05 outubro 2016

Resenha - Equilibrium - Reflexo





Luca é um consultor espiritual que possui um dom que vai além de conversar com espíritos. Ele nasceu com um olho azul e um castanho. O olho castanho vê o mundo dos vivos. O olho azul vê o mundo dos mortos. Retirado de sua vida pacata por um misterioso senhor interessado em uma consulta espiritual particular, Luca descobre ser o único capaz de quebrar as regras do universo além-vida. Graças a isso recebe uma missão: atravessar ao Reflexo, o mundo paralelo dos mortos, para encontrar o Equilibrium, o ser responsável pela manutenção do fluxo de espíritos vagantes que descontroladamente se acumulavam no mundo dos vivos. No Reflexo, uma visão distorcida e espelhada de seu próprio mundo, Luca encontrará uma grande aventura, assim como ferozes inimigos e também uma nova amiga, que o ajudará em sua busca alucinante através das ruas habitadas por centenas de espíritos vagantes.


Título: Equilibrium - Reflexo
191 páginas || Skoob  || Cortesia: Editora Coerência || Onde Comprar
               








Sabe aquela sensação de saudade que nos preenche quando terminamos de ler um livro que gostamos? Aquela sensação de que você queria ficar mais um pouquinho com os personagens? Desfrutar mais deles? Pois foi assim que me senti agora pouco ao concluir a leitura desse livro e vim logo correndo fazer a resenha dele como forma de matar a saudade que já está me esmagando.

Luca  nasceu com uma caraterística um pouco diferente e rara. Um olho de tonalidade castanha e um outro de tonalidade azul. Além das aparências desse detalhe ele descobriu que a diferença da cor dos seus olhos veio com um dom. Com o olho castanho ele enxerga o mundo dos vivos e com olho azul ele enxerga o mundo dos mortos. Acostumado com esse dom ele até mesmo trabalha com seus poderes mediúnicos para ajudar pessoas que querem contato com os espíritos e é assim que começa a história.
''Luca tinha um dom, mas também uma maldição que carregaria para o resto da sua vida''

Após um dia de trabalho Luca decide ir na sua cafeteria preferida tomar um capuccino e lá encontra Nancy uma garotinha  de nove anos doce, inteligente, inocente e que infelizmente viveu uma história bem triste e trágica. E hoje é um espírito vagante.

Os dois estão conversando na cafeteria quando a menina percebe que tem alguém espionando e fotografando Luca. Ela então o alerta e tenta ajudá-lo a fugir do local causando uma confusão durante algum tempo. Mas no final o homem  acaba o alcançando com mais dois digamos capangas e esses o conduzem para a casa do velho excêntrico senhor August. Eu digo excêntrico porque no começo fiquei bem desconfiada dele pela forma como contatou Luca primeiro por carta e não obtendo respostas praticamente mandou seus seguranças sequestrá-lo e levá-lo até sua casa. Mas no decorrer da história tudo isso nos é explicado e entendemos os motivos e urgência que levaram August agir dessa forma.

August questiona Luca se ele tem notado que os espíritos  vagantes estão mais numerosos pela cidade e explica para ele o motivo disso estar acontecendo. O velho lhe apresenta o sentido de seu dom, e o leva a uma viagem incrível ao Reflexo – mundo igual ao que conhecemos, mas que, assim como no reflexo, inverso deste aqui, que é para onde as almas vão após a morte do corpo. Porém essa viagem tem como objetivo uma missão que é a do médium encontrar onde foi parar o Equilibrium ( pessoa responsável por abrir a porta que dá passagem aos espíritos para o reflexo) e para essa missão ele vai correr contra o tempo pois no máximo de três horas precisa estar de volta no mundo dos vivos.


A partir desse ponto a história é cheia de aventuras , surpresas e uma corrida alucinante que me deixou com a adrenalina a mil. Me senti ali junto com os personagens enfrentando cada perigo com o coração na mão e esperando o próximo passo. Se tem algo que posso dizer com toda a certeza sobre a escrita de Décio Gomes é que ele tem o dom de nos conduzir para dentro da história de uma tal forma que esquecemos a realidade ao nosso redor.  Eu decorei as páginas pois foi impossível desgrudar um segundo delas e roendo as unhas só fui perceber que o tempo ao meu redor existia quando cheguei na última página. Uma escrita super envolvente e fluída.

Outra personagem que nos encanta é Ji-Yun que é uma sólida que vive no reflexo. Sólidos são pessoas que ainda estão vivas mais que por algum motivo estavam em algum lugar errado quando se abre um portal que os conduz direto para lá. Sendo obrigados a viver naquele mundo sem ter como voltar a suas antigas vidas e tendo que dividir seu espaço com os Claros ( espíritos bons) e os Escuros (espíritos ruins)

Ela é forte e destemida e vai ajudar Luca a cumprir sua missão e o instruir  a como sobreviver a cada perigo que aquele lugar tem principalmente para quem ainda está vivo. Os dois constroem uma amizade sincera e leal que conquistou meu coração logo de cara.

Outro ponto positivo nesse livro é que o autor criou um passado para todos os seus personagens o que nos deixa ainda mais próximos deles. A história foi bem amarrada e não ficou nenhuma ponta solta. Embora esse seja o primeiro volume de uma duologia eu não me senti sem respostas que tivessem que ser aguardadas para um próximo  volume e vejo isso de forma bem positiva.

Quanto a diagramação só tenho elogios desde a capa que está linda e foi uma das primeiras coisas que chamou a minha atenção quando bati o olho nesse livro até as ilustrações que encontramos dentro do mesmo. As páginas amareladas, nenhum erro de revisão que atrapalhasse a leitura. Tenho que dar meus parabéns pela editora coerência pois foi um excelente trabalho e eu aguardo ansiosamente para o segundo volume.

Eu recomendo esse livro para todos que gostam de uma boa aventura com uma premissa inovadora e super interessante. É um livro que vai fazer com que sua adrenalina suba lá em cima, seu coração palpite mais forte, te deixar tensa , com vontade de gritar, rir, correr. Um livro para mexer com suas emoções de forma densa. Só cuidado para não infartarem durante a leitura!


Leiam esse livro de verdade! Super mega recomendo!!!

19 comentários:

  1. Olá, Camila.
    Eu gosto bastante de livros que fazem a nossa adrenalina subir, mas apesar disso, não sei se leria esse porque a temática não me atrai muito.
    Achei bacana a sua experiência de leitura. Sei bem como é ler um livro que sentimos saudades depois. Quando vamos chegando no final vamos até diminuindo o ritmo para não acabar logo, rs.
    Abraços.

    Papel, palavra, coração

    ResponderExcluir
  2. Olá
    Eu não conhecia esse livro, mas adorei poder conferir suas impressões a respeito e realmente gostaria de poder conferir também. Deve ser uma leitura bem fluida, e não tenho dúvida de que a premissa é inovadora. Valeu pela dica!
    Beijos, Fer
    www.segredosemlivros.com

    ResponderExcluir
  3. Eu já conhecia esse livro mas não me sinto atraída pela leitura. Mas a sua resenha está muito bem feita, eu achava o enredo um pouco confuso pelo que eu sabia até agora, mas você explicou direitinho e não vi confusão nenhuma. Mesmo parecendo ser uma obra que promete boas aventuras a premissa não conseguiu me conquistar, ainda assim, acredito que para os que se interessem a leitura deve ser muito boa, como foi para você.

    ResponderExcluir
  4. Comi cada palavra da sua resenha, com vontade de te ro livro nas mãos para conferir a aventura do protagonista imediatamente. Achei o enredo diferente e original e tenho certeza que vou apreciar.
    A capa também é instigante!!!
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Olá Camila,
    Que premissa mais inovadora, meu Deus! Adorei esse 'dom' do mocinho e achei legal ele lidar até bem com isso, sabe? Também gostei muito de conhecer um pouco da história. A aventura parece ser daquele tipo que vocÊ não consegue parar de ler até terminar e gostei disso.
    Quero saber, agora, o que é esse dom e o que acontece com o mocinho.
    Dica mais do que anotada.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  6. Amo aventuras e comecei a me deliciar com sua resenha. Uma premissa diferente: uma pessoa com um olho que enxerga o mundo dos vivos e outra com o mundo dos mortos. Acho inclusive que esse dom não é uma dádiva e sim pode ser uma maldição. Fiquei me perguntando o que ele tinha visto enquanto tentava controlar esses poderes. Enfim... viajei! Parabéns!

    ResponderExcluir
  7. Oi Camila, tudo bem?
    Esse livro parece ser maravilhoso, e eu certamente o devoraria de uma vez. Adoro histórias de aventura e achei a premissa dessa muito original, do protagonista ter olhos de cores diferentes e visualizar mundos diferentes com eles também. Tenho a impressão que o livro todo é agitado e que nunca há passagens quietas demais, e gosto disso pois dessa maneira, ficamos ávidos para ler cada vez mais. Fico contente por saber que, mesmo tendo uma continuação, esse livro é bem explicado e não há pontas soltas. Espero ler um dia.

    Beijos! ♥

    ResponderExcluir
  8. Oiee Camila ^^
    Eu já tinha visto algo sobre esse livro antes, e achei a premissa muito interessante, pois nunca tinha visto ou lido algo igual. E saber que você gostou tanto do livro a ponto de ficar com saudades dos personagens e da história, me deixou ainda mais curiosa para ler, pois não é todo livro que consegue fazer isso com a gente, né? E é bom saber que o autor desenvolveu bem os personagens, e amarrou tudo no final.
    MilkMilks ♥
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. Olá!! :)

    Eu não conhecia este livro e realmente quero ler! :) Isto porque eu gostei imenso da premissa e adoro o género, toda essa aventura e mistério. :)

    Ainda bem que gostaste da leitura! Eu adoro quando as personagens são bem construídas e com os passados bem feitos e criados também! :)

    Boas leituras!! ;)
    no-conforto-dos-livros.webnode.com

    ResponderExcluir
  10. Olá!
    Eu não conhecia esse livro mas depois da sua resenha fiquei morrendo de vontade de ler! Adoro histórias de espíritos e essa me chamou muito a atenção, ainda mais porque o autor fez todo um passado para seus personagens, o que nos faz nos apegar muito mais a eles. Fiquei feliz de saber que apesar de ser uma duologia, todas as pontas ficaram bem grudadas e isso realmente é muito bom.
    Beijos.
    https://arsenaldeideiasblog.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  11. Oi!
    Eu não conhecia o livro, mas a primeira vista, tinha ficado com medo de que fosse algo no estilo de auto-ajuda ou espírita. Fico mais relaxada por saber que não tem nada haver com isso - pelo contrário, parece ser muito interessante!
    Gostei bastante da premissa. Do protagonista ver pelo olho castanho o mundo dos vivos e pelo azul o mundo dos mortos. Me lembrou bastante uma série que eu AMO e toda vez que passava na TV eu assistia: "Ghost Whisperer" tem um pouco disso.
    Mas pelo que você escreveu, fiquei me perguntando já há motivo para ter um segundo volume... Enfim, irei anotar o nome do livro para dar uma chance.
    Bjss

    http://umolhardeestrangeiro.blogspot.com.br/2016/10/acqua-toffana-e-de-matar.html

    ResponderExcluir
  12. Oi Camila,
    Esse livro parece ser bem interessante, hein? Eu ia ficar maluca se cada olho tivesse uma visão diferente! Como separar isso? Seria completamente distraída, rs. Já que o enredo foi tão bem amarrado, o que será que ficou para um segundo livro? Vou aguardar para saber! Adorei a resenha, abraços

    ResponderExcluir
  13. Oi, tudo bem?
    Eu confesso que não costumo ler aventuras assim, mas fiquei curiosa com essa. Achei bem interessante essa coisa do personagem ver espíritos e ir lá para o lado deles, isso porque gosto se historias assim, sabe? Mas nunca li algo, só vi em filmes e séries mesmo. Enfim, parece ser uma história bem diferente e envolvente mesmo.

    Beijos :*

    ResponderExcluir
  14. Oie Camila,
    O inicio dele é intenso por si só! Sequestro? Velho? Nossa que bacana! A Nancy é uma garotinha esperta, e o Luca que se cuide. Por não se tratar de auto-ajuda fico ainda mais curiosa para fincar essa leitura, eu vou procurar outras resenhas para clarear um pouco mais, e quem sabe eu não compro?!
    bjs

    ResponderExcluir
  15. Gostei da premissa do livro, e amei esse mundo Reflexo, fiquei aqui imaginando como seria este mundo. Quando o autor se aprofunda no passado dos personagens nos torna mais próximos do enredo e faz com que entremos no livro de cabeça.

    ResponderExcluir
  16. Olá,
    Concordo com você que a premissa é inovadora e gosto muito de tramas que envolvam essa parte sobrenatural!
    Fiquei bem curiosa para saber quais aventuras fizeram você ficar com adrenalina a mil e quero saber quais acontecimentos ocorrem depois que Luca conhece o velho e faz essa viagem.
    Pessoas com olhos de coloração diferente é um fenômeno raro e isso sempre me chamou a atenção. Mal posso esperar para conferir a obra!

    http://leitoradescontrolada.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Oi oi querida,
    adorei a resenha, o livro tem um fundo de suspense que faz o leitor embarcar na vida do Luca com tudo. Antes de ler a sua opinião sobre o livro, eu tentei vincular com um filme chamado EQUILIBRIUM, mas não tem nada a ver.

    Fico muito feliz que você tenha gostado do livro, é sempre ótimo embarcar em uma leitura que instiga o leitor a ler mais e mais e quando termina deixando um sorriso no rosto da gente. Acho a capa desse livro uma coisa linda e única.

    Beijos, Enjoy Books

    ResponderExcluir
  18. Oi Camila, tudo bem?
    Uau o que é esse livro? me interessei demais no enredo dele e nessa história inovadora, achei bem interessante o fato do personagem ser diferente e enxergar o mundo dos mortos com um olho, e com o outro o mundo dos vivos, muito diferente e curioso. Com toda certeza irei ler, já estou mega ansiosa!

    beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir
  19. Adoro esse tipo de livro que você descreveu, que nos deixam saudades e precisamos fazer a resenha logo para compartilharmos nossas impressões, ainda não sabia profundamente sobre a história, mas achei interessante relacionar a cor diferente dos olhos do personagem com o fato dele ver espíritos, alem de desenrolar cheio de aventura e mistério, quero ler, espero que também tenha uma experiência positiva e goste da forma como foi abordado o passado dos personagens.

    ResponderExcluir