10 fevereiro 2017

Resenha - À primeira vista



Título: À Primeira Vista
Autor: Nicholas Sparks
Cortesia: Editora Arqueiro
Páginas: 256
Onde comprar: Saraiva 

Jeremy Marsh tinha três certezas: jamais se mudaria de Nova York, não apaixonaria novamente e nunca teria filhos. Mas agora ele está prestes a se casar com Lexie Darnell e aguarda a chegada da primeira filha, enquanto conduz a reforma de sua nova casa na pequena cidade de Bonne Creek, na Carolina do Norte. Em meio a tantas mudanças, Jeremy luta para reencontrar o equilíbrio pessoal e profissional ao lado da mulher que o fez mudar todos os seus planos. Quando tudo parece estar entrando nos eixos, Jeremy recebe um misterioso e-mail que dá início a uma série de acontecimentos que irão testar a força dessa paixão. Atormentado pela idéia de estar sendo traído, vivendo uma crise criativa que o impede de trabalhar e angustiado com a gestação complicada de Lexie, ele não poderia imaginar que o pior - e o melhor - ainda está por vir. 'À primeira vista” captura toda a incerteza, a tensão e a angustia da vida desse jovem casal, mas também retrata o romantismo, o companheirismo, a descoberta, o amadurecimento que só o verdadeiro amor pode proporcionar.










Sempre fui extremamente apaixonada pela escrita do Sparks e não é de se estranhar que também tenha me apaixonado de imediato pelo título desta obra.

Logo de cara, À Primeira Vista nos traz uma instigante pergunta:

"Será que de fato é possível amar alguém à primeira vista?"

Peguei-me completamente perdida com este questionamento e fiquei um certo tempo tentando encontrar uma resposta satisfatória para assim poder mergulhar na história.

Primeiro fui atrás de significados para o que é o amor e logo encontrei a seguinte resposta:

"Amor é um sentimento de carinho e demonstração de afeto que se desenvolve entre seres que possuem a capacidade de o demonstrar. (...) O amor motiva a necessidade de proteção."

Ainda assim, não pude responder a questão, mas guardei este significado pois sabia que em algum determinado momento eu teria certeza da resposta.


À Primeira Vista é a continuação de O Milagre. Por ter muito tempo que li esta primeira obra, os acontecimentos não estavam tão frescos na minha memória, porém, felizmente, justamente por isso, pude perceber que mesmo sendo continuação, os livros podem ser lidos independentes, não atrapalhando em nada o desenrolar da trama. Mas claro, esta é minha opinião, pois há quem diga que uma história complementa a outra.

Nesta obra conhecemos Lexie e Jeremy, um caso sério de amor. Jeremy vivia em Nova York até chegar à conclusão de que não consegue viver sem Lexie e volta para perto de sua amada.

Nem todo relacionamento é fácil, ainda mais a junção de "relacionamento + Nicholas Sparks", já devem imaginar no que vem pela frente.

Lexie e Jeremy começam a passar por conflitos na convivência e, com isso, surge a desconfiança, a falta de carinho, os famosos conselhos de quem está de fora, as indecisões. Passaram por tudo isso por um certo tempo até o grande acontecimento do livro que gerou uma grande perda, mas também um "ganho" na vida de Jeremy que ele teria que aceitar. Foi aqui que descobri o motivo da pergunta logo na capa do livro.

Nós, seres humanos, passamos cotidianamente por provas. Testes de até onde conseguiremos ser fortes e seguir em frente com as voltas que o mundo da. Somos, em certo ponto, obrigados a passar por certa dificuldade e aprender a lidar com perdas a todo momento.

"Apesar de às vezes desejar voltar o tempo e apagar todas as tristezas, sentia que, se o fizesse, a alegria também diminuiria. E essa era uma hipótese que ele se negava a considerar."

Não imaginei que ficaria tão emocionada e comovida com a história deste livro (até imaginava, pois o bom moço Sparks sempre dilacera meu coração). Vi-me, em muitos momentos, na pele de Jeremy, um rapaz que passou por tantas dúvidas e incertezas, que lutou para ficar ao lado do seu grande amor, ser testado a ponto de amar à primeira vista um ser tão inocente que "surge" em sua história após sua maior perda.

"A confiança precisa ser conquistada? Ou é simplesmente uma questão de fé?"

Como já disse há pouco, o amor é um sentimento de carinho que motiva a necessidade de proteção! Não são todos que tem a capacidade de amar. Quem ama é quem tem coragem. Coragem de demonstrar a vulnerabilidade, de conviver com as dificuldades do passado e aceitar o presente. Que tem força de cambalear e, mesmo que caia, consiga levantar de cabeça erguida e seguir em frente... pelo amor.

Esta obra é indicada para quem está preparado para encarar um enredo intenso, abarrotada de sentimentos e reviravoltas. Possui uma tristeza magnificamente linda, que comove e encanta a cada página lida. Mas já fica o aviso, esteja preparado para uma incrível ressaca literária!

"À primeira vista captura toda incerteza, a tensão e a angústia da vida desse jovem casal, mas também retrata o romantismo, o companheirismo, a descoberta e o amadurecimento que só o verdadeiro amor pode proporcionar."


15 comentários:

  1. Olá Amanda, eu gosto dos livros do Nicholas Sparks, de vez em quando bate saudade eu leio algumas obras, essa especificamente ainda não li, mas a história me cativou, a capa também está linda. Esse autor por mais que saíbamos o rumo da maioria de suas histórias tem uma narrativa única, e eu adoro essa característica nele. Bjkas

    ResponderExcluir
  2. Oii
    Eu amei essa resenha, apesar de não ser muito fã do Nicholas. O último livro que vi dele foi O Milagre, e nem cheguei a ler. Mas sei se pela história ou pelos trechos que vc colocou eu já quero esse pra mim, achei muito fofo.
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Sempre soube que O Milagre tinha uma quantinuação, mas nao sabia qual era e se tinha sido publicado. É o único livro que gostei do autor, acho que vou dar uma chance a ele para saber o desfecho do casal.Beijinhos, Helana ♥
    In The Sky, Blog / Facebook In The Sky

    ResponderExcluir
  4. Nunca li nada do Nicholas Sparks, mas já vi filmes inspirados nas obras. Talvez por se tratarem de histórias fortes e tristes, talvez não me empolgo muito em ler no momento. Só que adorei a premissa desse livro e fiquei bem curiosa para saber como o enredo termina.
    Beijooo :*

    ResponderExcluir
  5. O Milagre e À Primeira Vista são os meus livros preferidos do Nicholas Sparks, eu li a versão antiga mas essa capa também está linda. Gostei bastante de saber que o livro também te agradou e te emocionou.

    ResponderExcluir
  6. Oi!
    Há anos que eu não leio nada do Nicholas Sparks, sempre achei as histórias dele melosas demais sem falar nos finais trágicos, mas gostei muito da sua empolgação com essa e decidi dar uma chance futuramente. A trama parece ir muito além do romance em si, falando de amor de uma maneira mais profunda e tocante. E que bom que não é necessário ler o livro anterior pra entender toda a história, isso teria me feito desistir.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  7. Olá, como vai?
    Assim como você também amo o Nicholas <3
    Ainda não li O Milagre então esse terá que esperar um cadinho mais.
    Faz um tempo que nãi leio nenhum livro dele, a faculdade só me faz ler clássicos, mas esse ano vou ler alguns livros dele que ainda estão ali pra ler.
    Sua resenha está linda.
    Beijo
    https://qadulta.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oie...
    Amei a resenha!
    Você falou com tanta convicção e paixão pela obra que não me resta outra alternativa a não ser o ler! Achei a premissa muito interessante e já vou botar nos desejados ;)
    Valeu pela dica!
    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Gostei muito da sua resenha, mesmo não gostando muito do autor, mas a premissa dessa história me parece bem interessante, quem sabe eu dê uma chance.
    Abraços

    ResponderExcluir
  10. Eu nunca li nada do autor, mas vejo MUITA gente elogiando sua escrita e isso me deixa um tanto curiosa, no entanto, não a ponto de lê-lo. Dizem que os romances dele são bem melosos e esse tipo não é muito minha praia, kkk
    Beijos.

    ResponderExcluir
  11. Olá, tudo bem?

    Eu nunca li Nicholas Sparks, até dei alguns livros do autor para a minha namorada, mas ainda não li e sinceramente não sei se vou ler algum. Eu gostei da sua resenha, fiquei contente em saber que a obra te encantou!
    Bjuss

    ResponderExcluir
  12. Oi
    Eu li O Milagre e não gostei, aliás, não sou o público alvo do autor, por mais que tente e já li muitos livros dele. Sobre o amor a primeira vista, não duvido de nada, apesar de também acreditar que amor é construção.

    ResponderExcluir
  13. Amanda, eu nunca li um livro do Sparks.
    Comecei vários, mas sempre me cansava e eu desistia.
    Acho bacana que mesmo ele sendo uma continuação possa ler independentemente.
    Amor a primeira vista é algo bem utópico, mas legal de ser lido.

    ResponderExcluir
  14. Olá!
    Eu também sou apaixonada pelos livros do autor, e não conhecia esse ainda, então foi uma ótima dica de leitura. ~Só não curto muito isso de amor a primeira vista, acho que isso é muuuuito difícil de acontecer.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  15. Oi...nunca li nada do autor, só acompanhei algumas adaptação e percebi que ele tem uma fórmula de enredo no qual eu não me identifico. Curti a resemha, mas não sei se fiquei interessada em ler a obra.

    Abraços

    ResponderExcluir