16 fevereiro 2015

Resenha - Perspicácia







O trabalho reúne 77 textos variados. Fala de atualidades e de antiguidades, ora foca no espírito, ora nas dores, ora toca nas emoções, ora mexe com os instintos, mas em todos os momentos impõe introspecção e obriga a reflexão.As páginas desta obra tranquilizam e nutrem, aquietam e impulsionam, tocam nas feridas de forma medicamentosa. É um livro leve, revigorante e sobretudo transformador.

177 páginas || Skoob  || Autor Parceiro: Marco Antonio
 || Editora: LP-Books ||
 Classificação: || OndeComprar ||









Perspicácia é um livro com diversos textos diferentes, onde todos eles nos induzem a refletir sobre a vida. O leitor sentirá que na maioria deles, o autor quer passar uma imagem do mundo atual, e todas suas complicações e contradições.

Todos nós refletimos, pelo menos alguma vez na vida, sobre a essência da vida, nossos medos e nossas atitudes. O autor tenta trazer esses pensamentos e muitos outros para nossa mente, e quem sabe até nos fazer mudar certas atitudes.

"O atual momento, banhado por avançadas tecnologias, extinguiu comportamentos, brincadeiras, culturas. Ditou novos parâmetros, modernos padrões que têm tornado a vida não vivida, mas simplesmente projetada numa webcam, no simulador de um momento virtual." (p. 15)


Esse primeiro quote que escolhi, sem dúvida, mostra a maior parte da mensagem que o autor tenta passar. É claro que ele não fala só em tecnologia, mas também como o mundo está mudando, e com todos os avanços que temos hoje, retrocedemos de certa forma com as nossas boas atitudes. A cada geração, os valores parecem estar se perdendo mais.

"Uma parábola, um pensamento filosófico, uma doutrina religiosa, são interpretados de mil formas pelos seus leitores, por seus seguidores." (p. 55)

" Mesmo em mundos diferentes, existem leis universais que se impõe a todos os mundos. Carinho, respeito, amor são exemplos de algumas dessas leis que tornam o convívio bastante facilitado, e a falta deles fomenta a guerra, a desarmonia, o caos." (p. 78)


A diagramação está muito boa, apesar das páginas serem brancas, o livro tem poucas páginas e não cansará o leitor. A capa também me agradou bastante e achei que combinou muito com a obra.


Confesso, que não foi um livro fácil, pois o autor tem uma linguagem filosófica, e sua narrativa deve ser lida com calma. Além disso, a cada texto, você para e pensa sobre aquilo, e identifica-se. Mas entende-se perfeitamente o que Marco quis passar com essa obra, que é de uma sensibilidade incrível. E se você sentir que os textos estão cansativos, faça outras leituras paralelas, mas não deixe de absorver um pouquinho da mensagem desse livro na sua vida.

Perspicácia é mais uma obra nacional, que merece atenção. Nota-se o carinho e boa intenção do autor, de tentar nos fazer refletir sobre nosso íntimo, e caminharmos, quem sabe, para o caminho certo, mudando nossas atitudes.



50 comentários:

  1. Oi flor, gostei bastante da resenha. Li esse livro no ano passado,bem no comecinho e gostei muito e alguns textos me chamaram mais atenção que outros.

    Não sei se o leria outra vez, porque li muito livros de crônicas ano passado e estou um pouquinho saturada, estou querendo outros gêneros esse ano, mas confesso que foi bem proveitosa a leitura.

    bjs

    https://ateliedoslivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Simeia...
      Alguns textos também me chamaram mais atenção que outros. As vezes satura mesmo né..rs Normal. Tem que sempre fazer leituras paralelas.
      Obrigada pela visita e comentário.

      Excluir
  2. Leh como você sabe eu ainda não tinha lido esse livro por conta do tempo, mas eu sinceramente tenho que confessar que gostei bastante da sua resenha, porque você desenvolveu muito bem tudo sobre o livro. Eu não sabia nem como eu iria escrever, até porque vi que alguns textos eram bastante difíceis de entender, mas mesmo assim, vou ver se leio com calma que nem você disse, porque é certeza que assim eu irei gostar do livro também. Parabéns viu? Adorei amiga. E olha que estou aqui comentando com o dedo dodói hahahaha...Te adoro...se cuida

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Sil...
      Tem que ser lido com calma mesmo, para não desgastar e acabarmos ficando com má impressão do livro. Porque também, dá muita dó de abandonar o livro.
      É que estamos acostumadas com outros tipos de livros. Mas quando puder leia sim. Espero que esteja melhor.
      Beijos, se cuida. Também te adoro.

      Excluir
  3. Olá Letícia.

    Amei tua resenha flor, sério, você simplesmente faz com que o leitor continue a ler o post até o fim e volte, volte e volte rs.
    Eu amo estes livros com pegada filosófica, realmente fica cansativo e sempre tenho uma leitura paralela caso precise, mas amo.
    Achei a capa linda e é uma pena as páginas brancas, cansa um pouco, mas por ser curto, deve ser mais tranquilo ^^.

    Abraços e ótima semana!
    De tudo um pouco

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Tamires...
      Eu também gosto de livros assim, apesar de muitas vezes, dependendo da escrita do autor, alguns serem mais difíceis que outros.
      As folhas brancas só não atrapalharam tanto por que o livro é pequeno e li tão devagar..rs
      Obrigada por sua visita e comentário.

      Excluir
  4. Olá Letícia, primeiramente gostaria de parabenizar pelo seu lindo blog, e em segundo gostaria de agradecer por me apresentar esse livro, me interessou bastante, pois já há algum tempo que venho refletindo sobre esse assunto, sobre o rumo que o mundo atual tem se direcionado, onde quase todos os lugares, há pessoas online em seus celulares e acabam esquecendo de viver o mundo onde elas realmente vivem, deixando de lado, por exemplo, de dar valor aos momentos junto a família.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Pathy...
      O blog não é meu, sou apenas resenhista, mas agradeço em nome da Silvana, pois o blog é lindo mesmo.
      É um livro bem reflexivo mesmo, e vale a pena ler nos dias de hoje.
      Obrigada por sua visitinha.

      Excluir
  5. Oi Letícia!

    Parabéns pelo Blog, primeira vez que entro pelo PC e vi o quanto é fofo e bem organizado *-* Agora, o livro parece bem interessante! Parabéns pela resenha! Pelo fato de o mesmo tratar em sua maioria sobre a reflexão da vida e tals, achei bem semelhante ao "A Pausa do Tempo", quer dizer, me lembrou ele.

    Abs!

    Seguindo aqui ^^
    http://leiturasilenciosaoficial.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Jhonatan...
      O blog não é meu, sou apenas resenhista, mas agradeço em nome da Silvana.
      Este livro que você citou eu ainda não li. Mas que bom que voce gostou, quem sabe não lê ele em breve.
      Obrigada pelo seu comentário.

      Excluir
  6. Oi Letícia, gosto muito de textos, esse livro parece fantástico, creio que se eu tiver a oportunidade irei ler sim, pelo que você disse, ele faz o leitor absorver lições sobre a vida e refletir sobre elas. Gosto muito de filosofia, tenho certeza que irei adorar!

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Kétrin...
      Para quem gosta de uma narrativa bem filosófica o livro é um prato cheio. Gostei muito das reflexões feitas pelo autor, tenho certeza que iria gostar também.
      Obrigada pelo seu comentário.

      Excluir
  7. Olá, Letícia! Eu não gostei muito da capa não, mas esse é o tipo de livro que você deixa na cabeceira e vai lendo as poucos, admirando a sensibilidade sem pressa! Ótima indicação, bjo :*

    www.bibliophiliarium.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso mesmo, é um livro para se ler com calma e aos poucos, até porque assim voce irá entender as mensagens melhor também.
      Eu já gostei muito da capa, achei que combinou.
      Obrigada pela sua visitinha por aqui.

      Excluir
  8. O estilo do livro não é meu preferido. Não sou a maior fã de livros de textos ou contos/crônicas...
    Mas pelo fato de você comentar que tem linguagem filosófica me chamou a atenção e realmente daria uma chance para ele.
    O mais legal de visitar outros blogs é conhecer autores e livros que eu não conheceria em outro momento, como é o caso de Perspicácia e do Marco Antonio...

    Beijinhos,
    Lica
    Amores e Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi...
      Vale a pena mesmo dar uma chance a obra, quem sabe você goste né..
      É verdade, sempre acabo conhecendo novos livros, através de outros blogs. É muito legal isso. Sem contar as opiniões diferentes.
      Obrigada pelo seu comentário.

      Excluir
  9. Oi Le!
    Confesso que não sou de ler textos avulsos. Aqui na estante tenho mais sagas do que posso manter, mas a premissa também não me conquistou. Talvez os textos sentimentais me ganhassem um pouco, mas não achei, pelo pouco que você falou, que fosse me prender. Na realidade, gosto de leituras mais dinamicas, com mais adrenalina. Sentimentalismo, eu to tentando correr :(

    Abraços
    David Andrade
    http://www.olimpicoliterario.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi David..
      hahah que pena! Mas é assim mesmo, cada um tem seu gosto e não adianta forçar né.
      Geralmente quem lê bastante sagas, não tem muita atração por esses livros.
      Obrigada pelo seu comentário sua opinião sincera.

      Excluir
  10. Olá,
    O livro parece ser bacana, só não me interessei por não fazer meu estilo de leitura. Mas acho bacana esses livros que trazem lições e nos fazem refletir, acho que seria bacana como leitura para ser feita aos poucos.
    Beijos.
    Memórias de Leitura - memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Inês...
      Se já não é seu estilo, não leia. Por que pode correr o risco de você ficar com má impressão do livro. Mas para quem já curte é um prato cheio.
      Obrigada pela visitinha.

      Excluir
  11. Oi Letícia!
    Infelizmente, esse tipo de leitura não me atrai nadica de nada. O máximo de 'filosofias da vida' que eu cheguei a ler foi TWD e a Filosofia, porque precisei entender a mente por trás de personagens levados a encarar um fim do mundo, material de pesquisa pura.
    A resenha ficou excelente, apesar de eu não me interessar pelo livro. Ótimo texto.

    Beijos,
    Denise Flaibam.
    http://blogsomaisum.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Denise.
      Super normal. Gosto é gosto.
      Quando é assim, o melhor é nem ler, para não ficar com más impressões.
      Mas quem sabe você se anime um dia..rs
      Obrigada pelo comentário e visita.

      Excluir
  12. Gostei da sua resenha, mas não muito do livro, que parece mais auto-ajuda e eu não acho que isso ajude mesmo, sei lá... Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não sei se diria que é de auto ajuda, pois contem apenas reflexões sobre a vida.
      Mas de qualquer forma obrigada.
      Volte sempre.

      Excluir
  13. Oie, Leticia!
    Um livro para refletir. Adoro esse tipo de auto-ajuda! Que não diz "faça isso, faça aquilo". Não! Ele sutilmente sugere que você reveja conceitos da sua vida. Adorei demais.
    Com carinho,
    Celly.

    Me Livrando

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Celly...
      É, não sei se definiria um livro de auto ajuda, mas ele faz reflexões sobre a vida.
      Muito bacana a leitura, espero que leia um dia.
      Obrigada pela visita.

      Excluir
  14. Embora tenha gostado da resenha, não leria o livro, pois não me interessou muito

    bjos
    Pah
    Lendo e Escrevendo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que pena Pah.
      Mas obrigada pela sua visita e comentário.

      Excluir
  15. Não é o gênero que me atrai. Normalmente quando leio crônicas ou contos são clássicos da literatura e por tanto não me interessei muito pela sugestão, mas devo dizer que sua resenha ficou bem atrativa. Parabéns pelo blog. Gostei muito dele.

    cafeecomletras.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Andreza.
      Que pena, mas quem sabe você se anime um dia.
      Obrigada por dar uma passadinha por aqui.

      Excluir
  16. Oi!!
    Não conhecia esse livro e tô achando que essa frase tá virando muito típica pra mim. Não conheço um MONTE de coisas, meu Deus! uahhuahua
    Tenho medo de ler esses livros sobre reflexão sobre a vida e os acontecimentos e ficar meio deprimida, sempre acontece quando leio livros assim, mas adorei a sua resenha!
    Beijos

    http://lumartinho.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi flor..
      O livro é meio que um choque de realidade, de como estamos agindo e para onde estamos caminhando. Talvez tenha um momento certo para ler um livro assim.
      Quem sabe um dia você se anime..rs
      Obrigada pela comentário.

      Excluir
  17. Olá, gostei muito da sua resenha. e gosto de livros reflexivos, mas confesso que esse não me atraiu muito. eu prefiro que tenha um enredo fixo e vá se construindo quando a textos separados eu acho difícil de assimilar a mensagem, talvez em um outro momento eu aproveite o livro por enquanto eu passo.

    BEIJOSSsss....

    http://sonhosdeleitor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Janaina...
      Que pena. Mas um dia quem sabe você se anime para ler e até acabe gostando.
      Mas gosto é gosto né.
      Obrigada pela visita.

      Excluir
  18. São 77 textos em só 177 páginas? Isso sinceramente me fez duvidar um pouco da qualidade da obra. Como você falou tão bem dela, no entanto, vou considerar que apenas não se enquadra no meu gosto pessoal. Quem sabe algum dia eu não tento ler.

    The Fat Unicorn

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Elisa..
      É bem curtinho o livro mesmo e os textos são curtos.
      Gostei dessa organização.
      Obrigada pela sua visita.

      Excluir
  19. Leticia, gostei de ler as suas impressões sobre o livro. O melhor de tudo é que é nacional! Os brasileiros estão com tudo na literatura!

    Beijos,
    Caroline, do criticandoporai.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Carol...
      Vale a pena ler as obras nacionais.
      Só se conhece um livro lendo, não é.
      Obrigada pelo comentário.

      Excluir
  20. Olá!
    Gostei muito da resenha e do que o autor quer passar, o fato de serem vários histórias. Eu imagino que deva ser um pouco cansativo por causa da escrita, mas parece ser aquele livro que apenas vale a pena ler!

    Beijos!

    http://paraisodasideas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Natália...
      É de fato um pouco cansativo, mas como disse, lendo com calma conseguimos entender a mensagem do autor.
      Vale a pena sim.
      Obrigada por sua visita e comentário.

      Excluir
  21. Letícia-flor!
    Menina, gostei da sua resenha! Tinha lido uma divulgação sobre esse livro que me encantou e fiquei na expectativa de um dia poder lê-lo… Ver a sua opinião só me faz reconhecer que realmente é uma obra que vale a pena. Pesar nossas atitudes no mundo de hoje sempre nos faz crescer e, pelas suas palavras, sinto que esse foi o objetivo do autor. Embora a narrativa seja um tanto filosófica (notei pelos quotes também), meu interesse pelo livro se mantém.

    Obrigada pela dica!
    http://myqueenside.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  22. Oi, Leticia!
    Gostei muito da sua resenha.
    Parecem ser textos bem interessantes, mas não me interessei pela leitura.
    O gênero não é bem o meu estilo.

    http://lisos-somos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  23. Oi Le!
    Faz muito tempo que li este livro e ele realmente tem muito a nos ensinar. É uma leitura diferente, mas de certa forma agradável. Espero um dia ler algo mais do autor.

    Beijos Fê
    http://www.amorliterario.com

    ResponderExcluir
  24. Oi tudo bom?

    Li um livro parecido mas faz muito tempo e lembro que gostei bastante, dá até para aproveitar trechos para discutir com outras pessoas buscando reflexao. Vou anotar para incluir na proxima compra!

    Beijos

    CarolMello.com

    ResponderExcluir
  25. Ola Le gosto de livros que nos fazem refletir , mas que tenham uma linguagem simples e direta, essa parte mais filosófica irá deixar a leitura um pouco pesada ao meu ver. Irei deixar a notado a dica para ler . beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  26. Oláaa Le!!
    Vou anotar aqui a dica. Gosto bastante de livro assim, curtos mas que trazem grandes ensinamentos e que busca a reflexão. Gosto de refletir sobre as coisas, acho que esse livro irá me trazer exatamente isso. Não sei quando poderei ter a oportunidade de ler, mas espero que seja em breve.
    Beijos,

    http://our-constellations.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  27. Oi flor!
    Gostei bastante da sua resenha, você além da dica de leitura ainda nos dá uns toques de como conduzir a leitura e isso é super bacana, porque nos da uma certa noção do que esperar da leitura. Legal.
    Não é o tipo de livro que eu leria mas é sempre bom conhecer novas obrar e autores.


    Beijocas da Deebs!

    ResponderExcluir
  28. Parece ser bem interessante.. Adoro essas leituras filosóficas sobre a vida.. Leio mto isso..
    E essa dica que vc deu é ótima e eu sempre faço, de ler mais de um livro por vez... Eu atualmente estou lendo três livros: um romance para pesquisa, um romance por gosto e um livro técnico... Gosto de diversificar e assim parece que até absorvo mais de cada um..
    Ótima resenha!!!

    Bjos
    escritaseleituras.weebly.com

    ResponderExcluir
  29. Oie, tudo bom?
    Parece ser aquelas narrativas que realmente levam o leitor a refletir. Fiquei pensando sobre o quote relacionado a tecnologia, pois elas realmente mudaram nossas relações e padrões de sociedade.
    Beijos,
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  30. Olá!
    Eu achei o livro muito interessante. Faz a gente refletir sobre a nossa vida.
    De vez em quando gosto de ler livros assim. Eles sempre tem uma mensagem para nos passar.
    Beijinhos!
    http://eraumavezolivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir