04 abril 2016

Resenha - Os senhores das sombras - O legado de Lilith





Deuses, anjos, elfos, vampiros e humanos dividem uma trama que tem seu ponto de partida com a revolta iniciada por Bem-Shakar e seu exército de rebeldes.
Parte do princípio da luta do bem contra o mal, passando pelo pecado original iniciado pela primeira mulher criada pelos Elohins: (Lilith).
Enviada para a cidade dos elfos ela é trancafiada em uma gruta de cristais, onde deveria ficar presa para toda a eternidade, por ter experimentado os frutos proibidos do Éden.
Porém por uma falha, Lilith é solta causando o início da degradação da raça humana. Amaldiçoada pelos deuses ela é condenada a tornar-se uma serpente a cada cem anos de sua eterna existência. Na forma humana, ela necessita de sangue para a sua sobrevivência, tornando-se assim a primeira de todos os vampiros.
Os mais variados tipos de personagens surgem para completar a trama que na verdade é um grande quebra-cabeças onde amor, ódio, vingança, guerras e conflitos milenares e particulares, aparecem de durante toda a história em uma junção de universos singulares que se unem para levar a um final surpreendente.
O amor pode mudar o destino?

Livro: Os senhores das sombras - O legado de Lilith
576 páginas || Editora: Multifoco || Autor Parceiro: Ricardo Netto || OndeComprar








No início, conviviam no universo anjos, arcanjos e elfos, todos em perfeita harmonia e sob o poder da força que gera vida: os Elohins. Esses decidem criar o homem e um lugar perfeito onde esses novos seres poderiam viver eternamente, o Éden. É assim que surgem Adão e Lilith, mas a primeira mulher é tentada por um arcanjo renegado e acaba sendo expulsa do paraíso e se tornando a primeira vampira do universo. Mesmo com os esforços dos elfos para conter a maldição, ela vaga pela Terra com vida eterna e uma sede insaciável por sangue humano.

Na atualidade, os vampiros se espalharam por todo o planeta e são caçados sem perdão por grupos de arcanjos especificamente designados para isso, os guardiões. Lilith está em relativa segurança no Brasil, junto com um pequeno grupo de vampiros muito antigos que decidiram ter uma vida discreta. Sua vida se entrelaça com a de vários outros personagens, formando um quebra-cabeça sobre o destino final de Lilith e de toda a raça dos vampiros.

"O tempo carrega consigo as areias da destruição. Civilizações inteiras desaparecem e surgem outras. Mentiras tornam-se verdades absolutas e verdades se transformam em lendas. Tudo passa em um piscar de olhos. Os impérios caem, os deuses morrem, a vida se renova. Assim a raça humana segue em sua trajetória."


Nesse primeiro livro do autor Ricardo Netto, o leitor é apresentado a todo um universo onde vampiros são uma raça amaldiçoada que se mistura aos humanos há milênios. A história deles se inicia junto com a humana e aí que está o diferencial do livro, já que o autor utilizou elementos bíblicos, mas entrelaçou esses com seres fantasiosos.

A narrativa se inicia no Éden e a partir daí vai passando por algumas civilizações antigas, até dar um salto para a atualidade, onde se desenvolve a maior parte da trama. Nos primeiros capítulos, as descrições do início do universo e da maldição de Lilith são muito bem explicadas, o que sinto falta em alguns livros de fantasia, aqui, quem está lendo tem uma boa noção dos acontecimentos que levaram ao que está acontecendo no presente.

Lilith é uma protagonista misteriosa, ela é muito bonita e desperta grandes paixões, que na maioria das vezes terminam em tragédias. Seus objetivos não ficam muito claros no decorrer das páginas, mas percebe-se que mais do que tudo ela preza por sua própria sobrevivência.

O número de personagens do livro é bem grande, mas outro que se destaca é Saredh, um dos primeiros vampiros transformados por Lilith e seu maior protetor. Ele é muito inteligente e tem grande importância no enredo.

"A grande estrela descia por trás da serra, tingindo os céus em vários tons de vermelho. Aquela imagem a remetia ao Éden e a um tempo muito remoto. Tinha tantas lembranças em sua memória que não caberiam em mil livros."

A narrativa em terceira pessoa acompanha vários personagens e é bem descritiva, incluindo detalhes sobre roupas que nem sempre eram necessários. Isso não tornou a leitura cansativa, mas deixa uma quebra na dinâmica da estória, mas esse é o primeiro livro do autor e detalhes assim vão se corrigindo com a experiência. Os capítulos são curtos e divididos entre alguns personagens de cada vez, sendo que essas mudanças entre os personagens foram bem organizadas, não há como confundir um e outro.

As cenas de ação estão bem distribuídas ao longo de todo o livro. O final tem um ponto alto de adrenalina, mas como esse é o primeiro livro de uma série não esperem um desfecho completo para todos os personagens. O que aconteceu foi que algumas tramas paralelas pareceram finalizadas, mas várias pontas ficaram soltas, me deixando bem curiosa para o próximo volume.


A capa tem um tom sombrio que combina bastante com a estória, além disso, os anjos estão bem presentes no enredo. A diagramação é bonita, com um anjo como o da capa em cada início de capítulo, porém as páginas são brancas. Uma coisa que me incomodou foram os errinhos de revisão que são numerosos, mas já conversei com o autor sobre isso e ele mesmo afirmou que isso está sendo corrigido para uma nova edição.

Enfim, deixo a recomendação para todos que estão procurando por uma fantasia diferente de tudo e também para  aqueles que gostam de livros de vampiros, mas que não sejam de romance.


*****



Nascido em União dos Palmares em Alagoas, morador em São Paulo há mais de quarenta anos. Penúltimo filho de uma família de sete irmãos, desde cedo desenvolvi o gosto pela literatura, embalado por livros escritos por: Monteiro Lobato, Lucia Machado de Almeida, Steven King, Anne Rice, André Vianco, Josué Montello entre tantos outros mestres. Aprendi que poderia criar, inventar e contar minhas próprias estórias. Na juventude estudei teologia cristã associado ao ensino médio, me formei em inglês pelo CNA e fiz um curso rápido de intercâmbio na Irlanda (Dublin).
Curioso e criativo desenvolvi alguns projetos na área literária, entre eles, uma peça para teatro, um roteiro para novela, alguns poucos e pequenos contos de fantasia.
Porém, meu projeto mais ambicioso por fim é a obra: Os senhores das sombras, série que pretende contar com a edição de três livros com tramas diferentes, ou seja, não continuadas. Sendo o primeiro livro dessa série (O legado de Lilith).

22 comentários:

  1. Olá Evelise, tudo bem?
    Confesso que curto bastante essa ambientação com anjos, deuses, elfos e seres afins, mesmo porque podem ser explorados de infinitas maneiras. Porém já li tantos enredos envolvendo esses personagens que não é qualquer sinopse que chama a minha atenção. E definitivamente acho que não leria esse livro. De qualquer maneira, achei essa capa linda e que bom que o autor está revendo os erros presentes no texto, já que é um detalhe fundamental para uma obra.
    Beijos, Fer

    ResponderExcluir
  2. Oi

    Nossa!!!! Não conhecia esse livro, nem o autor e claro que adorei e já quero!!!!
    Adoro fantasias, adoro vampiros...não gosto muito de religão não, mas a forma como tu descreveu, esse negócio de Adão e Lilith me pareceu bem diferente e bem original. Parece que a fantasia e a religião estão meio entrelaçadas né???

    Olhaaaaa, amei a dica e vou procurar esse livro!!!

    bjs

    ResponderExcluir
  3. Oi Eve, não curto nem vampiros e nem fantasia, mas ainda assim, a sua resenha me deixou mega curiosa para conhecer esta história. Também acho desnecessário descrição de roupas. Achei bem interessante o andar histórico pelas civilizações antigas e isso foi o que mais me chamou a atenção.
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. oi Eve... não gosto de fantasia. A premissa não me chamou em nada a atenção, embora eu ache muito interessante os arcanjos estarem contra os vampiros, geralmente deveria ser o contrário, não? Você comentou sobre as descrições, gostaria de saber se chega a ser excessiva a descrição das cenas, personagens e etc. Mais uma coisa: por que em livro brasileiro os autores insistem em internacionalizar os nomes????
    A capa está muito bonita, de toda forma, eu não leria.
    beijos

    ResponderExcluir
  5. Oi Eve, tudo bem?
    Curto bastante histórias sobre vampiros e achei bem interessante a maneira como essa se desenvolveu!
    O fato do autor ter misturado elementos bíblicos com fantasia me pareceu ser algo que deixe a leitura ainda mais interessante.
    A capa do livro está bem bonita. Uma pena que as páginas são brancas, pois isso para mim pode deixar a leitura mais cansativa.
    Que bom que o autor está tendo a preocupação de já começar a corrigir os errinhos desse 1° livro.

    Beijão :*
    http://www.livrosesonhos.com/

    ResponderExcluir
  6. Que capa maravilhosa! Adoro livros que envolvem anjos, elfos e vampiros, agora esse livro aborda tudo, esse livro com certeza já entrou na minha wishlist! Também não gosto quando há muita descrição de roupas, mas que bom que não tornou a leitura cansativa! Muito sucesso para o autor!

    Virando Amor

    ResponderExcluir
  7. Oi Eve
    Adorei a capa desse livro. Super sombria e as cores ficaram ótimas.
    Particularmente não curto livros de fantasia e com todos esse seres misticos. Mas que bom que você curtiu a obra, apesar da narrativa super descritiva.
    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias

    ResponderExcluir
  8. Em geral eu estaria surtando com essa resenha, sou fã de livros de fantasia, vampiros e coisas do tipo, mas por alguma razão a história não me agradou tanto. Guardei o nome apenas para o caso de eu mudar de ideia mesmo, quem sabe, né?
    Abraços,
    ~Duda~ www.dudaecami.com

    ResponderExcluir
  9. Oi linda.
    Eu achei a capa bem sinistra kkkkkkkk, mas bonita.
    Nunca tinha ouvido falar no livro até agora, e curti a premissa, mas pela quantidade de páginas eu não sei não, embora o livro pareça ter uma boa narrativa.
    Fiquei bem curiosa, pois amo esses sugadores hehehehehhe tudo que tem relação a eles me deixa curiosa, e talvez eu leria o livro sim.
    Uma pena apenas o livro ter páginas brancas, isso realmente é algo que me incomoda. Que bom que o autor vai arrumar os errinhos na proxima edição.
    Parabéns pela resenha e principalmente pela sinceridade, acho isso mega importante em uma resenha.

    http://colecoes-literarias.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  10. Fico muito grato pelos comentários sobre o meu livro, gostei mais ainda das críticas construtivas apontadas pela Eve, isso serve para aprimorar meu trabalho e atender meus leitores da melhor maneira possível. Me preocupei muito com o resultado final da minha obra, deixando na mão de profissionais da editora a parte que diz respeito a revisão, infelizmente aconteceram falhas, que sem dúvidas serão corrigidas.
    Respeito o gosto literário de todos e quero que se expressem mesmo. Afinal, eu também tenho meu gosto particular, apesar de que no meu ofício, tenho que ler de tudo.
    Os senhores das sombras foi um livro criado com base na lenda hebraica do Édem, mas não se propõe a discutir religião, ele foi criado única e exclusivamente para o entretenimento. Em relação aos nomes dos personagens, foram baseados em pesquisas. A lenda referida acima, fala sobre Lilith (a primeira mulher de Adão, os vampiros mais antigos tinham origem egípcia, os anjos os elfos, enfim não poderiam ter nomes comuns. Mas se você ler o livro vai ver que tem outros personagens com nomes e estruturas psicológicas tão comuns quanto as suas e as minhas.
    Fica aqui mais uma vez, meu agradecimento a todos! Para quem tiver uma curiosidade maior a meu respeito, acima tem meu site pessoal com todas as minhas redes.
    Um grande abraço a todos e continuem comentando.

    Ricardo Netto.

    ResponderExcluir
  11. Para tudo!!! Que livro é esse???

    Eu já li várias histórias de anjos, demônios, elfos, vampiros... Mas nada comparado a isso! Fiz uma pesquisa a respeito de Lilith a algum tempo, e fiquei fascinada pela sua "suposta" existência, já tinha ouvido falar do livro também, a capa é interessante, mas estava com a vida muito corrida e acabei não lendo a sinopse. Me sinto mal agora, por não ter lido... Vou procurar esse livro imediatamente, preciso lê-lo rápido, agora, já, nesse instante! Eu quero!!! Beijinhos' sua resenha está incrível.

    http://soubibliofila.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Oi, Evelise.
    Genteeeee! Eu preciso desse livro pra ontem! Correndo entrar em contato com o autor e ver se ele tem exemplares disponíveis!
    Sempre fui fascinada pela história de Lilith. (A primeira mulher de Adão. O primeiro demônio. A mãe dos demônios). Pode me chamar de perturbada, mas sempre me fascinou.
    Nunca tinha encontrado um livro que a trouxesse como personagem principal e trouxesse ela como a primeira mulher de Adão. O livro já me ganhou no primeiro paragrafo da sua resenha!
    Os livros seguintes da série já foram lançados?

    ResponderExcluir
  13. Olá Eve,
    Nossa, gostei muito da sua resenha e da premissa do livro.
    Esse mome Lilith me atrai onde quer que eu veja, é como uma fascinação. Eu acho que o fato de a narrativa ter se tornado cansativa por conta de descrições excessivas é até perdoável, pois a trama parece ser muito bem escrita.
    Vou anotar o nome do livro e espero ter a oportunidade de ler um dia.
    Beijos,
    http://mileumdiasparaler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Oi Eve, eu sou meio suspeita de falar pois amo um bom livro de fantasia que tenha seres sobrenaturais. E vampiro então, sou apaixonada por histórias de vampiro, e pelo que percebi esse parece ser um livro muito bom e cativante, eu não conhecia a obra ainda mas a sua resenha já me deixou super curiosa!

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir
  15. Oiiiii, tudo bem????
    Confesso que não sou muito fã de histórias de vampiros... nem de anjos... então já viu né? :3 Não é um livro que eu leria. Pelo menos não no momento.
    Apesar de gostar de histórias que envolvam Lilith, que eu sempre acabo achando bem interessante.
    Também não curto muito tantas descrições de roupas e tudo o mais. Mas foi como você falou, esse é o primeiro livro e o autor ainda terá muita chance de melhorar :)
    A capa é linda e chama bastante a atenção
    Beijooos
    http://profissao-escritor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Oi Eve

    Acha muito importante essa oportunidade que os blogs estão dando para autores desconhecidos e ainda mais por apontar criticas que o ajudaram a melhor e você apontou de uma forma doce, tenho certeza que o livro deve ser muito bom mas esse negocio de detalhes demais acaba que me deixa meio frustrada e cansada na leitura, mesmo assim desejo tudo de bom pro autor e que ele cresça cada vez mais.

    Bjos
    http://rillismo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Oi Eve,
    Li o livro do Ricardo também... Inclusive fiz uma postagem sobre o Ricardo no Machosfera e muito em breve vai sair resenha por lá.
    Eu gostei muito da história também é da forma nova como ele retratou os vampiros.
    O Saredh foi um dos meus personagens preferidos pois é tudo que eu imagino em um vampiro milenar.
    Mas ao contrário de você que achou os capítulos curtos eu os achei extensos. Rsrs. Estranho neh?
    E também fiquei incomodada com a revisão da Multifoco acho que ela deixou muito a desejar nesse requisito.
    Mas a história é muito boa, tem elementos que eu gosto muito... E a capa também está incrível.
    Um abraço
    Camila Bernardini Coelho

    ResponderExcluir
  18. Olá Evelise, tudo bem?
    Eu não conhecia o autor, mas agora que me interessei vou procurar saber mais.
    Eu amei a capa, acho que chamaria minha atenção de todos jeito. Eu adorei o enredo, eu gosto de livros com essa temática de anjos, tem alguns no mercado, mas não chegam a ser 5 estrelas... vou procurar pelo livro para ler!!
    Parabéns pela resenha!

    ResponderExcluir
  19. Olá!! :)

    Fiquei com muita vontade de ler! :) Não conheço o livro, mas adoro ação, fantasia, sobrenatural!! :) Adorei a premissa e quero conferir em breve!! :)

    Ainda bem que gostaste.. A capa é muito bonita tambem! :) É otimo quando retrata bem a obra! :)

    Boas leituras!! ;)
    no-conforto-dos-livros.webnode.com

    ResponderExcluir
  20. Oi,
    Não conhecia o livro e nem o autor, mas achei a premissa super interessante.
    Não ando muito num clima de ler fantasias, o que inclusive me fez atrasar a leitura de várias, hauhauha Mas essa é uma obra que despertou a minha curiosidade, achei interessante que quando vi a capa isolada não curti, mas ao ver a foto do seu exemplar, gostei dela, no contexto tridmensional do livro ela fica muito mais bonita, só o tamanho do livro que assusta um pouco.
    Beijos

    ResponderExcluir
  21. Ei Eve, tudo bem?
    Como super fã de fantasia, obviamente esse livro despertou muito o meu interesse. Não conhecia o autor e parece que para um primeiro livro ele começou super bem. Essa mistura de elementos e a forma do início dos vampiros me deixou mais curiosa ainda para saber mais. Adorei a sua resenha. Beijos

    ResponderExcluir
  22. Oii!

    Eu não sou a maior fã de fantasias e acho que já te disse isso, mas não me oponho em ler alguma obra. pois acredito que toda experiencia é válida. O problema é que não sei pq eu não consigo ler livros com vampirismo :( sério, sempre fico empacada. Mas vamos a resenha, você escreveu bem e sem enrolação, saber que esse é o primeiro livro do autor e foi tão bem trabalhado me conquista, Livros em terceira pessoa são ótimoas para nos situar durante a leitura. E é impressindivel a descrição, o que eu fiquei feliz.
    Para um primeiro trabalho ele fez muito bem!

    Beijinhos

    ResponderExcluir