17 julho 2015

Resenha - Uma Saga na Toscana



Florença, 1914. Um homem misterioso deixa uma criança recém-nascida aos cuidados das irmãs do convento de Santo Spirito. Uma pequena chave prateada escondida em suas vestes é a única pista sobre sua identidade. Quinze anos mais tarde, a vida da órfã Rosa Bellochi está prestes a mudar. A jovem precisa deixar a proteção das freiras para se tornar a nova preceptora da filha do marquês de Scarfiotti, membro da aristocracia local. Entretanto, seu novo lar está prestes a ser também sua ruína. A atmosfera sombria e cruel que envolve a família Scarfiotti vai destruir a inocência da moça e arrastá-la para uma teia de assassinatos, conspirações e segredos, devastando tudo ao seu redor. Contando apenas com seu instinto de sobrevivência e sua paixão incondicional por um homem de passado sombrio, Rosa terá que enfrentar um destino incerto e sacrificar sua liberdade, corpo e dignidade mas nunca sua fé em nome daqueles que ama. Toda recompensa requer um sacrifício. Somente o amor poderá perdoá-la. Somente a verdade poderá salvá-la. Uma saga na Toscana é um romance histórico arrebatador, repleto de amor e ódio, mentiras, intrigas e mistérios em meio ao cenário desolador da Segunda Guerra Mundial.

Livro:
Uma Saga na Toscana
472 páginas || Skoob || Cortesia: Editora Fundamento || OndeComprar ||




O livro é dividido em 3 partes e quero falar um pouco sobre cada uma, claro que sem soltar spoiler.








PARTE 1


Florença, 1914.

Rosa Belochi foi abandonada ainda recém-nascida no convento Santo Spirito. O homem que a deixou no convento não revelou seu nome, e nada que desse a Rosa a esperança de um dia descobrir suas origens. A menina foi entregue aos cuidados das irmãs do convento, mas irmã Maddalena foi a figura mais próxima de uma mãe que Rosa teve.


No meio dos panos de Rosa tinha uma chave que carregava um mistério.

Eu sou uma "Sem Nome". Não sou nada além de um pedaço preto e vazio.

Florença, 1929.

Quando Rosa Belochi completou 15 anos teve que sair da proteção do convento e encarar o mundo lá fora, iniciar uma nova vida.
Então, ela fora trabalhar como preceptora na Vila Scarfiotti, pois ela sempre havia sido uma moça estudiosa, sabia falar 3 idiomas diferentes, era ótima em muitas matérias e ainda uma maravilhosa musicista, sendo assim, acabou que sendo a melhor escolha para dar aulas para a menina Clementina, filha do Maquês de Scarfiotti.

A vida de Rosa mudou completamente quando chegou na Vila, a mansão era maravilhosa, cheia de empregados e muito luxuosa. Logo se encantou por Clementina e as duas ficaram muito amigas. Mas nada era tão maravilhoso assim, a marquesa era uma verdadeira megera, um monstro na pele de um humano e a cada dia que se passava, Rosa ia descobrindo coisas sinistras sobre ela e sobre a Vila. Ela também acabou descobrindo que a irmã do Marques morreu misteriosamente anos atrás, descobriu que ela e a marquesa eram rivais, e que existiam bruxas (Sim, existiam bruxas na Vila).

Rosa também tem dons, ela vê a origem das coisas. Quando ela olha para um pedaço de carne consegue ver o animal no campo feliz e logo depois um tiro o atingindo e sua vida findando, vê todo o processo até a carne parar no seu prato... É por isso que Rosa é vegetariana. Isso foi extremamente confuso durante a leitura, me confundi toda sem saber se o que ela via era uma visão ou se era algo real, mas no decorrer da história eu fui me acostumando.

Achei irônico Rosa ter o dom de descobrir por visões as origens das coisas, mas não saber sua própria origem.

Onde uma pessoa via um pedaço de carne, Rosa enxergava uma vaca ruminando a grama.



PARTE 2

Ainda na Vila Scarfiotti Rosa se depara com uma cena terrível e na tentativa de ajudar é levada para a cadeia, e lá ela passa por coisas horríveis. Ela foi tratada como uma inimiga do estado e isso era um dos piores crimes na época da segunda guerra mundial. Ela foi afastada de todas as presas como se tivesse uma doença contagiosa. Como se não bastasse tanta dor, sofrimento e desprezo ela ainda foi estuprada e engravidou.
A cena do abuso é tão detalhada que chega ser repulsiva. Rosa tinha 16 anos e não sabia o que estava acontecendo, uma garota completamente inocente, ela via bondade em todo mundo e isso foi um erro.


A história segue e Rosa coloca o nome na filha de Sibilla. Ela e a menina não tinham para onde ir quando finalmente foi liberta, e essa foi outra cena de doer o coração. Rosa andava pelas ruas com a criança nos braços, suas roupas em trapos e ainda era vista como uma qualquer, pois não era casada. 

Quando tudo parecia perdido uma luz brilhava no fim do túnel e quando eu começava a sorrir a luz na verdade era um trem vindo na direção da personagem e tudo ficava ainda pior.

O passado não era algo que pudesse ser afastado com um leve aceno de mão.

PARTE 3

Essa é a ultima parte do livro. A autora dá um salto muito grande na história, e começa a focar na guerra, e a revelar segredos, como por exemplo, o mistério da chave e as origens de Rosa. A autora conseguiu mesclar isso muito bem. 
As cenas finais do livro são fortes, pessoas sendo torturadas pelos Alemães Nazistas, eu realmente chorei lendo algumas partes. Mortes, perdas, revelações, surpresas entre tantas outras coisas. Não posso falar muito sobre essa ultima parte para não soltar spoiler. Mas foi angustiante saber que a qualquer momento a Itália poderia ser invadida, era como um jogo e a vez deles estava chegando.

Aquela não era uma guerra por território. Era uma guerra entre raças. Ia ser um banho de sangue.

O romance começa a se desenvolver na parte 2 e no livro também temos um triângulo amoroso muito bem construído, tanto que eu não estava preocupada com quem ela ficasse, porque os dois são personagens extremamente bondosos e maravilhosos, mas confesso que no final da parte 3 eu já tinha um em especial.

O livro é repleto de personagens, eu me confundia às vezes, mas eles foram construídos tão cuidadosamente que cada um tem um toque, um diferencial que ajuda o leitor a identificar rapidamente quem a personagem Rosa se referia. Ela no inicio era uma moça completamente inocente, mas não burra, isso foi algo que eu gostei muito nela, porque no decorrer das páginas é inacreditável como a personagem evoluiu.

E depois de ter sua filha o leitor não consegue mais acreditar que a Rosa da parte 1 é a mesma da parte 2, e ela evoluiu ainda mais na parte 3.

Se você quer ser moral, o único momento de fazer isso é antes da guerra de fato começar. Depois, é tarde demais. Se você pensa moralmente, será derrotado.
[...] Se ter moral e compaixão eram defeitos fatais em tempos de guerra, Rosa não duraria muito.

A história se passa no período da segunda Guerra mundial, na Itália. O líder do país é Mussolini, um político italiano que liderou o partido nacional fascista, um tipo de aliado de Hitler também. Mussolini é muito citado durante toda a história. Eu não resisti e fiz algumas pesquisas e realmente a autora trabalhou muito bem a história com fatos reais. Pesquisando sobre esse líder fascista eu também pude ter uma ideia de como seria o final e gostei muito de como tudo foi finalizado.


O livro é narrado em terceira pessoa, mas nada que amplie a visão do leitor para os demais fatos, a história é focada em Rosa, então não sabemos nada além do que ela saiba. A autora é extremamente detalhista e por mais que eu goste disso, achei algumas coisas desnecessárias, que deixou apenas o livro mais longo, mas mesmo assim eu gostei.
Agora estava muito claro que Mussolini era um demônio decidido a arrastar seu povo para o inferno.


Recomendo vocês lerem o livro com tempo, com calma e devagar, pois a história é cansativa, tem muitas partes que é tudo muito parado e isso dá uma desanimada. O livro não entrou para meus favoritos, por causa dessas partes paradas, e também porque eu achei os capítulos grandes demais, e o tamanho da fonte também não ajudou muito.

Uma saga na toscana é repleto de reviravoltas, um dos livros com mais reviravoltas que eu já li, e isso é sempre muito bom, a história também não é nada previsível, cada acontecimento vem carregado de surpresa. Sobre os personagens, eu amei quem deveria amar e odiei quem deveria odiar, principalmente os fascistas, nazistas e a marquesa de Scarfiotti, são todos cruéis.

O livro mexeu muito comigo, me deixou refletindo sobre muitas coisas. Me arrancou muitas lágrimas por diversas vezes.

Aquilo era o que ela mais odiava na guerra - não o racionamento, nem mesmo o medo, mas as separações.

A diagramação está linda, os detalhes em cada página é realmente muito meigo e a capa é perfeita, a editora está de parabéns.


Enfim, eu posso ficar dias falando desse livro e não vou conseguir dizer o quanto ele é bom e o quanto foi complicado lê-lo. Recomendo muito o livro, mas volto a dizer para que leia ele com calma e sem pressa. Quero ressaltar outra vez que o livro contém cenas fortes, principalmente de torturas e maldade, eu não sabia que o ser humano poderia ser tão cruel e maligno.
Não se engane de que aqui você irá encontrar bruxas e coisas do tipo, sei que citei no inicio, mas a história é mais realista e focada em acontecimentos da época.



Prepare-se para grandes emoções.
Prepare-se para chorar, sorrir, amar e odiar.
Prepare-se para conhecer a história de Rosa Belochi.


88 comentários:

  1. Tati!
    Ai, fiquei querendo muito ler!
    Esse livro parece bem o estilo que me atrai, e não sei por que motivo me lembrou um parecido que li, chamado Amandine.
    Espero consegui-lo logo. Ótima resenha!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiie
      Não conheço o livro chamado Amandine, vou dar uma pesquisada.
      Leia sim :D
      Obrigada flor

      Excluir
  2. Olá!!

    Eu conhecia o livro por ver algumas divulgações e achei a história muito boa, gostei de saber do cuidado da autora com todos os fatos históricos. Gosto quando há esse trabalho.

    O que me desmotiva a leitura é justamente o fato de ter longos espaços entre o livro e a narrativa ser um pouco mais densa. Não gosto disso :(

    Gostei da sua sinceridade!


    Beijinhos,
    www.entrechocolatesemusicas.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie
      Realmente ela foi muito cuidadosa, tanto que mesmo com os capitulos longos vale muitoooo a pena.
      Que bom que você gostou flor.
      bjs

      Excluir
  3. Um romance num cenário desolador em plena 2 Guerra Mundial... realmente este livro deve ser maravilhoso! Olha que nao curto romances, mas fiquei super interessada nesse.
    Vou ver se encontro fácil para comprar ;)
    E parabéns pela ótima resenha... confesso que não quis ler tudo mas só o início já me deixou super animada para iniciar a leitura *-*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ahhh, fiquei triste porque vc não leu toda a minha resenha. =( Muito triste.
      Mas compra o livro sim, vale a pena.
      Beijos

      Excluir
  4. Olá,
    Tudo Joia,

    Olha, este livro não me interessou, parece ter uma narrativa lenta e cansativa.A historia me cativou, mas os outros aspectos me fizeram desgostar!

    Abraços,
    www.isaaczedecc.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiie
      Então, a história tem pontos cansativos, mas o livro é tão bom que vale a pena conferir assim mesmo. O livro é para ser lido devagar.
      bjs

      Excluir
  5. Adorei! Adoro coisas relacionadas a segunda guerra mundial, e adorei a ideia da história se passar na Itália, já que é um lugar onde não vemos muitos livros tratarem! Muito boa resenha.
    Beijos, Helo.
    http://anneandcia.blogspot.com.br/2015/07/resenha-filme-cidades-de-papel.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiiie, também estou a cada dia mais apaixonada com livros nesse tema.
      Que bom que você gostou
      bjs

      Excluir
  6. Oi Taty..
    Eu gosto de uma narrativa detalhista, mas também não tanto. Depende de como os autores desenvolvem. Não imaginei que o livro fosse dividido em partes, mas gostei da proposta da história. Mas eu leria mais para o futuro, ainda mais sabendo que a leitura é pouco difícil.
    Gostei muito da resenha e adorei a foto rs

    livrosvamosdevoralos.bogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiie
      Que bom que gostou.
      Acho que se vc ler o livro cada dia um pouquinho vai funcionar também.
      bjs

      Excluir
  7. Oii, tudo bem?
    Eu gostei muito da resenha, eu ainda não conhecia o livro, mas atraves da sua resenha pude perceber que ele é intenso, eu não esperava isso do livro e isso me surpreendeu, com certeza já está na minha lista de desejados.

    www.fonte-da-leitura.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiie
      Que bom que vc gostou flor.
      Fico ainda mais feliz em saber que através da minha resenha vc colocou o livro na sua lista. hehehhe
      bjs

      Excluir
  8. Oie,

    Nossa estou sem palavras depois dessa resenha. O livro deve ser muito bom, eu sou completamente apaixonada por histórias que se passam no passado e isso já me fez ganhar o livro. Eu sou muito Maria mole, muito sentimental, choro por qualquer coisa pode ser em livro, séries, filmes, mas às vezes sou forte e não choro pode-se perceber que isso é meio bipolar. Então acho que esse livro eu iria chorar muito e tentar ser forte o máximo possível. Achei a capa lindíssima, esse livro já está na minha lista de desejados, que parece que não tem fim.

    Mayla
    Meulivromeutudo.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também sou bem sentimental kkk.
      Que bom que gostou, depois me diz o que achou do livro.
      bjs

      Excluir
  9. Oiee ^^
    Lembro de ter ficado curiosa quando esse livro lançou, mas a curiosidade logo foi embora *-*
    Fiquei bastante animada com a sua resenha, gosto de histórias que se passam em épocas passadas, principalmente quando há alguma coisa sobre a Segunda Guerra Mundial. Não sabia que o livro era tão grande, e por mais que você tenha dito que é cansativo em algumas partes, ainda quero muito ler. Espero gostar tanto quando você. Adorei a foto :)
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiie
      Aiiii que bom flor, isso mesmo, heim. Ele é cansativo em algumas partes, mas vale MUITO a pena ler.
      Que bom que gostou das fotos, hehhe
      bjs

      Excluir
  10. Olá!
    Não conhecia o livro e a sua resenha me surpreendeu positivamente. A obra parece ser daquelas de tirar o fôlego e te prender até terminar o livro, fiquei muito curiosa para ler!

    http://loucurasaovento.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim sim é de tirar o fôlego, lagrimas e muito mais.
      Leia sim flor
      Bjs

      Excluir
  11. Apesar de não ser um gênero que eu curte, eu me interessei demais por esse livro, e eu amei sua resenha e as fotos rsrs
    Beijos
    http://myself-here1.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Oie, flor, eu já tinha ouvido falar nesse livro, mas nunca fiquei interessada nele, mesmo após sua resenha não consegui curtir tanto a premissa do livro, então acho que passo :p
    www.guildadosleitores.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aiiiiiiiii que triste.
      Mas eu entendo, o livro é maravilhoso, mas abordam temas pesados.

      Excluir
  13. Olá, Taty, tudo bem?
    Confesso que no inicio da resenha pensei: "Nossaaa, que livro chato..."
    Mas no decorrer da leitura, me arrependi. Amo livros que nos faz torcer pela personagem, amo livros que me arrancam lágrimas e amei sua resenha. É só uma pena eu não ter tempo, além de você ter dito que é preciso tempo para a leitura, gosto muito de absorver o que diz o livro, as entrelinhas e não apenas as palavras de qualquer jeito.
    Mas será lido no fim do ano com certeza! ^^
    Beijos. :**

    http://egodeescritor.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi flor
      Ah, é tão bom ler um comentário como o seu.
      Realmente o livro no inicio é muiiiito parado, mas vale a pena viu, depois é impossível não amar a história.
      Que bom que você vai ler o livro, fico muitoooo feliz. Depois me conta o que achou heim.
      bjs

      Excluir
  14. Só de ser na Toscana, só de se passar em outra época, já instiga a vontade de ler. Daí a gente olha a sinopse, lê a resenha e comentários. Pronto, mais um para a lista dos desejados.
    Adorei e já foi direto para a lista do Skoob.

    LETRAS COM CAFEÍNA

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiiie
      Que bom que você gostou.
      Fico muito muito e muito feliz

      Excluir
  15. Achei bem interessante o enredo do livro. Narrações envolvendo a história mundial muito me interessam. Em geral escolho os romances históricos mais do estilo Bernard Cornwell que de românticos não tem nada. Esse da Toscana tem a parte romântica forte, mas mesmo assim me chamou atenção.
    Anotarei na lista! ;)

    Infinitos Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não conheço o Bernard Cornwell, mas vou dar uma pesquisada.
      Que bom que gostou hehehhe
      bjs

      Excluir
  16. Oi, Taty, tudo bom?
    Infelizmente esse é um livro que não quero ler, porque a premissa não me agrada muito. Mas gostei da resenha e das fotos inseridas nela. Beijos,
    http://www.entreleitores.com/

    ResponderExcluir
  17. Oi, Taty. Tudo bom?

    Não conhecia o livro. Mas, analisando sua resenha, acho que consigo entender perfeitamente o sentimento que rolou durante a leitura. Livros assim, que tem um certo teor de ficção história, especialmente de algo tão impactante quanto o fascismo, acabam tendo umas partes que são mais paradas mesmo.

    Que bom que, de acordo com você, a autora conseguiu elaborar e construir um cenário marcante e que não deixou a desejar. Não sei se já leu, mas acho que você gostaria de "Toda Luz Que Não Podemos Ver" do Anthony Doerr ;)

    Fernanda Oliveira | Meraki

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aiii que bom que você entendeu flor. É exatamente como você está dizendo.
      Ah, eu quero muito ler o livro Toda luz que não podemos ver, sim.
      Li umas resenhas maravilhosas.
      bjs

      Excluir
  18. Primeiro fiquei apaixonada pelo enredo, gosto de histórias que nos prendem a atenção, tiram o fôlego e nos causa ansiedade para terminar de ler o quanto antes. Amei sua resenha. Beijos, Érika

    *www.queroseralice.com.br*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiiie
      Que bom que gostou.
      Fique feliz que tenha gostado da resenha.
      bjs

      Excluir
  19. Olá!
    Não conhecia o livro ainda, adorei a capa!
    Gostei bastante da premissa, mas acho que não o leria no momento, tô fugindo de leituras arrastadas, com capítulos grandes e também tô meio sem tempo :(
    Mas gostei bastante da história, sua resenha ficou ótima, vou ler o livro quando puder.
    Beijos!

    www.livrosdajess.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiiie A capa é linda mesmo :D
      Entendo, mas é como eu disse, se vc ler aos poucos garanto que vai dar certo, leia sem compromisso, se gostou da resenha vai amar o livro.
      bjs

      Excluir
  20. Parabéns pela resenha! Muito bem feita e competa sem spoilers! O livro me lembrou um pouco Belle da Leasley Pearce, que é muito bom também.

    www.itgeekgirls.com

    ResponderExcluir
  21. Olá
    adorie a sua resenha, não sabia muito bem do que se tratava, mas gostei muito do gênero, achei a capa muito bacana, e essa sua foto que tirou ficou bem original, kkk, ele é bem gordinho
    Bjks
    Passa Lá - http://ospapa-livros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá
      kkk Ah que bom que gostou da foto.
      Ele é bem gordinho mesmo, mas vale a pena :D

      Excluir
  22. Oi Taty,
    Não sei pq mas toda vez que tem Toscana no título eu fico interessada rs.
    Adorei sua resenha, detalhada mas não do tipo que conta tudo.
    Adorei a premissa do livro e com certeza colocarei na minha lista de leitura... e essa capa? Linda demais!

    Coração Leitor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiie
      É o primeiro livro que eu vejo que tem Toscana no nome, mas vc é a segunda ou terceira pessoa que diz algo assim kkkk
      Que bom que gostou flor.
      Depois me conta heim.
      bjs

      Excluir
  23. Oiii! Eu ainda não conhecia o livro, mas já me encantei!
    Adoro livros ambientados na Itália (já leu Julieta?) e a premissa de Uma Saga na Toscana me deixou muito curiosa. Espero ter oportunidade de fazer a leitura algum dia.

    Beijos!
    www.palavrasradioativas.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu nunca li Julieta, mas tenho vontade de ler. Esse é o primeiro livro que leio ambientado na Itália.
      Leia sim.
      bjs

      Excluir
  24. Primeiro quero dizer que suas fotos ficaram ótimas!! Adorei.
    Não conhecia a premissa e fiquei totalmente apaixonada pelo o que li aqui, já irei correndo colocar nos desejados! Tem tudo para ser uma leitura fascinante :D
    Parabéns pela resenha, Taty!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiie
      Que bom que gostou flor. Fico muito feliz.
      Obrigada heehhe

      Excluir
  25. Oi Taty, tudo bem?
    Ótima resenha! Achei a capa do livro muito linda, mas a história me impactou demais e eu não sei se estou no clima para ler um livro com tantas cenas fortes e com tanto sofrimento!
    O fato de os capítulos serem grandes e alguns serem um pouco maçantes também não me anima muito a ler...

    Beijos :*
    http://www.livrosesonhos.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiiie
      Obrigada.
      Pois é, mas leia aos poucos sem compromisso. Vale a pena.
      bjs

      Excluir
  26. Olá. Parece ser um livro muito bom, é a primeira vez que ouço falar dele, tem aquele ar de livro que te faz sentir todas as sensações dos personagen e mesmo sendo maçante em excessivos detalhes faz você gostar.
    Vou ver se acho pra ler um dia.
    http://k-secretmagic.blogspot.com.br
    Xoxo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim sim, é exatamente isso.
      Que bom que você gostou.
      leia sim
      bjs

      Excluir
  27. Oie, tudo bom?
    Parece ser uma leitura bastante interessante, mas com alguns problemas ao longo da narrativa. O excesso de descrição me deixa receosa e achei a trama contraditória. Apesar disso, fiquei curiosa pela ambientação e pela proposta do enredo.
    Beijos,
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiiie
      Os problemas não são nada perto da história magnifica desse livro.
      Não tem nada de contraditório no livro, mas acho que vc está falando do fato de ter bruxas kkk mas confira sim, acho que vc vai amar.
      bjs

      Excluir
  28. Oi Tati, adorei conhecer o livro, especialmente por trazer um apouco de história, o pano de fundo do período da guerra sempre me chama atenção. Me desanimou um pouco fato de ter partes mais paradas e capítulos longos, mas as reviravoltas me ganharam e já quero ler o livro!!!! Bjs

    Território nº 6

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi
      Que bom flor.
      Mas mesmo assim, vale a pena.
      Que bom que vai ler heheehhehehhe
      bjs

      Excluir
  29. A resenha está ótima, mas não chamou minha atenção, não curto esse tipo de livro. E adorei a foto que você tirou com o livro *-* ficou massa hahahaha

    beijos.
    www.amigadaleitora.com

    ResponderExcluir
  30. Olá!!!! Bom o livro me parece ser interessantíssimo. Gostei muito de sua resenha, quero lê-lo com certeza mas como você indicou é preciso ler com tempo e agora ando totalmente corrida.
    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiie
      Que bom que você gostou.
      Quando tiver tempo leia sim. Mas leia sem compromisso :D
      bjs

      Excluir
  31. Oiii, ótimo livro não é mesmo?
    sempre fico com um certo receio de livros do gênero por ter acontecimentos tão cruéis porém é algo inevitável e que precisamos ficar a par da situação, o livro parece ser cheio de emoções, espero um dia ter a oportunidade de lê-lo!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, não tem como correr do que é real.
      O livro é sim cheio de emoções e vale a pena.
      Que bom que gostou.
      bjs

      Excluir
  32. Carambaaaaa! O livro parece realmente muito BOM! Eu nada sabia sobre ele além da capa e da sinopse. Confesso que não tinham me atraído. Mas agora vejo que envolve uma história cheia de mistérios, com um quê sobrenatural (adorei o dom da protagonista) e ainda ambientado na guerra. Posso esperar mais? Taty-flor, você acaba de me cativar. Com certeza, lerei esse livro!!!

    Beijos!
    http://www.myqueenside.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É muito bom kkkk
      Pois é, a sinopse realmente não atrai tanto quanto a história em sí.
      Tem muiiiito mistério mesmo. Que bom que gostou flor. Fico feliz em saber que vc vai ler.
      Depois me diga o que achou.
      bjs

      Excluir
  33. Segunda Guerra Mundial,bruxas e história de época tudo junto em um mesmo livro? Achei bem interessante e curioso,porque são dois temas que gosto muito mas que sempre li separado. Bem, arregalei os olhos só de ler que a coitadinha foi estuprada, cara e com detalhes da cena ainda?Morri aqui de aflição,acho que essa parte me enojaria e eu não conseguiria ler. Mas tirando isso me encantei pela história e leria o livro sem pestanejar,pode me enviar de aniversário viu?

    Amei a sua resenha, muito bem detalhada e bem feita.

    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, é tudo junto e misturado.
      Realmente as cenas são fortes, mas vale a pena ler. Aaaaa que fofa.
      Que boom que gostou flor.
      kkk
      bjs

      Excluir
  34. Hey tudo bem?

    O livro parece ter tudo para me agradar demais. Já gostei da Rosa e fiquei querendo conhecer mais dela e ver esse crescimento da personagem no desenrolar da história e isso já é um ponto mais que positivo para a leitura. Além disso, também adorei o fato de que a história se passa na primeira metade dos anos 1900, pois são anos que contém uma grande variedade de assuntos para explorar e fazer com que funcione e um enredo. Entrou para a lista de desejados facilmente.

    Beijos,
    Dois Dedos de Prosa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, a Rosa cresce MUITO ao longo da história.
      Que bom que gostou flor.
      bjs

      Excluir
  35. Oi! Confesso que não sei se leria esse livro, mesmo achando a premissa interessante. Ando meio impaciente com histórias longas e paradas, apesar de ter gostado de saber que tem várias reviravoltas. Vou ver se com o tempo eu desperto um interesse nesse livro, e quem sabe até o compre. Concordo com você, a capa dele é muito bonita. Adorei a foto que você tirou <3

    Thaís na Cidade

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiiie
      Flor, eu recomendo ler o livro sem compromisso, sabe. Deixa ele perto da sua cama e quando tiver um tempo e olhar para ele, ler um pouquinho e vai fazendo isso até a história grudar em sua mente... Juro que não vai se arrepender.
      bjs

      Excluir
  36. Oi Taty, sua linda, tudo bem
    Esse cenário de guerra sempre mexe comigo. E tudo o que essa personagem terá que enfrentar e sofrer é muito triste. Acho que essa cena detalhista de quando ela será violentada, é um pouco pesada para mim, me sentiria muito mal. Não sei se conseguiria ler por esse fato. Mas não posso deixar de pensar, que apesar de ter alguns momentos parados, parece ser uma excelente história!!!!! Sua resenha ficou ótima!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie
      É realmente muiiiiito triste.
      Pois é, para quem não gosta de livros com cenas fortes ele é realmente pesado, mas para quem gosta é maravilhoso.
      Que bom que gostou flor.
      bjs

      Excluir
  37. Olá, boa noite!

    Fiquei em um misto de quero e não quero ler devido a sua resenha, aliás, parabéns!
    Fiquei com a sensação de que o livro me tiraria totalmente da minha zona de conforto e isso é complicado, ainda que eu goste, tem alguns limites do que eu gosto de ler e do que não gosto. Estou realmente querendo saber todo o desenrolar da história, mas não sei se conseguiria ler certas cenas que você mencionou. Enfim, a premissa é forte, imagino o livro. Obrigada pela indicação!

    Beijo!
    Ana.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É exatamente isso que o livro nos faz sentir kkkkkk. Obrigada, que bom que gostou da resenha.
      É o livro é bem forte mesmo, mas é Maravilhosamente bem elaborado.
      bjs

      Excluir
  38. Adoro livros que se passam na Segunda Guerra, mas não sei se teria estômago pra essas partes fortes com torturas e maldades... desde que vi o lançamento fiquei com vontade de ler, ainda mais porque amo a Itália, mas agora fiquei em dúvida. Essas partes mais paradas provavelmente não seriam problema pra mim, mas não sei se me cansaria pelo tamanho da fonte... tenho que pensar sobre a leitura... hehe...

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O tamanho da fonte não atrapalha a leitura, mesmo não favorecendo.
      As cenas são realmente fortes, mas vale muiiito a pena.
      Pense sim flor, mas espero que você leia.
      bjs

      Excluir
  39. Oii, tudo bem?
    Uau, não sabia que o livro poderia ser assim tão interessante, eu adorei a capa, mas por ela não dá para imaginar uma trama dessas. Histórias que tenham uma pontada de Guerra sempre emocionam, imaginar o sofrimento deles :( . Adorei saber que apesar de tudo, Rosa consegue criar a sua filha sozinha.

    Beijos da Jéss ♥
    Brilliant Diamond | Fan Page

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiie
      Que bom que você gostou.
      É muiiito sofrimento, mas vale muiiito a pena..
      bjs

      Excluir
  40. Adoro livros que fazem a gente refletir, pois sabemos que ensinou uma coisa que mexeu conosco! Bom, achei a capa linda e a história parece muito boa, fiquei bastante curioso sobre a segunda guerra na Itália! Adorei a resenha, parabéns!! ;)

    Abraços e até!

    lendoferozmente.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também gosto de livros assim.
      Que bom que gostou da resenha.
      bjs

      Excluir
  41. OMG OMG que resenha mais fofa e DEUS QUE BLOG MAIS LINDOOOO!!!
    Amei tudo, desde a resenha até o lay do seu blog Taty \o/
    Sobre a obra, primeiro a capa já dá um destaque e tanto neh? E depois essa sinopse é bem instigante e por fim a sua resenha ficou tão rica em detalhes que não tem como não querer ler o livro hehehe
    Parabéns blogueira e sucesso com esse cantinho incrível \o/
    Beijos Pão de Queijo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiiii linda, que fofaa.
      Mas o blog não é meu flor, é da Silvana. kkkk Sou uma das resenhistas.
      Que bom que gostou.
      bjs

      Excluir
  42. Também não sou muito fã de livros com partes paradas sabe. Mas fiquei ansiosa por este livro. Gostei da sinopse e pelo que você mencionou parece ser muito bem escrito! Sua resenha cativou, mesmo com os pontos não muito positivos!

    Um abraço!
    Pensamentos Valem Ouro

    ResponderExcluir
  43. Realmente percebi o quanto esta leitura pode se arrastar caso o leitor não se convença da mesma, acho que a história de Rosa e todo seu desenvolvimento não faz muito meu gênero literário, mas te parabenizo por ter feito uma resenha bem explicativa.

    Abraço,
    Diego de França
    www.leitorsagaz.com.br

    ResponderExcluir
  44. Olá!
    Fiquei apaixonada pela história. Só de saber que é um romance de época já me motivaria a ler.
    Depois de ler essa resenha tão bem explicada, já estou ansiosa para conhecer os personagens.
    Adorei a sua resenha.
    Beijinhos!
    http://eraumavezolivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  45. Olá. Primeiro eu tenho que comentar que amei a sua resenha e principalmente a sua foto com o livro segurando, achei tão criativa kkk. Mas enfim, amei a premissa do livro por amar romance de época. Mas irei deixar por depois, porque li demais romance de época e não aguento mais kkkk.
    Mas enfim, espero ler futuramente.
    Beijos e sucesso.

    ResponderExcluir
  46. Olá, pela sua resenha o livro parece incrível, bem do jeitinho que eu gosto. Tenho certeza que se tiver a oportunidade de lê-lo, irei amar!

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir