23 julho 2015

Resenha - O Àlbum





Para Adam, negociante de objetos usados, a casa de Gabe Alexander é apenas uma propriedade que será esvaziada e vendida pelo maior lance. Entretanto, em meio às prateleiras repletas de relíquias, um álbum antigo atrai sua atenção. Nele há cartões-postais amarelados pelo tempo, escritos ao longo de 60 anos. Intrigado, Adam começa a lê-los: eles estão cheios de frases românticas e delicadas, as provas do amor incondicional entre Gabe e Pearl Alexander. Gabe cuidava para que um cartão chegasse às mãos de Pearl todas as sextas-feiras. Cada um deles possui não apenas um poema, mas verdades preciosas sobre o cotidiano de um casal que viveu um sonho. A soma de todas essas verdades talvez responda perguntas que Adam se faz há muito tempo.



Livro: O Álbum
240 páginas || 
Skoob ||  Cortesia: Editora Novo Conceito || OndeComprar ||









As memórias do amor estão fixas na mente. Ao fechar os olhos, aquele que ama pode visualizar o outro ali, sentado ao lado. Pode sentir as mãos agora tão distantes, os lábios outrora tão quentes pousado na sua face mesmo tempos depois da partida. São lembranças fixas, guardadas em um canto da mente onde ninguém pode retirá-las. São fragmentos que se espalham como se tivessem vida própria e tomam conta de cada pensamento presente no dia. É tudo como um álbum, um álbum mental onde pode-se folhear cada página, desde o princípio até o inevitável fim. Fim talvez temporário, fim que se prepara para um grande e ainda melhor recomeço. E há ainda algumas dessas lembranças guardadas de forma física, uma fotografia, uma roupa, um pedaço de papel, algo palpável que dá mais certeza de que aquele amor, cheio de perfeição existiu. Algo para manter junto do peito nos dias gelados, até o esperado reencontro.

"Surpreso ao encontrar poemas em cartões-postais em vez de fotos, comecei a lê-los enquanto esperava pelos clientes. Sou um homem de trinta e oito anos que certa vez já se comprometeu “para sempre”, e fiquei intrigado. Qual era o segredo daquele casal? Em um mundo fast-food de relacionamentos abreviados, que poção do amor sobrenatural conseguiu manter Gabe e Pearl apaixonados um pelo outro por mais de meio século?"

Adam é um negociante de objetos usados. Em um de seus trabalhos, enquanto esvazia e separa os itens para a venda, pertencentes a um senhor já falecido chamado Gabe Alexander, Adam se depara com uma série de álbuns contendo vários cartões postais. Ao examiná-los, descobre que ao invés de fotos, como é comum, os cartões contém poemas, e se sente ainda mais surpreso quando descobre que estes foram recebidos pela esposa de Gabe, Pearl, por sessenta anos, em todas as sextas-feiras.

"Eu tinha que admitir que, antes de descobrir os postais, eu achava que almas gêmeas só existissem em contos de fadas. E casais sortudos o bastante para ficar juntos poderiam viver “para sempre”, mas mentiam sobre a parte do “felizes”. Então as perguntas surgiram: será que almas gêmeas evoluíam para amantes? Ou amantes se tornavam almas gêmeas? Em poucas palavras, será que Huck e Gabe estavam destinados a ficar juntos para sempre ou trabalharam para isso acontecer?"

À medida que vai lendo cada poema, Adam também conhece alguém que pode lhe contar um pouco mais sobre a história de Gabe e Pearl. E percebe que mesmo quando as esperanças estão perdidas, o amor verdadeiro pode fazer com que tudo volte a ter sentido. Nos cartões, ele conhece a história de duas pessoas que se amaram incondicionalmente, que foram tudo um na vida do outro e que acima de tudo, aproveitaram ao máximo o seu tempo junto e as bênçãos que a vida lhes deu.

"Ela deveria ter saído correndo do Mercado de Peixe e Empório de Frutos do Mar do Cecil. Correr para o ponto do bondinho na Market Square e nunca mais olhar para trás. Deveria, mas não correu. Poderia, mas não foi."



[ - Minhas Impressões -]

O livro é dividido em vinte e cinco capítulos e se alterna em três momentos distintos: o momento presente, em 2006, quando Adam descobre os cartões postais. O segundo em 2004, voltando a quando os álbuns foram montados por Pearl quase no fim da sua vida, e no terceiro momento, o passado, começando por 1926 e evoluindo por anos seguintes, acompanhando o início do relacionamento de Gabe e Pearl. Apesar da mudança de momentos, tudo é bem claro, não gerando confusão em nenhum momento. Nos capítulos que cita os momentos do casal são narrados em terceira pessoa por Adam, e quando ele fala do momento presente a narração fica em primeira pessoa. Grande parte dos capítulos são focados na história do casal.

O Álbum é um livro que me encheu de expectativas. Gosto muito de livros que tratam sobre álbuns ou qualquer coisa que remeta a recordações antigas. A proposta do enredo é muito boa, mas infelizmente penso que o resultado final não ficou tão interessante assim, embora o livro tenha vários pontos positivos, como o fato de mostrar um amor tão bonito e sincero, daquele que todos nós desejamos ter. Um tipo de conexão entre Gabe e sua esposa sendo além do corpo, do espírito e do tempo. O fato de se passar em 1926, uma época bem diferente da atual também é muito bom. Alguns dos pontos negativos é que o livro é todo romance e eu esperava que houvesse drama envolvido. Em segundo lugar, é um pouco incomum o fato de não haver filhos e então acabou sendo muito apenas Gabe e Pearl, em um amor extremamente perfeito que chega a ficar enjoativo. Há ainda em alguns trechos do livro, os poemas contidos nos cartões. Alguns são bons, mas nenhum me chamou a atenção de forma intensa.   

O título na minha opinião é perfeito. Curto porém retrata tudo. Tanto o Álbum físico contendo todos os cartões quanto uma espécie de Álbum na memória de Gabe e Pearl da vida que tiveram em comum. Nenhum personagem me chamou muita atenção. Gabe é um homem bastante romântico e é quem acabei gostando mais. Acredito que a vida de Adam e da pessoa que compartilha a história do casal com ele deveria ter sido um pouco mais explorada.

Essa é uma história sobretudo de amor e de todas as suas nuances. Uma história de esperança e fé de que tudo pode melhorar e ter um final de alguma forma feliz.

Fica a indicação para todos aqueles que gostam de uma história leve sobre amores profundos e ligações eternas.

75 comentários:

  1. Estou acostumada com essa mudança de tempos porque assisto e sou fã da série Once Upon a time, mas sem querer fugir do tema. Eu amei a resenha! Quero muito ter a oportunidade de ler esse livro. Achei simplesmente a minha cara. Os melhores tipos de amor são aqueles que você sente de modo profundo
    Beijos
    Ingrid

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie!
      Tenho vontade de ler os livros de Once Upon a Time, dizem que são bem bacanas.
      Gostei da sua reflexão sobre o amor e concordo com ela.
      Espero que possa ler logo o livro e que goste.

      Excluir
  2. Não tinha escutado falar desse livro antes, mas fiquei com um pouco de vontade de ler. A única preocupação que tenho é quando você fala que "chega a ficar enjoativo". O quão enjoativo exatamente? Porque eu não tenho muita paciência pra histórias de amor melodramáticas e queria saber se vale a pena ler mesmo assim...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Amanda.
      Hum, enjoativo ao ponto de só contar sobre o romance do casal, rs, e digamos que eu não encontrei algo de tão empolgante nesse romance. Houve um ou dois incidentes meio perturbadores, mas eles não me tocaram. Acho que se eu revelar mais será spoilers, mas se você gosta do tema romântico vá em frente que vai gostar da leitura.

      Excluir
  3. Parece ser uma leitura bem relaxante,daquelas que vc começa a ler e se perde totalmente no passado e se delicia com cada momento :)

    http://livroaoavesso.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie, é, essa parte de passado faz a gente se perder mesmo, a época de 1926 é ótima!

      Excluir
  4. Gosto de livros que se passam antigamente, mas por ser romance já não me bateu interesse. Não tinha ouvido falar dessa obra ainda e espero que quem goste do gênero curta a leitura.

    Beijos, Gabi
    Reino da Loucura

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu gosto de romances as vezes, mas prefiro quando tem um drama junto. De qualquer forma, quem gosta do gênero vai adorar, é romântico ao extremo, ee.

      Excluir
  5. Oii!
    Opiniões se dividem kkkk Acabei de ler uma resenha sobre o mesmo livro dando 5 estrelinhas. Confesso que fiquei na dúvida, mas acho que vou dar uma oportunidade quando puder para conhecer a história que o autor criou e como ele intercalou isso! Fiquei bastante curiosa com o enredo ♥
    Ótima resenha ♥

    Beijão!
    http://cupcakedeletras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie, fico feliz por você ter gostado da resenha.
      Ainda não li nenhuma outra resenha, vou procurar, gosto de ver os pontos que as outras pessoas destacaram, isso me faz observar a obra as vezes por outros ânugulos. Espero que você goste da leitura.

      Excluir
  6. Olá!
    Por mais que a sua nota seja média, eu me interessaria em ler o livro. Gosto de obras que nos fazem ficar pensando na vida e que a leitura flui levemente.

    http://loucurasaovento.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie, Juliana.
      Bom, apesar de eu não ter gostado tanto ele me trouxe boas reflexões, como dá para observar pela minha introdução, rs.
      Espero que possa ler e gostar.

      Excluir
  7. Olá
    eu já vi alguns comentários bem bacanas sobre esse livro, mas não me chamou tanto a minha atenção, sem duvidas ele tem uma diagramação interna muito linda, esse detalhes são um charme não é?
    Bjks
    Passa Lá - http://ospapa-livros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie, netinho.
      A princípio chamou atenção, mas acho que ando chata para os livros.
      Como é a diagramação interna dele? ainda não pedi descrição para ninguém (sou deficiente visual e li em ebook).

      Excluir
  8. Ainda bem que li sua resenha! Pelo título e descrição parecia ser super interessante, porém contudo entretanto, só romance não dá pra mim... Se ainda tivesse alguma garantia que leria poemas interessantes, era uma coisa né!

    Beijos!
    www.diadealice.blogspot.pt

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie, Luana.
      Que pena ter desanimado você, mas é melhor a gente saber o que esperar e se não gosta não perder tempo. Com tantos livros para ler hoje em dia tudo que precisamos é tempo, rsrs.
      Não sei, as vezes os poemas em inglês tinham bons ritmos, mas isso pode se perder na tradução. Isso é uma suposição

      Excluir
  9. Não é meu tipo de leitura favorita, provavelmente não lerei, sou mais adepta a aventura, fantasia. hehehe... Mas gostei da sua resenha. bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie, Tatiane.
      É, eu gosto de quase todos os estilos. As vezes leio romances para distrair, mas prefiro com draminhas, rs.
      Fico feliz que tenha gostado da resenha.

      Excluir
  10. Que enredo lindo! Histórias de amor que perduram na eternidade sempre me encantam! Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie. que bom que você gostou do enredo, espero que possa adorar o livro.

      Excluir
  11. Oi, tudo bem?
    Eu confesso que quando a NC lançou esse livro eu não tinha grandes expectativas, porém ao ler a sua resenha eu me apaixonei pela premissa do livro, ele não é nada do que eu pensava rsrs, com certeza vai ser uma leitura que vai me agradar.

    www.fonte-da-leitura.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie, Giovana.
      Gosto quando minhas resenhas servem para insentivar, tanto a ler quanto a não ler, rs, na verdade gosto de saber que esclareci um pouquinho sobre o enredo para identificar mais os gostos, nem sempre a sinopse nos transmite tudo, não é?
      Espero que você possa lê-lo logo e gostar muito.

      Excluir
  12. Super quero ler esse livro!!
    Parabéns pela ótima resenha, beijos!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie, que bom que gostou da resenha...
      Tomara que goste muito do livro.

      Excluir
  13. Oiie
    Tamara, sua resenha ficou perfeita. A melhor resenha que li desse livro. Parabéns.
    E mesmo vc não tendo gostado tanto quanto esperava gostar eu gostei muito da premissa e acho que quando ler vou gostar ainda mais que vc e espero mesmo que isso aconteça kkkk, mas não vou criar expectativas.
    Adorei e vou ler com certeza.
    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tati!
      Sempre ótimo ver seus comentários por aqui. Fico muito feliz que tenha gostado da resenha e também da premissa do livro.
      Boa leitura e depois quero ver sua opinião.

      Excluir
  14. No momento, apesar de gostar do gênero romance, não estou lendo muitos títulos deste nicho literário. Mas gostei da dica e vou guardar para futuras leituras.

    LETRAS COM CAFEÍNA

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sempre bom guardar dicas para o futuro. Tenho várias centenas aqui, ee.
      Espero que possa gostar quando ler

      Excluir
  15. Olá, adorei sua resenha, muito detalhada, parabéns!
    Confesso que esse não é muito meu estilo de leitura, inclusive vários lançamentos da NC que seguem essa linha passam despercebidos por mim. A capa não me chamou atenção também. Fica para a próxima!

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie, fico feliz que tenha gostado da resenha.
      Geralmente gosto dos lançamentos da NC, mas infelizmente os que li em julho que eram lançamentos de junho não só foram medianos.

      Excluir
  16. Não me interessei muito pelo livro, mesmo quando soube do lançamento, e até agora não consegui ver motivos para mudar de ideia,
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  17. Olá, Tamara. A premissa do livro é boa, porém a história parece ser bem clichê e leve. Irei ler ele futuramente, mas não agora. Ótima resenha!
    Beijo,
    http://www.pactoliterario.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie, sim, é leve, uma leitura para distrair.
      Boa leitura!

      Excluir
  18. Oiee ^^
    Diferente de você, não sou muito fã de histórias se tratam de objetos com recordações e coisas do tipo, então nunca tive vontade de ler esse livro *-* Gosto de romances, mas não sei se o leria *-*
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie, se resolver ler, espero que tenha uma boa leitura, ee. E sim, coisas com recordações me ganham sempre, mesmo que me decepcionem, como este.

      Excluir
  19. Oi Tamara, eu estou com esse livro para ler e estou ansiosa para conferir a leitura. Eu estou precisando de uma leitura leve sobre amores, esse parece muito bom!

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie! Espero que goste. As vezes também sinto precisar dessas leituras, eeee leves. Conte sua opinião.

      Excluir
  20. Oii!
    Eu gostei da ideia do livro, mas a premissa, o enredo em si não me chamou atenção, infelizmente. Fico feliz que a leitura tenha funcionado para você!

    Beijos!
    www.palavrasradioativas.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Penso exatamente como você. A ideia foi boa, pena que o desenvolvimento não.

      Excluir
  21. Olá... Tamara, tudo bem??
    Sinceramente a história não rolou para mim, não curti muito a premissa, também não faz parte dos tipos de leituras a qual eu estou acostumada a ler.. mas pelo que percebi a leitura funcionou muito bem pra você e os aspectos apresentados durante a historia você curtiu... Sua resenha ficou ótima, parabéns... Xero!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie, fico muito feliz que tenha gostado da resenha.
      É, as vezes não rola mesmo o enredo, infelizmente, mas também, se todos nos interessassem estaríamos perdidos, risos.

      Excluir
  22. Eu já li várias resenhas muito boas desse livro, inclusive lá no blog, mas ele não me atraiu não... Sou bem chata pra ler esse tipo de livro, alguns a tematica me atrai outros não, ai não rola me arriscar pra ler, pq se não vai ser mais um daqueles casos de demorar horrores pra ler pq a história não é interessante xD

    beijos.
    www.amigadaleitora.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, quando não interessa melhor nem tentar. Fico muito irritada quando leio algo forçado e ele não flui.

      Excluir
  23. Oii, tudo bem?
    Eu confesso que a premissa do livro me interessou, porém eu desanimei um pouco a ler a sua resenha, a historia não era o que eu achava rsrs, eu gosto quando as coisas são bem dramáticas, um amor proibido ou uma morte rsrs, mas de todo jeito vou deixar o nome do livro anotado.

    www.fonte-da-leitura.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Agora me identifiquei, também gosto de coisas dramáticas, rsrs.

      Excluir
  24. Tamara-linda, achei sua resenha muito boa para elucidar o que posso esperar do livro. Infelizmente, mesmo quando o vi entre os lançamentos, não me interessei em lê-lo e estava mesmo esperando encontrar alguma resenha para saber se valeria a pena adquiri-lo. Não acho que vá lê-lo, mas – como você – gosto quando o autor alterna entre fatos do presente e do passado. Sinto-me em contextos tão diferentes, isso me agrada. Mas parece que o romance em si é morno. Não me pareceu aquele romance, sabe? De tirar o fôlego. Uma pena.

    Beijos!
    http://www.myqueenside.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie, Fran.
      Bom vê-la por aqui.
      Que bom que consegui transmitir o que realmente é. Um livro morno, não acelerou meu coração em nenhum momento, rs.
      Mas passado e presente é sempre muito interessante.

      Excluir
  25. Olá Tamara,
    Eu tinha gostado muito desse livro quando vi os lançamentos, principalmente a capa que achei linda. Sua resenha é a primeira que leio e fiquei cheia de expectativa, você destacou pontos que tinham me deixado em dúvida quando li a sinopse. Essa mudança dos anos é uma coisa que gosto muito e isso me encantou, mas de alguma forma o romance pareceu meio água com açúcar. Vou ler mais algumas resenhas mas é possivel que não leia esse livro.

    Coração Leitor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie, é, para meus padrões achei meio meloso, mas a mudança de tempos é bem bacana. Se resolver ler espero que goste.

      Excluir
  26. Oi, tudo bem?

    Desde o lançamento escuto falarem muito bem desse livro, embora ainda não tenha tido a oportunidade de lê-lo, mas espero poder ler em breve!

    abs.

    http://perdidoemlivros.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie, vou conferir sua opinião quando ler, adoro conhecer outras opiniões sobre um mesmo livro, rs. Espero que goste.

      Excluir
  27. Oie,

    Eu estou em relação de leio ou não leio romances, acho que preciso de mais histórias além do romance, por isso resolvi não ler muitos, mas sempre acabo colocando um na minha lista de leitura. Eu amo histórias que se passam no passado, pra mim tem um charme a mais e que deixa tudo mais encantador.

    Mayla
    Meulivromeutudo.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie. Quem sabe dá para colocar esse na lista também se ele atraiu você.
      Espero que goste.

      Excluir
  28. Olá Tamara,
    Ótima resenha e introdução sua! Não gostei tanto da capa, mas a forma que você apresentou o livro deixa uma certa curiosidade sobre, considerando ainda que sou louca por histórias que atravessam décadas.

    Beijos,
    Miss Sorrisos Blog
    Twitter|Wattpad|Instagram


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie, fico feliz que tenha gostado da introdução. Também adoro histórias que atravessam décadas, elas fascinam, no geral!

      Excluir
  29. Oi Tamara! Querida, acabei dando a mesma nota que vc e tive quase a mesma opinião, foi uma boa leitura, mas não me apaixonei por nenhum personagem e nem pela história na verdade, faltou algo mais, talvez aquele bummmm, aquela explosão que não veio! Beijos
    Overdose Literária!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie.
      Que bacana saber que você leu e que não fui a única a pensar assim. Também fiquei esperando a explosão o livro inteiro. Tudo muito morno.

      Excluir
  30. Olá, boa noite!

    Achei a premissa fofinha, mas por fim, acabei perdendo o interesse no decorrer da leitura da resenha. Acho que não conseguiria ler esse livro por conta de ficar cansativa - como você mencionou - a história.

    Beijo!
    Ana.
    Ana.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie, pois é... a sinopse promete mas não cumpre, risos!

      Excluir
  31. Nossa ainda não conhecia esse livro, mas gostei!! A sinopse me ganhou, mas sua resenha me deu desanimada! Amo romances, acho que vou dar uma chance pra ele, pois gostei do enredo, talvez minhas impressões seja diferentes da suas!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza, opiniões sempre são diferentes umas das outras e se você gosta de romance poderá gostar muito do livro. Boa sorte!

      Excluir
  32. Olá!
    Eu gosto muito da premissa desse livro, muito mesmo! Mas não cheguei a pega-lo para ler, acho que tenho um pouco de medo, por ser algo bastante diferente, mas quem sabe?!
    Adorei a resenha!
    Beijos
    http://www.vivendonoinfinito.com/

    ResponderExcluir
  33. Oiee.

    Sua resenha está ótima, no entanto, já li o livro e apesar de achar a narrativa meio amarrada a trama me surpreendeu e amei ter lido o livro.

    Beijos
    http://www.amorliterariooriginal.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie, bacana ver uma opinião diferente. Que ótimo que você gostou.

      Excluir
  34. Oie!!!
    não me incomodo com livros que tenham mudanças de tempo tão discrepantes, na verdade até gosto. Desde que vi esse livro pela blogosfera estou maluca para lê-lo. quero vê se consigo ainda mês que vem.
    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie, você parece que gostou do enredo, me conte sua opinião quando ler, fiquei curiosa.

      Excluir
  35. Oi, tudo bom?
    Adorei a resenha e a comparação que você fez no primeiro parágrafo. Apesar de eu ter gostado da resenha, agora fiquei meio receosa com a leitura. Não imaginei que tratasse de "ligações eternas" e eu costumo achar isso tudo tão ZzzzZz
    Tenho medo de me decepcionar com a leitura, mas assim que der eu vou ler.
    Beijos,
    http://www.entreleitores.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie, eu gosto dessa coisa eterna, embora não seja tão crente nela não, mas é legal ver na ficção, mas essa... não cativou.
      Espero que goste da leitura, compartilhe sua opinião!

      Excluir
  36. Olá, Tamara. Que pena que a obra tenha te enchido de expectativas e que não tenha suprido. Confesso que a premissa não me cativou e eu não leria a obra.
    Mas, quem sabe eu mudo de ideia e acabe sendo cativada pela obra.
    Beijos, sucesso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie. Verdade, é péssimo ter expectativas frustradas sobre um livro, mas é assim...
      Se resolver ler espero que goste! :)

      Excluir
  37. Oi oi!
    A proposta do livro é realmente incrível, também gosto muito de livros que retratem sobre álbuns e qualquer coisa que remeta ao passado e tudo mais, mas se tratando de romance, já não é muito comigo...
    Uma pena que não foi bem explorado. Realmente por ser só o casal dese ficar bem parado e enjoativo, então, com certeza não leria.
    Vou indicar para minha irmã, acho que ela vai gostar....
    Beijos!

    ResponderExcluir
  38. Gostei muito mais do livro que você, talvez por não ter lido esperando outra coisa. Adorei acompanhar o romance desse casal, e acho que se a vida do Adam fosse mais explorada ficaria estranho... ele precisava conhecer a história para voltar a acreditar no amor, acho que por isso o foco tenha sido retirado dele. Foi uma leitura especial para mim.

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  39. Olá!
    Comecei a ler esse livro e parei na página 60. A história é meio parada e fiquei muito entediada. Gostei do Gabe e da Huck, mas acho que a história tem detalhes desnecessário.
    Acho que vou dar a mesma nota que você.
    Beijinhos!
    http://eraumavezolivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir