26 julho 2013

Reflexão/Contos [3]


Olá meus queridos Lovers, tudo bem com vocês?
Hoje eu traria aqui para vocês o quadro Luz, Câmera e Ação, mas como ia dar muito trabalho montar a postagem, eu resolvi trazer o quadro Reflexão/Contos, porque já fazia muito tempo que não postava nada aqui para vocês.

Espero que vocês gostem, porque AMEI esse conto e achei interessante a MORAL da estória.

Vamos conferir ?


As Fadas


Era uma vez uma viúva que tinha duas filhas.
A mais velha se parecia tanto com ela, no humor e de rosto, que quem a via, enxergava a própria mãe. Mãe e filha eram tão desagradáveis e orgulhosas que ninguém as suportava.
A filha mais nova, que era o retrato do pai, pela doçura e pela educação, era, ainda por cima, a mais linda moça que já se viu.

Como queremos bem, naturalmente, a quem se parece conosco, essa mãe era louca pela filha mais velha.
E tinha, ao mesmo tempo, uma tremenda antipatia pela mais nova, que comia na cozinha e trabalhava sem parar como se fosse uma criada.
Tinha a pobrezinha, entre outras coisas, de ir, duas vezes por dia, buscar água a meia légua de casa, com uma enorme moringa, que voltava cheia e pesada.