27 dezembro 2016

Resenha - Boomerang


Uma forte história de amor proibido. Primeiro volume de uma nova trilogia romântica.Mia Galliano e Ethan Vance se conhecem em um bar e a química entre eles é inegável e imediata. Uma coisa leva a outra, e na manhã seguinte Mia acorda na cama de Ethan com a maior ressaca do mundo. E aí as coisas ficam complicadas. Tanto Mia quanto Ethan estão atrasados para uma entrevista de emprego. E é quando notam a maior coincidência de todas: os dois estão competindo pela mesma vaga no departamento de marketing da Boomerang, um site de relacionamentos. Será que vão conseguir ignorar o desejo que sentem um pelo outro? E quem vai ficar com a cobiçada vaga no marketing? Lorin Oberweger, e Veronica Rossi, autora mais vendida do New York Times, são as criadoras desta trilogia romântica, por trás do pseudônimo Noelle August.




Título: Boomerang #1
350 páginas || Skoob || Editora: Galera Record || Onde comprar








Mia e Ethan se conhecem em um bar e acabam passando a noite juntos, mas ao acordarem, não se recordam de nada que possa ter rolado entre eles. Ambos estão atrasados para o primeiro dia de trabalho e acabam rachando um táxi, já que os locais que precisam ir ficam perto um do outro. Ao chegarem em seus destinos, Mia e Ethan acabam percebendo que irão estagiar na área de marketing da mesma empresa, a Boomerang, um site de relacionamentos. Como se não bastasse ter que trabalhar com alguém que passou a noite junto, o chefe comunica que o estágio não é remunerado e que há somente uma vaga, acrescentando ainda a política de proibição de namoro entre os funcionários. Mia e Ethan não esperavam ter que lidar com uma disputa, mas querem muito o emprego e vão usar todas as armas que dispõem para batalhar por ela, mesmo que isso signifique fingir que nada aconteceu entre eles.

Parecia simples ignorar o fato de que já se conhecem, já que eles realmente não se lembram de nada da noite anterior. O problema é que o chefe vai passando várias tarefas que exigem que ambos fiquem juntos, como fazer perguntas pessoais um para o outro utilizando o site da empresa e marcarem encontros com estranhos em um mesmo restaurante através da Boomerang. Essas atividades possibilitarão que ambos se conheçam melhor e, por consequência, acabem por sentir uma atração física tão intensa que quase se esquecem da competição pelo emprego. Mas será que eles conseguirão resistir e evitar que as regras da empresa sejam quebradas? É possível que, por mais que gostem um do outro, consigam deixar a competição de lado para dar lugar ao amor? E o mais importante, quem ficará com a tão sonhada vaga?

"Mas posso resistir a um corpo. Estou ferrada por causa do seu sorriso, por causa daquela covinha que se forma quando ele ri, de seus dentes retos e perfeitos, exceto por um incisivo ligeiramente torto. Estou ferrada por causa de suas sobrancelhas grossas, sérias, o nariz angular perfeito, seus olhos que parecem uma poça de chuva. Estou ferrada, acima de tudo, por causa de sua bondade, que se irradia por todos os seus poros."

Eu estava bastante ansiosa para conhecer a história, pois o empecilho utilizado pelas autoras para atrapalhar o romance de Mia e Ethan é um pouco intrigante e estava interessada em observar a maneira que esse obstáculo iria se prolongar. A escrita é bastante simples, mas não deixa de ser envolvente e, por ser feita em primeira pessoa, faz com que o leitor se afeiçoe e nutra carisma pelos dois personagens. Essa característica faz com que seja compreensível os seus lados mais irracionais e impulsivos. Adorei a forma com que as autoras fizeram isso, de criar e manter uma ligação com a história da primeira até a última página. Tanto é que é bastante difícil tomar um partido, pois ambos os personagens possuem bons argumentos para conseguir o emprego definitivo na Boomerang.
Mia é uma mulher jovem que recentemente se formou em Cinema. Ela é linda, inteligente e sempre vai atrás do que quer. Mesmo fazendo parte de uma família rica, já que sua mãe é uma fotógrafa bastante famosa, Mia não deixa de seguir seus objetivos sozinha e almeja o emprego na Boomerang para realizar o sonho de fazer um filme sobre Nana, sua avó querida que possui Alzheimer, preservando as suas memórias e toda a sua luta nas manifestações que mudou a história.

Ethan estudou Psicologia, mas sua maior paixão é o esporte, em especial o futebol. Ele gosta tanto que o utilizou como tema de seu TCC, além disso, é treinador de uma equipe de meninos de 9 anos nas horas vagas. Deseja o emprego para pagar os créditos estudantis e fazer uma faculdade de Direito. Conseguir a vaga seria perfeitamente adequado para ele, já que o seu irmão acabou de entrar na faculdade e está preocupado em gerar ainda mais gastos para os pais. Ethan é um cara divertido e é por causa dele que o humor está presente na história, mas também é um personagem consciente e, como tal, sabe transparecer uma postura séria nos momentos certos.

"Mia balança de leve a cabeça, como se estivesse falado demais, mas eu poderia ouvi-la falar desse jeito o dia inteiro. Ela é inteligente e engraçada, e mais gostosa do que deveria ser permitido por lei, mas dentro dela há uma alma velha. Quero proteger essa parte de Mia. Quero montar guarda diante dela, para que fique sempre em segurança."

Inicialmente o que rola entre os dois é somente atração, mas não demora muito para o romance se aflorar. Ambos saíram de um relacionamento ruim recentemente, e quando começam a se conhecer melhor, vão reparando que fazem bem um para o outro mais do que imaginam e é muito gostoso acompanhar todos os desafios, flertes, ciúmes e as conversas íntimas. Presumi que as autoras iriam ignorar a noite em que se conheceram e deixar que os protagonistas ficassem sem se lembrarem, mas felizmente me enganei; elas disponibilizam trechos que detalham o que realmente aconteceu, e gostei muito de presenciar essas memórias junto aos protagonistas.

Os personagens secundários são tão maravilhosos e únicos que me fizeram desejar que as autoras houvessem atribuído mais destaque a eles, apesar de o foco ser Mia e Ethan. Adorei as amigas de Mia, pois elas são suas maiores confidentes e a ajudam nos momentos em que ela mais precisa. Achei interessante o Adam também, dono da Boomerang e chefe de Ethan e Mia, pois ele possui a mesma idade dos dois e já atingiu um sucesso enorme, mas infelizmente a sua presença na história é bem limitada. Gostaria que as autoras tivessem trabalhado um pouco mais o personagem. Gostei dos outros funcionários da empresa também, como a rabugenta Cookie e o super animado Rhett, que irão servir tanto para ajudar os protagonistas quanto para atrapalhá-los.

A diagramação está incrível e tudo no livro foi feito de forma a proporcionar uma leitura agradável ao leitor, com uma boa fonte e um espaçamento adequado. A escrita é em primeira pessoa e intercala os capítulos entre Mia e Ethan, nos permitindo absorver suas perspectivas e sentimentos. Esse é um new adult para ser lido sem pretensões, não ocorre grandes reviravoltas na história e é um romance que deve ser interpretado como leve e descontraído. O indico para todos aqueles que estão buscando um romance delicado.

19 comentários:

  1. Olá Amanda
    Eu também já fiz essa leitura e adorei a história, realmente é um romance delicioso e muito bem desenvolvido. Os argumentos dos personagens são mesmo bem eficientes né, digo a respeito do lado profissional. Suas opiniões refletem bem as minhas próprias e adorei poder conferir suas impressões.
    Beijos, Fer
    www.segredosemlivros.com

    ResponderExcluir
  2. Olá Amanda,

    Vi comentários diversos sobre esse livro, alguns até falaram que a história era ruim, por isso fiquei com um pé atrás. Mas agora lendo suas impressões, fiquei mais interessada na história. Não sabia que o casal era colega de trabalho e esse é o empecilho para que eles não fiquem juntos. A obra parece ser um romance bem divertido e descontraído, acabei me interessando de verdade. Espero em breve poder iniciar a leitura.

    Abraços,
    Cá Entre Nós

    ResponderExcluir
  3. Tenho que confessar, quando vi a capa torci o nariz. Sim, eu detesto quem julga pela capa, mas nem sempre fico isenta disso.
    Não é que a capa seja feia, não mesmo, ela é até que bonita. Mas eu já sabia que se tratava de um romance e já fiquei ressentida. Os romances ultimamente aparecem sempre com a mesma história. Felizmente me enganei.
    Gostei bastante da premissa e sua resenha, tão bem escrita, me incentivou ainda mais a desejar o livro.
    Já quero saber como os dois vão se virar e quem vai ficar com a vaga. E você tem razão, Amanda. Não tem como escolher um lado.
    Dica anotada.
    Bjs, Mila

    http://a-viagem-literaria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Amanda, pela sinopse eu tive aquela sensação de "ih, já li isso antes", pensei até em Sr. e Sra. Smith, entretanto um história que une um empecilho a um romance na maioria das vezes é instigante e, nesse caso, por ter personagens que estão adentrando ao mundo do trabalho é interessante e gostosinho de ler.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  5. Olá
    Eu já li dezenas de resenhas sobre esse livro e tenho um pouco de curiosidade de fazer a leitura do mesmo. Eu li poucos livros do gênero mas acho bem legal. Acho a capa muito feia, poucas são as capas com humanos que são boas. Sobre o fato de ser narrado em primeira pessoa já me conquistou! Fico feliz que a diagramasão esteja bela, adoro quando eles capricham! Até mais ver.
    Bjk

    ResponderExcluir
  6. Oi Amanda,

    Na época em que foi lançado, eu havia ficado bem interessada, mas não era o momento para eu ler a história, estava buscando outros tipos de livros. Mas agora lendo sua resenha, fiquei bem mais instigadas a ler, principalmente por saber que até os personagens secundários são bem apresentados. Só não gosto muito dessa capa, mas né, relevamos. Haha. Parabéns pela resenha.

    beijos =)

    ResponderExcluir
  7. Oie Amanda,
    Fiquei curiosa em relação a história, já vi mas tinha passado batido; gostei de saber que mesmo tendo um romance, envolve mais assuntos como a conquista do emprego. Sua descrição dos personagens, primários e secundários, me deixou muito curiosa para saber mais sobre todos eles. Quero saber sobre se eles ficaram juntos e quem conseguiu o emprego; dica anotada para 2017.
    Beijos, Lari.
    Segredosdeumacerejeira.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Olá!

    Eu ja li algumas resenhas desse livro e todas me parecem bem positivas.
    Ainda não li e isso me animou para as próximas leituras.

    Beijos,

    Camila de Moraes- Blog Book Obsession

    ResponderExcluir
  9. Oie Amanda.
    Eu ainda não tinha lido nenhuma resenha sobre esse livro e a sua me deixou bem interessada em fazer essa leitura. O enredo é bem interessante e se encaixe bem nos livros que gosto de ler. Adoro romance e adoro quando acontecem no ambiente de trabalho.. rsrsr
    A capa não me empolgou muito, mas a sua resenha foi bem convidativa.
    Adorei. Dica anotada
    Bjo

    ResponderExcluir
  10. Olá Amanda,
    Ainda não tive a oportunidade de ler esse livro, mas achei sua resenha instigante e fiquei curiosa para saber como tudo é trabalhado. É legal as coisas começarem com uma atração - pois é assim que é a vida, não é?
    É legal terem conseguido criar e manter uma ligação ao longo da obra.
    Dica anotadíssima.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  11. Oieee
    Tudo bom?
    Ultimamente eu não tenho curtido leituras assim, por ser mais do mesmo.
    Já vi histórias parecidas com essas e estou meia saturada, mas mesmo assim ficou aquela curiosidade.
    Beijos

    ResponderExcluir
  12. Oi Amanda, tudo bem?
    Adorei a ideia da autora. Disputar uma vaga com alguém que você dormiu na noite anterior pode não ser nada fácil. Acredito que tanto os protagonistas quanto os secundários tornam essa trama legal.

    ResponderExcluir
  13. Olá Amanda, tudo bem?

    Não conhecia este livro, mas fala sério. Disputar uma vaga de estagiário, sem ao menos ganhar um dinheirinho? Eu tava é fora e a outra pessoa que se virasse hahaha. Na realidade, a história me é familiar. Tenho quase certeza que já vi isso rondando livros nacionais, rs.

    Beijos

    ResponderExcluir
  14. Olá, adorei a forma como a autora resolveu trazer seus personagens neste enredo. Ainda pelo livro ter uma excelente diagramação, contribuindo assim para uma melhor leitura.
    A forma como o romance se desenrola durante a história deixa o livro fugindo de muitos clichês que temos hoje em dia. Anotei a dica'

    ResponderExcluir
  15. Oi Amanda! :D
    Faz tempinho que a capa de Boomerang me atrai, eu não fazia ideia do que se tratava a história, mas gostava da edição e da forma que o título estava escrito, pois me passava a ideia de romance e eu estava certa! hahaha :D
    Gostei bastante da ideia da história e adoro quando leio e até os personagens secundários me conquistam, acho essa sensação maravilhosa, de querer que eles sejam mais presentes. Com certeza esse é mais um livro que entra para a minha lista de desejados e espero amar! <3

    ResponderExcluir
  16. Oi querida,
    Eu já li várias resenhas sobre esse livro, mas nunca me interessei tanto pela premissa. Gostei muito da capa e logo mas eu pretendo adquiri-lo para ler. Fico muito feliz que você tenha gostado do livro, é sempre ótimo embarcar em uma leitura que te prende.

    P.S a sua resenha me deixou curiosa a conhecer mais obras da autora, vou ver se dou uma chance ao livro. E adorei saber que é o primeiro livro de uma série/trilogia ♥

    Beijos, Enjoy Books

    ResponderExcluir
  17. Olá, não conhecia essa obra e achei interessante o enredo. Vou anotar a dica para uma possível leitura.

    Abraços

    ResponderExcluir
  18. Eu já vinha "namorando" a capa desse livro mas ainda não sabia do que se tratava. Adorei a premissa, saiu um pouco daquilo em que os protagonistas querem só sexo sem se apegar mas sempre acabam se apaixonando. Gostei muito do fato da escrita ser descontraída, facilita muito para que a leitura flua muito bem. Sem contar as personalidades da Mia e do Ethan, adorei os dois. Quero muito ler, beijos!

    ResponderExcluir
  19. Senti pela sua resenha que a obra em si é Clichê, mas convidativa. Já assisti um filme com enredo parecido, eles se conhecem como Mia e Ethan, depois trabalham para disputar a vaga, se alaixonam e vivem a crise. Não, essa leitura eu passo. kk
    Mas sua resenha está bem escrita, o que de certa forma convida o leitor a leitura do livro.
    Beijos

    ResponderExcluir