderExcluir
  11. Olá!! :)

    Eu não conhecia este livro e confesso que não faz muito o meu tipo de romance, mas ainda bem que apreciaste a leitura! :)

    De qualquer das formas, acho ótimo que a leitura seja tao fluida e o conto com tantos sentimentos a mistura! :)

    Boas leituras!! ;)
    no-conforto-dos-livros.webnode.com

    ResponderExcluir
  12. Oie! Tudo bem?

    Ainda não havia lido nenhuma resenha sobre esse livro, infelizmente de todos da Jojo esse foi aquele que menos me chamou a atenção, mas não nego que quero ler ele e espero gostar das histórias como você, mas por enquanto vou deixar passar a dica!

    Bjss

    ResponderExcluir
  13. Oi, Amanda!
    Jojo Moyes não é uma autora que desperta minha atenção, os livros dela me deixam curiosa e contos também é um gênero que não costumo ler. Para quem gosto da autora e seu estilo de escrita é uma ótima dica de leitura. :)

    Beijos,

    Rafa [blog - Fascinada por Histórias]

    ResponderExcluir
  14. Olá, Amanda

    Um dos meus livros favoritos da vida é Como Eu Era Antes de Você, mas infelizmente nenhum outro livro que eu li da autora foi uma leitura prazerosa do início ao fim. Li A Garota Que Você Deixou Para Trás e tentei ter A Última Carta de Amor, mas nem rolou de ler tudo. Estou meio decepcionada com isso.
    Sobre o livro da resenha, nem sabia que era um livro de contos. Fiquei interessada no conto Assalto por ele ser absurdo mesmo. Mas não lerei o livro por agora, quem sabe mais pra frente...

    Beijo

    ResponderExcluir
  15. Acredito que a história que mais chamou minha atenção foi Lua de mel em Paris, ver os casamentos dessas duas personagens em épocas diferentes deve ser bem interessante. Fiquei com vontade de ler pelo fato de me parecer ser uma história bem sensível e que acredito ser interligada, de alguma maneira, uma a outra. Sem falar que é uma obra da querida Jojo, que é a autora de um dos meus livros favoritos. Enfim, agradeço pela dica e espero ter a oportunidade de ler e espero gostar desta história e das demais também.

    Beijos
    Vento Literário / Facebook / Twitter

    ResponderExcluir
  16. Oi Amanda,
    Adoro a autora e tenho muita vontade de ler esse livro, pois tenho ele em casa há um tempo em inglês. Adorei saber desse conto que faz referência ao livro A garota que você deixou para trás.
    A autora tem uma forma magnífica de mostrar as mulheres lutando por amor e mostrando como é amar.
    Espero ter a oportunidade de ler em breve.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  17. Olá, tudo bom?
    Estou louca para ler esse livro e sua resenha só me deixou mais animada! A garota que você deixou para trás é o meu livro favorito da autora e saber que tem um pouco mais dele nesse livro só me deixou mais curiosa. Outro conto que me deixou bem curiosa foi Paris para um. Eu achava que era sobre como eu era antes de você rs
    Enfim! Espero ler em breve e gostar tanto quanto você! Amei sua resenha!

    Beijos

    ResponderExcluir
  18. Oie
    ai que amor essa capa está, como sempre, as edições dessa autora sempre me conquistam. Muito legal sua resenha, eu to bem curiosa pelo primeiro livro de contos dela, não é muito grosso então parece ser bem rápido, vamos ver se terei oportunidade de ler em breve

    beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Li apenas dois livros da Jojo até hoje, e gostei dos dois.

    Não sabia que esse livro era de contos. Já havia visto a capa mas não me chamou muito a atenção. Gosto da escrita dela e o modo como suas protagonistas são criadas. Os contos que você descreveu parecem muito bons, gostei bastante de um ou dois... Fiquei com vontade de ler esse livro!

    Abraços!
    www.asmeninasqueleemlivros.com

    ResponderExcluir